Brasil, 2ª volta eleições presidenciais, 31 Outubro 2010

8 de outubro de 2010 ·


Não é minha intenção fazer um post como o que fiz aqui, analisando a 1ª volta das presidenciais no Brasil. Agora restam dois candidatos, Dilma Roueff e José Serra. Em termos políticos, a questão vai ser esta: em quem vão votar os apoiantes de Marina Slva, nesta 2ª volta?

Estou mais interessado em analisar as diferenças astrológicas do próximo dia 31 Outubro, data das eleições da 2ª volta. Como, entre as duas eleições, há apenas 29 dias de diferença, as mudanças no céu, não serão muitas, mas as que existem são muito significativas.

Os planetas mais lentos pouca alteração provocam. Júpiter, Saturno, Úrano, Neptuno e Plutão, estão praticamente onde estavam, com uns graus (poucos) de diferença. Plutão e Neptuno andaram apenas 1 grau. Úrano, retrogradou 1 grau. Saturno avançou 3 graus e Júpiter retrogradou 2 graus. Tudo muito similar, fazendo com que as previsões feitas para a 1ª volta, poucas alterações sofram entre os dois candidatos, eventualmente a diferença de votos, entre ambos, fique mais curta.

Como transcorrem 29 dias entre as suas eleições, a Lua volta a posicionar-se em Leão, como estava no passado dia 3 Outubro. O que mudou e muito, foram os planetas mais rápidos. 

Vejamos as diferenças astrológicas:

Na 1ª volta, o Sol estava em Libra/Balança, no politicamente correcto, mas ambicioso signo cardinal, a querer que o povo se manifestasse com alegria e de forma ordeira. Na 2ª volta estará em Escorpião. Agora, os votantes, sobretudo os de Marina Silva irão votar pela 'surra', como dizemos em Portugal. Sem estardalhaço, com imensa contenção, não querendo dar a conhecer as suas intenções de voto, mantendo um secretismo escorpiónico, desconfiado e desiludido. Acredito mesmo que as empresas de sondagens irão ter surpresas, mas como todas elas trabalham com 'margens de erro', irão escudar-se nessas margens para justificarem a inexactidão dos números que vai haver.

Este Escorpião está em alta nestas eleições. Mercúrio, que estava em Virgem, na 1ª volta, analisando tudo de forma clara e muito pormenorizada, agora apresenta-se também em scorpio. Segredos, segredos, segredos. Nem às paredes confesso. Vénus, vem fazer o estrago maior, mantendo-se ainda em Escorpião, só que na 2ª volta estará retrógrada. Vai ser visível o descontentamento silencioso popular. A obrigação em votar vai fazer-se mais pesada, vai permanecer mais na memória e não será facilmente será esquecida. Portanto, três planetas em Escorpião. Será o tom geral destas eleições.

Marte está audacioso. Saiu de scorpio e anda em Sagitário. Pelo menos as questões ideológicas e políticas vão ser importantes nas campanhas e também nas conversas de rua, de café ou do trabalho. Muito importantes. Os brasileiros vão dar atenção a todos esses pormenores, do plano de cada candidato. Irão meter-se fundo. Estarão 'tocados' pelo sentimento de injustiça.

Continuo a falar dos 20% de apoiantes de Marina Silva. Vinte por cento? É uma loucura! É um abismo, pois são quase 20 milhões de pessoas que ficaram sem a sua candidata e irão ter que votar novamente. É uma enorme quantidade de gente mesmo num país gigante como o Brasil. Vinte milhões de pessoas, é praticamente o dobro da população portuguesa. A cidade de São Paulo tem mais população que Portugal inteiro. Em Portugal, nas eleições, 40% (e mais), são os que se abstêm de votar.

Todos sabemos que nestas ocasiões muitos comentam que o povo não sabe tomar iniciativas e é seguidista. Estas são acusações que leio frequentemente, como se os que comentam não fossem do povo brasileiro. Bom, convenhamos que 20% (vinte milhões de pessoas) para Marina Silva na 1ª volta, não foi seguidismo! Foi afirmação, e das grandes.  Ela, agora, tem a 'faca e o queijo' nas mãos. É o poder invisível, que será muito falado em 2011. O mapa dela indica isso: que 2011 é o seu ano.

Felicidades aos candidatos!

P.S.: Um aparte a  este post, mesmo correndo algum risco. A propósito de umas histórias comentadas antes da 1ª volta sobre as convicções e práticas religiosas ou espirituais de Marina Silva, apetece-me dizer que é um assunto que não me interessa nada, pois é do seu foro pessoal e privado. Interessa-me o seu pensamento, como este, aqui (clicar). Pois é assunto público, de biliões de pessoas,  em todo o mundo. É um assunto planetário. Muito bom, é de 1997 e já agora, ela citava Krishnamurti. Interessa-me o seu pensamento moderno e ousado, porque trata do futuro do Brasil, que é como quem diz, do 'futuro do nosso planeta'. [«Nasci na floresta e nela vivi até os 16 anos. Formei a base de minha personalidade num ambiente marcado pelo silêncio, a intuição e a religiosidade. Depois vim para a cidade e vivi o oposto...», Gabriel García Márquez não desdenharia assinar esta frase.]

.

30 comentários:

Cantinho da Cê disse...
8 de outubro de 2010 às 01:55  

Com certeza teremos surpresas no segundo turno e isso fica bem claro na sua análise.

Desejo o melhor para o nosso país.

Beijos,

Astrid Annabelle disse...
8 de outubro de 2010 às 02:38  

António querido!
Eu penso como você em relação a este tema cabeludo...
Do mesmo texto que você citou da Marina gostei disso:
"Mas, se é possível interpretar dessa forma a frase de Krishnamurti, o que formos o mundo será. Devemos, portanto, sonhar com o melhor - e não esquecer de realizar o nosso sonho. Isso, aliás, já começamos a fazer."
Veremos...vamos sonhar com o melhor e realizá-lo...se possível, neste caso!!!
Um beijo agradecido por mais um belo post sobre estas "brasilidades"!!!
Astrid Annabelle

angela disse...
8 de outubro de 2010 às 03:32  

Vamos ter que aguardar. Tudo indica que teremos surpresas, como já tivemos na primeira rodada. Ninguém esperava os numeros que eles tiveram, as pesquisas todas indicavam outros valores para todos eles e com diferenças de 6 ou pontos percentuais o que é acima da margem de erro. Imagine o que será nesse segundo turno? Força coração!
beijos

Nilce disse...
8 de outubro de 2010 às 04:09  

Vamos energizar forças para que o melhor se estabeleça promovendo a Democracia sempre.
Gostei muito do que li, Antônio.

Bjs no coração!

Nilce

Marcio Nicolau disse...
8 de outubro de 2010 às 07:24  

Antonio
Li e gostei tanto do texto escrito pela Marina Silva que enviei a todos os meus contatos de e-mail. E olha que não costumo enviar mensagens únicas com diversos remetentes, gosto de e-mails direcionados. Mas esta mensagem é extremamente importante e deve ser divulgada.

Um abraço e parabéns por este espaço aqui tão rico.

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:46  

Cê,

Contemos com essas surpresas!

Desejo mesmo o melhor para o Brasil, um país que amo.

Beijos,

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:46  

Astrid,

Do texto da Marina, gostei de toda a articulação, das ideias, dos propósitos, da elevação. É um daquelas textos que daqui por 20 anos continuará a ser válido.

Hoje, o dia está escuro e chuvoso e, talvez por isso, o Tibério não me acordou bem cedinho, como ele gosta. Deixou-me dormir mais uma hora.

Fui ao café e no regresso, reparei que havia carta da 'Segurança Social' a propósito da minha aposentação. Um carta positiva e mais um passo em frente. Vou pedir a todos os amigos que façam o favor de iluminarem o meu caminho, especificamente no dia 18 de Outubro, às 8h50 (hora de Portugal).

Beijos

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:51  

Ângela, querida

Vamso mesmo ter que aguardar. Apesar de 'O Estadão' ter recomendado o voto em José Serra, acho que não há grandes hipóteses de escolha.

Força coração.

Beijo.

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:51  

Nilce

Vamos todos fazer força, porque o seu país está destinado a ter uma importância enorme (muito maior do que tem) num futuro não muito longínquo.

Beijos para si,

António

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 08:51  

Márcio,

Estamos os dois de acordo: o texto da Marina Silva é mesmo muito poderoso e especial. Fez muito bem em divulgar pelos seus contactos.

Grande abraço, meu querido.

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
8 de outubro de 2010 às 10:11  

O que é um signo cardinal?

:)

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 11:39  

Gaspas,

Ando há meses a tratar-te por 'Especial', quando toda a gente te chama 'Gaspas'. Nada como um bom pseudónimo, de facto. :)

Quanto ao 'cardinal', se realmente te interessa saber, encontras a resposta aqui:

http://www.nova-lis.com/index.php?option=com_content&view=article&id=65:o-modo-cardinal&catid=66:modos&Itemid=138

Bom fim-de-semana,

António

Iara Rodrigues da Cunha disse...
8 de outubro de 2010 às 11:43  

Bom dia António...gostei de sua análise e me detive em dois comentários > 1) "Agora, os votantes, sobretudo os de Marina Silva irão votar pela 'surra', " e 2)«Nasci na floresta e...Formei a base de minha personalidade num ambiente marcado pelo silêncio, a intuição e a religiosidade...»
Penso que os 20% que apoiaram e ficaram sem Marina "vão votar pela surra" e não vão apoiar a candidata do PT... até porque , seria meio que incoerente,não é? (estou falando por mim , mas deve ser o pensamento de todos)
Mas...como dizem por aí... "Cada povo tem o presidente que merece"...vamos aguardar.
bj

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 12:11  

Iara,

Muito agradecido pelo comentário muito claro. Com isto do Escorpião, até podemos chegar a este extremo interpretativo: não votar na candidata do PT, não significa votar em Serra e, muito menos, gostar dele. Por isso, irão votar 'pela surra'.

Beijo

Bom fim-de-semana

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
8 de outubro de 2010 às 15:20  

Já nem sei porque pus o 'Especialmente' atrás de Gaspas, se calhar tive medo que me confundissem com caspas... hehe. Mas assim como tenho fica muito grande, qq dia ainda fico só Gaspas!

Brigada pelo link, vou ler com atenção. :)

Bom fds.

António Rosa disse...
8 de outubro de 2010 às 16:34  

Gaspas

(agora não me enganarei!)

Ao longo do tempo também já usei vários nomes e, nos últimos anos é que ficou o nome que gosto de usar, apesar do meu nome próprio ser 'José António', seguido de vários nomes de família, perfeitamente desnecessários para o dia-a-dia.

Gosto do nome 'Gaspas', apesar de nunca ter ouvido.

Bom fim-de-semana.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
8 de outubro de 2010 às 16:44  

Tenho um tio que se chama António Rosa... é um brincalhão bem disposto, mesmo quando a ciática ataca... hehe!!

Gaspas significa: Nuvens em algarvio! :) Gaspas no céu = Nuvens no céu :)

Gosto especialmente das brancas, se calhar... o especialmente vem daí :)

;)

Laura disse...
8 de outubro de 2010 às 21:16  

Oi António.depois de lá estar um mês, de ver favelas e casas ricas, de tanta desigualdade, sei que nada acontece de um dia para o outro, mas, seria lindo se a vida pudesse mudar para tantas e tantas pessoas que vivem numa permanente miséria...

É gente demais e a terra é imensa, tem muito sustento, só que não se organizam, mas é a vida de cada um.

beijinho da laura

Maria José disse...
8 de outubro de 2010 às 22:18  

Amigo. Nesse segundo turno tudo pode acontecer. O primeiro já nos trouxe surpresas. Vamos aguardar, torcendo sempre para que o Brasil possa ter um governante que realmente se interesse pela população. Não podemos perder a esperança, não é? Grande abraço e obrigada pela visita.

Richard Mathenhauer disse...
9 de outubro de 2010 às 05:38  

Marina era Ministra no PT e silenciou em momentos críticos. Fez bem sair da legenda e agregar-se ao PV, partido que admiro muito por sua ideologia. Infelizmente estão a dar muito valor a questões como o aborto e dando pouca ênfase a questões de quem são os que se propoe a governar o país, seu passado, sua índole. Espero que o país não venha a ter gdes surpresas (negativas) com o resultado do pleito de 31 de outubro. Os que creem, orem. Os que não creem, pelo menos, acendam uma vela.

Abraços,

António Rosa disse...
9 de outubro de 2010 às 06:36  

Gaspas

A graça é que o meu nome usado como uso é tão comum que uma busca no Google dá logo para ver os muitos que somos 'António Rosa'. :))

António Rosa disse...
9 de outubro de 2010 às 06:37  

Laura

Estes processos são sempre longos, de anos e, por vezes, de décadas. Com calma chega-se lá.

Beijinho

António

António Rosa disse...
9 de outubro de 2010 às 06:37  

Maria José

Sem nunca perder a esperança, não é? Oxalá isso aconteça.
Grato pela visita,
Abraço
António

António Rosa disse...
9 de outubro de 2010 às 06:37  

Richard

Muito agradecido pelo comentário. A questão do aborto passa por todos os países, que têm sempre momentos dessas questões. Aqui, em Portugal, passámos por isso durante meia dúzia de anos antes de aprovarem a nova lei que temos.

Então, oremos, porque vale a pena, mesmo não sendo por essas razões.

Abraço

António

Táxi Pluvioso disse...
9 de outubro de 2010 às 11:11  

O povo será povo. Somos carneiros e nada mais, ou, como diz o post, na língua política, seguidistas. O simples facto de precisarmos de pastor, e de o endeusarmos, prova isso: consideramo-nos incapazes de gerirmos a nossa vida e delegamos noutros essa função.

marcelo dalla disse...
9 de outubro de 2010 às 14:58  

Olá, meu amigo!!!
Que bom que li este post. Eu faço parte deste 20 milhões de brasileiros que votaram na Marina. Sinceramente, votei com muito gosto nela e agora não quero nem Dilma, nem Serra.
Li o texto da Marina no link que deixou. Fiquei emocionado, pois o pensamento dela é URGENTE. No momento, prefiro esquecer um pouco a política e me dedicar às práticas espirituais. Creio que é disso q o mundo precisa mais, não é?
Grande abraço!!!!

Zé disse...
10 de outubro de 2010 às 01:34  

31 de Outubro é o Dia das Bruxas: isso deve contar muito a favor de Dilma Roussef, como se já não bastasse ser a candidata da máquina! Eleita, voará para Brasília montada numa vassoura... o caldeirão governista já está a ferver!

António Rosa disse...
10 de outubro de 2010 às 11:09  

Marcelo,

O mundo necessita seguir em frente e sem dúvida que as práticas espirituais são muito importantes.

O texto da Marina é muito bom e já é de 1997.

Abraço

António

António Rosa disse...
10 de outubro de 2010 às 11:09  

Zé,

O seu comentário foi divertido.

Grato

António

Anónimo disse...
18 de outubro de 2010 às 17:18  

o que dá para perceber que todos já tinham candidato desde o primeiro turno só não queriam dizer votar so não entendo como um presidente semi analfabeto consegue uma popularidade e uma aceitação de mais de 80% e as pessoas não elegerem a sua sucessora. Voto na Dilma porque foi o governo que mais fez e não recebo bolsa familia, não sou analfabeta......

8 de outubro de 2010

Brasil, 2ª volta eleições presidenciais, 31 Outubro 2010


Não é minha intenção fazer um post como o que fiz aqui, analisando a 1ª volta das presidenciais no Brasil. Agora restam dois candidatos, Dilma Roueff e José Serra. Em termos políticos, a questão vai ser esta: em quem vão votar os apoiantes de Marina Slva, nesta 2ª volta?

Estou mais interessado em analisar as diferenças astrológicas do próximo dia 31 Outubro, data das eleições da 2ª volta. Como, entre as duas eleições, há apenas 29 dias de diferença, as mudanças no céu, não serão muitas, mas as que existem são muito significativas.

Os planetas mais lentos pouca alteração provocam. Júpiter, Saturno, Úrano, Neptuno e Plutão, estão praticamente onde estavam, com uns graus (poucos) de diferença. Plutão e Neptuno andaram apenas 1 grau. Úrano, retrogradou 1 grau. Saturno avançou 3 graus e Júpiter retrogradou 2 graus. Tudo muito similar, fazendo com que as previsões feitas para a 1ª volta, poucas alterações sofram entre os dois candidatos, eventualmente a diferença de votos, entre ambos, fique mais curta.

Como transcorrem 29 dias entre as suas eleições, a Lua volta a posicionar-se em Leão, como estava no passado dia 3 Outubro. O que mudou e muito, foram os planetas mais rápidos. 

Vejamos as diferenças astrológicas:

Na 1ª volta, o Sol estava em Libra/Balança, no politicamente correcto, mas ambicioso signo cardinal, a querer que o povo se manifestasse com alegria e de forma ordeira. Na 2ª volta estará em Escorpião. Agora, os votantes, sobretudo os de Marina Silva irão votar pela 'surra', como dizemos em Portugal. Sem estardalhaço, com imensa contenção, não querendo dar a conhecer as suas intenções de voto, mantendo um secretismo escorpiónico, desconfiado e desiludido. Acredito mesmo que as empresas de sondagens irão ter surpresas, mas como todas elas trabalham com 'margens de erro', irão escudar-se nessas margens para justificarem a inexactidão dos números que vai haver.

Este Escorpião está em alta nestas eleições. Mercúrio, que estava em Virgem, na 1ª volta, analisando tudo de forma clara e muito pormenorizada, agora apresenta-se também em scorpio. Segredos, segredos, segredos. Nem às paredes confesso. Vénus, vem fazer o estrago maior, mantendo-se ainda em Escorpião, só que na 2ª volta estará retrógrada. Vai ser visível o descontentamento silencioso popular. A obrigação em votar vai fazer-se mais pesada, vai permanecer mais na memória e não será facilmente será esquecida. Portanto, três planetas em Escorpião. Será o tom geral destas eleições.

Marte está audacioso. Saiu de scorpio e anda em Sagitário. Pelo menos as questões ideológicas e políticas vão ser importantes nas campanhas e também nas conversas de rua, de café ou do trabalho. Muito importantes. Os brasileiros vão dar atenção a todos esses pormenores, do plano de cada candidato. Irão meter-se fundo. Estarão 'tocados' pelo sentimento de injustiça.

Continuo a falar dos 20% de apoiantes de Marina Silva. Vinte por cento? É uma loucura! É um abismo, pois são quase 20 milhões de pessoas que ficaram sem a sua candidata e irão ter que votar novamente. É uma enorme quantidade de gente mesmo num país gigante como o Brasil. Vinte milhões de pessoas, é praticamente o dobro da população portuguesa. A cidade de São Paulo tem mais população que Portugal inteiro. Em Portugal, nas eleições, 40% (e mais), são os que se abstêm de votar.

Todos sabemos que nestas ocasiões muitos comentam que o povo não sabe tomar iniciativas e é seguidista. Estas são acusações que leio frequentemente, como se os que comentam não fossem do povo brasileiro. Bom, convenhamos que 20% (vinte milhões de pessoas) para Marina Silva na 1ª volta, não foi seguidismo! Foi afirmação, e das grandes.  Ela, agora, tem a 'faca e o queijo' nas mãos. É o poder invisível, que será muito falado em 2011. O mapa dela indica isso: que 2011 é o seu ano.

Felicidades aos candidatos!

P.S.: Um aparte a  este post, mesmo correndo algum risco. A propósito de umas histórias comentadas antes da 1ª volta sobre as convicções e práticas religiosas ou espirituais de Marina Silva, apetece-me dizer que é um assunto que não me interessa nada, pois é do seu foro pessoal e privado. Interessa-me o seu pensamento, como este, aqui (clicar). Pois é assunto público, de biliões de pessoas,  em todo o mundo. É um assunto planetário. Muito bom, é de 1997 e já agora, ela citava Krishnamurti. Interessa-me o seu pensamento moderno e ousado, porque trata do futuro do Brasil, que é como quem diz, do 'futuro do nosso planeta'. [«Nasci na floresta e nela vivi até os 16 anos. Formei a base de minha personalidade num ambiente marcado pelo silêncio, a intuição e a religiosidade. Depois vim para a cidade e vivi o oposto...», Gabriel García Márquez não desdenharia assinar esta frase.]

.

30 comentários:

Cantinho da Cê disse...

Com certeza teremos surpresas no segundo turno e isso fica bem claro na sua análise.

Desejo o melhor para o nosso país.

Beijos,

Astrid Annabelle disse...

António querido!
Eu penso como você em relação a este tema cabeludo...
Do mesmo texto que você citou da Marina gostei disso:
"Mas, se é possível interpretar dessa forma a frase de Krishnamurti, o que formos o mundo será. Devemos, portanto, sonhar com o melhor - e não esquecer de realizar o nosso sonho. Isso, aliás, já começamos a fazer."
Veremos...vamos sonhar com o melhor e realizá-lo...se possível, neste caso!!!
Um beijo agradecido por mais um belo post sobre estas "brasilidades"!!!
Astrid Annabelle

angela disse...

Vamos ter que aguardar. Tudo indica que teremos surpresas, como já tivemos na primeira rodada. Ninguém esperava os numeros que eles tiveram, as pesquisas todas indicavam outros valores para todos eles e com diferenças de 6 ou pontos percentuais o que é acima da margem de erro. Imagine o que será nesse segundo turno? Força coração!
beijos

Nilce disse...

Vamos energizar forças para que o melhor se estabeleça promovendo a Democracia sempre.
Gostei muito do que li, Antônio.

Bjs no coração!

Nilce

Marcio Nicolau disse...

Antonio
Li e gostei tanto do texto escrito pela Marina Silva que enviei a todos os meus contatos de e-mail. E olha que não costumo enviar mensagens únicas com diversos remetentes, gosto de e-mails direcionados. Mas esta mensagem é extremamente importante e deve ser divulgada.

Um abraço e parabéns por este espaço aqui tão rico.

António Rosa disse...

Cê,

Contemos com essas surpresas!

Desejo mesmo o melhor para o Brasil, um país que amo.

Beijos,

António

António Rosa disse...

Astrid,

Do texto da Marina, gostei de toda a articulação, das ideias, dos propósitos, da elevação. É um daquelas textos que daqui por 20 anos continuará a ser válido.

Hoje, o dia está escuro e chuvoso e, talvez por isso, o Tibério não me acordou bem cedinho, como ele gosta. Deixou-me dormir mais uma hora.

Fui ao café e no regresso, reparei que havia carta da 'Segurança Social' a propósito da minha aposentação. Um carta positiva e mais um passo em frente. Vou pedir a todos os amigos que façam o favor de iluminarem o meu caminho, especificamente no dia 18 de Outubro, às 8h50 (hora de Portugal).

Beijos

António

António Rosa disse...

Ângela, querida

Vamso mesmo ter que aguardar. Apesar de 'O Estadão' ter recomendado o voto em José Serra, acho que não há grandes hipóteses de escolha.

Força coração.

Beijo.

António

António Rosa disse...

Nilce

Vamos todos fazer força, porque o seu país está destinado a ter uma importância enorme (muito maior do que tem) num futuro não muito longínquo.

Beijos para si,

António

António Rosa disse...

Márcio,

Estamos os dois de acordo: o texto da Marina Silva é mesmo muito poderoso e especial. Fez muito bem em divulgar pelos seus contactos.

Grande abraço, meu querido.

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

O que é um signo cardinal?

:)

António Rosa disse...

Gaspas,

Ando há meses a tratar-te por 'Especial', quando toda a gente te chama 'Gaspas'. Nada como um bom pseudónimo, de facto. :)

Quanto ao 'cardinal', se realmente te interessa saber, encontras a resposta aqui:

http://www.nova-lis.com/index.php?option=com_content&view=article&id=65:o-modo-cardinal&catid=66:modos&Itemid=138

Bom fim-de-semana,

António

Iara Rodrigues da Cunha disse...

Bom dia António...gostei de sua análise e me detive em dois comentários > 1) "Agora, os votantes, sobretudo os de Marina Silva irão votar pela 'surra', " e 2)«Nasci na floresta e...Formei a base de minha personalidade num ambiente marcado pelo silêncio, a intuição e a religiosidade...»
Penso que os 20% que apoiaram e ficaram sem Marina "vão votar pela surra" e não vão apoiar a candidata do PT... até porque , seria meio que incoerente,não é? (estou falando por mim , mas deve ser o pensamento de todos)
Mas...como dizem por aí... "Cada povo tem o presidente que merece"...vamos aguardar.
bj

António Rosa disse...

Iara,

Muito agradecido pelo comentário muito claro. Com isto do Escorpião, até podemos chegar a este extremo interpretativo: não votar na candidata do PT, não significa votar em Serra e, muito menos, gostar dele. Por isso, irão votar 'pela surra'.

Beijo

Bom fim-de-semana

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Já nem sei porque pus o 'Especialmente' atrás de Gaspas, se calhar tive medo que me confundissem com caspas... hehe. Mas assim como tenho fica muito grande, qq dia ainda fico só Gaspas!

Brigada pelo link, vou ler com atenção. :)

Bom fds.

António Rosa disse...

Gaspas

(agora não me enganarei!)

Ao longo do tempo também já usei vários nomes e, nos últimos anos é que ficou o nome que gosto de usar, apesar do meu nome próprio ser 'José António', seguido de vários nomes de família, perfeitamente desnecessários para o dia-a-dia.

Gosto do nome 'Gaspas', apesar de nunca ter ouvido.

Bom fim-de-semana.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Tenho um tio que se chama António Rosa... é um brincalhão bem disposto, mesmo quando a ciática ataca... hehe!!

Gaspas significa: Nuvens em algarvio! :) Gaspas no céu = Nuvens no céu :)

Gosto especialmente das brancas, se calhar... o especialmente vem daí :)

;)

Laura disse...

Oi António.depois de lá estar um mês, de ver favelas e casas ricas, de tanta desigualdade, sei que nada acontece de um dia para o outro, mas, seria lindo se a vida pudesse mudar para tantas e tantas pessoas que vivem numa permanente miséria...

É gente demais e a terra é imensa, tem muito sustento, só que não se organizam, mas é a vida de cada um.

beijinho da laura

Maria José disse...

Amigo. Nesse segundo turno tudo pode acontecer. O primeiro já nos trouxe surpresas. Vamos aguardar, torcendo sempre para que o Brasil possa ter um governante que realmente se interesse pela população. Não podemos perder a esperança, não é? Grande abraço e obrigada pela visita.

Richard Mathenhauer disse...

Marina era Ministra no PT e silenciou em momentos críticos. Fez bem sair da legenda e agregar-se ao PV, partido que admiro muito por sua ideologia. Infelizmente estão a dar muito valor a questões como o aborto e dando pouca ênfase a questões de quem são os que se propoe a governar o país, seu passado, sua índole. Espero que o país não venha a ter gdes surpresas (negativas) com o resultado do pleito de 31 de outubro. Os que creem, orem. Os que não creem, pelo menos, acendam uma vela.

Abraços,

António Rosa disse...

Gaspas

A graça é que o meu nome usado como uso é tão comum que uma busca no Google dá logo para ver os muitos que somos 'António Rosa'. :))

António Rosa disse...

Laura

Estes processos são sempre longos, de anos e, por vezes, de décadas. Com calma chega-se lá.

Beijinho

António

António Rosa disse...

Maria José

Sem nunca perder a esperança, não é? Oxalá isso aconteça.
Grato pela visita,
Abraço
António

António Rosa disse...

Richard

Muito agradecido pelo comentário. A questão do aborto passa por todos os países, que têm sempre momentos dessas questões. Aqui, em Portugal, passámos por isso durante meia dúzia de anos antes de aprovarem a nova lei que temos.

Então, oremos, porque vale a pena, mesmo não sendo por essas razões.

Abraço

António

Táxi Pluvioso disse...

O povo será povo. Somos carneiros e nada mais, ou, como diz o post, na língua política, seguidistas. O simples facto de precisarmos de pastor, e de o endeusarmos, prova isso: consideramo-nos incapazes de gerirmos a nossa vida e delegamos noutros essa função.

marcelo dalla disse...

Olá, meu amigo!!!
Que bom que li este post. Eu faço parte deste 20 milhões de brasileiros que votaram na Marina. Sinceramente, votei com muito gosto nela e agora não quero nem Dilma, nem Serra.
Li o texto da Marina no link que deixou. Fiquei emocionado, pois o pensamento dela é URGENTE. No momento, prefiro esquecer um pouco a política e me dedicar às práticas espirituais. Creio que é disso q o mundo precisa mais, não é?
Grande abraço!!!!

Zé disse...

31 de Outubro é o Dia das Bruxas: isso deve contar muito a favor de Dilma Roussef, como se já não bastasse ser a candidata da máquina! Eleita, voará para Brasília montada numa vassoura... o caldeirão governista já está a ferver!

António Rosa disse...

Marcelo,

O mundo necessita seguir em frente e sem dúvida que as práticas espirituais são muito importantes.

O texto da Marina é muito bom e já é de 1997.

Abraço

António

António Rosa disse...

Zé,

O seu comentário foi divertido.

Grato

António

Anónimo disse...

o que dá para perceber que todos já tinham candidato desde o primeiro turno só não queriam dizer votar so não entendo como um presidente semi analfabeto consegue uma popularidade e uma aceitação de mais de 80% e as pessoas não elegerem a sua sucessora. Voto na Dilma porque foi o governo que mais fez e não recebo bolsa familia, não sou analfabeta......

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates