Falemos um pouco sobre os trânsitos de Úrano

7 de outubro de 2010 ·


Este post foi escrito em 2005 para os meu alunos de astrologia de então e foi publicado no site «Escola de Astrologia Nova-Lis», no dia 29 Maio 1997, entrando agora no 'Cova do Urso'.

Texto longo destinado a estudantes e praticantes de astrologia. Se não tiver tempo, ou não for a sua área,  este é o momento para desistir da leitura do post. Mas pode deixar um comentário a dizer 'olá', que lhe devolverei com beijos e abraços. Pode copiar à vontade.

Os trânsitos de Úrano trazem liberdade e potencial de renascimento. Simbolizam estágios de libertação e autonomia. A energia eléctrica de Úrano ajuda-nos a quebrar os padrões rígidos com que nos programaram. Desperta novas formas de lidar com as crises e o crescimento. Úrano traz sempre mudanças. Ou aprenderemos a mudar ou sofreremos as consequências. Nada parece estável. Nada acontece como foi planificado. Com Úrano, a sorte bate à porta e as pessoas à nossa volta oferecem novas ideias, novas formas de pensar. A aprendizagem é simples: ser flexível. As pessoas que não flexibilizam e ficam na mesma durante os trânsitos de Úrano, perdem o seu potencial de crescimento. Perdem as descobertas de novas formas de lidar com velhos problemas.

Os 2 grandes momentos de Úrano no nosso mapa

Primeiro grande momento: Entre os 18 aos 22 anos dá-se a primeira quadratura de Úrano em trânsito a Úrano natal. Coincide com uma quadratura de Saturno com Saturno, o que por vezes não permite perceber qual dos planetas “manda” mais, nesse trânsito. Saturno, nesta quadratura, pede para assumirmos as nossas próprias responsabilidades. Úrano, pressiona, dizendo: “Sai e tenta ser alguém”. Repentinamente, olhamos para os jovens da nossa família e percebemos que, afinal, têm interesses próprios. É a pressão para a individualização. Podem surgir atitudes mais ousadas, diferentes do comum. A maior parte dos jovens não percebe esta pressão e deixa-se arrastar por Saturno, mais conservador, mais cristalizado. Quando se é mais velho, podemos ter essa quadratura.

Se os jovens soubessem que só mesmo depois do primeiro retorno de Saturno é que podem assumir 'completamente' o seu destino, talvez percebessem que nesta fase da quadratura de Úrano, o universo pede-lhes apenas descobrirem a vida. Nenhum pai, nem mãe, deve pressionar o jovem desta idade a se conhecer, ao ponto de tomar decisões que alterarão o resto da vida: cursos mal escolhidos, compromissos matrimoniais descabidos, responsabilidades sociais exageradas, etc. É apenas um início para explorarmos a vida.

Segundo grande momento: Entre os 39 aos 42 anos dá-se a oposição de Úrano em trânsito a Úrano natal. Este é o período mais stressante que um ser humano possui em toda a sua vida. As pessoas começam a brincar com a crise da meia idade, mas realmente não é uma brincadeira. É a crise da meia-vida.  E começamos a reavaliar o nosso estilo de vida para ver onde temos estado e para onde estamos a ir. A maioria das pessoas sente que o tempo está a esgotar e que é necessário fazer algo. O tempo está a esgotar, a terminar para o quê? Para enfrentarmos que vamos morrer, que a vida é finita. Olhamos à volta e sentimos que “ainda” vamos a tempo de mudar, para aproveitarmos o tempo que passa.

Sente-se a necessidade de começar uma “coisa” nova. Nem sabemos o quê. Olhamos à volta e simplesmente, mudamos: de casa, do carro, do emprego, do marido/mulher, de cidade, de país, etc. Na verdade, não é necessário mudar nada. Basta apenas “vermos” a nossa vida de maneira diferente. Mas se se puder efectuar essa mudança sem destruir nada à nossa volta, será muito positivo. Mais uma vez, são os relacionamentos que quebram. Talvez bastasse mudar de casa, sem ter que mandar o marido para fora de casa. Já comentei este assunto, com maior profundidade, com o texto «Todas as mulheres sabem que o Príncipe Encantado não tem pilinha».

Trânsitos de Úrano aos planetas natais, de forma condensada:

Úrano – Sol = Mudanças súbitas. As mudanças são sempre vividas com preocupação. As mudanças súbitas, ainda mais. Alterações de planos inesperadas. Em todos os aspectos da nossa vida. Magoa muito. Basta aprender a não resistir. E a aceitar que a mudança é interna. Se somos saturninos, reagimos mal às mudanças inesperadas. Se somos uranianos, vamos ao som da música. Aprendizagem: fazer surf com a vida. (Para os principiantes: estudar o 'Sol', aqui.)

Úrano – Lua = Aprendemos novas formas de nos expressarmos emocionalmente. Podemos ficar muito surpreendidos com a nova forma de sentir. Podemos não conseguir controlar as nossas reacções ou respostas emocionais. Se sabíamos manter o sangue-frio, aprendemos agora a não controlar as emoções. Tudo pode acontecer: ficarmos subitamente rudes ou emotivos demais. Os outros sentem dificuldade em saber o que se passa connosco. Podemos agir de forma estranha com pessoas que pensavam que nos conheciam bem. Os relacionamentos iniciados neste trânsito não resistem. São pessoas que surgem para ensinarem alguma coisa. Aprendizagem: a fazer surf emocional. (Para os principiantes: estudar a 'Lua', aqui.)

Úrano – Mercúrio = Podem surgir desordens nervosas. O processo de audição e a forma de falar podem mudar. A mente funciona com uma rapidez impressionante, o que pode provocar um cansaço físico tremendo. Liberta de ideias preconceituosas. É um trânsito para abrir canais como o céu, para a canalização, a intuição, o saber ouvir. A recompensa vem quando o trânsito passa. Estamos treinados para  “entender” a metafísica da vida. (Para os principiantes: estudar 'Mercúrio', aqui.)

Úrano – Vénus = Vénus representa a nossa capacidade de nos sentirmos amados. Ou de que forma desejamos ser amados. Este trânsito liberta-nos de ideias antigas e algumas vezes, preconceituosa.É um trânsito para a liberdade interior se afirmar. Aprendemos a valorizar o amor incondicional das relações sólidas e seguras. Ler este post. (Para os principiantes: estudar 'Vénus', aqui.)

Úrano – Marte = Marte simboliza o princípio activo da carta natal. Representa também a manifestação da nossa sexualidade. Este trânsito liberta tanto o princípio activo como o impulso sexual. Agimos com exagero no trabalho, em casa, no social. A nossa acção fica um pouco fora de sintonia. Pode obrigar-nos a agir sem pensar e sem perspectivas. Quanto ao impulso sexual pode funcionar de uma forma perversa: confundir emoções com sexo e pior ainda, com amor. É sempre efémero. A descoberta desta realidade é dura. Pode libertar-nos de medos ligados ao sexo. Pode libertar-nos de condicionantes de natureza sexual. A chamada “infidelidade” pode acontecer, com este trânsito. Um conselho: os preparativos para casamentos devem ser feitos fora deste trânsito, para não ocorrerem verdadeiras desgraças financeiras. Todos os aspectos natais de Marte são activados com este trânsito. Aprendizagem: utilizar a nossa energia para fazer surf imaginativo e criativo. (Para os principiantes: estudar 'Marte', aqui.)

Úrano – Júpiter = Oportunidades inusitadas podem surgir. Os relacionamentos podem mudar. Os conceitos de relacionamentos podem mudar. Há mais liberdade para nos relacionarmos. As mudanças ocorrem de uma forma pouco ortodoxa e convencional. As pessoas podem reagir à nossa presença de forma mais estranha. Podemos arranjar relacionamentos excêntricos. Podemos encontrar pessoas novas e maravilhosas, e desenvolver uma amizade para o resto da vida. Podemos abrir-nos facilmente com pessoas erradas, que se aproveitarão desses desabafos. As oportunidades surgem quando percebemos que estamos a mudar e que estamos mais abertos e receptivos para construir novos relacionamentos. Oportunidades profissionais ou empresariais aparecem de forma inesperada e pouco ortodoxa. (Para os principiantes: estudar 'Júpiter', aqui.)

Úrano – Saturno = É, sem dúvida, um trânsito admirável, o mais completo de todos. E o oposto, também, apesar de mais curto. Combina maturidade com liberdade e autonomia. Neste trânsito os nossos medos e apreensões podem ser postos de lado ou definitivamente abandonados. Pode tardar anos e, em cada trânsito de Úrano – Saturno, é dado um passo à frente. Estas mudanças são lentas. Os trânsitos de Úrano demoram dois anos. Este tempo deve ser aproveitado para nos desembaraçarmos dos medos e apreensões. A casa e o signo de Saturno ajudarão a entender as necessidades da personalidade em vias de emergir. É a libertação de possíveis complexos de inferioridade. É uma excelente altura para nos concentrarmos em tudo o que diz respeito à nossa saúde. Fazer medicina preventiva. Medicina alternativa. Iniciar o hábito de fazer terapias de manutenção. (Para os principiantes: estudar 'Saturno', aqui.)

Úrano – Neptuno = É o trânsito mais espiritual do zodíaco. Estes trânsitos são eficazes para activarem os aspectos natais que os planetas pessoais fazem a Neptuno. Os sonhos pessoais são activados. A diferença entre a inspiração e a ilusão do sonho precisa ser reconhecida. Se a separação entre a inspiração e a ilusão é feita com êxito, este trânsito pode indicar um período de dois anos em que os sonhos começam a se realizar. A pessoa que antes estava apegada a um caminho pode sentir-se inspirada a mudar de direcção. (Para os principiantes: estudar 'Neptuno', aqui.)

Úrano – Plutão =  É um trânsito profundamente espiritual. Estes trânsitos são eficazes para activarem os aspectos natais que os planetas pessoais fazem a Plutão. É a grande aprendizagem da perda de controle e manipulação. Se queremos controlar, dominar ou exercer o poder, este trânsito poderá ser um desaguar de todas essas questões. Os trânsitos no céu destes dois planetas são de uma importância extrema para todo o planeta. (Para os principiantes: estudar 'Plutão', aqui.) Entre 2012 e 2017, Úrano, em Carneiro / Áries e Plutão, em Capricórnio, iniciarão uma enorme quadratura no mapa do céu, que durará cerca de 5 anos. Neptuno estará em casa, em Peixes. Esperam-se mudanças tremendas em todo o tipo de governos e organizações no nosso planeta. E, em nós, também. Aguardemos para confirmar.

Úrano em trânsito pelos ângulos = Ascendente / Descendente / Meio do Céu / Fundo do Céu. Quando Úrano transita pelo Ascendente “toca” também no Descendente, e dependendo de cada mapa natal, pode tocar em simultâneo no Meio do Céu e Fundo do Céu. Se não for em simultâneo, pouco tempo depois fará esses aspectos. São dois a três anos são de uma enorme importância na nossa vida. Quando Úrano transita pela Casa 1 é semelhante ao trânsito com o Sol. Ocorrem mudanças tremendas em todos os níveis da nossa vida. Quando transita pelas Casas 4, 7 e 10, altera tudo o que estiver ligado a essas casas. (Para os principiantes: estudar as 'Casas', aqui.)

Clique aqui para saber mais sobre Úrano.

A.R.

.

40 comentários:

Christiane disse...
7 de outubro de 2010 às 00:14  

Antônio

Adorei o post e vou reler várias vezes.

Bem, eu tenho no meu mapa natal urano em libra na 8 quadratura com sol na 10/11 em capricórnio... Espero não enlouquecer.... Sei que há ainda mais uma grande mudança por isso.

...


Beijoooooo

Cantinho da Cê disse...
7 de outubro de 2010 às 00:54  

Boa noite Antônio,

Confesso que até tentei ler, mas não consegui, é para estudantes mesmo.
Mas passo para deixar um carinhoso OI e dizer que estou lendo aos poucos meu mapa e estou gostando muito. Quero te agradecer muito a generosidade.

Beijos,

Nilce disse...
7 de outubro de 2010 às 02:48  

Antônio

Adoro vir aqui, mas você sabe o quanto sou ignorante no assunto.

Bjs no coração!

Nilce

Astrid Annabelle disse...
7 de outubro de 2010 às 02:57  

Boa noite António!
Sei que deves estar sonhando com os anjos...
Estou aqui no Cova a quase duas horas ,lendo, pesquisando, abrindos os links e ficando tonta!!!
Não vou entrar em detalhes mas reconheço os trânsitos:
- “Sai e tenta ser alguém” (...ou então case!)
- "Sente-se a necessidade de começar uma “coisa” nova." (...totalmente!)
Perfeito...foi assim.
Já a este último, "Urano em quadratura a Urano",2008/2009/2010,segundo suas próprias palavras:
- "Poucas vezes tenho visto quadraturas tão prolongadas."
Então só me resta amar Urano!!!!
Ultimamente tenho me dedicado de corpo e alma ao estudo da astrologia e me surpreendido sempre.
Bem agora vou dormir e provavelmente sonhar com Urano!!!rss
Um beijo grande para um excelente dia!
Astrid Annabelle

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 06:40  

Christiane,

Muito agradecido por ter vindo. Como deve compreender, tenho passado por vários trânsitos de Úrano e quando olho para trás, sei que não sou a mesma pessoa.

Beijos

António

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 06:41  



Fez muito bem. Por isso deixei o aviso no início do post. Quem avisa, amigo é.

Beijo

António

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 06:43  

Astrid,

Isso é que foi reconhecer em si enquanto acompanhava o texto. Muito gratificante.

Ainda hoje, escreverei um email.

Beijo

António

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 06:56  

Nilce,

Beijos e abraços por ter vindo. Por isso, deixei o aviso no início do post.

António

inês bb disse...
7 de outubro de 2010 às 08:32  

lendo e aprendendo...

e a sentir o que me disse sobre meus 48, quando ♅ fizer, primeiro, oposição ao 'meu' ☼ e a seguir conjunção à 'minha' ☾... 'será um tempo de extremos, de coisas muito boas... e coisas menos boas' - disse o António (e senti que estava a ser gentil com as 'menos boas', porque se é de extremos, no extremo das 'muito boas', estarão fatalmente as 'muito más'...

mas...venham elas!
e nessa altura veremos.
a astrologia tem - também - este lado do 'previsível preverso', deixando-nos temerosos acerca do futuro. mas se ♅ é o apelo do futuro... não deveríamos ter medo... pois não, António?

um óptimo dia de chuva para si ☂

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 09:08  

Inês

É isso mesmo. Mas eu sou um optimista incorrigível, sem cair em extremos disparatados.

Aos 48, além desses trânsitos, terá Júpiter em muito bom estado.

A verdade é que Úrano surpreende-nos sempre, qualquer que seja a nossa idade. A diferença é se aceitamos bem essa 'surpresa' (mudança).

Tenho que aprender a usar esses símbolos todos. :))

Mito agradecido pela mandala.

Também gosto destes dias assim, de chuva. É em momentos como este que desejaria estar a cumprir o meu sonho, que seria viver 6 meses por ano na Patagónia Argentina, bem ao Sul.

:)))

Teresa Pinto disse...
7 de outubro de 2010 às 10:22  

Obrigada por todos os posts,
ler e reler mesmo na ignorancia dá sentido ou força à vida. A vida que creio eterna estando os pormenores ou o caminho à nossa disposição mas a ignorancia faz com que cheguemos atrasados.
Tenho Urano - Lua entre todas as outras duvidas contudo cheia de certezas que não sei. Não sei o caminho mas sei que o caminho existe e a astrologia ajuda imenso. Continue nas escritas, muitas pessoas o lêem,

obrigado e até daqui a umas horas

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 10:32  

Teresa,

Fui conhecer o seu espaço virtual e gostei muito do que vi e lá fiquei como seguidor.

Muito agradecido pelo seu comentário muito carinhoso.

Teresa, certezas não há. Mas podemos accionar aquilo que gostamos muito de fazer. Esse costuma ser um bom indicador do caminho, pelo menos, é uma via mais desimpedida.

Muito obrigado.

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
7 de outubro de 2010 às 11:09  

Eu depois confirmo ou desmito isso da crise de meia idade... daqui a uns anos :)

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 11:58  

Especial,

Quando chegares à meia idade e se eu ainda estiver em Portugal a dar consultas, serei a confirmar esse assunto, através do teu mapa natal.

Marion Lemos disse...
7 de outubro de 2010 às 15:33  

Olá António,
é sempre um prazer ler suas postagens,
mas nem sempre tenho conhecimento para compreendê-las.
Então, deixo aqui o meu grande abraço para você!
Adoro passear por aqui!
Tenha um lindo dia, tudo de bom sempre!

Paz e Luz!

Marion

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
7 de outubro de 2010 às 15:38  

:)) Ok

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 15:45  

Marion

E eu recebo e retribuo esse abraço.

Muito obrigado.

António

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 15:45  

Gaspas

:))) combinado.

Ezequiel Coelho disse...
7 de outubro de 2010 às 16:56  

António,
cada vez me "espanto" mais com o que vou lendo... e tentando perceber. (nem sempre é fácil, pois a ignorância relativamente a estes assuntos... é muita!)
Tão depressa acho que:
neste momento tenho o Urano em trígono com o MC, situação que ocorrerá de novo daqui a um ano (na casa 10)
Agora com duas quadraturas (Sol e Mercúrio) sextil a Júpiter, conjunção a Plutão e 2 oposições (Lua e Quiron) - nunca sei se oposição é "a bolinha com o traço" ou se são as "duas bolinhas ligadas"... rsrsrsrsrsrsr"
Daqui a um ano apenas uma quadratura com Plutão e sextil com Quirion e... o melhor é desistir!!! Estou completamente baralhado rsrsrsrsrs

Abraço, amigo!

Adelaide Figueiredo disse...
7 de outubro de 2010 às 17:04  

António,

Tenho andado longe da net. Estive a pôr em dia as leituras.
Quanto a este post, belos ensinamentos.
Ùrano em Tr para mim faz quincôncio ao Sol N e a Saturno N, Uma quadratura a Júpiter e um sextil ao Nódulo Lunar. Uma mescla de coisas que aparecem de imprevisto boas e más, de maturidade, para eu seguir e não desistir, de optimismo mas com cuidado. Com os outros trânsitos a rondar tenho mesmo de ter calma. Tudo passará e eu a aprender.

Grata pela partilha.

Abraço

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 17:21  

Ezequiel,

A oposição é o glifo com duas bolinhas ligadas. :)))

Temos que combinar uma conversa pelo Skype, para falarmos disso tudo. Estás de acordo? Dentro de uns 10 a 15 dias? Combinamos os pormenores (dia e hora) por email?

Vamos trabalhar no teu mapa, ok?

Grande abraço,

António

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 17:23  

Adelaide,

Muito agradecido. Também lhe proponho uma conversa entre nós os dois pelo Skype. Quatro olhos são melhores que dois.

Acha bem?

Dentro de uns 10 a 15 dias? Combinamos os pormenores (dia e hora) por email?

Grande abraço,

António

Ezequiel Coelho disse...
7 de outubro de 2010 às 17:51  

António,
Claro que sim :) Obrigado pela tua disponibilidade.**

enorme abraço e até já.
Ez

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 18:25  

Ezequiel,

:)) Ok.

Astrid Annabelle disse...
7 de outubro de 2010 às 18:51  

António querido!
Estou aqui apenas para dizer boa tarde e que partilhei este post no FB.
Respondi ao email.
beijo grande
Astrid Annabelle

António Rosa disse...
7 de outubro de 2010 às 19:15  

Astrid

Já li o email. Amanhã respondo, tá? Hoje, o meu dia está a chegar ao fim.

Obrigado pela partilha no FB.

Beijo

António

Astrid Annabelle disse...
7 de outubro de 2010 às 19:30  

Ok!
Tenha uma boa noite!
Beijos
Astrid Annabelle

Saulo Taveira disse...
7 de outubro de 2010 às 22:03  

António, meu amigo.
Iniciei a leitura, mas pra mim é um pouco confuso. Não tenho conhecimento sobre astrologia.
Acho muito interessante, já disse, o trabalho que fazes aqui de informar.

Obrigado por tua constante presença em Partitura, me faz muito feliz.

Um beijo, boa tarde, boa noite.

Joana disse...
7 de outubro de 2010 às 23:13  

Grata pela informação.

beijinhos

Anónimo disse...
8 de outubro de 2010 às 00:52  

Querido António,

Hoje vim até aqui e vim dar ao sitio obrigatório do meu querido António...mas como nos diz..este artigo não é para todos, e pareçe-me que é o meu caso!! Mas mesmo assim li e reli porque como amiga boa, gosto de tudo o que os meus amigos façam..sempre com um grande amor incondicional..

Muitos beijos meu querido

Dulce Bento

Adelaide Figueiredo disse...
8 de outubro de 2010 às 00:53  

António,

Grata pela sua disponibilidade. Vou enviar-lhe um mail.

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:03  

Saulo,

Por isso mesmo deixei o aviso no início do post. Fiquei mais tranquilo fazendo assim.

Ir ao partitura é sempre um prazer renovado.

Bom dia, por aqui. :))

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:03  

Joana,

Agradecido pela visita e pela mensagem.

Beijos.

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:03  

Dulce,

Como a compreendo. Por isso mesmo deixei o aviso no início do post. Muito obrigado pela coragem de ler um texto para especialistas. :))) Está a ficar afinada com esta nossa arte.

Beijos

António

Táxi Pluvioso disse...
9 de outubro de 2010 às 11:19  

Não sei se PP Coelho vai esperar por Úrano para tomar as decisões que alterarão o resto das nossas vidas: ficarmos mais pobres.

marcelo dalla disse...
9 de outubro de 2010 às 15:28  

Querido! Agradeço por mais uma aula excelente!!! Guardei o texto pra consultá-lo de tempos em tempos.
Abraço

António Rosa disse...
10 de outubro de 2010 às 11:11  

Marcelo,

Grato. Grande abraço.

António

Samsara disse...
10 de outubro de 2010 às 17:28  

Olá António

Obrigada por mais um belo texto, beijinhos

António Rosa disse...
11 de outubro de 2010 às 11:29  

Pat

Um beijinho agradecido.

António

Eri disse...
11 de outubro de 2010 às 14:59  

Antonio...antes de mais obrigada! Este texto é magnifico para quem, como eu, gosta de explorar a astrologia. Não sou estudante nem praticante :) Mas uma eterna curiosa. Vou tentar seguir os links também que indicaste, e vou olhar para o meu mapa com outros olhos...
Sei de antemão que os trânsitos de Urano na minha carta são muito intensos...fazem-me sempre sentir como uma boneca de trapos á beira de um precipício, quase quase a cair, mas que no último instante consegue "ver" a ponte invisível...já imprimi para juntar ás minhas anotações retiradas do Nova-Lis, e partilhei no FB!
Um beijinho muito grande!

7 de outubro de 2010

Falemos um pouco sobre os trânsitos de Úrano


Este post foi escrito em 2005 para os meu alunos de astrologia de então e foi publicado no site «Escola de Astrologia Nova-Lis», no dia 29 Maio 1997, entrando agora no 'Cova do Urso'.

Texto longo destinado a estudantes e praticantes de astrologia. Se não tiver tempo, ou não for a sua área,  este é o momento para desistir da leitura do post. Mas pode deixar um comentário a dizer 'olá', que lhe devolverei com beijos e abraços. Pode copiar à vontade.

Os trânsitos de Úrano trazem liberdade e potencial de renascimento. Simbolizam estágios de libertação e autonomia. A energia eléctrica de Úrano ajuda-nos a quebrar os padrões rígidos com que nos programaram. Desperta novas formas de lidar com as crises e o crescimento. Úrano traz sempre mudanças. Ou aprenderemos a mudar ou sofreremos as consequências. Nada parece estável. Nada acontece como foi planificado. Com Úrano, a sorte bate à porta e as pessoas à nossa volta oferecem novas ideias, novas formas de pensar. A aprendizagem é simples: ser flexível. As pessoas que não flexibilizam e ficam na mesma durante os trânsitos de Úrano, perdem o seu potencial de crescimento. Perdem as descobertas de novas formas de lidar com velhos problemas.

Os 2 grandes momentos de Úrano no nosso mapa

Primeiro grande momento: Entre os 18 aos 22 anos dá-se a primeira quadratura de Úrano em trânsito a Úrano natal. Coincide com uma quadratura de Saturno com Saturno, o que por vezes não permite perceber qual dos planetas “manda” mais, nesse trânsito. Saturno, nesta quadratura, pede para assumirmos as nossas próprias responsabilidades. Úrano, pressiona, dizendo: “Sai e tenta ser alguém”. Repentinamente, olhamos para os jovens da nossa família e percebemos que, afinal, têm interesses próprios. É a pressão para a individualização. Podem surgir atitudes mais ousadas, diferentes do comum. A maior parte dos jovens não percebe esta pressão e deixa-se arrastar por Saturno, mais conservador, mais cristalizado. Quando se é mais velho, podemos ter essa quadratura.

Se os jovens soubessem que só mesmo depois do primeiro retorno de Saturno é que podem assumir 'completamente' o seu destino, talvez percebessem que nesta fase da quadratura de Úrano, o universo pede-lhes apenas descobrirem a vida. Nenhum pai, nem mãe, deve pressionar o jovem desta idade a se conhecer, ao ponto de tomar decisões que alterarão o resto da vida: cursos mal escolhidos, compromissos matrimoniais descabidos, responsabilidades sociais exageradas, etc. É apenas um início para explorarmos a vida.

Segundo grande momento: Entre os 39 aos 42 anos dá-se a oposição de Úrano em trânsito a Úrano natal. Este é o período mais stressante que um ser humano possui em toda a sua vida. As pessoas começam a brincar com a crise da meia idade, mas realmente não é uma brincadeira. É a crise da meia-vida.  E começamos a reavaliar o nosso estilo de vida para ver onde temos estado e para onde estamos a ir. A maioria das pessoas sente que o tempo está a esgotar e que é necessário fazer algo. O tempo está a esgotar, a terminar para o quê? Para enfrentarmos que vamos morrer, que a vida é finita. Olhamos à volta e sentimos que “ainda” vamos a tempo de mudar, para aproveitarmos o tempo que passa.

Sente-se a necessidade de começar uma “coisa” nova. Nem sabemos o quê. Olhamos à volta e simplesmente, mudamos: de casa, do carro, do emprego, do marido/mulher, de cidade, de país, etc. Na verdade, não é necessário mudar nada. Basta apenas “vermos” a nossa vida de maneira diferente. Mas se se puder efectuar essa mudança sem destruir nada à nossa volta, será muito positivo. Mais uma vez, são os relacionamentos que quebram. Talvez bastasse mudar de casa, sem ter que mandar o marido para fora de casa. Já comentei este assunto, com maior profundidade, com o texto «Todas as mulheres sabem que o Príncipe Encantado não tem pilinha».

Trânsitos de Úrano aos planetas natais, de forma condensada:

Úrano – Sol = Mudanças súbitas. As mudanças são sempre vividas com preocupação. As mudanças súbitas, ainda mais. Alterações de planos inesperadas. Em todos os aspectos da nossa vida. Magoa muito. Basta aprender a não resistir. E a aceitar que a mudança é interna. Se somos saturninos, reagimos mal às mudanças inesperadas. Se somos uranianos, vamos ao som da música. Aprendizagem: fazer surf com a vida. (Para os principiantes: estudar o 'Sol', aqui.)

Úrano – Lua = Aprendemos novas formas de nos expressarmos emocionalmente. Podemos ficar muito surpreendidos com a nova forma de sentir. Podemos não conseguir controlar as nossas reacções ou respostas emocionais. Se sabíamos manter o sangue-frio, aprendemos agora a não controlar as emoções. Tudo pode acontecer: ficarmos subitamente rudes ou emotivos demais. Os outros sentem dificuldade em saber o que se passa connosco. Podemos agir de forma estranha com pessoas que pensavam que nos conheciam bem. Os relacionamentos iniciados neste trânsito não resistem. São pessoas que surgem para ensinarem alguma coisa. Aprendizagem: a fazer surf emocional. (Para os principiantes: estudar a 'Lua', aqui.)

Úrano – Mercúrio = Podem surgir desordens nervosas. O processo de audição e a forma de falar podem mudar. A mente funciona com uma rapidez impressionante, o que pode provocar um cansaço físico tremendo. Liberta de ideias preconceituosas. É um trânsito para abrir canais como o céu, para a canalização, a intuição, o saber ouvir. A recompensa vem quando o trânsito passa. Estamos treinados para  “entender” a metafísica da vida. (Para os principiantes: estudar 'Mercúrio', aqui.)

Úrano – Vénus = Vénus representa a nossa capacidade de nos sentirmos amados. Ou de que forma desejamos ser amados. Este trânsito liberta-nos de ideias antigas e algumas vezes, preconceituosa.É um trânsito para a liberdade interior se afirmar. Aprendemos a valorizar o amor incondicional das relações sólidas e seguras. Ler este post. (Para os principiantes: estudar 'Vénus', aqui.)

Úrano – Marte = Marte simboliza o princípio activo da carta natal. Representa também a manifestação da nossa sexualidade. Este trânsito liberta tanto o princípio activo como o impulso sexual. Agimos com exagero no trabalho, em casa, no social. A nossa acção fica um pouco fora de sintonia. Pode obrigar-nos a agir sem pensar e sem perspectivas. Quanto ao impulso sexual pode funcionar de uma forma perversa: confundir emoções com sexo e pior ainda, com amor. É sempre efémero. A descoberta desta realidade é dura. Pode libertar-nos de medos ligados ao sexo. Pode libertar-nos de condicionantes de natureza sexual. A chamada “infidelidade” pode acontecer, com este trânsito. Um conselho: os preparativos para casamentos devem ser feitos fora deste trânsito, para não ocorrerem verdadeiras desgraças financeiras. Todos os aspectos natais de Marte são activados com este trânsito. Aprendizagem: utilizar a nossa energia para fazer surf imaginativo e criativo. (Para os principiantes: estudar 'Marte', aqui.)

Úrano – Júpiter = Oportunidades inusitadas podem surgir. Os relacionamentos podem mudar. Os conceitos de relacionamentos podem mudar. Há mais liberdade para nos relacionarmos. As mudanças ocorrem de uma forma pouco ortodoxa e convencional. As pessoas podem reagir à nossa presença de forma mais estranha. Podemos arranjar relacionamentos excêntricos. Podemos encontrar pessoas novas e maravilhosas, e desenvolver uma amizade para o resto da vida. Podemos abrir-nos facilmente com pessoas erradas, que se aproveitarão desses desabafos. As oportunidades surgem quando percebemos que estamos a mudar e que estamos mais abertos e receptivos para construir novos relacionamentos. Oportunidades profissionais ou empresariais aparecem de forma inesperada e pouco ortodoxa. (Para os principiantes: estudar 'Júpiter', aqui.)

Úrano – Saturno = É, sem dúvida, um trânsito admirável, o mais completo de todos. E o oposto, também, apesar de mais curto. Combina maturidade com liberdade e autonomia. Neste trânsito os nossos medos e apreensões podem ser postos de lado ou definitivamente abandonados. Pode tardar anos e, em cada trânsito de Úrano – Saturno, é dado um passo à frente. Estas mudanças são lentas. Os trânsitos de Úrano demoram dois anos. Este tempo deve ser aproveitado para nos desembaraçarmos dos medos e apreensões. A casa e o signo de Saturno ajudarão a entender as necessidades da personalidade em vias de emergir. É a libertação de possíveis complexos de inferioridade. É uma excelente altura para nos concentrarmos em tudo o que diz respeito à nossa saúde. Fazer medicina preventiva. Medicina alternativa. Iniciar o hábito de fazer terapias de manutenção. (Para os principiantes: estudar 'Saturno', aqui.)

Úrano – Neptuno = É o trânsito mais espiritual do zodíaco. Estes trânsitos são eficazes para activarem os aspectos natais que os planetas pessoais fazem a Neptuno. Os sonhos pessoais são activados. A diferença entre a inspiração e a ilusão do sonho precisa ser reconhecida. Se a separação entre a inspiração e a ilusão é feita com êxito, este trânsito pode indicar um período de dois anos em que os sonhos começam a se realizar. A pessoa que antes estava apegada a um caminho pode sentir-se inspirada a mudar de direcção. (Para os principiantes: estudar 'Neptuno', aqui.)

Úrano – Plutão =  É um trânsito profundamente espiritual. Estes trânsitos são eficazes para activarem os aspectos natais que os planetas pessoais fazem a Plutão. É a grande aprendizagem da perda de controle e manipulação. Se queremos controlar, dominar ou exercer o poder, este trânsito poderá ser um desaguar de todas essas questões. Os trânsitos no céu destes dois planetas são de uma importância extrema para todo o planeta. (Para os principiantes: estudar 'Plutão', aqui.) Entre 2012 e 2017, Úrano, em Carneiro / Áries e Plutão, em Capricórnio, iniciarão uma enorme quadratura no mapa do céu, que durará cerca de 5 anos. Neptuno estará em casa, em Peixes. Esperam-se mudanças tremendas em todo o tipo de governos e organizações no nosso planeta. E, em nós, também. Aguardemos para confirmar.

Úrano em trânsito pelos ângulos = Ascendente / Descendente / Meio do Céu / Fundo do Céu. Quando Úrano transita pelo Ascendente “toca” também no Descendente, e dependendo de cada mapa natal, pode tocar em simultâneo no Meio do Céu e Fundo do Céu. Se não for em simultâneo, pouco tempo depois fará esses aspectos. São dois a três anos são de uma enorme importância na nossa vida. Quando Úrano transita pela Casa 1 é semelhante ao trânsito com o Sol. Ocorrem mudanças tremendas em todos os níveis da nossa vida. Quando transita pelas Casas 4, 7 e 10, altera tudo o que estiver ligado a essas casas. (Para os principiantes: estudar as 'Casas', aqui.)

Clique aqui para saber mais sobre Úrano.

A.R.

.

40 comentários:

Christiane disse...

Antônio

Adorei o post e vou reler várias vezes.

Bem, eu tenho no meu mapa natal urano em libra na 8 quadratura com sol na 10/11 em capricórnio... Espero não enlouquecer.... Sei que há ainda mais uma grande mudança por isso.

...


Beijoooooo

Cantinho da Cê disse...

Boa noite Antônio,

Confesso que até tentei ler, mas não consegui, é para estudantes mesmo.
Mas passo para deixar um carinhoso OI e dizer que estou lendo aos poucos meu mapa e estou gostando muito. Quero te agradecer muito a generosidade.

Beijos,

Nilce disse...

Antônio

Adoro vir aqui, mas você sabe o quanto sou ignorante no assunto.

Bjs no coração!

Nilce

Astrid Annabelle disse...

Boa noite António!
Sei que deves estar sonhando com os anjos...
Estou aqui no Cova a quase duas horas ,lendo, pesquisando, abrindos os links e ficando tonta!!!
Não vou entrar em detalhes mas reconheço os trânsitos:
- “Sai e tenta ser alguém” (...ou então case!)
- "Sente-se a necessidade de começar uma “coisa” nova." (...totalmente!)
Perfeito...foi assim.
Já a este último, "Urano em quadratura a Urano",2008/2009/2010,segundo suas próprias palavras:
- "Poucas vezes tenho visto quadraturas tão prolongadas."
Então só me resta amar Urano!!!!
Ultimamente tenho me dedicado de corpo e alma ao estudo da astrologia e me surpreendido sempre.
Bem agora vou dormir e provavelmente sonhar com Urano!!!rss
Um beijo grande para um excelente dia!
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Christiane,

Muito agradecido por ter vindo. Como deve compreender, tenho passado por vários trânsitos de Úrano e quando olho para trás, sei que não sou a mesma pessoa.

Beijos

António

António Rosa disse...



Fez muito bem. Por isso deixei o aviso no início do post. Quem avisa, amigo é.

Beijo

António

António Rosa disse...

Astrid,

Isso é que foi reconhecer em si enquanto acompanhava o texto. Muito gratificante.

Ainda hoje, escreverei um email.

Beijo

António

António Rosa disse...

Nilce,

Beijos e abraços por ter vindo. Por isso, deixei o aviso no início do post.

António

inês bb disse...

lendo e aprendendo...

e a sentir o que me disse sobre meus 48, quando ♅ fizer, primeiro, oposição ao 'meu' ☼ e a seguir conjunção à 'minha' ☾... 'será um tempo de extremos, de coisas muito boas... e coisas menos boas' - disse o António (e senti que estava a ser gentil com as 'menos boas', porque se é de extremos, no extremo das 'muito boas', estarão fatalmente as 'muito más'...

mas...venham elas!
e nessa altura veremos.
a astrologia tem - também - este lado do 'previsível preverso', deixando-nos temerosos acerca do futuro. mas se ♅ é o apelo do futuro... não deveríamos ter medo... pois não, António?

um óptimo dia de chuva para si ☂

António Rosa disse...

Inês

É isso mesmo. Mas eu sou um optimista incorrigível, sem cair em extremos disparatados.

Aos 48, além desses trânsitos, terá Júpiter em muito bom estado.

A verdade é que Úrano surpreende-nos sempre, qualquer que seja a nossa idade. A diferença é se aceitamos bem essa 'surpresa' (mudança).

Tenho que aprender a usar esses símbolos todos. :))

Mito agradecido pela mandala.

Também gosto destes dias assim, de chuva. É em momentos como este que desejaria estar a cumprir o meu sonho, que seria viver 6 meses por ano na Patagónia Argentina, bem ao Sul.

:)))

Teresa Pinto disse...

Obrigada por todos os posts,
ler e reler mesmo na ignorancia dá sentido ou força à vida. A vida que creio eterna estando os pormenores ou o caminho à nossa disposição mas a ignorancia faz com que cheguemos atrasados.
Tenho Urano - Lua entre todas as outras duvidas contudo cheia de certezas que não sei. Não sei o caminho mas sei que o caminho existe e a astrologia ajuda imenso. Continue nas escritas, muitas pessoas o lêem,

obrigado e até daqui a umas horas

António Rosa disse...

Teresa,

Fui conhecer o seu espaço virtual e gostei muito do que vi e lá fiquei como seguidor.

Muito agradecido pelo seu comentário muito carinhoso.

Teresa, certezas não há. Mas podemos accionar aquilo que gostamos muito de fazer. Esse costuma ser um bom indicador do caminho, pelo menos, é uma via mais desimpedida.

Muito obrigado.

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Eu depois confirmo ou desmito isso da crise de meia idade... daqui a uns anos :)

António Rosa disse...

Especial,

Quando chegares à meia idade e se eu ainda estiver em Portugal a dar consultas, serei a confirmar esse assunto, através do teu mapa natal.

Marion Lemos disse...

Olá António,
é sempre um prazer ler suas postagens,
mas nem sempre tenho conhecimento para compreendê-las.
Então, deixo aqui o meu grande abraço para você!
Adoro passear por aqui!
Tenha um lindo dia, tudo de bom sempre!

Paz e Luz!

Marion

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

:)) Ok

António Rosa disse...

Marion

E eu recebo e retribuo esse abraço.

Muito obrigado.

António

António Rosa disse...

Gaspas

:))) combinado.

Ezequiel Coelho disse...

António,
cada vez me "espanto" mais com o que vou lendo... e tentando perceber. (nem sempre é fácil, pois a ignorância relativamente a estes assuntos... é muita!)
Tão depressa acho que:
neste momento tenho o Urano em trígono com o MC, situação que ocorrerá de novo daqui a um ano (na casa 10)
Agora com duas quadraturas (Sol e Mercúrio) sextil a Júpiter, conjunção a Plutão e 2 oposições (Lua e Quiron) - nunca sei se oposição é "a bolinha com o traço" ou se são as "duas bolinhas ligadas"... rsrsrsrsrsrsr"
Daqui a um ano apenas uma quadratura com Plutão e sextil com Quirion e... o melhor é desistir!!! Estou completamente baralhado rsrsrsrsrs

Abraço, amigo!

Adelaide Figueiredo disse...

António,

Tenho andado longe da net. Estive a pôr em dia as leituras.
Quanto a este post, belos ensinamentos.
Ùrano em Tr para mim faz quincôncio ao Sol N e a Saturno N, Uma quadratura a Júpiter e um sextil ao Nódulo Lunar. Uma mescla de coisas que aparecem de imprevisto boas e más, de maturidade, para eu seguir e não desistir, de optimismo mas com cuidado. Com os outros trânsitos a rondar tenho mesmo de ter calma. Tudo passará e eu a aprender.

Grata pela partilha.

Abraço

António Rosa disse...

Ezequiel,

A oposição é o glifo com duas bolinhas ligadas. :)))

Temos que combinar uma conversa pelo Skype, para falarmos disso tudo. Estás de acordo? Dentro de uns 10 a 15 dias? Combinamos os pormenores (dia e hora) por email?

Vamos trabalhar no teu mapa, ok?

Grande abraço,

António

António Rosa disse...

Adelaide,

Muito agradecido. Também lhe proponho uma conversa entre nós os dois pelo Skype. Quatro olhos são melhores que dois.

Acha bem?

Dentro de uns 10 a 15 dias? Combinamos os pormenores (dia e hora) por email?

Grande abraço,

António

Ezequiel Coelho disse...

António,
Claro que sim :) Obrigado pela tua disponibilidade.**

enorme abraço e até já.
Ez

António Rosa disse...

Ezequiel,

:)) Ok.

Astrid Annabelle disse...

António querido!
Estou aqui apenas para dizer boa tarde e que partilhei este post no FB.
Respondi ao email.
beijo grande
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Astrid

Já li o email. Amanhã respondo, tá? Hoje, o meu dia está a chegar ao fim.

Obrigado pela partilha no FB.

Beijo

António

Astrid Annabelle disse...

Ok!
Tenha uma boa noite!
Beijos
Astrid Annabelle

Saulo Taveira disse...

António, meu amigo.
Iniciei a leitura, mas pra mim é um pouco confuso. Não tenho conhecimento sobre astrologia.
Acho muito interessante, já disse, o trabalho que fazes aqui de informar.

Obrigado por tua constante presença em Partitura, me faz muito feliz.

Um beijo, boa tarde, boa noite.

Joana disse...

Grata pela informação.

beijinhos

Anónimo disse...

Querido António,

Hoje vim até aqui e vim dar ao sitio obrigatório do meu querido António...mas como nos diz..este artigo não é para todos, e pareçe-me que é o meu caso!! Mas mesmo assim li e reli porque como amiga boa, gosto de tudo o que os meus amigos façam..sempre com um grande amor incondicional..

Muitos beijos meu querido

Dulce Bento

Adelaide Figueiredo disse...

António,

Grata pela sua disponibilidade. Vou enviar-lhe um mail.

António Rosa disse...

Saulo,

Por isso mesmo deixei o aviso no início do post. Fiquei mais tranquilo fazendo assim.

Ir ao partitura é sempre um prazer renovado.

Bom dia, por aqui. :))

António

António Rosa disse...

Joana,

Agradecido pela visita e pela mensagem.

Beijos.

António

António Rosa disse...

Dulce,

Como a compreendo. Por isso mesmo deixei o aviso no início do post. Muito obrigado pela coragem de ler um texto para especialistas. :))) Está a ficar afinada com esta nossa arte.

Beijos

António

Táxi Pluvioso disse...

Não sei se PP Coelho vai esperar por Úrano para tomar as decisões que alterarão o resto das nossas vidas: ficarmos mais pobres.

marcelo dalla disse...

Querido! Agradeço por mais uma aula excelente!!! Guardei o texto pra consultá-lo de tempos em tempos.
Abraço

António Rosa disse...

Marcelo,

Grato. Grande abraço.

António

Samsara disse...

Olá António

Obrigada por mais um belo texto, beijinhos

António Rosa disse...

Pat

Um beijinho agradecido.

António

Eri disse...

Antonio...antes de mais obrigada! Este texto é magnifico para quem, como eu, gosta de explorar a astrologia. Não sou estudante nem praticante :) Mas uma eterna curiosa. Vou tentar seguir os links também que indicaste, e vou olhar para o meu mapa com outros olhos...
Sei de antemão que os trânsitos de Urano na minha carta são muito intensos...fazem-me sempre sentir como uma boneca de trapos á beira de um precipício, quase quase a cair, mas que no último instante consegue "ver" a ponte invisível...já imprimi para juntar ás minhas anotações retiradas do Nova-Lis, e partilhei no FB!
Um beijinho muito grande!

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates