Uma historieta possível do trânsito de Úrano a Vénus

3 de março de 2009 ·

Vénus representa a nossa capacidade de nos sentirmos amados. Ou de que forma desejamos ser amados. Este trânsito liberta-nos de ideias antigas e algumas vezes, preconceituosa. É um trânsito para a liberdade interior se afirmar.

Este trânsito é bastante rude, tanto para os homens, como para as mulheres. A estas, pode aparecer-lhes um estranho maravilhoso, um Príncipe Encantado. Aos homens pode aparecer-lhes uma estranha que mais parece a Miss Mundo, certamente muito mais nova que ele.

Então olham para o/a “velho/a” companheiro/a e sentem-se pouco atraídos/as. [Não me estou a referir a idade, pois acontece o mesmo com pessoas jovens.] Em poucas semanas, livram-se dele ou dela para ficarem com o Príncipe Encantado ou a Miss Mundo.

Antes do trânsito terminar, o Príncipe Encantado desaparece com a melhor amiga dela e a jovem Miss Mundo também desaparece porque conheceu um jovem futebolista da primeira divisão. E os “enamorados” vão gastar anos em terapias de análise.

O nosso conceito de amor passa por uma mudança radical. Aprendemos a valorizar o amor incondicional dos matrimónios sólidos.

Foto: Enrique Iglesias & Anna Kournikova

2 comentários:

Samsara disse...
3 de março de 2009 às 21:44  

António
Estes são jovens bonitos e famosos, de certo que a seguir arranjaram logo outros igualmente belos para afogar as suas mágoas.
O pior será com o comum dos mortais.
Beijinhos

António Rosa disse...
4 de março de 2009 às 09:23  

Pat,

Os da foto são bonitos e famosos, além de muito ricos. Mas foi a minha experiência com o comum dos mortais que me fez escrever o «memorando». Nem imaginas...

Beijinho

3 de março de 2009

Uma historieta possível do trânsito de Úrano a Vénus

Vénus representa a nossa capacidade de nos sentirmos amados. Ou de que forma desejamos ser amados. Este trânsito liberta-nos de ideias antigas e algumas vezes, preconceituosa. É um trânsito para a liberdade interior se afirmar.

Este trânsito é bastante rude, tanto para os homens, como para as mulheres. A estas, pode aparecer-lhes um estranho maravilhoso, um Príncipe Encantado. Aos homens pode aparecer-lhes uma estranha que mais parece a Miss Mundo, certamente muito mais nova que ele.

Então olham para o/a “velho/a” companheiro/a e sentem-se pouco atraídos/as. [Não me estou a referir a idade, pois acontece o mesmo com pessoas jovens.] Em poucas semanas, livram-se dele ou dela para ficarem com o Príncipe Encantado ou a Miss Mundo.

Antes do trânsito terminar, o Príncipe Encantado desaparece com a melhor amiga dela e a jovem Miss Mundo também desaparece porque conheceu um jovem futebolista da primeira divisão. E os “enamorados” vão gastar anos em terapias de análise.

O nosso conceito de amor passa por uma mudança radical. Aprendemos a valorizar o amor incondicional dos matrimónios sólidos.

Foto: Enrique Iglesias & Anna Kournikova

2 comentários:

Samsara disse...

António
Estes são jovens bonitos e famosos, de certo que a seguir arranjaram logo outros igualmente belos para afogar as suas mágoas.
O pior será com o comum dos mortais.
Beijinhos

António Rosa disse...

Pat,

Os da foto são bonitos e famosos, além de muito ricos. Mas foi a minha experiência com o comum dos mortais que me fez escrever o «memorando». Nem imaginas...

Beijinho

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates