«Lince», o conversor para a nova ortografia

15 de janeiro de 2011 ·


Foi lançado pelo Ministério da Cultura de Portugal, o programa informático «Lince - conversor para a nova ortografia», produzido por uma equipa do Instituto de Linguística Teórica e Computacional, sob a orientação da Profª. Doutora Margarita Correia.

É uma ferramenta gratuita que permite converter documentos inteiros à velocidade da luz, transformando o português de antes no português de amanhã. Útil para todos os países de língua oficial portuguesa.

Está disponível no site «Portal da Língua Portuguesa», clicando aqui.

É só fazer o download do programa e depois pode inserir quase todos os tipos de ficheiros. Eu experimentei e funciona. Muito útil. Vou tentar adpaptar os meus futuros textos à nova ortografia utilizando este excelente programa.

Reforço a ideia que esta ferramenta é um «conversor» e não um «corretor».

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.




8 comentários:

Astrid Annabelle disse...
15 de janeiro de 2011 às 14:49  

Achei o link muito bom António.
Eu não consigo escrever de acordo com a nova ortografia...meu Tico e Teco não assimilaram...rsss
Então só fazendo uso do link!
Beijo grande e agradecido.
Astrid Annabelle

Serginho Tavares disse...
15 de janeiro de 2011 às 14:58  

Obrigado pela dica querido! assim como a Astrid eu também tenho dificuldade em assimilar essa nova (e péssima) ortografia.

Abração

António Rosa disse...
15 de janeiro de 2011 às 15:57  

Astrid e Serginho, queridos amigos

Claro que os mais jovens (crianças) irão usar na perfeição a nova ortografia. Se acham complicado para o português do Brasil, imaginem o que não é com o português de Portugal.

Felizmente, o novo acordo prevê uma coisa muito simples para 80% das palavras: escrever conforme se pronuncia. Se fixarmos esta ideia, veremos que não é tão difícil de aprendermos qualquer coisa. Aprender tudo é difícil, mas se não falharmos em 80% não é nada mau.

Por exemplo, o vosso trema desaparece. É simples de fixar: não há mais e resta-nos ter o bom senso de o eliminarmos. Simples.

Tenciono publicar a maioria dos meus posts já com o novo acordo, mas escrever sempre a frase que já está neste: «Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.» e colocarei o link
http://www.portaldalinguaportuguesa.org/index.php?action=lince

Será a minha participação nesta fase de transição... :)))))

Beijos.

Principe Encantado disse...
15 de janeiro de 2011 às 16:16  

Muito boa informação e como você mesmo falou testou e funcionou, olha eu indo lá.
Abraços forte

Joana disse...
15 de janeiro de 2011 às 20:05  

Grata pela informação.

Beijinhos e bom fim-de-semana

Le Voyeur disse...
16 de janeiro de 2011 às 03:29  

gente... super util isso!
ja quero!!!
vlw pela dica

bjs do voy

Jozi Elen Fleck disse...
16 de janeiro de 2011 às 07:58  

Querido, obrigada por repassar meu comentário ao Márcio. Entrarei em contato com ele.
Tenho interesse em te apresentar na minha coluna "Entreblogs"que será inaugurada logo. Podes entrar em contato comigo?
professorajozielen@yahoo.com.br
Adoro te ler.
SEMPRE
Abraços,
Jozi
O Lugar das Cores Escritas

ManDrag disse...
17 de janeiro de 2011 às 16:58  

Norma que me recuso a aceitar.
Como poeta adoro o português rebuscado e cheio de ardis gramaticais e ortográficos que tanto o caracterizam como língua clássica já.
Quando era jovem comecei a escrever sem acentos e sem maiúsculas. Eu entendia assim a liberdade e democracia da escrita. Mas logo pude perceber o porquê de todas essas regras chatas e difíceis. Então elas deixaram de ser chatas para ser uma maravilha de singularidade, com a sua exigência de muita arte para conhecer e apreciar.

Beijos

15 de janeiro de 2011

«Lince», o conversor para a nova ortografia


Foi lançado pelo Ministério da Cultura de Portugal, o programa informático «Lince - conversor para a nova ortografia», produzido por uma equipa do Instituto de Linguística Teórica e Computacional, sob a orientação da Profª. Doutora Margarita Correia.

É uma ferramenta gratuita que permite converter documentos inteiros à velocidade da luz, transformando o português de antes no português de amanhã. Útil para todos os países de língua oficial portuguesa.

Está disponível no site «Portal da Língua Portuguesa», clicando aqui.

É só fazer o download do programa e depois pode inserir quase todos os tipos de ficheiros. Eu experimentei e funciona. Muito útil. Vou tentar adpaptar os meus futuros textos à nova ortografia utilizando este excelente programa.

Reforço a ideia que esta ferramenta é um «conversor» e não um «corretor».

Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.




8 comentários:

Astrid Annabelle disse...

Achei o link muito bom António.
Eu não consigo escrever de acordo com a nova ortografia...meu Tico e Teco não assimilaram...rsss
Então só fazendo uso do link!
Beijo grande e agradecido.
Astrid Annabelle

Serginho Tavares disse...

Obrigado pela dica querido! assim como a Astrid eu também tenho dificuldade em assimilar essa nova (e péssima) ortografia.

Abração

António Rosa disse...

Astrid e Serginho, queridos amigos

Claro que os mais jovens (crianças) irão usar na perfeição a nova ortografia. Se acham complicado para o português do Brasil, imaginem o que não é com o português de Portugal.

Felizmente, o novo acordo prevê uma coisa muito simples para 80% das palavras: escrever conforme se pronuncia. Se fixarmos esta ideia, veremos que não é tão difícil de aprendermos qualquer coisa. Aprender tudo é difícil, mas se não falharmos em 80% não é nada mau.

Por exemplo, o vosso trema desaparece. É simples de fixar: não há mais e resta-nos ter o bom senso de o eliminarmos. Simples.

Tenciono publicar a maioria dos meus posts já com o novo acordo, mas escrever sempre a frase que já está neste: «Texto escrito conforme o Acordo Ortográfico - convertido pelo Lince.» e colocarei o link
http://www.portaldalinguaportuguesa.org/index.php?action=lince

Será a minha participação nesta fase de transição... :)))))

Beijos.

Principe Encantado disse...

Muito boa informação e como você mesmo falou testou e funcionou, olha eu indo lá.
Abraços forte

Joana disse...

Grata pela informação.

Beijinhos e bom fim-de-semana

Le Voyeur disse...

gente... super util isso!
ja quero!!!
vlw pela dica

bjs do voy

Jozi Elen Fleck disse...

Querido, obrigada por repassar meu comentário ao Márcio. Entrarei em contato com ele.
Tenho interesse em te apresentar na minha coluna "Entreblogs"que será inaugurada logo. Podes entrar em contato comigo?
professorajozielen@yahoo.com.br
Adoro te ler.
SEMPRE
Abraços,
Jozi
O Lugar das Cores Escritas

ManDrag disse...

Norma que me recuso a aceitar.
Como poeta adoro o português rebuscado e cheio de ardis gramaticais e ortográficos que tanto o caracterizam como língua clássica já.
Quando era jovem comecei a escrever sem acentos e sem maiúsculas. Eu entendia assim a liberdade e democracia da escrita. Mas logo pude perceber o porquê de todas essas regras chatas e difíceis. Então elas deixaram de ser chatas para ser uma maravilha de singularidade, com a sua exigência de muita arte para conhecer e apreciar.

Beijos

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates