Estou tão fora de moda que até respondo aos comentários no blogue

1 de maio de 2013 ·

Deixarmos um comentário num blogue é uma operação complexa, que tem este step-by-step: 1) Procurar o linque e clicar para abrir a página de comentários; 2) Escrever o comentário apropriado; 3) Escolher como quero aparecer nos comentários: com ID, conta Google, anónimo, etc. 4) Clicar no botão 'Postar comentário'; 5) Esperar... porque demora; 6) Escrever as irritantes letras todas torcidas; 7) Clicar no botão 'Enviar ou postar comentário'... O mais certo é ter-me esquecido de algum dos passos. Dá trabalho.

Estou tão fora de moda e sou tão antigo, que respondo aos comentários que me deixam aqui no blogue! Diga-se que um pequeno grupo de blogues com quem convivo mais de perto, também o faz. Talvez por isso, tenhamos prazer em nos acompanharmos uns aos outros.

Isto para dizer que agora está na moda o concept «escreve-aí-que-eu-leio-e-aprovo-teu-comentário-mas-não-respondo». Está a perder-se aquilo que melhor definia a blogoesfera: a comunicação virtual e, eventualmente, o estabelecimento de boas amizades. Agora, parece que as coisas resumem-se a marketing digital à procura da tal «monetização».

Eram Mercúrios (clicar) bem estimulados, que trabalhavam a sua condição principal: comunicavam e interagiam. Faziam Hermes funcionar. É certo que cada pessoa usa o livre-arbítrio como entender.

A actual tendência, já muito generalizada [excepto entre os blogues de poesia e de mamãs de bébes] é portarem-se de forma distante. Será arrogância, ignorância, má educação, complexos de superioridade? Ou simples seguidismo de uma moda recentemente criada por uns quantos blogues com muito movimento? Os muito comentados fazem isso e nós, pequenos blogues, também? Disparate! Conheço alguns desses blogues muito visitados e comentados do tempo em que ainda respondiam a todos os comentários.

Assim, aos poucos, vou perdendo o prazer de conviver e comunicar. Nem sequer posso levar à conta de um Mercúrio mal aspectado no mapa natal. É outra coisa.


Enquanto puder, manterei neste blogue, o modelo antigo dos comentários, onde eu posso escolher não obrigar os meus visitantes a preencherem letrinhas distorcidas e onde apareçam os seus avatares, a individuação visual de cada um na blogoesfera.


Mas tenho que me modernizar ou, de preferência encerrar a zona de comentários.

Este post tinha sido publicado em 29-4-2009, mas mantém-se actual.

56 comentários:

Maria de Fátima disse...
26 de abril de 2009 às 12:13  

Olá António quando eu visito um blogue gosto de deixar o meu comentário e também gosto que o dono responda a ele.Assim é que se vão fazendo amizades virtuais, o que é muito enriquecedor.Beijinhos e bom domingo.

adriana disse...
26 de abril de 2009 às 12:23  

Liga não, António!
Alguns comentam... É o que importa!
Bom domingo!

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 12:30  

Maria de Fátima

Também gosto que o dono diga «alô». Ando na «bloga» há vários anos e tenho apreciado este encaminhamento actual.

Não percebo a mentalidade. Mas a verdade é que eu tenho um Mercúrio muito activo - :):)

Bom domingo.

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 12:32  

Adriana

Eu sei que há alguns que respondem. São esses que acompanho mais de perto.

E tenho conhecido blogues maravilhosos, como o seu.

Bom domingo.

Adelaide Figueiredo disse...
26 de abril de 2009 às 13:15  

António,

Gosto dos blogues que respondem. O 1º blogue que visitei na minha vida foi o seu. Foi esse encanto de poder falar e ser escutada e de interagirmos é que faz o "encanto" as amizades. Saber que se deixa um comentário a alguém ou que se vai ler o que alguém escreveu para nós é o sumo da comunicação, da partilha.
A imagem que colocou neste post está muito bem apanhada:) Para bom entendedor meia palavra basta.

Desejo-lhe um bom domingo.

Abraço

Ana Cristina disse...
26 de abril de 2009 às 13:33  

António ahahha tem toda a razão e mais já deixei de deixar comentários depois de as complicações de que fala começarem a aparecer. Enfim cada um saberá de si mas existe sempre a hipótese do dono casa apagar os comentários que quiser...ou vedar esta opção :-)...agora se o quer facilite a quem não está habituado a estes ambientes. Abraço

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 13:54  

Aelaide,

Sabe que foi a imagem que me levou ao texto? Queria falar de Mercúrio, mas muito ao de leve e aproveitei para comentar o que observo na bloga actual.

Não sei se é moda ou se vai virar regra.

Bom domingo

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 14:01  

Ana Cristina

Eu compreendo a moderação de comentários. Não a pratico, mas compreendo.

Até à data não tive necessidade de usar a moderação. Também faço o contrário: há post que simplesmente vedo a comentários.

Tenho tido a sorte deste blogue não ter tido até ao momento comentários grosseiros. Houve um caso, que simplesmente apaguei. Em mais de 4 mil comentários, não está mal.

Ainda irão surgir mais complicações desta natureza na bloga. Para já noto que estão a complicar em vez de facilitar.

bom domingo

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...
26 de abril de 2009 às 15:20  

Antônio

Mas isso é que é grande "sacada" só visitamos o blog quando somos respondidos...

Puxa, pensamos... Se importam... Sou ouvida por alguém... è mais um amigo (a)... Mesmo que o início possa começar timimamente depois a amizade vai se deabrochando...

Você por exemplo foi o rimeiro junto do Elias Mendes que visitou o meu blog foi seguidor e eu toda envergonhada pensei: "NOssa dois astróloigos experientes e eu aqui ainda retomando estudos atrasados... aff não posso escrever feio hehehehe...."

Mas fiquei super feliz!

E me conquistou que passei a visitá-lo sempre, mas comentar demorou mais um pouco... Agora, escrevo igual uma máquina de escrever... se desse para falar seria uma matraca...

E ainda mais, voês sabem de muita coisa que muita gente que convive comigo nunca imaginou saber...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Grande abraço

Christiane :)

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 16:57  

Olá Christiane

Muito agradecido pela suas palavras. Conheci o seu blogue de astrologia através do Elias. Sei que tem mais 2 blogues, mas não os conheço bem.

Sei que este assunto dos comentários é muito polémico e cada pessoa tem a sua opinião.

A minha opinião é muito simples: respondo aos comentários que me deixam no blogue.

Quanto aos meus comentários nos outros blogues, também é muito simples: quando percebo que o autor do blogue visitado é daqueles que não responde aos comentários, não volto a comentar. Parece-me justo.

Não estou a dizer que não leio. Apenas que não comento. Por exemplo, através do Google Reader.

Espero que esta sua frase - «Mas isso é que é grande "sacada" só visitamos o blog quando somos respondidos...» - não seja uma conclusão da sua leitura a este post! Em nenhum momento foi minha intenção afirmar tal coisa.

Seja sempre bem-vinda.

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...
26 de abril de 2009 às 17:59  

kkkkkkkkkk

Eu sei disso! Foi só uma expressão mesmo, pois você vai se acostumando aos poucos com o mundo virtual...

Eu mesma ainda estou me acostumando ainda hehehehe...

O engraçado é que podemos perceber que os semelhantes se atraem... Além deste blog possuo mais 4 e com isso acabo conhecendo pessoas das mais diferentes opiniões, conceitos e visões de mundo...

Isso para mim é maravilhoso, pois de alguma forma todos possuem algo parecido, semelhante comigo também... E que de alguma forma somos preenchidos com isso

Então essa "sacada" quis dizer como "a minha ficha caiu" hehehehe... Não como algo pensado, manipulado... Aqui é mais meu ascendente em peixes falando, pois este ano estou clamando por mais liberdade então estou deixando as águas me levarem de alguma forma...

Entendeu?

Mas a minha terra está com medo tb...hehehe.. E o fogo, então adorando, nãovendo a hora de poder explodir...kkkkkkk

Mas eu adoro tudo isso e estou aprendendo MUITOOOO com todos vocês!

:) Chris

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 18:18  

Olá Chris

Imaghinei que essa frase fosse apenas isso - uma expressão.

Como o ascendente meu é Touro, imagine! Sou mesmo terra-a-terra. Ao ponto de escrever o que penso...

Se 1 blogue me dá tanto trabalho, e requer quase dedicação exclusiva, imagino o que seja ter vários.

lol

Beijo

€ster disse...
26 de abril de 2009 às 18:26  

Oi querido Urso António!

Entendo perfeitamente suas ponderações, dissestes tudo o que pensamos mas não materializamos em palavras, fora que as letras para o link comentários são pequeninas e é difícil de achar muitas vezes em determinados blogs com poluição visual,
mas, pessoalmente, nada me tira o prazer de visitar blogs afins e deixar meus sinceros e espontâneos comentários, pois sou entendedora do prazer que isso dá aos senhores blogueiros,


Amigo, estou passando também para pedir um favorzinho, se for possível e der prá vc votar no meu blog nesse link abaixo, vou te agradecer muito!

http://elainegaspareto.blogspot.com/

obrigada viu...!


forte abraço e ótimo domingo!

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 18:40  

€ster

Já deixei o voto nesse endereço. Vc vai à frente com 37%. É merecido.

Hanah disse...
26 de abril de 2009 às 19:01  

Olá Antonio,
acho válido o que você disse, apesar de não responder diretamente no blog,
gosto de ir ao blog de quem me e lá postar...
Tenho vários amigos de muito tempo na blogsfera que também tem esse tipo de atitude e já se vão 5 anos, para mais...acho até que ando em "falta" com alguns deles.

Enfim, acho que tudo isso é muito relativo...

principalmente se eu estiver passando por um trânsito daqueles...:))

;)

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 19:52  

Hanah

Claro que é tudo relativo. Nem sequer é importante para as nossas vidas.

Pretendi apenas emitir a minha opinião. Pelo menos algumas pessoas ficam a saber porque não deixo comentários em meia dúzia de blogues. :)

Obrigado por ter comentado.

irradiandoluz disse...
26 de abril de 2009 às 20:45  

Com você aprendo todos os dias.
Estou tentando ficar "tão forada da moda" quanto você. Só me falta tempo pra responder todo mundo, espero que não se sintam despresitigados.

Abração
Gabriel Dread

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 21:01  

Gabriel

Ainda bem que vim ver se havia comentários e encontrei o seu, pois ia já desligar o computador sem conferir nada.

«estar fora de moda». :)))

Abraço

Maria Paula Ribeiro disse...
26 de abril de 2009 às 21:33  
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Paula Ribeiro disse...
26 de abril de 2009 às 21:35  

oi oi,

Não posso dar a minha opinião, lol Está em segredo de justiça!

Mas que é perda de tempo aqueles rabiscos que nos obrigam a escrever antes de ir os comentários....é de pôr os cabelos em pé!
Se em média eu demoro 5 segundos para isso (quando tudo corre bem, não vá por vezes acontecer de voltar a pedir), faço 10 comentários por dia, ao fim de 7 dias dá quase 6 minutos. Ao fim de um ano dá cerca de 5 horas!

Já imaginaste a perda de tempo. O que se faz de bom em 5 horas??????

;-)))

kiss

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 21:49  

Maria Paula

Isso dos rabiscos põe-me louco. Não vejo bem e à noite mesmo com os óculos é certo e sabido que troco letras.

:)

António Rosa disse...
26 de abril de 2009 às 21:50  

PAULA

Na próxima semana, ali à direita: «a comandante do Babdarravet».

:::

Samsara disse...
26 de abril de 2009 às 22:11  

Olá António

Apoiado! Tens o meu voto nestas eleições LOL
Fora de brincadeiras, acho que tens toda a razão.
Eu também estou out.

Beijinhos

Fada Moranga disse...
26 de abril de 2009 às 22:11  

Ola Antonio! Bom tema. Quando comecei nao percebia nada de comentarios. Por vezes deixava comentarios semeados mas como nao sabia que fazendo o "pre-visualizar" se podia colocar uma cruzinha para receber os proximos comentarios no nosso email... andei a semear Mercurio ao vento! :-) E quando alguem me deixava um comentario eu costumava responder por email. E como nunca perguntava nada a ninguem... So ha pouco tempo compreendi. Em boa hora!
Realmente as letrinha torcidas e a moderacao nao tem grande piada. Assim como nao tem piada receber comentarios feitos por um computador qualquer a fazer publicidade pura e dura. Por isso coloquei as letrinhas. Mas hoje, e em sua homenagem, vou tira-las. :-)
Um grande bem haja!
Beijos***de Fada

Joana disse...
26 de abril de 2009 às 22:55  

Olá António,

Estou como tu. Também gosto da interecção criada com os comentários. Gosto de responder a quem comenta aquilo que coloco no blog. Há conta dessa interacção já me diverti imenso e já fiz novos amigos. :)

Angel of Light disse...
26 de abril de 2009 às 23:09  

Olá querido Ursinho Rosa!

Tenho tido pouco tempo para andar no mundo dos blogs a visitar os meus amigos virtuais (bem, tu já não és virtual, pois já tive o prazer de te conhecer). Até o meu próprio blog tem saudades minhas... e tuas também... mas, de facto, há coisas que vão surgindo na vida duma mãe de 3 crianças "de um novo mundo" que limitam o tempo ilusório onde temos de viver na 3ª dimensão.

Como te compreendo em relação ao novo tipo de comentários criados. Já cheguei a comentar e entro em parafuso com tantos passos... :(

Mas existem tantas pessoas neste mundo virtual que, mesmo com o formato antigo de comentários, não respondem a ninguém, seja no seu próprio blog, seja no blog da pessoa em questão. Eu nunca adoptei o sistema de responder aos comentários que me deixam no meu próprio blog. Prefiro deslocar-me ao blog da pessoa. É uma opção que tomei após ter reflectido sobre o assunto. Compreendo e respeito quem não concorde comigo, da mesma forma que compreendo e respeito quem faz o contrário.

Mas tenho pena de ler alguns comentários que me deixam, onde se percebe, a léguas, que a pessoa nem leu o meu post... deixando palavras que não fazem qualquer sentido. Por vezes até só poesias suas deixam... copy, paste, copy, paste e lá vão eles de blog em blog fazendo copy, paste... Publicidade? Precisam de se afirmar assim tanto? ... Mas também compreendo e respeito, porque cada um age de acordo com o seu grau de consciência... Não posso fazer nada... Paciência, é lá com eles.

Nunca coloquei a moderação de comentários no meu blog. Cada um é livre de escrever o que quiser (se bem que me entristece o que disse acima, mas respeito) e nem tão pouco tenho receio do que quer que seja. Se houver alguma coisa menos própria, apago. Tal como tu, ainda só apaguei um comentário até hoje, apesar de andar por aqui a pouco mais de um ano.

Outra coisa também que nunca barrei no meu blog são os comentários anónimos. Se a pessoa quer comentar e ser anónima, é lá com ela. Não tenho nada contra, nem a favor e, mais uma vez, só age de acordo com o seu grau de consciência. Respeito também. Mas há quem não permita esse tipo de comentários. Pergunto eu porquê? O livre-arbítrio não é sagrado? Respeitemos os outros nas suas atitudes.

E já que estamos a falar de blogues, permite-me reflectir aqui sobre uma questão, que é a dos ditos "Seguidores". Já me apercebi que existem vários bloguistas que se colocam seguidores de qualquer blog que visitem, só para serem "conhecidos". Será possível que uma pessoa possa ser seguidora de mais de 100 blogs?!?!?! Bem, não deve fazer mais nada!!! E, muitas vezes, nem nunca comentam... quanto mais ler o que escrevemos. Ser seguidor pressupõe isso mesmo - ser seguidor... e alguma coisa deve haver para dizer. Mas enfim... é o mundo dos blogues, que tão parecido é com o mundo "real" em que vivemos nesta aventura humana ... onde muitos Egos fazem as suas delícias!

Beijinhos de Amor e Luz!

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 08:51  

Olá Samsara

Para um post de domingo até fiquei surpreendido que houvesse comentários. A Festa da flor deve ter sido linda. Vi alguma coisa pela RTP.

Os comentários nos blogues sempre foram assunto escaldante.

A «percepção» geral do que é ser-se visitado e comentado nos blogues é muito neptuniana.

Beijo

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 08:52  

Olá Fada,

Este tema veio atrás da ilustração que a enocntrei por aí.

Gostei da tua história e isso de responder por email é muito engraçado. Nunca fiz isso, mas já me aconteceu receber emails. Quando isso acontece aproveito a oportunidade para explicar como esta coisa devria funcionar.

Não gosto nada das letrinhas torcidas, mas como a percentagem de comentários de robot é insignificante prefiro não usar letras. Até nem me importo, pois dá-me o significado de que o endereço do blogue está bem espalhado nos motores de busca. Obviamente, a esse não respondo - :)

Beijo

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 08:52  

Olá Joana

Não há nada como interagir com quem nos comenta. Uma coisa leva à outra e com a continuidade da relação, vamos ampliando o nosso universo.

Beijo

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 09:15  

Olá Angel

Imagino o complicado que deve ser com 3 crianças em casa. É bem melhor do que ter um blogue. :)

As pessoas que não deixam comentários em lado algum, nem respondem aos comentários de quem os visita, obviamente está a pedir para deixar de ser comentado. Era o que eu faria. Se fosse um blogue muito bom de conteúdo, puxaria um feeds para o meu Google Reader e assim leria à distância, sem me deslocar até lá nem a trabalheira dos cliques.

Acompanhei o teu blogue desde o início e durante bastante tempo deixei comentários. Como percebi que eras das pessoas que não respondia aos comentários deixei de os fazer e só muito ocasionalmente é que o faço, mais para sentires que continuo a ler-te.

Como eu respondi sempre aos teus comentários no meu blogue...

E assim, aos poucos, decidi usar o teu feeds no meu Google Reader. É isso: a certa altura passaste a fazer parte daquele numeroso grupo de blogues que leio à distância.

Como deixei de te comentar, o que fizeste foi deixar de deixares comentários no meu.

Nem percebeste que a situação se tinha invertido.

Porque estavas na boa a fazer isto: «comento no teu e tu comentas no meu». Para muitos blogues isso funciona como uma troca. Isso, para mim, é uma forma de coleccionar comentários.

Por isso, coleccionar ou seguir começam a ser sinónimos, gostei quando apareceu o seguidores. Pelo menos é automático e recebemos directamente num agregador de feeds. No meu caso, no Google Reader. Há outros. O Bloglines, por exemplo.

Ainda me lembro do início do teu blogue...

Acabei de pôr o meu Urso no teus seguidores, para formalizar e constar. Pois na verdade, já tinha tirado o teu feeds muito antes de aparecerem os «seguidores»... :)

Quanto aos copy paste de muitos bloguistas, isso compreendo: estão em campanha... é justo dar-lhes espaço. O necessário é estarmos atentos para percebermos se só fazem isso. Aqui mesmo, hoje mesmo, tenho um comentário de campanha da Ester. Levo isso na boa, mas presto atenção.

Sim, é possível uma pessoa seguir mais de 100 seguidores. Se escolhes ver seguidores no back office do teu próprio blogue, podemos enlouquecer. O melhor mesmo é abrirmos conta num agregador de feeds (Reader = Leitor) e criar pastas temáticas como eu fiz. E ir acompanhando consooante as possibilidades. Eu tenho mais de 100 feeds diferentes... lol dou-me bem com isso. Mas só visito uma pequena parte... é a consequência

Beijos e volta sempre, pois és sempre bem-vinda.

Hoje vou fazer um comentário no teu blogue, como demonstrativo de boa vizinhança.

Beijo

Angel of Light disse...
27 de abril de 2009 às 11:44  

Olá querido amigo António!

Fiquei bastante surpresa com a tua resposta ao meu comentário aqui deixado, mas tudo bem. Penso que me interpretaste mal. Só tenho de te pedir desculpa, pois não estava a criticar fosse o que fosse. Mas digo-te do fundo do coração, entristece-me virem dizer-me que... "Como deixei de te comentar, o que fizeste foi deixar de deixares comentários no meu.
Nem percebeste que a situação se tinha invertido."... Não vou estar aqui a justificar-me, porque entendo que não tenho de o fazer, mas digo-te, bastante triste, que estás redondamente enganado e é injusto o que dizes acerca de mim. Mas cada um é livre de pensar aquilo que quiser e age de acordo com o seu grau de consciência. Não posso condenar. Só tenho de respeitar a tua opinião... embora não concorde com ela.

Mesmo tendo pouco tempo para andar por aqui, venho lendo o teu, sempre que posso. Até te digo que achei imensa piada ao desafio- entrevista que lançaste há tempos a alguns blogs. Até cheguei a ir ao blog da Astrid ler a tua entrevista e até me fartei de rir, porque és daqueles blogueiros que aprecio pelo seu humor bem pertinente... Mas tudo bem.

Não sei o que são feeds, google readers, nem criar pastas disto ou daquilo, etc... Noutro dia andei às aranhas, porque nem um video sabia colocar no blog. Mas também não tenho como objectivo "licenciar-me" em blogs. Estou satisfeita com o pouco que sei fazer e não me envergonho nada de dizer que não sei fazer mais. Quem me criticar por isso, é lá com ele. Para vir ao teu blog, basta clicar no link que permanece na lista de amigos que tenho no blog. A "Cova do Urso" está lá desde que abri o blog. Mas acredita que fico muito feliz por ti, por perceberes tanto disto e teres tempo para te dedicares a sério, coisa que eu não tenho.

Saiu daqui bastante triste com algumas das tuas palavras, mas só tenho de compreender, respeitar e aceitar. O Universo quando serve, serve ao mais alto nível.

Continuarei a ler-te como sempre fiz, deixando ou não comentários.

Beijinhos de Amor e Luz!
Rita

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 12:55  

Rita, Angel

Como te compreendo! Mais do que imaginas.

Percebi o tom deste teu último comentário. E pensei muito se deveria contra-argumentar.

Concluí que não o faria, pois desviaste-te do assunto principal.

Nada disto é relevante.

Sei o esforço notável que fizeste para o dares a conhecer o teu blogue.

Fica tranquila. E em paz. Tal como eu estou.

Nanda Botelho disse...
27 de abril de 2009 às 17:30  

Oi António!

Eu escolhi responder no blog do outro pois assim fica mais fácil. Tenho certeza que assim ele/ela vai ler.

Eu mesmo comento em muitos blogs e depois fico com dificuldade de voltar para ver de um por um se a pessoa respondeu, eu já fiz assim, mas dá muito trabalho.

Com o seu é diferente porque vi que responde sempre, então espero um pouco e volto, na certeza de ter um retorno.

Eu procuro agradecer as visitas, comentários e adesões toda vez que as vejo, acho legal faz parte da brincadeira!

E também aboli, as letrinhas, a moderação e tudo que poderia atrapalhar alguém de comentar.

Estou começando e aprendendo tudo aos poucos.

Um abraço!

Eu volto depois para ler sua resposta!

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 17:55  

Olá Nanda

Creio que cada pessoa tem a sua forma de se expressar e comunicar com os outros.

Desde que não se exija dos outros aquilo que não conseguimos fazer, por mim está tudo.

Fui bastante claro no meu post. Gosto de responder a cada pessoa que deixa um comentário. Não são tantos assim.

Vc está a ir muito bem no caminho de divulgar o seu blogue. Parabéns.

Quando vier a este blogue deixar um comentário, não precisa voltar segunda vez para ver se respondi. Para isso deve fazer o seguinte:

- depois de escrever o seu comentário, e antes de clicar no botão «Publicar o seu comentário» deve clicar dentro quadradinho que diz isto «Enviar comentários posteriores para o endereço de correio electrónico»

Quando eu responder vc irá receber um email informando da minha resposta.

Tem uma coisa que pode ser um inconveniente: também recebe email de todos os comentários havidos aqui após ter deixado o seu.

Abraço

joana disse...
27 de abril de 2009 às 18:08  

António...
e eu tão fora de moda que nem blog tenho : )))
(para que não me confunda) ; )
beijinho e boa semana

FadaMoranga disse...
27 de abril de 2009 às 18:52  

Antonio, o peixinho no aquario causou estah a fazer correr muita tinta... :-) Ja tirei as letrinhas torcidas dos meus. Estah tudo mais acessivel.

Bem haja!
Beijos***de Fada

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 19:09  

Joana

Não forma de a confundir. Não seria possível tal coisa.

Gostei dessa de «fora de moda».:)))

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 19:15  

FadaMoranga

(não confundir com a que tem um espacinho entre as palavras)!!!

Pois é! Nunca imaginei que um post destes, sem interesse nenhum pudesse provocar tanta corrente de informação.

Só pode ser porque Vénus está de novo em Áries, no grau zero.

Tenho passado bem.

Ainda bem que as letrinhas foram dar uma pequena volta. Não fazem falta, para já.

Beijo

marcelo dalla disse...
27 de abril de 2009 às 20:16  

Olá Antônio! Ainda estou engatinhando nesse universo "bloguístico", é como descobrir um mundo novo. Antes apenas postava, mas não interagia com outros blogues. Gostei muito do seu espaço tb, está estabelecida a conexão! E por favor, será um prazer e uma honra ter meu link aqui. Abraço!

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 20:26  

Marcelo

Muito obrigado por estar aqui a deixar um comentário. Como já lhe disse, gostei muito do seu blogue.

Para mim é um momento de felicidade quando encontro um blogue muito bem feito onde também se fala de astrologia. É o seu caso.

Seja-vindo à bloga aqui por Portugal.

Abraço

Fatima disse...
27 de abril de 2009 às 20:52  

Oi António,
gostei muito do seu blog.
Gostaria de te convidar para conhecer o meu. Será um prazer receber a sua visita.
Bjs.

António Rosa disse...
27 de abril de 2009 às 20:59  

Olá Fátima

Seja bem-vinda. Já fui conhecer o seu blogue. Tem conteúdo muito interessante. Coloquei-me nos seus seguidores.

Abraço

irradiandoluz disse...
27 de abril de 2009 às 23:25  

UFA!

Respondi uns 50 comentários antigos no Irradiando Luz hoje!
Inclusive alguns seus António!

Valeu mais uma vez pelo toque "sutil"

Abração
Gabriel Dread
cada vez mais fora de moda! :-)

Maria Paula Ribeiro disse...
28 de abril de 2009 às 00:34  

;-(

Hoje estou off de tanto trabalho.
Afinal o Blogblogs, é tipo twitter, ou facebook??? Ou é diferente?

Só vi mesmo por alto mas hoje não estou mesmo com cabeça....

kiss

Isa Grou disse...
28 de abril de 2009 às 00:59  

Olá António,

"Estou tão fora de moda e sou tão antigo, que respondo aos comentários que me deixam aqui no blogue!"
......se é assim acho que eu também sou António....(risos)

Acredito que é fundamental "trocarmos", ideias (agora sem o acento), opiniões, conhecimentos se realmente queremos interagir....... e isso é feito através de receber e responder os comentários, que seja por um "olá!".....

Gostei muito desse post.

Abraços.

Táxi Pluvioso disse...
28 de abril de 2009 às 06:40  

A gripe! Ela já andava aí...

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:29  

Gabriel

Isso é que foi actualizar o blog.

Sabe o que penso sobre blogues, em linhas gerais?

São assuntos muito nossos e de nossa intimidade, pelo menos aquela que pode ser exposta publicamente. Mas sem dúvida que revela nosso pensamento, nossa estática, nossa forma de estar no mundo, etc.

Sabemos cuidar de um filho. Também sabemos cuidar de um animal de estimação. Porque são seres vivos e amados por nós.

Obviamente, um blogue não é um ser vivo, nem é comparável a um filho e a um animal de estimação. No entanto, é «coisa» nossa.

Quando escrevemos um post ou um comentário emitimos energia para o universo. Umas vezes é positiva outras negativa. Tal como na vida do dia-a-dia... Porque aquilo que pensamos ou falamos repercute no Universo e retorna a nós. Um blogue é igual. Faz parte de nós e sai de nós. Nos comentários é igual. Ainda mais na internet que é o éter por excelência.

Isto tudo para lhe dizer que ao ter actualizado os tais 50 comentários, a sua aura deve ter ficado imensamente dourada e limpou pequeno carma. Que pena estes templates modernos não permitirem que quem escreveu receba as respostas.

Ontem fui visitar 4 super-blogues (2 portugueses e 2 brasileiros) dos que habitualmente não respondem. 3 deles mantêm a mesma política de superioridade, achando que os seus leitores são cosias menores e insignificantes. Um delas resolveu responder selectivamente, ou seja, respondeu a 2 ou 3 (de blogues muito conhecidos) e aos outros, pobre mortais, nada de nada... Assim do estilo: tu e eu viajamos na classe económica. Depois há os que viajam na executiva com direitos e mordomia superiores. :))))

Grande abraço

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:31  

Maria Paula

Depois explico-te a vantagem de divulgarmos o nosso bloge no blogblogs. Mas é um processo simples.

Beijo

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:33  

Isa

Ainda bem que veio porque assim aproveito para lhe pedir que venha aqui ao blogue amanhã, quarta-feira, porque a entrevista da Shin Tao, do «Grimoire» refere o seu blogue como um dos que ela aprecia e explica a razão.

Tenho um bom dia.

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:33  

Taxi

É uma gripe forte, mas como muito bem sabe, há muitas espécies de gripe.

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:35  

Gabriel

Eu queria dizer «nossa estética» e não «nossa estática».

:):)

António Rosa disse...
28 de abril de 2009 às 08:38  

Paula

Não vou fazer nenhum post a ensinar a usar Blogblogs, mas só para te dizer que sinto a vossa falta por lá. A tua madrinha já lá está.

Nanda Botelho disse...
2 de maio de 2009 às 01:07  

Oi Antonio só voltei hoje porque estava as voltas com uma blogagem coletiva, foram 3 dias de visitas e comentários estou exausta, mas satisfeita!

Gostei de sua dica! Vou experimentar agora com essa resposta.

Abraço!

Astrid Annabelle disse...
3 de maio de 2013 às 14:02  

Meu querido António!
Fez muito bem em republicar este post.
Esse tema COMENTÁRIOS" é algo que sempre me incomodou. Sou do time que responde todos os comentários. Sinto que se alguém "conversa comigo" eu devo no mínimo agradecer.
Pena que não tem sido assim na blogosfera. E eu parei mesmo de deixar comentários nos blogs que não me davam nenhum retorno.
Gostaria muito de que a interação nos blogues retornasse.
Um beijo...
Astrid Annabelle

António Rosa disse...
3 de maio de 2013 às 18:14  

Querida Astrid

Todos os comentários anteriores ao seu são de 2009. As pessoas gostavam de participar e conversar. Esse espírito acabou. Ainda há um pequeno grupo que se preocupa em deixar comentários. A coisa não vai melhorar. Com este layout tive o cuidado de escolher um modelo tipo site que não privilegia os comentários.

Aos poucos irão desaparecer, até que chegará o dia em que serão encerrados.

A Astrid não imagina a quantidade de pessoas que em posts muito antigos me pedem ajuda para lhes ler os mapas. Ainda ontem, uma delas enviou-me uma mensagem pelo FB dizendo que esperou «educadamente» 2 meses para voltar a entrar em contacto comigo, quem pensava eu quem era, coisas assim.

Enviei-lhe o link da página das minhas consultas e de imediato respondeu-me dizendo que agora já era tarde, pois uma OUTRA pessoa que tinha lido o tal comentário de há 2 meses, foi ao blogue dela e ofereceu-se para lhe fazer e ler o mapa natal.

Nada a fazer.

Beijinhos

A.

Filomena Nunes disse...
7 de maio de 2013 às 00:12  

Viva, António Rosa!!

Em 2009 foi precisamente quando comecei a interagir na blogosfera. E, se não estou em erro, o Cova do Urso foi o 1º blog com que me cruzei! E foi também o grande incentivo para que eu abrisse o meu, apesar de ser uma fraca blogueira.. :)

Também foi através dos blogues e das trocas de comentários que tive o grande privilégio de conhecer tanta gente interessante e bonita!!

Sem comentários, não tem o mesmo interesse... sou apologista da troca! É sempre enriquecedora se dentro da boa educação.

Um grande abraço e muitos beijinhos <3

Filomena

PS.: Ah!! E essa coisa das letras tortas eu nunca consegui "desligar" do meu blog... :P

1 de maio de 2013

Estou tão fora de moda que até respondo aos comentários no blogue

Deixarmos um comentário num blogue é uma operação complexa, que tem este step-by-step: 1) Procurar o linque e clicar para abrir a página de comentários; 2) Escrever o comentário apropriado; 3) Escolher como quero aparecer nos comentários: com ID, conta Google, anónimo, etc. 4) Clicar no botão 'Postar comentário'; 5) Esperar... porque demora; 6) Escrever as irritantes letras todas torcidas; 7) Clicar no botão 'Enviar ou postar comentário'... O mais certo é ter-me esquecido de algum dos passos. Dá trabalho.

Estou tão fora de moda e sou tão antigo, que respondo aos comentários que me deixam aqui no blogue! Diga-se que um pequeno grupo de blogues com quem convivo mais de perto, também o faz. Talvez por isso, tenhamos prazer em nos acompanharmos uns aos outros.

Isto para dizer que agora está na moda o concept «escreve-aí-que-eu-leio-e-aprovo-teu-comentário-mas-não-respondo». Está a perder-se aquilo que melhor definia a blogoesfera: a comunicação virtual e, eventualmente, o estabelecimento de boas amizades. Agora, parece que as coisas resumem-se a marketing digital à procura da tal «monetização».

Eram Mercúrios (clicar) bem estimulados, que trabalhavam a sua condição principal: comunicavam e interagiam. Faziam Hermes funcionar. É certo que cada pessoa usa o livre-arbítrio como entender.

A actual tendência, já muito generalizada [excepto entre os blogues de poesia e de mamãs de bébes] é portarem-se de forma distante. Será arrogância, ignorância, má educação, complexos de superioridade? Ou simples seguidismo de uma moda recentemente criada por uns quantos blogues com muito movimento? Os muito comentados fazem isso e nós, pequenos blogues, também? Disparate! Conheço alguns desses blogues muito visitados e comentados do tempo em que ainda respondiam a todos os comentários.

Assim, aos poucos, vou perdendo o prazer de conviver e comunicar. Nem sequer posso levar à conta de um Mercúrio mal aspectado no mapa natal. É outra coisa.


Enquanto puder, manterei neste blogue, o modelo antigo dos comentários, onde eu posso escolher não obrigar os meus visitantes a preencherem letrinhas distorcidas e onde apareçam os seus avatares, a individuação visual de cada um na blogoesfera.


Mas tenho que me modernizar ou, de preferência encerrar a zona de comentários.

Este post tinha sido publicado em 29-4-2009, mas mantém-se actual.

56 comentários:

Maria de Fátima disse...

Olá António quando eu visito um blogue gosto de deixar o meu comentário e também gosto que o dono responda a ele.Assim é que se vão fazendo amizades virtuais, o que é muito enriquecedor.Beijinhos e bom domingo.

adriana disse...

Liga não, António!
Alguns comentam... É o que importa!
Bom domingo!

António Rosa disse...

Maria de Fátima

Também gosto que o dono diga «alô». Ando na «bloga» há vários anos e tenho apreciado este encaminhamento actual.

Não percebo a mentalidade. Mas a verdade é que eu tenho um Mercúrio muito activo - :):)

Bom domingo.

António Rosa disse...

Adriana

Eu sei que há alguns que respondem. São esses que acompanho mais de perto.

E tenho conhecido blogues maravilhosos, como o seu.

Bom domingo.

Adelaide Figueiredo disse...

António,

Gosto dos blogues que respondem. O 1º blogue que visitei na minha vida foi o seu. Foi esse encanto de poder falar e ser escutada e de interagirmos é que faz o "encanto" as amizades. Saber que se deixa um comentário a alguém ou que se vai ler o que alguém escreveu para nós é o sumo da comunicação, da partilha.
A imagem que colocou neste post está muito bem apanhada:) Para bom entendedor meia palavra basta.

Desejo-lhe um bom domingo.

Abraço

Ana Cristina disse...

António ahahha tem toda a razão e mais já deixei de deixar comentários depois de as complicações de que fala começarem a aparecer. Enfim cada um saberá de si mas existe sempre a hipótese do dono casa apagar os comentários que quiser...ou vedar esta opção :-)...agora se o quer facilite a quem não está habituado a estes ambientes. Abraço

António Rosa disse...

Aelaide,

Sabe que foi a imagem que me levou ao texto? Queria falar de Mercúrio, mas muito ao de leve e aproveitei para comentar o que observo na bloga actual.

Não sei se é moda ou se vai virar regra.

Bom domingo

António Rosa disse...

Ana Cristina

Eu compreendo a moderação de comentários. Não a pratico, mas compreendo.

Até à data não tive necessidade de usar a moderação. Também faço o contrário: há post que simplesmente vedo a comentários.

Tenho tido a sorte deste blogue não ter tido até ao momento comentários grosseiros. Houve um caso, que simplesmente apaguei. Em mais de 4 mil comentários, não está mal.

Ainda irão surgir mais complicações desta natureza na bloga. Para já noto que estão a complicar em vez de facilitar.

bom domingo

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...

Antônio

Mas isso é que é grande "sacada" só visitamos o blog quando somos respondidos...

Puxa, pensamos... Se importam... Sou ouvida por alguém... è mais um amigo (a)... Mesmo que o início possa começar timimamente depois a amizade vai se deabrochando...

Você por exemplo foi o rimeiro junto do Elias Mendes que visitou o meu blog foi seguidor e eu toda envergonhada pensei: "NOssa dois astróloigos experientes e eu aqui ainda retomando estudos atrasados... aff não posso escrever feio hehehehe...."

Mas fiquei super feliz!

E me conquistou que passei a visitá-lo sempre, mas comentar demorou mais um pouco... Agora, escrevo igual uma máquina de escrever... se desse para falar seria uma matraca...

E ainda mais, voês sabem de muita coisa que muita gente que convive comigo nunca imaginou saber...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Grande abraço

Christiane :)

António Rosa disse...

Olá Christiane

Muito agradecido pela suas palavras. Conheci o seu blogue de astrologia através do Elias. Sei que tem mais 2 blogues, mas não os conheço bem.

Sei que este assunto dos comentários é muito polémico e cada pessoa tem a sua opinião.

A minha opinião é muito simples: respondo aos comentários que me deixam no blogue.

Quanto aos meus comentários nos outros blogues, também é muito simples: quando percebo que o autor do blogue visitado é daqueles que não responde aos comentários, não volto a comentar. Parece-me justo.

Não estou a dizer que não leio. Apenas que não comento. Por exemplo, através do Google Reader.

Espero que esta sua frase - «Mas isso é que é grande "sacada" só visitamos o blog quando somos respondidos...» - não seja uma conclusão da sua leitura a este post! Em nenhum momento foi minha intenção afirmar tal coisa.

Seja sempre bem-vinda.

Christiane Forcinito Ashlay Silva de Oliveira disse...

kkkkkkkkkk

Eu sei disso! Foi só uma expressão mesmo, pois você vai se acostumando aos poucos com o mundo virtual...

Eu mesma ainda estou me acostumando ainda hehehehe...

O engraçado é que podemos perceber que os semelhantes se atraem... Além deste blog possuo mais 4 e com isso acabo conhecendo pessoas das mais diferentes opiniões, conceitos e visões de mundo...

Isso para mim é maravilhoso, pois de alguma forma todos possuem algo parecido, semelhante comigo também... E que de alguma forma somos preenchidos com isso

Então essa "sacada" quis dizer como "a minha ficha caiu" hehehehe... Não como algo pensado, manipulado... Aqui é mais meu ascendente em peixes falando, pois este ano estou clamando por mais liberdade então estou deixando as águas me levarem de alguma forma...

Entendeu?

Mas a minha terra está com medo tb...hehehe.. E o fogo, então adorando, nãovendo a hora de poder explodir...kkkkkkk

Mas eu adoro tudo isso e estou aprendendo MUITOOOO com todos vocês!

:) Chris

António Rosa disse...

Olá Chris

Imaghinei que essa frase fosse apenas isso - uma expressão.

Como o ascendente meu é Touro, imagine! Sou mesmo terra-a-terra. Ao ponto de escrever o que penso...

Se 1 blogue me dá tanto trabalho, e requer quase dedicação exclusiva, imagino o que seja ter vários.

lol

Beijo

€ster disse...

Oi querido Urso António!

Entendo perfeitamente suas ponderações, dissestes tudo o que pensamos mas não materializamos em palavras, fora que as letras para o link comentários são pequeninas e é difícil de achar muitas vezes em determinados blogs com poluição visual,
mas, pessoalmente, nada me tira o prazer de visitar blogs afins e deixar meus sinceros e espontâneos comentários, pois sou entendedora do prazer que isso dá aos senhores blogueiros,


Amigo, estou passando também para pedir um favorzinho, se for possível e der prá vc votar no meu blog nesse link abaixo, vou te agradecer muito!

http://elainegaspareto.blogspot.com/

obrigada viu...!


forte abraço e ótimo domingo!

António Rosa disse...

€ster

Já deixei o voto nesse endereço. Vc vai à frente com 37%. É merecido.

Hanah disse...

Olá Antonio,
acho válido o que você disse, apesar de não responder diretamente no blog,
gosto de ir ao blog de quem me e lá postar...
Tenho vários amigos de muito tempo na blogsfera que também tem esse tipo de atitude e já se vão 5 anos, para mais...acho até que ando em "falta" com alguns deles.

Enfim, acho que tudo isso é muito relativo...

principalmente se eu estiver passando por um trânsito daqueles...:))

;)

António Rosa disse...

Hanah

Claro que é tudo relativo. Nem sequer é importante para as nossas vidas.

Pretendi apenas emitir a minha opinião. Pelo menos algumas pessoas ficam a saber porque não deixo comentários em meia dúzia de blogues. :)

Obrigado por ter comentado.

irradiandoluz disse...

Com você aprendo todos os dias.
Estou tentando ficar "tão forada da moda" quanto você. Só me falta tempo pra responder todo mundo, espero que não se sintam despresitigados.

Abração
Gabriel Dread

António Rosa disse...

Gabriel

Ainda bem que vim ver se havia comentários e encontrei o seu, pois ia já desligar o computador sem conferir nada.

«estar fora de moda». :)))

Abraço

Maria Paula Ribeiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Paula Ribeiro disse...

oi oi,

Não posso dar a minha opinião, lol Está em segredo de justiça!

Mas que é perda de tempo aqueles rabiscos que nos obrigam a escrever antes de ir os comentários....é de pôr os cabelos em pé!
Se em média eu demoro 5 segundos para isso (quando tudo corre bem, não vá por vezes acontecer de voltar a pedir), faço 10 comentários por dia, ao fim de 7 dias dá quase 6 minutos. Ao fim de um ano dá cerca de 5 horas!

Já imaginaste a perda de tempo. O que se faz de bom em 5 horas??????

;-)))

kiss

António Rosa disse...

Maria Paula

Isso dos rabiscos põe-me louco. Não vejo bem e à noite mesmo com os óculos é certo e sabido que troco letras.

:)

António Rosa disse...

PAULA

Na próxima semana, ali à direita: «a comandante do Babdarravet».

:::

Samsara disse...

Olá António

Apoiado! Tens o meu voto nestas eleições LOL
Fora de brincadeiras, acho que tens toda a razão.
Eu também estou out.

Beijinhos

Fada Moranga disse...

Ola Antonio! Bom tema. Quando comecei nao percebia nada de comentarios. Por vezes deixava comentarios semeados mas como nao sabia que fazendo o "pre-visualizar" se podia colocar uma cruzinha para receber os proximos comentarios no nosso email... andei a semear Mercurio ao vento! :-) E quando alguem me deixava um comentario eu costumava responder por email. E como nunca perguntava nada a ninguem... So ha pouco tempo compreendi. Em boa hora!
Realmente as letrinha torcidas e a moderacao nao tem grande piada. Assim como nao tem piada receber comentarios feitos por um computador qualquer a fazer publicidade pura e dura. Por isso coloquei as letrinhas. Mas hoje, e em sua homenagem, vou tira-las. :-)
Um grande bem haja!
Beijos***de Fada

Joana disse...

Olá António,

Estou como tu. Também gosto da interecção criada com os comentários. Gosto de responder a quem comenta aquilo que coloco no blog. Há conta dessa interacção já me diverti imenso e já fiz novos amigos. :)

Angel of Light disse...

Olá querido Ursinho Rosa!

Tenho tido pouco tempo para andar no mundo dos blogs a visitar os meus amigos virtuais (bem, tu já não és virtual, pois já tive o prazer de te conhecer). Até o meu próprio blog tem saudades minhas... e tuas também... mas, de facto, há coisas que vão surgindo na vida duma mãe de 3 crianças "de um novo mundo" que limitam o tempo ilusório onde temos de viver na 3ª dimensão.

Como te compreendo em relação ao novo tipo de comentários criados. Já cheguei a comentar e entro em parafuso com tantos passos... :(

Mas existem tantas pessoas neste mundo virtual que, mesmo com o formato antigo de comentários, não respondem a ninguém, seja no seu próprio blog, seja no blog da pessoa em questão. Eu nunca adoptei o sistema de responder aos comentários que me deixam no meu próprio blog. Prefiro deslocar-me ao blog da pessoa. É uma opção que tomei após ter reflectido sobre o assunto. Compreendo e respeito quem não concorde comigo, da mesma forma que compreendo e respeito quem faz o contrário.

Mas tenho pena de ler alguns comentários que me deixam, onde se percebe, a léguas, que a pessoa nem leu o meu post... deixando palavras que não fazem qualquer sentido. Por vezes até só poesias suas deixam... copy, paste, copy, paste e lá vão eles de blog em blog fazendo copy, paste... Publicidade? Precisam de se afirmar assim tanto? ... Mas também compreendo e respeito, porque cada um age de acordo com o seu grau de consciência... Não posso fazer nada... Paciência, é lá com eles.

Nunca coloquei a moderação de comentários no meu blog. Cada um é livre de escrever o que quiser (se bem que me entristece o que disse acima, mas respeito) e nem tão pouco tenho receio do que quer que seja. Se houver alguma coisa menos própria, apago. Tal como tu, ainda só apaguei um comentário até hoje, apesar de andar por aqui a pouco mais de um ano.

Outra coisa também que nunca barrei no meu blog são os comentários anónimos. Se a pessoa quer comentar e ser anónima, é lá com ela. Não tenho nada contra, nem a favor e, mais uma vez, só age de acordo com o seu grau de consciência. Respeito também. Mas há quem não permita esse tipo de comentários. Pergunto eu porquê? O livre-arbítrio não é sagrado? Respeitemos os outros nas suas atitudes.

E já que estamos a falar de blogues, permite-me reflectir aqui sobre uma questão, que é a dos ditos "Seguidores". Já me apercebi que existem vários bloguistas que se colocam seguidores de qualquer blog que visitem, só para serem "conhecidos". Será possível que uma pessoa possa ser seguidora de mais de 100 blogs?!?!?! Bem, não deve fazer mais nada!!! E, muitas vezes, nem nunca comentam... quanto mais ler o que escrevemos. Ser seguidor pressupõe isso mesmo - ser seguidor... e alguma coisa deve haver para dizer. Mas enfim... é o mundo dos blogues, que tão parecido é com o mundo "real" em que vivemos nesta aventura humana ... onde muitos Egos fazem as suas delícias!

Beijinhos de Amor e Luz!

António Rosa disse...

Olá Samsara

Para um post de domingo até fiquei surpreendido que houvesse comentários. A Festa da flor deve ter sido linda. Vi alguma coisa pela RTP.

Os comentários nos blogues sempre foram assunto escaldante.

A «percepção» geral do que é ser-se visitado e comentado nos blogues é muito neptuniana.

Beijo

António Rosa disse...

Olá Fada,

Este tema veio atrás da ilustração que a enocntrei por aí.

Gostei da tua história e isso de responder por email é muito engraçado. Nunca fiz isso, mas já me aconteceu receber emails. Quando isso acontece aproveito a oportunidade para explicar como esta coisa devria funcionar.

Não gosto nada das letrinhas torcidas, mas como a percentagem de comentários de robot é insignificante prefiro não usar letras. Até nem me importo, pois dá-me o significado de que o endereço do blogue está bem espalhado nos motores de busca. Obviamente, a esse não respondo - :)

Beijo

António Rosa disse...

Olá Joana

Não há nada como interagir com quem nos comenta. Uma coisa leva à outra e com a continuidade da relação, vamos ampliando o nosso universo.

Beijo

António Rosa disse...

Olá Angel

Imagino o complicado que deve ser com 3 crianças em casa. É bem melhor do que ter um blogue. :)

As pessoas que não deixam comentários em lado algum, nem respondem aos comentários de quem os visita, obviamente está a pedir para deixar de ser comentado. Era o que eu faria. Se fosse um blogue muito bom de conteúdo, puxaria um feeds para o meu Google Reader e assim leria à distância, sem me deslocar até lá nem a trabalheira dos cliques.

Acompanhei o teu blogue desde o início e durante bastante tempo deixei comentários. Como percebi que eras das pessoas que não respondia aos comentários deixei de os fazer e só muito ocasionalmente é que o faço, mais para sentires que continuo a ler-te.

Como eu respondi sempre aos teus comentários no meu blogue...

E assim, aos poucos, decidi usar o teu feeds no meu Google Reader. É isso: a certa altura passaste a fazer parte daquele numeroso grupo de blogues que leio à distância.

Como deixei de te comentar, o que fizeste foi deixar de deixares comentários no meu.

Nem percebeste que a situação se tinha invertido.

Porque estavas na boa a fazer isto: «comento no teu e tu comentas no meu». Para muitos blogues isso funciona como uma troca. Isso, para mim, é uma forma de coleccionar comentários.

Por isso, coleccionar ou seguir começam a ser sinónimos, gostei quando apareceu o seguidores. Pelo menos é automático e recebemos directamente num agregador de feeds. No meu caso, no Google Reader. Há outros. O Bloglines, por exemplo.

Ainda me lembro do início do teu blogue...

Acabei de pôr o meu Urso no teus seguidores, para formalizar e constar. Pois na verdade, já tinha tirado o teu feeds muito antes de aparecerem os «seguidores»... :)

Quanto aos copy paste de muitos bloguistas, isso compreendo: estão em campanha... é justo dar-lhes espaço. O necessário é estarmos atentos para percebermos se só fazem isso. Aqui mesmo, hoje mesmo, tenho um comentário de campanha da Ester. Levo isso na boa, mas presto atenção.

Sim, é possível uma pessoa seguir mais de 100 seguidores. Se escolhes ver seguidores no back office do teu próprio blogue, podemos enlouquecer. O melhor mesmo é abrirmos conta num agregador de feeds (Reader = Leitor) e criar pastas temáticas como eu fiz. E ir acompanhando consooante as possibilidades. Eu tenho mais de 100 feeds diferentes... lol dou-me bem com isso. Mas só visito uma pequena parte... é a consequência

Beijos e volta sempre, pois és sempre bem-vinda.

Hoje vou fazer um comentário no teu blogue, como demonstrativo de boa vizinhança.

Beijo

Angel of Light disse...

Olá querido amigo António!

Fiquei bastante surpresa com a tua resposta ao meu comentário aqui deixado, mas tudo bem. Penso que me interpretaste mal. Só tenho de te pedir desculpa, pois não estava a criticar fosse o que fosse. Mas digo-te do fundo do coração, entristece-me virem dizer-me que... "Como deixei de te comentar, o que fizeste foi deixar de deixares comentários no meu.
Nem percebeste que a situação se tinha invertido."... Não vou estar aqui a justificar-me, porque entendo que não tenho de o fazer, mas digo-te, bastante triste, que estás redondamente enganado e é injusto o que dizes acerca de mim. Mas cada um é livre de pensar aquilo que quiser e age de acordo com o seu grau de consciência. Não posso condenar. Só tenho de respeitar a tua opinião... embora não concorde com ela.

Mesmo tendo pouco tempo para andar por aqui, venho lendo o teu, sempre que posso. Até te digo que achei imensa piada ao desafio- entrevista que lançaste há tempos a alguns blogs. Até cheguei a ir ao blog da Astrid ler a tua entrevista e até me fartei de rir, porque és daqueles blogueiros que aprecio pelo seu humor bem pertinente... Mas tudo bem.

Não sei o que são feeds, google readers, nem criar pastas disto ou daquilo, etc... Noutro dia andei às aranhas, porque nem um video sabia colocar no blog. Mas também não tenho como objectivo "licenciar-me" em blogs. Estou satisfeita com o pouco que sei fazer e não me envergonho nada de dizer que não sei fazer mais. Quem me criticar por isso, é lá com ele. Para vir ao teu blog, basta clicar no link que permanece na lista de amigos que tenho no blog. A "Cova do Urso" está lá desde que abri o blog. Mas acredita que fico muito feliz por ti, por perceberes tanto disto e teres tempo para te dedicares a sério, coisa que eu não tenho.

Saiu daqui bastante triste com algumas das tuas palavras, mas só tenho de compreender, respeitar e aceitar. O Universo quando serve, serve ao mais alto nível.

Continuarei a ler-te como sempre fiz, deixando ou não comentários.

Beijinhos de Amor e Luz!
Rita

António Rosa disse...

Rita, Angel

Como te compreendo! Mais do que imaginas.

Percebi o tom deste teu último comentário. E pensei muito se deveria contra-argumentar.

Concluí que não o faria, pois desviaste-te do assunto principal.

Nada disto é relevante.

Sei o esforço notável que fizeste para o dares a conhecer o teu blogue.

Fica tranquila. E em paz. Tal como eu estou.

Nanda Botelho disse...

Oi António!

Eu escolhi responder no blog do outro pois assim fica mais fácil. Tenho certeza que assim ele/ela vai ler.

Eu mesmo comento em muitos blogs e depois fico com dificuldade de voltar para ver de um por um se a pessoa respondeu, eu já fiz assim, mas dá muito trabalho.

Com o seu é diferente porque vi que responde sempre, então espero um pouco e volto, na certeza de ter um retorno.

Eu procuro agradecer as visitas, comentários e adesões toda vez que as vejo, acho legal faz parte da brincadeira!

E também aboli, as letrinhas, a moderação e tudo que poderia atrapalhar alguém de comentar.

Estou começando e aprendendo tudo aos poucos.

Um abraço!

Eu volto depois para ler sua resposta!

António Rosa disse...

Olá Nanda

Creio que cada pessoa tem a sua forma de se expressar e comunicar com os outros.

Desde que não se exija dos outros aquilo que não conseguimos fazer, por mim está tudo.

Fui bastante claro no meu post. Gosto de responder a cada pessoa que deixa um comentário. Não são tantos assim.

Vc está a ir muito bem no caminho de divulgar o seu blogue. Parabéns.

Quando vier a este blogue deixar um comentário, não precisa voltar segunda vez para ver se respondi. Para isso deve fazer o seguinte:

- depois de escrever o seu comentário, e antes de clicar no botão «Publicar o seu comentário» deve clicar dentro quadradinho que diz isto «Enviar comentários posteriores para o endereço de correio electrónico»

Quando eu responder vc irá receber um email informando da minha resposta.

Tem uma coisa que pode ser um inconveniente: também recebe email de todos os comentários havidos aqui após ter deixado o seu.

Abraço

joana disse...

António...
e eu tão fora de moda que nem blog tenho : )))
(para que não me confunda) ; )
beijinho e boa semana

FadaMoranga disse...

Antonio, o peixinho no aquario causou estah a fazer correr muita tinta... :-) Ja tirei as letrinhas torcidas dos meus. Estah tudo mais acessivel.

Bem haja!
Beijos***de Fada

António Rosa disse...

Joana

Não forma de a confundir. Não seria possível tal coisa.

Gostei dessa de «fora de moda».:)))

António Rosa disse...

FadaMoranga

(não confundir com a que tem um espacinho entre as palavras)!!!

Pois é! Nunca imaginei que um post destes, sem interesse nenhum pudesse provocar tanta corrente de informação.

Só pode ser porque Vénus está de novo em Áries, no grau zero.

Tenho passado bem.

Ainda bem que as letrinhas foram dar uma pequena volta. Não fazem falta, para já.

Beijo

marcelo dalla disse...

Olá Antônio! Ainda estou engatinhando nesse universo "bloguístico", é como descobrir um mundo novo. Antes apenas postava, mas não interagia com outros blogues. Gostei muito do seu espaço tb, está estabelecida a conexão! E por favor, será um prazer e uma honra ter meu link aqui. Abraço!

António Rosa disse...

Marcelo

Muito obrigado por estar aqui a deixar um comentário. Como já lhe disse, gostei muito do seu blogue.

Para mim é um momento de felicidade quando encontro um blogue muito bem feito onde também se fala de astrologia. É o seu caso.

Seja-vindo à bloga aqui por Portugal.

Abraço

Fatima disse...

Oi António,
gostei muito do seu blog.
Gostaria de te convidar para conhecer o meu. Será um prazer receber a sua visita.
Bjs.

António Rosa disse...

Olá Fátima

Seja bem-vinda. Já fui conhecer o seu blogue. Tem conteúdo muito interessante. Coloquei-me nos seus seguidores.

Abraço

irradiandoluz disse...

UFA!

Respondi uns 50 comentários antigos no Irradiando Luz hoje!
Inclusive alguns seus António!

Valeu mais uma vez pelo toque "sutil"

Abração
Gabriel Dread
cada vez mais fora de moda! :-)

Maria Paula Ribeiro disse...

;-(

Hoje estou off de tanto trabalho.
Afinal o Blogblogs, é tipo twitter, ou facebook??? Ou é diferente?

Só vi mesmo por alto mas hoje não estou mesmo com cabeça....

kiss

Isa Grou disse...

Olá António,

"Estou tão fora de moda e sou tão antigo, que respondo aos comentários que me deixam aqui no blogue!"
......se é assim acho que eu também sou António....(risos)

Acredito que é fundamental "trocarmos", ideias (agora sem o acento), opiniões, conhecimentos se realmente queremos interagir....... e isso é feito através de receber e responder os comentários, que seja por um "olá!".....

Gostei muito desse post.

Abraços.

Táxi Pluvioso disse...

A gripe! Ela já andava aí...

António Rosa disse...

Gabriel

Isso é que foi actualizar o blog.

Sabe o que penso sobre blogues, em linhas gerais?

São assuntos muito nossos e de nossa intimidade, pelo menos aquela que pode ser exposta publicamente. Mas sem dúvida que revela nosso pensamento, nossa estática, nossa forma de estar no mundo, etc.

Sabemos cuidar de um filho. Também sabemos cuidar de um animal de estimação. Porque são seres vivos e amados por nós.

Obviamente, um blogue não é um ser vivo, nem é comparável a um filho e a um animal de estimação. No entanto, é «coisa» nossa.

Quando escrevemos um post ou um comentário emitimos energia para o universo. Umas vezes é positiva outras negativa. Tal como na vida do dia-a-dia... Porque aquilo que pensamos ou falamos repercute no Universo e retorna a nós. Um blogue é igual. Faz parte de nós e sai de nós. Nos comentários é igual. Ainda mais na internet que é o éter por excelência.

Isto tudo para lhe dizer que ao ter actualizado os tais 50 comentários, a sua aura deve ter ficado imensamente dourada e limpou pequeno carma. Que pena estes templates modernos não permitirem que quem escreveu receba as respostas.

Ontem fui visitar 4 super-blogues (2 portugueses e 2 brasileiros) dos que habitualmente não respondem. 3 deles mantêm a mesma política de superioridade, achando que os seus leitores são cosias menores e insignificantes. Um delas resolveu responder selectivamente, ou seja, respondeu a 2 ou 3 (de blogues muito conhecidos) e aos outros, pobre mortais, nada de nada... Assim do estilo: tu e eu viajamos na classe económica. Depois há os que viajam na executiva com direitos e mordomia superiores. :))))

Grande abraço

António Rosa disse...

Maria Paula

Depois explico-te a vantagem de divulgarmos o nosso bloge no blogblogs. Mas é um processo simples.

Beijo

António Rosa disse...

Isa

Ainda bem que veio porque assim aproveito para lhe pedir que venha aqui ao blogue amanhã, quarta-feira, porque a entrevista da Shin Tao, do «Grimoire» refere o seu blogue como um dos que ela aprecia e explica a razão.

Tenho um bom dia.

António Rosa disse...

Taxi

É uma gripe forte, mas como muito bem sabe, há muitas espécies de gripe.

António Rosa disse...

Gabriel

Eu queria dizer «nossa estética» e não «nossa estática».

:):)

António Rosa disse...

Paula

Não vou fazer nenhum post a ensinar a usar Blogblogs, mas só para te dizer que sinto a vossa falta por lá. A tua madrinha já lá está.

Nanda Botelho disse...

Oi Antonio só voltei hoje porque estava as voltas com uma blogagem coletiva, foram 3 dias de visitas e comentários estou exausta, mas satisfeita!

Gostei de sua dica! Vou experimentar agora com essa resposta.

Abraço!

Astrid Annabelle disse...

Meu querido António!
Fez muito bem em republicar este post.
Esse tema COMENTÁRIOS" é algo que sempre me incomodou. Sou do time que responde todos os comentários. Sinto que se alguém "conversa comigo" eu devo no mínimo agradecer.
Pena que não tem sido assim na blogosfera. E eu parei mesmo de deixar comentários nos blogs que não me davam nenhum retorno.
Gostaria muito de que a interação nos blogues retornasse.
Um beijo...
Astrid Annabelle

António Rosa disse...

Querida Astrid

Todos os comentários anteriores ao seu são de 2009. As pessoas gostavam de participar e conversar. Esse espírito acabou. Ainda há um pequeno grupo que se preocupa em deixar comentários. A coisa não vai melhorar. Com este layout tive o cuidado de escolher um modelo tipo site que não privilegia os comentários.

Aos poucos irão desaparecer, até que chegará o dia em que serão encerrados.

A Astrid não imagina a quantidade de pessoas que em posts muito antigos me pedem ajuda para lhes ler os mapas. Ainda ontem, uma delas enviou-me uma mensagem pelo FB dizendo que esperou «educadamente» 2 meses para voltar a entrar em contacto comigo, quem pensava eu quem era, coisas assim.

Enviei-lhe o link da página das minhas consultas e de imediato respondeu-me dizendo que agora já era tarde, pois uma OUTRA pessoa que tinha lido o tal comentário de há 2 meses, foi ao blogue dela e ofereceu-se para lhe fazer e ler o mapa natal.

Nada a fazer.

Beijinhos

A.

Filomena Nunes disse...

Viva, António Rosa!!

Em 2009 foi precisamente quando comecei a interagir na blogosfera. E, se não estou em erro, o Cova do Urso foi o 1º blog com que me cruzei! E foi também o grande incentivo para que eu abrisse o meu, apesar de ser uma fraca blogueira.. :)

Também foi através dos blogues e das trocas de comentários que tive o grande privilégio de conhecer tanta gente interessante e bonita!!

Sem comentários, não tem o mesmo interesse... sou apologista da troca! É sempre enriquecedora se dentro da boa educação.

Um grande abraço e muitos beijinhos <3

Filomena

PS.: Ah!! E essa coisa das letras tortas eu nunca consegui "desligar" do meu blog... :P

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates