Previsões para a primeira Lua Nova do ano astrológico

26 de março de 2009 ·


A Lua e o Sol fazem hoje (26 de Março) a sua conjunção em Carneiro/Áries (grau 6º), a primeira deste ano astrológico. Quando isto acontece, estamos em plena Lua Nova, a Lua de todos os começos. Ao longo deste ano astrológico iremos passar por 3 fases bem distintas. De hoje até 21 de Agosto, quando se encontrarem (conjunção) novamente em Lua Nova de Fogo, em Leão. A segunda etapa vai até Sagitário lá pelo dia 16 de Dezembro. A última etapa de Fogo irá até à Lua Nova do ano astrológico correspondente a 2010, a 14 de Abril do próximo ano. Nesta primeira etapa prepararemos o que desenvolveremos em pleno na segunda etapa, rematando e finalizando na última.

Temos um mapa do céu que apresenta um Fogo bastante preso, pois é uma Lua Nova dentro de um stellium um pouco difícil de nos orientarmos. A Lua estará conjunta ao Sol, à Vénus e a Mercúrio. É uma Lua Nova muito saliente. Um Sol muito forte num signo de Fogo. Mercúrio e Vénus estão combustos, dificultando a sua expressão. Além disso, Vénus está retrógrada e em exílio, dando pouca margem ao amor. Estejamos conscientes e preparados para atrasos, dificuldades, hesitações (apesar da gritaria), um arrastar-se das coisas. Será uma época onde sobressairá o «eu tenho», «eu sou», «eu faço e aconteço».

Quando tantos planetas estão juntos numa Lua Nova, convém-nos perceber que as oportunidades de um Sol em Carneiro não desaparecem, mas como está a queimar os restantes, as oportunidades não serão em abundância. Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existe em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem.


No mapa de Portugal este stellium de Lua Nova está em cima de Saturno. O primeiro que me ocorreu quando olhei para o mapa foram estes assuntos: ossos, governação, política, igrejas, administração de empresas, impostos, dívidas e tomada de posições pela força.
Talvez isto queira dizer que iremos assistir a um maior controle dos poderes públicos. Atendendo aos momentos agrestes que o mundo vive, não seria difícil concluir isto.

Como o Marte de Portugal está em Leão (2º 37’) podemos intuir que esta energia de Fogo não será desmedida, apesar da intensidade. Anunciam-se tempos fogosos, de muitas promessas, de muitos anúncios e de pouca concretização. Só agora me recordei que o nosso país estará este ano sob intensa campanha eleitoral com 3 eleições importantes. Cá está o tal Fogo anunciando coisas e prometendo outras. Aguardemos pelos tempos de Sagitário para vermos como tudo funcionará.


A completar este panorama, sabemos que Portugal tem a Lua em Sagitário (4º 18’). Um trígono excelente da Lua Nova a esta Lua natal, assim como a Marte. Entusiasmo, vontade de emitir mensagens importantes, necessidade de quem manda ser ouvido. Aqui encontramos novamente a questão dos anúncios. Dos anúncios equivocados. Quererá isto dizer que iremos assistir a algum escândalo tremendo? É bem possível.

Conhecem aquele ruído das panelas de pressão quando anuncia que o cozinhado está pronto? É este o som que ouviremos. Um som de energia a sair controladamente. Energia contida. Que pode explodir a qualquer momento. Haverá a possibilidade de um luto. Espero estar enganado.


Para o nosso quotidiano mais pessoal as minhas recomendações vão para coisas muitos simples: previnam-se dos atrasos, das demoras; cuidem da vossa condução; não partam pernas; não somatizem; respirem fundo para enfrentarem as situações. São tempos de tomadas de decisões.

20 comentários:

Maria Paula Ribeiro disse...
26 de março de 2009 às 16:52  

;) Olá António,

Com o teu comentário anterior, hoje não me dei ao luxo de passar um dia sem cá vir, lol.

"Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existem em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem."

Gostei muito desta parte.

Quanto à política verdadeira e justa, espero por um dia a termos, sem ver esses "batanetes" de hoje, com orelhas enormes em tempos de eleições, ;-)

Beijinhos

adelaide figueiredo disse...
26 de março de 2009 às 17:47  

António,

Só posso dizer FANTÁSTICO !!!

Gostei muito, e obrigada pela lição. Mostrou-nos o efeito que podem ter estes planetas, principalmente a Lua Nova durante o Ano Astrológico, apontando factos mais palpáveis, que poderão acontecer. Para mim é muito mais fácil entender deste modo.

Resto de dia feliz.

Adelaide Figueiredo

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 18:11  

Olá Paula

Ainda bem que gostaste.

Olha com atenção para o contacto deste stellim-Lua Nova faz ao teu eixo nodal. Aproveita, aproveita, aproveita! Clientes, público, reconhecimento, credibilidade (na 10). «Limpa», com calma, possíveis assuntos familiares (na 4). Propriedades, imobiliários e coisas assim em alta. Lua Nova regente natural da tua 4 e 5. Aproveita, aproveita, aproveita!

Olha lá para cima, para o trígono que está a fazer a Neptuno. Intuição.

Isto não foi uma consulta, pois certamente já tinhas visto.

Beijo

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 18:15  

Adelaide

Já deve ter visto o contacto com a sua Vénus natal na 11. Aproveite, pois estão reunidas condições para se destacar. Serão os filhos a chamar a atenção? Será a escrita astrológica? Será o dar consultas? Tudo isto pode ser. Veja também o contacto com a Parte da Fortuna. Muito bom. Aproveite.

Abraço

Maria Paula Ribeiro disse...
26 de março de 2009 às 18:35  

Oi oi,

Não tinha visto os aspectos. Como sabes, ando num de "leste neptuniano", lol

Obrigado pelas recomendações...
Os da casa 4 estão a ir, bem, com muita calma, mesmo, mas com uma aproximação/reconciliação bem patentes. É o que tenho sido forçada a rever e aceitar: esquecer e perdoar o passado, e deixar ir o que tenho de deixar ir...

Com calma e tacteando o chão, um pouco vago mas indo devagarinho.

;) Obrigado mestre.

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 18:50  

Paula

De nada. Se a 4 está a ir bem, então concentra as energias na 10. Estar neptuniano não deve impedir-nos de aproveitar as oportunidades que são nossas.

Anónimo disse...
26 de março de 2009 às 20:20  

No meu caso essa lunação "toca" meu Sol-Quíron e Lua-Netuno por quadratura e Plutão por quinquncio.

Ehhhhh.Vamos ver né?hehheheheh

vlw

Voolivre

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 20:25  

Voolivre

É isso mesmo. Vamos ver, né? Nada como o tempo a rolar.

Anónimo disse...
26 de março de 2009 às 20:52  

Pois é hehehheh

Pelo menos o ano sempre começa forte pra mim.Brigando com os luminares huahuahau

abrs,

Voolivre

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 20:57  

:)))))))

Astrid Annabelle disse...
26 de março de 2009 às 21:02  

António, tenho sentido uma energia mais arrastada mesmo em alguns setores da minha vida...
Então é por isso?
Beijo.
Astrid

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 21:16  

Astrid

É sim. Esta lunação ocorreu-lhe na sua casa 10 (carreira, reconhecimento) fazendo oposição à sua casa 4 (lar e família) e ao mesmo tempo uma oposição a Neptuno (daí um certo arrastamento ou nebulosidade). Também tocou na sua Vénus, fazendo-a ver as coisas ucom uma certa indolência ou pessimismo (depende de si). Esta lunação vai ser-lhe favorável. Requer uma certa paciência, mas isso já tem, né?
Beijo

Patrícia disse...
26 de março de 2009 às 21:35  

Olá António!
foi interessante para mim ler o seu texto pois, em parte, parecia que estava a ver o meu mapa natal,já que eu tenho um stellium com o sol, mercurio, a lua,(estes 3 em carneiro) Kiron e vénus (já em touro) estando tudo interceptado, o que se assemelha ao movimento retrogado penso eu. isto para dizer que ler o resto do seu texto, fez algum sentido para mim principalmente a parte:
"Quando tantos planetas estão juntos numa Lua Nova, convém-nos perceber que as oportunidades de um Sol em Carneiro não desaparecem, mas como está a queimar os restantes, as oportunidades não serão em abundância. Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existe em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem."
..parece que me estava a ver a mim...pois, num paragrafo, resumiu a minha eterna questão de, nas minhas escolhas, ter de afinar constantemente o meu ser para nao cair em desvarios!..e a intuição é mesmo a "arma" que mais tenho de usar, neste processo que até agora se tem mostrado lento para mim..(as vezes demasiado lento..)
parece-me que eu sou a prova viva de que a sua leitura é verdade! rsrs
Obrigada pelo seu texto. as suas palavras fizeram eco em mim! :)

adelaide figueiredo disse...
26 de março de 2009 às 22:04  

António,

Muito obrigada pelo belo prognóstico :)

Espero pelo menos aprender um pouco mais e ser útil também. Mas além de tudo, espero continuar a poder comunicar e partilhar ideias e conhecimentos consigo e com todos os que estudam astrologia. Só assim avançaremos :)
Se isso acontecer já fico muito feliz

Abraço

Adelaide Figueiredo

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 22:15  

Patricia

Fui ver o seu mapa (tenho-o dos dados deixados na Comunidade Astrologia, grupo Patrícias) e analisei esta lunação.

Primeiro que tudo digamos que o stellium da lunação, no dia 26 (hoje) não tocou o seu stellium natal. Por um triz, mas não tocou. Isso é importante, pois vai permitir-lhe grande discernimento nos próximos meses. Se tivesse tocado, no momento exacto de Lua Nova, poderia instalar-se alguma perturbação.

No entanto, esta lunação fez um contacto próximo ao eixo nodal, nas casas 11 e 5. Estamos perante momentos felizes associados a grupos de trabalho ou de lazer, reconhecimento dos outros e grande potencial da sua parte para desenvolver assuntos criativos ou amorosos.

O Sol fez um semi-sextil à sua Vénus, regente da sua 12 e co-regente da sua 5, reforçando o que atrás disse.

Está a passar por algum momento mais delicado em relação ao trabalho? Ou passou, recentemente?

Beijo

António Rosa disse...
26 de março de 2009 às 22:16  

Adelaide

É um prazer ouvir isso de si.

Anónimo disse...
26 de março de 2009 às 22:50  

hahaha fui da uma outra olhada e tb fez um "belo" quinquncio com Lilith (média).Isso eu não tinha me dado conta .Vou ficar quieto que é melhor hehehehe

Ora um duplo quinquncio com Lilith de um lado(mais fortemente aspectada) e Plutão do outro.São tantas emoções...(não vou continuar que é melhor)huahuahuahau

vlw Antonio.

Ps:O ano começa de verdade agora na primeira Lua nova pós o equinocio de primaveira ai pra vcs do norte e do outono pra nos aqui do sulll do equador.Então novamente feliz ano novo a todos.E muita luta pra tdos que é isso que nos mantem vivos.


Voolivre

António Rosa disse...
27 de março de 2009 às 08:48  

Voolivre

Retribuo o feliz ano novo astrológico.

Abraço.

Patrícia disse...
27 de março de 2009 às 12:19  

Olá António!
por acaso, ultimamente tem sido através do trabalho que a vida me tem pedido para evoluir...muita confusão para onde me dirigir..quero começar projectos mas ainda me sinto baralhada, sem saber como começar..por isso me identifiquei com o texto..pois,a insatisfação a nivel profissional está-me a obrigar a ir + devagar, a parar até, para que possa sentir o caminho a seguir "sem desvarios"!
Obrigada pela sua análise!!

Astrid Annabelle disse...
27 de março de 2009 às 12:41  

Paciência eu tenho de sobra!

"Também tocou na sua Vénus, fazendo-a ver as coisas com uma certa indolência ou pessimismo (depende de si)."
Para ser bem exata a um ítem só...onde perdi a paciência e o entusiasmo...é o meu carma!!!!!
(aqui quem vos fala é a personalidade chamada Astrid...lol)
Um beijo agradecido.
Astrid

26 de março de 2009

Previsões para a primeira Lua Nova do ano astrológico


A Lua e o Sol fazem hoje (26 de Março) a sua conjunção em Carneiro/Áries (grau 6º), a primeira deste ano astrológico. Quando isto acontece, estamos em plena Lua Nova, a Lua de todos os começos. Ao longo deste ano astrológico iremos passar por 3 fases bem distintas. De hoje até 21 de Agosto, quando se encontrarem (conjunção) novamente em Lua Nova de Fogo, em Leão. A segunda etapa vai até Sagitário lá pelo dia 16 de Dezembro. A última etapa de Fogo irá até à Lua Nova do ano astrológico correspondente a 2010, a 14 de Abril do próximo ano. Nesta primeira etapa prepararemos o que desenvolveremos em pleno na segunda etapa, rematando e finalizando na última.

Temos um mapa do céu que apresenta um Fogo bastante preso, pois é uma Lua Nova dentro de um stellium um pouco difícil de nos orientarmos. A Lua estará conjunta ao Sol, à Vénus e a Mercúrio. É uma Lua Nova muito saliente. Um Sol muito forte num signo de Fogo. Mercúrio e Vénus estão combustos, dificultando a sua expressão. Além disso, Vénus está retrógrada e em exílio, dando pouca margem ao amor. Estejamos conscientes e preparados para atrasos, dificuldades, hesitações (apesar da gritaria), um arrastar-se das coisas. Será uma época onde sobressairá o «eu tenho», «eu sou», «eu faço e aconteço».

Quando tantos planetas estão juntos numa Lua Nova, convém-nos perceber que as oportunidades de um Sol em Carneiro não desaparecem, mas como está a queimar os restantes, as oportunidades não serão em abundância. Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existe em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem.


No mapa de Portugal este stellium de Lua Nova está em cima de Saturno. O primeiro que me ocorreu quando olhei para o mapa foram estes assuntos: ossos, governação, política, igrejas, administração de empresas, impostos, dívidas e tomada de posições pela força.
Talvez isto queira dizer que iremos assistir a um maior controle dos poderes públicos. Atendendo aos momentos agrestes que o mundo vive, não seria difícil concluir isto.

Como o Marte de Portugal está em Leão (2º 37’) podemos intuir que esta energia de Fogo não será desmedida, apesar da intensidade. Anunciam-se tempos fogosos, de muitas promessas, de muitos anúncios e de pouca concretização. Só agora me recordei que o nosso país estará este ano sob intensa campanha eleitoral com 3 eleições importantes. Cá está o tal Fogo anunciando coisas e prometendo outras. Aguardemos pelos tempos de Sagitário para vermos como tudo funcionará.


A completar este panorama, sabemos que Portugal tem a Lua em Sagitário (4º 18’). Um trígono excelente da Lua Nova a esta Lua natal, assim como a Marte. Entusiasmo, vontade de emitir mensagens importantes, necessidade de quem manda ser ouvido. Aqui encontramos novamente a questão dos anúncios. Dos anúncios equivocados. Quererá isto dizer que iremos assistir a algum escândalo tremendo? É bem possível.

Conhecem aquele ruído das panelas de pressão quando anuncia que o cozinhado está pronto? É este o som que ouviremos. Um som de energia a sair controladamente. Energia contida. Que pode explodir a qualquer momento. Haverá a possibilidade de um luto. Espero estar enganado.


Para o nosso quotidiano mais pessoal as minhas recomendações vão para coisas muitos simples: previnam-se dos atrasos, das demoras; cuidem da vossa condução; não partam pernas; não somatizem; respirem fundo para enfrentarem as situações. São tempos de tomadas de decisões.

20 comentários:

Maria Paula Ribeiro disse...

;) Olá António,

Com o teu comentário anterior, hoje não me dei ao luxo de passar um dia sem cá vir, lol.

"Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existem em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem."

Gostei muito desta parte.

Quanto à política verdadeira e justa, espero por um dia a termos, sem ver esses "batanetes" de hoje, com orelhas enormes em tempos de eleições, ;-)

Beijinhos

adelaide figueiredo disse...

António,

Só posso dizer FANTÁSTICO !!!

Gostei muito, e obrigada pela lição. Mostrou-nos o efeito que podem ter estes planetas, principalmente a Lua Nova durante o Ano Astrológico, apontando factos mais palpáveis, que poderão acontecer. Para mim é muito mais fácil entender deste modo.

Resto de dia feliz.

Adelaide Figueiredo

António Rosa disse...

Olá Paula

Ainda bem que gostaste.

Olha com atenção para o contacto deste stellim-Lua Nova faz ao teu eixo nodal. Aproveita, aproveita, aproveita! Clientes, público, reconhecimento, credibilidade (na 10). «Limpa», com calma, possíveis assuntos familiares (na 4). Propriedades, imobiliários e coisas assim em alta. Lua Nova regente natural da tua 4 e 5. Aproveita, aproveita, aproveita!

Olha lá para cima, para o trígono que está a fazer a Neptuno. Intuição.

Isto não foi uma consulta, pois certamente já tinhas visto.

Beijo

António Rosa disse...

Adelaide

Já deve ter visto o contacto com a sua Vénus natal na 11. Aproveite, pois estão reunidas condições para se destacar. Serão os filhos a chamar a atenção? Será a escrita astrológica? Será o dar consultas? Tudo isto pode ser. Veja também o contacto com a Parte da Fortuna. Muito bom. Aproveite.

Abraço

Maria Paula Ribeiro disse...

Oi oi,

Não tinha visto os aspectos. Como sabes, ando num de "leste neptuniano", lol

Obrigado pelas recomendações...
Os da casa 4 estão a ir, bem, com muita calma, mesmo, mas com uma aproximação/reconciliação bem patentes. É o que tenho sido forçada a rever e aceitar: esquecer e perdoar o passado, e deixar ir o que tenho de deixar ir...

Com calma e tacteando o chão, um pouco vago mas indo devagarinho.

;) Obrigado mestre.

António Rosa disse...

Paula

De nada. Se a 4 está a ir bem, então concentra as energias na 10. Estar neptuniano não deve impedir-nos de aproveitar as oportunidades que são nossas.

Anónimo disse...

No meu caso essa lunação "toca" meu Sol-Quíron e Lua-Netuno por quadratura e Plutão por quinquncio.

Ehhhhh.Vamos ver né?hehheheheh

vlw

Voolivre

António Rosa disse...

Voolivre

É isso mesmo. Vamos ver, né? Nada como o tempo a rolar.

Anónimo disse...

Pois é hehehheh

Pelo menos o ano sempre começa forte pra mim.Brigando com os luminares huahuahau

abrs,

Voolivre

António Rosa disse...

:)))))))

Astrid Annabelle disse...

António, tenho sentido uma energia mais arrastada mesmo em alguns setores da minha vida...
Então é por isso?
Beijo.
Astrid

António Rosa disse...

Astrid

É sim. Esta lunação ocorreu-lhe na sua casa 10 (carreira, reconhecimento) fazendo oposição à sua casa 4 (lar e família) e ao mesmo tempo uma oposição a Neptuno (daí um certo arrastamento ou nebulosidade). Também tocou na sua Vénus, fazendo-a ver as coisas ucom uma certa indolência ou pessimismo (depende de si). Esta lunação vai ser-lhe favorável. Requer uma certa paciência, mas isso já tem, né?
Beijo

Patrícia disse...

Olá António!
foi interessante para mim ler o seu texto pois, em parte, parecia que estava a ver o meu mapa natal,já que eu tenho um stellium com o sol, mercurio, a lua,(estes 3 em carneiro) Kiron e vénus (já em touro) estando tudo interceptado, o que se assemelha ao movimento retrogado penso eu. isto para dizer que ler o resto do seu texto, fez algum sentido para mim principalmente a parte:
"Quando tantos planetas estão juntos numa Lua Nova, convém-nos perceber que as oportunidades de um Sol em Carneiro não desaparecem, mas como está a queimar os restantes, as oportunidades não serão em abundância. Chegou a hora de afinarmos o que de melhor existe em nós para percebermos o que devemos fazer, sem sermos arrastados pelos nossos desvarios. Usar a intuição, será a palavra de ordem."
..parece que me estava a ver a mim...pois, num paragrafo, resumiu a minha eterna questão de, nas minhas escolhas, ter de afinar constantemente o meu ser para nao cair em desvarios!..e a intuição é mesmo a "arma" que mais tenho de usar, neste processo que até agora se tem mostrado lento para mim..(as vezes demasiado lento..)
parece-me que eu sou a prova viva de que a sua leitura é verdade! rsrs
Obrigada pelo seu texto. as suas palavras fizeram eco em mim! :)

adelaide figueiredo disse...

António,

Muito obrigada pelo belo prognóstico :)

Espero pelo menos aprender um pouco mais e ser útil também. Mas além de tudo, espero continuar a poder comunicar e partilhar ideias e conhecimentos consigo e com todos os que estudam astrologia. Só assim avançaremos :)
Se isso acontecer já fico muito feliz

Abraço

Adelaide Figueiredo

António Rosa disse...

Patricia

Fui ver o seu mapa (tenho-o dos dados deixados na Comunidade Astrologia, grupo Patrícias) e analisei esta lunação.

Primeiro que tudo digamos que o stellium da lunação, no dia 26 (hoje) não tocou o seu stellium natal. Por um triz, mas não tocou. Isso é importante, pois vai permitir-lhe grande discernimento nos próximos meses. Se tivesse tocado, no momento exacto de Lua Nova, poderia instalar-se alguma perturbação.

No entanto, esta lunação fez um contacto próximo ao eixo nodal, nas casas 11 e 5. Estamos perante momentos felizes associados a grupos de trabalho ou de lazer, reconhecimento dos outros e grande potencial da sua parte para desenvolver assuntos criativos ou amorosos.

O Sol fez um semi-sextil à sua Vénus, regente da sua 12 e co-regente da sua 5, reforçando o que atrás disse.

Está a passar por algum momento mais delicado em relação ao trabalho? Ou passou, recentemente?

Beijo

António Rosa disse...

Adelaide

É um prazer ouvir isso de si.

Anónimo disse...

hahaha fui da uma outra olhada e tb fez um "belo" quinquncio com Lilith (média).Isso eu não tinha me dado conta .Vou ficar quieto que é melhor hehehehe

Ora um duplo quinquncio com Lilith de um lado(mais fortemente aspectada) e Plutão do outro.São tantas emoções...(não vou continuar que é melhor)huahuahuahau

vlw Antonio.

Ps:O ano começa de verdade agora na primeira Lua nova pós o equinocio de primaveira ai pra vcs do norte e do outono pra nos aqui do sulll do equador.Então novamente feliz ano novo a todos.E muita luta pra tdos que é isso que nos mantem vivos.


Voolivre

António Rosa disse...

Voolivre

Retribuo o feliz ano novo astrológico.

Abraço.

Patrícia disse...

Olá António!
por acaso, ultimamente tem sido através do trabalho que a vida me tem pedido para evoluir...muita confusão para onde me dirigir..quero começar projectos mas ainda me sinto baralhada, sem saber como começar..por isso me identifiquei com o texto..pois,a insatisfação a nivel profissional está-me a obrigar a ir + devagar, a parar até, para que possa sentir o caminho a seguir "sem desvarios"!
Obrigada pela sua análise!!

Astrid Annabelle disse...

Paciência eu tenho de sobra!

"Também tocou na sua Vénus, fazendo-a ver as coisas com uma certa indolência ou pessimismo (depende de si)."
Para ser bem exata a um ítem só...onde perdi a paciência e o entusiasmo...é o meu carma!!!!!
(aqui quem vos fala é a personalidade chamada Astrid...lol)
Um beijo agradecido.
Astrid

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates