Saturno retrógrado nas casas - uma visão cármica

23 de novembro de 2007 ·

Saturno, símbolo de maturidade, indica, quando está retrógrado, um sector   onde a pessoa não evoluiu, cristalizou-se numa dada situação.  E muito  provável que, na vida actual, a entidade deva enfrentar mais uma vez a mesma  situação.

Tendo recusado as suas responsabilidades em uma ou em várias vidas anteriores, ela será recolocada, em sua actual encarnação, diante do mesmo tipo de responsabilidade. Ao invés de fugir uma vez mais, seria melhor que ela as enfrentasse corajosamente.

Saturno retrógrado indica um carma que continua no mesmo tema durante várias vidas, e que a entidade não teve, no passado, coragem de liquidar. Assim, perdeu tempo. Resultado hoje: tem um fardo muito pesado a arrastar. A alma sente-se freada, aprisionada por todo lado, particularmente ali onde tenta fugir da lição necessária.

Saturno é um mestre do saber, e quando esse planeta está retrógrado, é de se supor que a lição já tenha sido proposta numa vida passada. Mas o aluno não a aprendeu: vai precisar, portanto, repetiras as aulas da vida. Agora, Saturno lhe oferece uma nova oportunidade.

0 nativo que se beneficia dessa posição planetária é muitas vezes uma alma velhíssima que já adquiriu muita sabedoria através dos séculos e dos seus combates passados. Tendo experimentado durante muito tempo os inconvenientes do desperdício e da leviandade, sabe apreciar o que recebe, e leva a vida actual muito a sério. Personalidade que pode parecer muito austera, não muito liberada - na verdade sabe que tem algo a fazer, e concentra as suas forças para chegar ao objectivo.

Saturno retrógrado na casa 1
O personagem aqui descrito mais parece ter sido aprisionado, em suas vidas precedentes. Suas potencialidades estavam bloqueadas, e ele não pudera desenvolver sua personalidade. Na vida actual, deverá construir, encontrar suas próprias bases, afirmar-se, ganhar o respeito dos outros. sem, por isso, adoptar uma atitude rabugenta. Muito ao contrário, deverá aprender a se relaxar, a se adaptar às pessoas e às circunstâncias. Que ele compreenda que uma atitude demasiado rígida trai, não a força, mas a fraqueza de alguém que não está seguro de si.

Saturno retrógrado na casa 2
Eis aí alguém que viveu algumas das suas vidas passadas como um ver­dadeiro aproveitador! Para ele, só contavam o dinheiro, o lucro e a segurança material proporcionada pelas posses das riquezas. Poderíamos resumir seu caso dizendo que era um "burguês bitolado".
Mas felicidade baseada no dinheiro tem os seus limites: "Os ricos também têm as suas preocupações!" Na vida actual, de modo algum se pede aa pessoa que seja um mendigo. Ele deve, ao mesmo tempo, trabalhar como todo mundo para garantir sua segurança material, e aprender que a verdadeira segurança é espiritual. É duro, porque se trata aí de umaggiornamento completo de sua escala de valores. Subtrair-se assim à fascinação do dinheiro é um trabalho de longo fôlego.

Saturno retrógrado na casa 3

Desta vez, Saturno habita o campo da energia que diz respeito aos irmãos e às irmãs, aos primos, aos colegas da escola e da universidade, à vida intelectual. Em algumas das suas vidas anteriores, a pessoa, empoleirando-se lá no alto de sua montanha de gelo, recusava-se a se comunicar com seus semelhantes. Provavelmente também tinha responsabilidades familiarespara com seus irmãos, primos e irmãs -que não assumira. Evidentemente, toda essa tribo retorna com força na vida actual, solicitando com mais insistência ainda esta pessoa, que só tem, realmente, uma coisa a fazer: ajudar bravamente os seus, não lhes recusar sua afeição, seu tempo e seu dinheiro. Deve também aprender a se comunicar com os outros, de maneira"assertiva", isto é, sem agressividade nem refúgio no mutismo.

Saturno retrógrado na casa 4
Conheci um cliente que tinha Saturno retrógrado na casa 4: ele se recusava obstinadamente a dar à sua mulher dinheiro para comprar uma nova bateria de panelas. Ora, todas as que a infeliz utilizava já estavam tão desconjuntadas, que poderiam ocasionar acidentes mortíferos. Um dia, uma panela cheia de água a ferver escapou da sua mão mais exactamente, o cabo desparafusado tinha lhe "virado" nas mãos, e ela sofreu queimaduras graves.
A casa 4, habitada por Saturno retrógrado, é sombria, o ambiente familiar é lúgubre e opressivo. A pessoa não faz nada para alegrar a vida dos seus, longe disso: impõe um monte de maçadas com o seu egoísmo. Isso tudo, enfim, numa vida passada. Porque, na vida actual, se toma consciência disso, poderá zelar pelo conforto dos seus e gastar um pouco mais para aliviar sua vida quotidiana.

Saturno retrógrado na casa 5
planeta indica, nas encarnações que antecederam a actual, uma omissão paterna (ou materna) da pessoa para com seus filhos. Seja porque os negligenciou, seja porque os considerou apenas do ponto de vista do seu próprio prazer, ou de sua comodidade; ou ainda se Saturno estiver realmente mal aspectado ou mal situado no signo porque a pessoa abusou fisicamente de menores. Na vida actual, é comum ele não poder ter filhos seus ou, se os tem, são pouco numerosos e difíceis: justo retorno das coisas. Que não se queixe da ingratidão dos filhos, uma vez que ele mesmo, em suas vidas passadas, cometera erros. Actualmente, sentirá grande alegria em cuidar, nas horas vagas, de crianças órfãs ou deficientes.
Por outro lado, não tendo a pessoa dado prova de nenhum respeito pelas crianças, também não teve consideração com seus amores (sendo as duas relações do mesmo tipo). Em consequência disso, ele enfrenta nesta vida bastantes dissabores amorosos: se der seu amor de maneira desinteressada, liquidará esta dívida cármica, e poderá então viver feliz.

Saturno retrógrado na casa 6
Era a pessoa funcionário público? Não é certo, mas de qualquer modo trabalhava todos os dias num serviço público mas não tinha o "espírito de colaboração". Egoísta, burocrata, rotineiro, não compreendera as dimensões sociais e espirituais das suas funções. Estava mais a seu próprio serviço do que a serviço dos outros trabalhadores. Esta posição saturniana acarreta, portanto, nesta vida, uma vida quotidiana laboriosa, com uma promoção difícil. O sucesso é tardio. É provável também que a pessoa sofra de doenças crónicas que resultem de um mau uso da saúde nas vidas passadas. A doença o obriga, desta vez, à disciplina que ele não soubera impor outrora.

Saturno retrógrado na casa 7
No sector das associações legais, esta pessoa não assumiu as responsabilidades enquanto parceiro. Ignorando a lealdade, o respeito à palavra dada, deverá, nesta vida, empenhar-se em compreender o que é um “acordo de cavalheiros”isto é, um acordo entre parceiros dignos de confiança. Segundo o signo e os aspectos, pode-se ver se tratava-se de associações de negócios -onde a pessoa, portanto, traiu, usou, ou até mesmo roubou seus sócios; ou tratava-se de casamento, no qual se revelou um cônjuge mesquinho. Deve portanto, nesta encarnação, aprender o respeito aos contratos, e não mais ignorar os direitos dos seus associados. Estudos jurídicos lhe seriam úteis, aliás. Irá empenhar-se, se se casar, em respeitar seus compromissos conjugais.

Saturno retrógrado na casa 8

Várias possibilidades são indicadas: a pessoa fora iniciada mas não utilizara seu saber de maneira construtiva ou então, tinha possibilidade de se instruir religiosamente, espiritualmente, e negligenciou esses estudos, ou recusou-se a fazê-los. Terá ele praticado a magia negra, a feitiçaria, os sacrifícios humanos rituais? É possível. A sua atitude negativa se projectava sobre os que o cercavam e acarretava a morte (física ou simbólica) dos seus, de sua família, dos seus amigos, das suas empresas. Esta posição de Saturno indica muitas vezes poderes mediúnicos mal utilizados no passado mas que permanecem: a pessoa será bem inspirado a desenvolvê-los numa óptica de auxílio aos outros, de pesquisa espiritual. Que ele seja prudente na escolha dos grupos religiosos ou esotéricos que frequenta. Mas sabe muitas coisas sobre morte, e pode reencontrar, melhor do que ninguém, a história das suas próprias vidas anteriores. Uma vez consciente, pode ir muito longe no conhecimento e se tomar um guia para os outros.

Saturno retrógrado na casa 9
A aptidão para o ensino e para a transmissão dos conhecimentos é ainda mais marcada aqui. A pessoa certamente viveu como sacerdote ou sacerdotisa, iniciado ou guia espiritual em civilizações passadas. Pode-se crer que o seu trabalho não tenha sido um sucesso total: terá ele sido intolerante, dogmático, fanático? É tipicamente uma posição de inquisidor, de fariseu.
Arrastado por querelas partidárias, a pessoa não procurara estender os seus conhecimentos. Não possuía qualquer abertura de espírito. Hoje, liquidará a sua dívida informando-se com honestidade e sem antolhos sobre as correntes religiosas e filosóficas de sua época. Que trabalhe a tecnologia, a história das religiões, o direito etc., evitando sistematizar. Esta busca constante e honesta da verdade lhe trará grandes alegrias.

Saturno retrógrado na casa 10
Um frio ambicioso: tal foi esta pessoa nas vidas passadas. Fora ele, talvez, que dissera: "O Estado sou eu!" ou então "A ordem reina em Varsóvia" ou ainda "A Revolução não tem sentimento". Em todo caso, o culto da personalidade e a ausência de compaixão para com os outros marcavam a entidade. Os dois extremos são possíveis: seja um abuso de autoridade,seja uma fuga, diante das responsabilidades que esta implica. Na vida actual, a pessoa irá progredir lentamente. Terá todo o tempo, em cada etapa, para meditar sobre o poder; sobre a autoridade dada em função do serviço da colectividade. Talvez chegue a um cargo de alta responsabilidade, tarde na vida. Terá tido tempo para reflectir sobre as motivações da sua ambição: se utilizar a autoridade com uma preocupação de promover a justiça, liquidará suas dívidas cármicas.

Saturno retrógrado na casa 11
"Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és." A pessoa, em suas vidas passadas, não entendera nada das leis da amizade, escolhendo ou amigos inferiores para se valorizar, ou amigos "úteis", para ajudar as suas ambições. Arrisca-se muito, nesta vida, a ficar privado de verdadeiros amigos. Sofrerá com isso, e se perguntará o motivo. Se tentar escolher seus amigos sem motivações egoístas, com vistas a uma troca espiritual e afectiva, reen­contrará pouco a pouco o sentido da amizade.

Saturno retrógrado na casa 12
É sempre uma posição dolorosa, que indica que a entidade se recusou durante várias vidas sucessivas a liquidar as suas dívidas. Esta fuga e esta falta de coragem não fazem mais que agravá-las: eis aí então uma pessoa que escolheu para si, desta vez, uma vida muito difícil a fim de se livrar de um pesado carma. Toda vez que ele puder colocar-se a serviço daqueles quesofrem (particularmente os prisioneiros e os doentes hospitalizados) aliviará consideravelmente esta dívida. Se ele próprio é prisioneiro ou doente, e se aceitar serenamente o fato, esse carma se liquidará ainda mais rapidamente. 0 programa de Saturno retrógrado na XII é desenvolver a compaixão para com os outros, aceitando com paciência seu próprio sofrimento, sem fugir dele. Assim, entidade poderá renascer para uma vida mais luminosa., e talvez mesmo simplesmente não mais renascer, tendo enfim encontrado a felicidade total.

Reproduzido do livro “Astrologia Cármica”de Dorothe Koechlin Bizemont
publicado no Brasil pela Editora Nova Fronteira
Actualizado em Domingo, 08 Abril 2007 13:29

0 comentários:

23 de novembro de 2007

Saturno retrógrado nas casas - uma visão cármica

Saturno, símbolo de maturidade, indica, quando está retrógrado, um sector   onde a pessoa não evoluiu, cristalizou-se numa dada situação.  E muito  provável que, na vida actual, a entidade deva enfrentar mais uma vez a mesma  situação.

Tendo recusado as suas responsabilidades em uma ou em várias vidas anteriores, ela será recolocada, em sua actual encarnação, diante do mesmo tipo de responsabilidade. Ao invés de fugir uma vez mais, seria melhor que ela as enfrentasse corajosamente.

Saturno retrógrado indica um carma que continua no mesmo tema durante várias vidas, e que a entidade não teve, no passado, coragem de liquidar. Assim, perdeu tempo. Resultado hoje: tem um fardo muito pesado a arrastar. A alma sente-se freada, aprisionada por todo lado, particularmente ali onde tenta fugir da lição necessária.

Saturno é um mestre do saber, e quando esse planeta está retrógrado, é de se supor que a lição já tenha sido proposta numa vida passada. Mas o aluno não a aprendeu: vai precisar, portanto, repetiras as aulas da vida. Agora, Saturno lhe oferece uma nova oportunidade.

0 nativo que se beneficia dessa posição planetária é muitas vezes uma alma velhíssima que já adquiriu muita sabedoria através dos séculos e dos seus combates passados. Tendo experimentado durante muito tempo os inconvenientes do desperdício e da leviandade, sabe apreciar o que recebe, e leva a vida actual muito a sério. Personalidade que pode parecer muito austera, não muito liberada - na verdade sabe que tem algo a fazer, e concentra as suas forças para chegar ao objectivo.

Saturno retrógrado na casa 1
O personagem aqui descrito mais parece ter sido aprisionado, em suas vidas precedentes. Suas potencialidades estavam bloqueadas, e ele não pudera desenvolver sua personalidade. Na vida actual, deverá construir, encontrar suas próprias bases, afirmar-se, ganhar o respeito dos outros. sem, por isso, adoptar uma atitude rabugenta. Muito ao contrário, deverá aprender a se relaxar, a se adaptar às pessoas e às circunstâncias. Que ele compreenda que uma atitude demasiado rígida trai, não a força, mas a fraqueza de alguém que não está seguro de si.

Saturno retrógrado na casa 2
Eis aí alguém que viveu algumas das suas vidas passadas como um ver­dadeiro aproveitador! Para ele, só contavam o dinheiro, o lucro e a segurança material proporcionada pelas posses das riquezas. Poderíamos resumir seu caso dizendo que era um "burguês bitolado".
Mas felicidade baseada no dinheiro tem os seus limites: "Os ricos também têm as suas preocupações!" Na vida actual, de modo algum se pede aa pessoa que seja um mendigo. Ele deve, ao mesmo tempo, trabalhar como todo mundo para garantir sua segurança material, e aprender que a verdadeira segurança é espiritual. É duro, porque se trata aí de umaggiornamento completo de sua escala de valores. Subtrair-se assim à fascinação do dinheiro é um trabalho de longo fôlego.

Saturno retrógrado na casa 3

Desta vez, Saturno habita o campo da energia que diz respeito aos irmãos e às irmãs, aos primos, aos colegas da escola e da universidade, à vida intelectual. Em algumas das suas vidas anteriores, a pessoa, empoleirando-se lá no alto de sua montanha de gelo, recusava-se a se comunicar com seus semelhantes. Provavelmente também tinha responsabilidades familiarespara com seus irmãos, primos e irmãs -que não assumira. Evidentemente, toda essa tribo retorna com força na vida actual, solicitando com mais insistência ainda esta pessoa, que só tem, realmente, uma coisa a fazer: ajudar bravamente os seus, não lhes recusar sua afeição, seu tempo e seu dinheiro. Deve também aprender a se comunicar com os outros, de maneira"assertiva", isto é, sem agressividade nem refúgio no mutismo.

Saturno retrógrado na casa 4
Conheci um cliente que tinha Saturno retrógrado na casa 4: ele se recusava obstinadamente a dar à sua mulher dinheiro para comprar uma nova bateria de panelas. Ora, todas as que a infeliz utilizava já estavam tão desconjuntadas, que poderiam ocasionar acidentes mortíferos. Um dia, uma panela cheia de água a ferver escapou da sua mão mais exactamente, o cabo desparafusado tinha lhe "virado" nas mãos, e ela sofreu queimaduras graves.
A casa 4, habitada por Saturno retrógrado, é sombria, o ambiente familiar é lúgubre e opressivo. A pessoa não faz nada para alegrar a vida dos seus, longe disso: impõe um monte de maçadas com o seu egoísmo. Isso tudo, enfim, numa vida passada. Porque, na vida actual, se toma consciência disso, poderá zelar pelo conforto dos seus e gastar um pouco mais para aliviar sua vida quotidiana.

Saturno retrógrado na casa 5
planeta indica, nas encarnações que antecederam a actual, uma omissão paterna (ou materna) da pessoa para com seus filhos. Seja porque os negligenciou, seja porque os considerou apenas do ponto de vista do seu próprio prazer, ou de sua comodidade; ou ainda se Saturno estiver realmente mal aspectado ou mal situado no signo porque a pessoa abusou fisicamente de menores. Na vida actual, é comum ele não poder ter filhos seus ou, se os tem, são pouco numerosos e difíceis: justo retorno das coisas. Que não se queixe da ingratidão dos filhos, uma vez que ele mesmo, em suas vidas passadas, cometera erros. Actualmente, sentirá grande alegria em cuidar, nas horas vagas, de crianças órfãs ou deficientes.
Por outro lado, não tendo a pessoa dado prova de nenhum respeito pelas crianças, também não teve consideração com seus amores (sendo as duas relações do mesmo tipo). Em consequência disso, ele enfrenta nesta vida bastantes dissabores amorosos: se der seu amor de maneira desinteressada, liquidará esta dívida cármica, e poderá então viver feliz.

Saturno retrógrado na casa 6
Era a pessoa funcionário público? Não é certo, mas de qualquer modo trabalhava todos os dias num serviço público mas não tinha o "espírito de colaboração". Egoísta, burocrata, rotineiro, não compreendera as dimensões sociais e espirituais das suas funções. Estava mais a seu próprio serviço do que a serviço dos outros trabalhadores. Esta posição saturniana acarreta, portanto, nesta vida, uma vida quotidiana laboriosa, com uma promoção difícil. O sucesso é tardio. É provável também que a pessoa sofra de doenças crónicas que resultem de um mau uso da saúde nas vidas passadas. A doença o obriga, desta vez, à disciplina que ele não soubera impor outrora.

Saturno retrógrado na casa 7
No sector das associações legais, esta pessoa não assumiu as responsabilidades enquanto parceiro. Ignorando a lealdade, o respeito à palavra dada, deverá, nesta vida, empenhar-se em compreender o que é um “acordo de cavalheiros”isto é, um acordo entre parceiros dignos de confiança. Segundo o signo e os aspectos, pode-se ver se tratava-se de associações de negócios -onde a pessoa, portanto, traiu, usou, ou até mesmo roubou seus sócios; ou tratava-se de casamento, no qual se revelou um cônjuge mesquinho. Deve portanto, nesta encarnação, aprender o respeito aos contratos, e não mais ignorar os direitos dos seus associados. Estudos jurídicos lhe seriam úteis, aliás. Irá empenhar-se, se se casar, em respeitar seus compromissos conjugais.

Saturno retrógrado na casa 8

Várias possibilidades são indicadas: a pessoa fora iniciada mas não utilizara seu saber de maneira construtiva ou então, tinha possibilidade de se instruir religiosamente, espiritualmente, e negligenciou esses estudos, ou recusou-se a fazê-los. Terá ele praticado a magia negra, a feitiçaria, os sacrifícios humanos rituais? É possível. A sua atitude negativa se projectava sobre os que o cercavam e acarretava a morte (física ou simbólica) dos seus, de sua família, dos seus amigos, das suas empresas. Esta posição de Saturno indica muitas vezes poderes mediúnicos mal utilizados no passado mas que permanecem: a pessoa será bem inspirado a desenvolvê-los numa óptica de auxílio aos outros, de pesquisa espiritual. Que ele seja prudente na escolha dos grupos religiosos ou esotéricos que frequenta. Mas sabe muitas coisas sobre morte, e pode reencontrar, melhor do que ninguém, a história das suas próprias vidas anteriores. Uma vez consciente, pode ir muito longe no conhecimento e se tomar um guia para os outros.

Saturno retrógrado na casa 9
A aptidão para o ensino e para a transmissão dos conhecimentos é ainda mais marcada aqui. A pessoa certamente viveu como sacerdote ou sacerdotisa, iniciado ou guia espiritual em civilizações passadas. Pode-se crer que o seu trabalho não tenha sido um sucesso total: terá ele sido intolerante, dogmático, fanático? É tipicamente uma posição de inquisidor, de fariseu.
Arrastado por querelas partidárias, a pessoa não procurara estender os seus conhecimentos. Não possuía qualquer abertura de espírito. Hoje, liquidará a sua dívida informando-se com honestidade e sem antolhos sobre as correntes religiosas e filosóficas de sua época. Que trabalhe a tecnologia, a história das religiões, o direito etc., evitando sistematizar. Esta busca constante e honesta da verdade lhe trará grandes alegrias.

Saturno retrógrado na casa 10
Um frio ambicioso: tal foi esta pessoa nas vidas passadas. Fora ele, talvez, que dissera: "O Estado sou eu!" ou então "A ordem reina em Varsóvia" ou ainda "A Revolução não tem sentimento". Em todo caso, o culto da personalidade e a ausência de compaixão para com os outros marcavam a entidade. Os dois extremos são possíveis: seja um abuso de autoridade,seja uma fuga, diante das responsabilidades que esta implica. Na vida actual, a pessoa irá progredir lentamente. Terá todo o tempo, em cada etapa, para meditar sobre o poder; sobre a autoridade dada em função do serviço da colectividade. Talvez chegue a um cargo de alta responsabilidade, tarde na vida. Terá tido tempo para reflectir sobre as motivações da sua ambição: se utilizar a autoridade com uma preocupação de promover a justiça, liquidará suas dívidas cármicas.

Saturno retrógrado na casa 11
"Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és." A pessoa, em suas vidas passadas, não entendera nada das leis da amizade, escolhendo ou amigos inferiores para se valorizar, ou amigos "úteis", para ajudar as suas ambições. Arrisca-se muito, nesta vida, a ficar privado de verdadeiros amigos. Sofrerá com isso, e se perguntará o motivo. Se tentar escolher seus amigos sem motivações egoístas, com vistas a uma troca espiritual e afectiva, reen­contrará pouco a pouco o sentido da amizade.

Saturno retrógrado na casa 12
É sempre uma posição dolorosa, que indica que a entidade se recusou durante várias vidas sucessivas a liquidar as suas dívidas. Esta fuga e esta falta de coragem não fazem mais que agravá-las: eis aí então uma pessoa que escolheu para si, desta vez, uma vida muito difícil a fim de se livrar de um pesado carma. Toda vez que ele puder colocar-se a serviço daqueles quesofrem (particularmente os prisioneiros e os doentes hospitalizados) aliviará consideravelmente esta dívida. Se ele próprio é prisioneiro ou doente, e se aceitar serenamente o fato, esse carma se liquidará ainda mais rapidamente. 0 programa de Saturno retrógrado na XII é desenvolver a compaixão para com os outros, aceitando com paciência seu próprio sofrimento, sem fugir dele. Assim, entidade poderá renascer para uma vida mais luminosa., e talvez mesmo simplesmente não mais renascer, tendo enfim encontrado a felicidade total.

Reproduzido do livro “Astrologia Cármica”de Dorothe Koechlin Bizemont
publicado no Brasil pela Editora Nova Fronteira
Actualizado em Domingo, 08 Abril 2007 13:29

Sem comentários:

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates