A viagem da Vida # 6 - [FC/MC - Libra/Balança e Áries/Carneiro e Asc/Dsc - Gémeos / Sagitário]

26 de outubro de 2010 ·

Com dedicatória:
à Astrid, à Hannah

Os quatro pontos angulares do nosso mapa formam uma cruz. Todos nós temos a nossa origem em baixo, no FC (Fundo do Céu), dirigimo-nos para a parte mais elevada do nosso mapa, o MC (Meio do Céu), desenvolvendo a nossa identidade através do Asc (Ascendente), no sentido de interagirmos com os outros, no Dsc (Descendente), a nossa polaridade. Os signos que lá estão apontam um propósito maior.

A cruz natal em que está presente o modo cardinal com o FC em Libra /Balança e modo mutável com o Asc em Gémeos, pode apresentar algumas destas características:

 (FC - Libra/Balança) - Esta pessoa pode sentir-se em paz, com o tratamento afável de quem a rodeia e, no entanto, existir um sentimento de variabilidade no que às emoções se refere. Costuma ser um lar, por onde “desfilam” muitas pessoas, podendo provocar a ausência de um núcleo constante. A necessidade de um verdadeiro ninho vai criando uma dependência subtil com quem lhe dá mais afecto. Ou então, trata de se movimentar para criar um chão mais sólido e contínuo de afecto.

 (MC - Áries/Carneiro) - O Meio do Céu exige desta pessoa que invista de modo a diferenciar-se, a emergir, a fazer um lugar onde a sua presença seja notada. Se, após conseguir esse lugar o executar de acordo com a vontade da alma, terá encontrado o propósito desta reencarnação.

(Asc - Gémeos / Dsc - Sagitário) - Esta segurança é necessária quando percebe a necessidade de criar pontes, utilizando a comunicação e a razão para vivenciar as suas crenças. A capacidade de fazer bem as coisas, ao serviço dos outros, os que o julgarão. Sabe discernir e perceber as diferenças entre o próprio e os outros. Estabelecem-se canais de intercâmbio entre o seu interior e o mundo.

A cruz natal em desequilíbrio coloca problemas mais complexos, pois provoca a situação de os signos não pertencerem ao mesmo modo. Há uma grande quantidade de cruzes em desequilíbrio, provocadas pela existência de signos interceptados. Estamos perante situações cármicas que envolvem análises mais pessoais. O desejo de conseguir acções mais ou menos coerente com o mundo, que são facilitadas pela ductilidade própria ou alheia (variante extrovertida: Áries/Carneiro – Libra/Balança e Gémeos – Sagitário); ou encontram dificuldades e são criticadas (variante introvertida:  Câncer/Caranguejo – Capricórnio e Virgem – Peixes).



Post nº 980

.

21 comentários:

Hanah disse...
26 de outubro de 2010 às 00:29  

Boa Noite Antonio,
grata pela disponibilidade. ;-)

o que posso dizer ??? ;-)


Tal e qual...

em realinhamento....

Beijos

Astrid Annabelle disse...
26 de outubro de 2010 às 01:24  

António querido!
Eu sinto uma parte de mim aí nessa cruz...outra parte está escondida em "situações cármicas que envolvem análises mais pessoais".
Mas é mesmo muito interessante. Vou reler muitas vezes.
Um beijo na tua alma. Estou grata pelo carinho de sempre.
Astrid Annabelle

Siala disse...
26 de outubro de 2010 às 10:35  

António, tenho que admitir...percebi um pouquinho destes últimos textos...e é tão pouquinho, mas tão pouquinho...que antigamente me sentiria frustrada...hoje sinto-me incentivada a saber mais. Fascinante!
Namasté

António Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 11:01  

Hannah,

Obviamente que um mapa natal é muito mais complexo do que estas simples cruzes. Mas estes dois eixos são a base da nossa reencarnação. Os matizes estão no resto do mapa. Por exemplo, planetas conjuntos a estes ângulos e a natureza da interpretação fica mais intensa.

Foi um prazer fazer a sua cruz, a sua viagem de vida.

Beijos

António

António Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 11:01  

Querida Astrid,

Veja só a hora a que estou a responder e só por isso pode perceber como ando completamente fora do tempo. Costumo responder pela manhã, cedinho.

Tal como disse à Hannah, estas cruzes são a base da nossa reencarnação. A existência de planetas junto aos ângulos faz com que a interpretação seja mais intensa. No seu caso, tem Úrano conjunto ao Ascendente e Júpiter em conjunção perfeita ao Descendente, fazendo ambos quadraturas ao Fundo-do-Céu e Meio-do-Céu. Só isto daria para estarmos aqui a conversar longo tempo.

Um beijo.

António

António Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 11:01  

Siala,

Não é caso para nos frustramos. Não vale mesmo a pena. Também passo pelo mesmo com outras artes e mesmo dentro da astrologia há áreas que não domino bem. É toda uma vida dedicada a estes temas.

Para iniciarmos com bases sólidas o estudo da astrologia, é fundamental sabermos bem os 4 elementos e os 3 modos. Pode-se inclusivamente ler um mapa só com estes intervenientes.

Beijo

António

Astrid Annabelle disse...
26 de outubro de 2010 às 11:43  

Bom dia querido António!
Eu estou estudando e é muito bom ter Urano de um lado e Júpiter de outro....adorei essa idéia rss...viajei longe ao escrever isso!!!
Reparei que reorganizou a lateral do blog...ficou bom.
Acabei de lhe escrever um email sobre outro assunto.
Um beijo grande por seu carinho e dedicação.
Astrid Annabelle

António Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 12:39  

Astrid

Recebi e li o seu email, responderei ainda hoje, apesar das cosias não estarem tão fluidas como eu gostaria, hoje.

Sim, reorganizei a lateral e no topo também, onde está «Previsões para 2011». Já sei que este tema vai durar e durar e durar... :))

Beijos

António

hanah disse...
26 de outubro de 2010 às 13:29  

Bom dia Antonio,

Fiquei acordada e atenta ontem para ler que fiquei até perplexa com tanta informação.
voltei hoje, para ler, e voltarei a reler.

Tenho Júpiter em Cancer 5º do ASC(conj), Sol e Mercúrio em libra, colados no IC. (quadra)
Vou guardar este post e
fazer minha lição de casa..;-).

grata novamente....

Continuidade de uma boa semana

beijo grande
Hanah

António Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 17:33  

Hanah

Desejo muito só que seja útil. Qualquer dúvida pode ser tratata em privado.

Beijos.

otário disse...
26 de outubro de 2010 às 18:42  

caro antónio rosa, queria-lhe pedir, agradecendo mais uma vez, se poderia usar as suas palavras relativamente ao meu espaço (daqui:http://cova-do-urso.blogspot.com/2010/09/premio-blog-de-ouro-eu-admiro-este-blog.html , e perdoe-me não saber criar links na caixa de mensagens), para me auto-publicitar. obviamente, expressaria o seu nome. obrigado, saudações otárias!
será melhor deixar uma resposta no
blog-do-otario, será mais fácil
de verificar... abraço!

Maria Izabel Viégas disse...
26 de outubro de 2010 às 19:01  

Meu querido amigo,
estou feliz com este tal passarinho, lhe contou tudinho certinho!!! ;)))
Mas, passei aqui para te dizer o quanto fiquei feliz e emocionada com seus bons augúrios. Nossa! Pareceu-me estar ouvindo um anjo a desejar-me sorte. sabes que sou toda água, e acredito muito na tua palavra, na tua intuição e pura espiritualidade!
Fui dormir sorindo...
mas, quem te disse que sou boa astróloga e boa terapeuta, hein???
Sou não, amigo!
Sei nada, não!
Beijos neste coração de urso bondoso e querido!
Obrigada!

Cáh disse...
26 de outubro de 2010 às 19:09  

gostei e me empolguei!


Beijos Urso.

Luma Rosa disse...
26 de outubro de 2010 às 23:28  

Passando e deixando beijus...

Eu insisto em tentar entender, mas...

É preciso ter dom!!

António Rosa disse...
27 de outubro de 2010 às 06:47  

Otário

Já respondi no seu blogue.

Grande abraço.

António

António Rosa disse...
27 de outubro de 2010 às 06:50  

Maria Izabel

Quanto a ser boa astróloga pude confirmar no tempo em que eu lia o forum do astro.com. Era você quem aconselhava e orientava aquelas almas. Já não leio esse fórum.

Quanto a ser boa terapêutica eu já vi.

Beijos

António

António Rosa disse...
27 de outubro de 2010 às 06:50  

Cáh

Muito obrigado e beijos.

António

António Rosa disse...
27 de outubro de 2010 às 06:55  

Luma

Muito obrigado pelos beijos e pela passagem.

António

Astrid Annabelle disse...
27 de outubro de 2010 às 12:45  

António querido, já que no post acima não há espaço para comentários vim deixar meu bom dia por aqui!
Também recebi o convite do Pedro Elias e se estivesse em Portugal iria com toda a certeza.
Que seu dia seja excelente.
Beijos
Astrid Annabelle

António Rosa disse...
27 de outubro de 2010 às 14:12  

Olá Astrid,

Bom dia.

Encerrei os comentários do post acima, pois é apenas uma informação sobre a actividade literária do amigo Pedro Elias.

Amanhã é dia de blogagem coletiva.

Beijos

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...
28 de outubro de 2010 às 11:38  

Lá está... necessidade de um ninho de afecto :))

26 de outubro de 2010

A viagem da Vida # 6 - [FC/MC - Libra/Balança e Áries/Carneiro e Asc/Dsc - Gémeos / Sagitário]

Com dedicatória:
à Astrid, à Hannah

Os quatro pontos angulares do nosso mapa formam uma cruz. Todos nós temos a nossa origem em baixo, no FC (Fundo do Céu), dirigimo-nos para a parte mais elevada do nosso mapa, o MC (Meio do Céu), desenvolvendo a nossa identidade através do Asc (Ascendente), no sentido de interagirmos com os outros, no Dsc (Descendente), a nossa polaridade. Os signos que lá estão apontam um propósito maior.

A cruz natal em que está presente o modo cardinal com o FC em Libra /Balança e modo mutável com o Asc em Gémeos, pode apresentar algumas destas características:

 (FC - Libra/Balança) - Esta pessoa pode sentir-se em paz, com o tratamento afável de quem a rodeia e, no entanto, existir um sentimento de variabilidade no que às emoções se refere. Costuma ser um lar, por onde “desfilam” muitas pessoas, podendo provocar a ausência de um núcleo constante. A necessidade de um verdadeiro ninho vai criando uma dependência subtil com quem lhe dá mais afecto. Ou então, trata de se movimentar para criar um chão mais sólido e contínuo de afecto.

 (MC - Áries/Carneiro) - O Meio do Céu exige desta pessoa que invista de modo a diferenciar-se, a emergir, a fazer um lugar onde a sua presença seja notada. Se, após conseguir esse lugar o executar de acordo com a vontade da alma, terá encontrado o propósito desta reencarnação.

(Asc - Gémeos / Dsc - Sagitário) - Esta segurança é necessária quando percebe a necessidade de criar pontes, utilizando a comunicação e a razão para vivenciar as suas crenças. A capacidade de fazer bem as coisas, ao serviço dos outros, os que o julgarão. Sabe discernir e perceber as diferenças entre o próprio e os outros. Estabelecem-se canais de intercâmbio entre o seu interior e o mundo.

A cruz natal em desequilíbrio coloca problemas mais complexos, pois provoca a situação de os signos não pertencerem ao mesmo modo. Há uma grande quantidade de cruzes em desequilíbrio, provocadas pela existência de signos interceptados. Estamos perante situações cármicas que envolvem análises mais pessoais. O desejo de conseguir acções mais ou menos coerente com o mundo, que são facilitadas pela ductilidade própria ou alheia (variante extrovertida: Áries/Carneiro – Libra/Balança e Gémeos – Sagitário); ou encontram dificuldades e são criticadas (variante introvertida:  Câncer/Caranguejo – Capricórnio e Virgem – Peixes).



Post nº 980

.

21 comentários:

Hanah disse...

Boa Noite Antonio,
grata pela disponibilidade. ;-)

o que posso dizer ??? ;-)


Tal e qual...

em realinhamento....

Beijos

Astrid Annabelle disse...

António querido!
Eu sinto uma parte de mim aí nessa cruz...outra parte está escondida em "situações cármicas que envolvem análises mais pessoais".
Mas é mesmo muito interessante. Vou reler muitas vezes.
Um beijo na tua alma. Estou grata pelo carinho de sempre.
Astrid Annabelle

Siala disse...

António, tenho que admitir...percebi um pouquinho destes últimos textos...e é tão pouquinho, mas tão pouquinho...que antigamente me sentiria frustrada...hoje sinto-me incentivada a saber mais. Fascinante!
Namasté

António Rosa disse...

Hannah,

Obviamente que um mapa natal é muito mais complexo do que estas simples cruzes. Mas estes dois eixos são a base da nossa reencarnação. Os matizes estão no resto do mapa. Por exemplo, planetas conjuntos a estes ângulos e a natureza da interpretação fica mais intensa.

Foi um prazer fazer a sua cruz, a sua viagem de vida.

Beijos

António

António Rosa disse...

Querida Astrid,

Veja só a hora a que estou a responder e só por isso pode perceber como ando completamente fora do tempo. Costumo responder pela manhã, cedinho.

Tal como disse à Hannah, estas cruzes são a base da nossa reencarnação. A existência de planetas junto aos ângulos faz com que a interpretação seja mais intensa. No seu caso, tem Úrano conjunto ao Ascendente e Júpiter em conjunção perfeita ao Descendente, fazendo ambos quadraturas ao Fundo-do-Céu e Meio-do-Céu. Só isto daria para estarmos aqui a conversar longo tempo.

Um beijo.

António

António Rosa disse...

Siala,

Não é caso para nos frustramos. Não vale mesmo a pena. Também passo pelo mesmo com outras artes e mesmo dentro da astrologia há áreas que não domino bem. É toda uma vida dedicada a estes temas.

Para iniciarmos com bases sólidas o estudo da astrologia, é fundamental sabermos bem os 4 elementos e os 3 modos. Pode-se inclusivamente ler um mapa só com estes intervenientes.

Beijo

António

Astrid Annabelle disse...

Bom dia querido António!
Eu estou estudando e é muito bom ter Urano de um lado e Júpiter de outro....adorei essa idéia rss...viajei longe ao escrever isso!!!
Reparei que reorganizou a lateral do blog...ficou bom.
Acabei de lhe escrever um email sobre outro assunto.
Um beijo grande por seu carinho e dedicação.
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Astrid

Recebi e li o seu email, responderei ainda hoje, apesar das cosias não estarem tão fluidas como eu gostaria, hoje.

Sim, reorganizei a lateral e no topo também, onde está «Previsões para 2011». Já sei que este tema vai durar e durar e durar... :))

Beijos

António

hanah disse...

Bom dia Antonio,

Fiquei acordada e atenta ontem para ler que fiquei até perplexa com tanta informação.
voltei hoje, para ler, e voltarei a reler.

Tenho Júpiter em Cancer 5º do ASC(conj), Sol e Mercúrio em libra, colados no IC. (quadra)
Vou guardar este post e
fazer minha lição de casa..;-).

grata novamente....

Continuidade de uma boa semana

beijo grande
Hanah

António Rosa disse...

Hanah

Desejo muito só que seja útil. Qualquer dúvida pode ser tratata em privado.

Beijos.

otário disse...

caro antónio rosa, queria-lhe pedir, agradecendo mais uma vez, se poderia usar as suas palavras relativamente ao meu espaço (daqui:http://cova-do-urso.blogspot.com/2010/09/premio-blog-de-ouro-eu-admiro-este-blog.html , e perdoe-me não saber criar links na caixa de mensagens), para me auto-publicitar. obviamente, expressaria o seu nome. obrigado, saudações otárias!
será melhor deixar uma resposta no
blog-do-otario, será mais fácil
de verificar... abraço!

Maria Izabel Viégas disse...

Meu querido amigo,
estou feliz com este tal passarinho, lhe contou tudinho certinho!!! ;)))
Mas, passei aqui para te dizer o quanto fiquei feliz e emocionada com seus bons augúrios. Nossa! Pareceu-me estar ouvindo um anjo a desejar-me sorte. sabes que sou toda água, e acredito muito na tua palavra, na tua intuição e pura espiritualidade!
Fui dormir sorindo...
mas, quem te disse que sou boa astróloga e boa terapeuta, hein???
Sou não, amigo!
Sei nada, não!
Beijos neste coração de urso bondoso e querido!
Obrigada!

Cáh disse...

gostei e me empolguei!


Beijos Urso.

Luma Rosa disse...

Passando e deixando beijus...

Eu insisto em tentar entender, mas...

É preciso ter dom!!

António Rosa disse...

Otário

Já respondi no seu blogue.

Grande abraço.

António

António Rosa disse...

Maria Izabel

Quanto a ser boa astróloga pude confirmar no tempo em que eu lia o forum do astro.com. Era você quem aconselhava e orientava aquelas almas. Já não leio esse fórum.

Quanto a ser boa terapêutica eu já vi.

Beijos

António

António Rosa disse...

Cáh

Muito obrigado e beijos.

António

António Rosa disse...

Luma

Muito obrigado pelos beijos e pela passagem.

António

Astrid Annabelle disse...

António querido, já que no post acima não há espaço para comentários vim deixar meu bom dia por aqui!
Também recebi o convite do Pedro Elias e se estivesse em Portugal iria com toda a certeza.
Que seu dia seja excelente.
Beijos
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Olá Astrid,

Bom dia.

Encerrei os comentários do post acima, pois é apenas uma informação sobre a actividade literária do amigo Pedro Elias.

Amanhã é dia de blogagem coletiva.

Beijos

António

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Lá está... necessidade de um ninho de afecto :))

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates