A bênção de nos descobrirmos mais do que um mero corpo físico

31 de março de 2008 · 1 comentários

Quando Plutão entrou em Sagitário, em 1995 (e até 2008), já vinha iniciando (5 graus antes a este signo) a preparação da humanidade para enfrentar outras filosofias de vida. Apenas falando em Portugal, há 15 anos, a maioria das pessoas não sabia que havia formas diferentes de sentir e praticar a espiritualidade, para além das convencionais, associadas às diversas religiões maioritárias. A malha terrestre estava a alargar-se e, surgiram, como cogumelos, uma plêiade de videntes, mediuns e leitores de oráculos, uns mais mediáticos do que outros, que prometiam mundos e fundos aos seus clientes, continuando a fazê-lo, diga-se. Como sempre, desde que o Homem é Homem, também se verificaram os abusos, desmandos e aproveitamentos do costume. Ainda há. O tarot foi, finalmente, encarado e praticado com mais seriedade. A astrologia também iniciou uma lenta e segura caminhada na recuperação da sua credibilidade milenar, entretanto tão maltratada, por razões de oportunismo e ignorância. A bruxaria passa a ser assunto corrente e é anunciada nas revistas e jornais, com os desmandos que conhecemos. As organizações herméticas tentam sem grande sucesso, manterem-se herméticas. Não há como. Surge a wicca, ainda tímida, a dar os seus primeiros passos, sem grandes fundamentos populares, continuando reduzida a expressões minúsculas. Simbolicamente falando, Plutão em Sagitário fez o trabalho transformador correspondente a esse breve ciclo, e hoje, assistimos à implantação do fenómeno oposto. Em nenhuma era da humanidade houve tanta abundância informativa sobre espiritualidade e esoterismo. Eu e os meus colaboradores, a nossa editora, com os livros e sites, somos outro exemplo do que foi o trabalho de Plutão em Sagitário. Apenas pretendemos divulgar ideias. Agora estamos a aprender na carne o que será Plutão em Capricórnio. Fala-se abertamente de espiritualidade, em todo o lado, fora dos “conventos” tradicionais. Se observarmos com atenção, estivemos desde 1995 e ainda estamos perante um “movimento” único, como se de uma onda gigantesca se tratasse. Nunca houve tantos terapeutas para o corpo e espírito, como agora. Com uma infinidade de especialidades. Com máquinas credíveis e sofisticadas. Nunca houve uma época como esta que atravessamos, em que a maioria das pessoas sente possuir um “dom” especial. E possuem, seja o que for. Mas não são “especiais”, por isso. Pensam que são especiais, o que é diferente. Os spa's e os health centres, além dos fitness e maquinaria diversa, oferecem conforto para o corpo e a alma, nos seus banhos, terapias com pedras, óleos e massagens especiais com a prática de yoga. Nunca tanta gente tentou saber qual era a sua missão nesta reencarnação. Nunca houve tantos orientadores espirituais, assim como nunca tantos canalizadores se deram a conhecer, como nos dias de hoje. Nunca tantos livros, discos, filmes, revistas, sites, blogues, cursos, palestras e seminários trataram de temas espirituais. Pelo meio, também sabemos que existe alguma confusão sobre estes assuntos. Dúvidas, receios, medos. É natural. E nunca se assistiu a uma crise de valores tão profunda e radical. O auto-convencimento ainda impera... O breve ciclo de Plutão em Sagitário fez que tudo isto acontecesse. Plutão que saiu de Sagitário em Janeiro de 2008, tendo-se aventurado por Capricórnio, começará no próximo dia 2 de Abril, o seu movimento retrógrado, regressando temporariamente a Sagitário onde permanecerá até Novembro próximo, para terminar umas pontas que deixou soltas. Conseguiu espalhar a bênção de nos descobrirmos mais do que um mero corpo físico. O próximo ciclo (em Capricórnio, até 2023) colocará as coisas no seu lugar definitivo. Será como se uma rede fina viesse separar o trigo do joio. - A.R.

A fotografia

30 de março de 2008 · 0 comentários

Na Feira Esotérica em Oeiras onde estamos em serviço astrológico, fomos contactados por uma senhora que estando muito preocupada com o marido, ao saber que era necessária hora de nascimento para levantamento do mapa astral, perguntou-nos com a maior das ingenuidades: "Não sei a que horas ele nasceu, mas se eu mostrar a fotografia dele, vocês podem fazer o mapa na mesma?". Ainda há muito trabalho divulgativo a desenvolver. Enquanto se confundir "astrologia" com "feitiçaria"...

Sol na casa 1 1 e a Lua na casa 9

· 0 comentários

Sol na casa 1 1 e a Lua na casa 9 é o trânsito que estou a viver este fim-de-semana. Diz-se que um trânsito destes permitirá à pessoa viver uma fase excepcionalmente boa no que diz respeito a amizades e conhecimento de pessoas. Algumas pessoas que estejam distante poderão entrar em contacto, permitindo que fiquemos feliz com as boas novas. Há a oportunidade de conhecer e contactar novas pessoas. Trata-se de uma fase ótima para viajar com amigos, passear com eles, ligar para eles, sobretudo os que moram muito longe. Pois estando a trabalhar na Feira Esotérica de Oeiras tive a oportunidade de confirmar que assim é. Felizmente, foi muito agradável conviver com dois seres humanos muito simpáticos e especiais, que eu não conhecia e com quem foi muito agradável conversar. O curioso disto é que os seus blogues, que muito aprecio, estão na minha lista de linques aqui ao lado, tendo surgido a oportunidade de os conhecer pessoalmente. Um abraço à R., marido e filhos. Foi um prazer conhecer-vos.

29 de março de 2008 · 0 comentários

A "Escola de Astrologia Nova-Lis"
presente na Feira Esotérica, no recinto da Fundação de Oeiras.
28 de Março a 6 de Abril
Segundas a sextas - 17h a 24h
Sábados e domingos - 14h às 24h
Atendimentos de astrologia.
Relatórios astrológicos.

Não lute contra aquela voz que diz para você seguir em outra direção

28 de março de 2008 · 4 comentários

Foto de Filipa Azul - Do blogue "Azul Banana"

A tensão entre Sol - Plutão - Marte permanece, mas um aspecto muito interessante aparece no céu. É a oposição Saturno - Netuno, com Saturno em trígono com Plutão. É o símbolo da desconstrução dos limites individuais, do mergulho no coletivo e a compreensão de tudo aquilo que é ser humano. Vivemos na era da ilusão individual: somos únicos, maravilhosos no universo. Não é a toa, a cultura pop nos pressiona todo santo dia com estímulos ao egoísmo, à ignorância... Netuno vem para abalar essas estruturas, para sairmos do casulo do super Ego e vislumbrarmos o que há divino dentro de nós. Nessas épocas, coisas misteriosas podem acontecer, pessoas entram na vida de outras para ensinar uma lição; sonhos interessantes na calada da noite; medos sem fundamento surgem do nada, temores infundados, ansiedades, neuroses e fobias que se originam no inconsciente. Algo que você desejou muito não acontece e deixa só frustração, ou você consegue olhar além desse desejo e verificar que ele não é o melhor para você. Novas portas se abrem, antigas janelas se fecham. Por isso, fiquem atentos aos sinais. Não lute contra aquela voz que diz para você seguir em outra direção.

Daqui - Madame Celeste

Dia 28 - Sexta-feira da Luz

· 0 comentários

A Lua caminha por Sagitário e incendeia o dia. Lua quadra Vênus, cobrando postura e fim das ilusões. A Lua arqueira encontra Urano disparando raio e verdade aguda sobre e sob as nossas cabeças. O dia encontra Mercúrio elétrico e dá dor de cabeça a quem tem dor de consciência. A Lua em Sagitário não é mole não. Até o Lula bancou de juiz e professor e mandou ontem Bush ir cuidar da sua crise. Para quem esteve acompanhando o BBB, é a Lua do Marcelo boxeador. É a verdade que está em questão. A clareza, o clarão, o raio da justiça. Dia forte, quente, para quem tem opinião forte e contudente. Para quem sabe argumentar, não vale afanar. Perto do meio dia, os ânimos vão se acalmando. O prazer da sexta-feira vem chegando. A página da semana praticamente furada. À noite, o amor e a diversão ganham em originalidade e ousadia.

Daqui - João Acuio.

Telecomunicações e a justiça social miudinha

27 de março de 2008 · 1 comentários

A maioria das operadoras de telecomunicações em Portugal, quer de rede fixa, quer móvel, cobra um valor fixo para o primeiro minuto, mesmo que o utilizador apenas fale 30 ou 40 segundos. A partir daí, a cobrança ou é de dez em dez segundos, ou de segundo a segundo. Mas, à semelhança de outros sectores económicos, como o bancário, chegam agora ao fim todos os arredondamentos no fornecimento de bens e serviços, nomeadamente de comunicações. A tarifação ao segundo é "a mais justa, porque o consumidor paga exactamente o que utilizou", considera António Meireles, especialista da DECO em comunicações. As pessoas que fazem chamadas até três ou quatro minutos pagarão menos. 89,7 por cento da população portuguesa dispunha, no final de 2007, de telemóvel. Somos um dos países com taxa mais alta de telemóveis por cada 1.000 habitantes. É a justiça social de Plutão (regeneração, transformação) no signo da cabra montanhesa (Capricórnio - poder) com a ajuda miudinha de Saturno em Virgem (assuntos analíticos, saúde, trabalho).

Se alguém se aproximar de si, ouça

· 1 comentários

Hoje [27-3] temos a Lua em Sagitário. As verdades vão doer. Serão verdades sonoras como o trovão. E ríspidas, pois Mercúrio faz conjunção exacta a Urano. São verdades que irão directas ao ponto onde magoam. Também haverá bom humor que tudo amenizará. Se alguém se aproximar de si, ouça. Pode ser que aprenda algo.

Um por cento

26 de março de 2008 · 2 comentários

O primeiro-ministro português acaba de anunciar [26-3-2008], numa conferência de imprensa, uma descida de impostos. O imposto escolhido foi o IVA, cuja taxa normal desce de 21% para 20%. A medida terá aplicação a partir de 1 de Julho. Recorde-se que o IVA foi aumentado no início da legislatura, de 19% para 21%, uma medida de recurso para ajudar a consolidar as contas públicas. O Governo sempre prometeu baixar impostos quando houvesse condições orçamentais. O primeiro-ministro, José Sócrates, respondeu com a expressão «veremos para o ano» quando confrontado com a possibilidade de descer a taxa normal de IVA para 19% em 2009, repondo o valor de 2005. Sócrates voltou a moderar expectativas, dizendo que a economia internacional «vive ainda momentos de turbulência e de incerteza» e que Portugal «tem de estar preparado para isso». No céu do momento, Saturno em Virgem e Plutão em Capricórnio aproximavam-se numa orbe próxima fazendo o benéfico trígono; Marte em Caranguejo, sem força para conseguir resistir, apesar da quadratura do Sol, notando-se a ausência de outros aspectos marcianos; a Lua fazendo uma contenção emocional numa quadratura a Saturno e em simultâneo, a aproximar-se de um belíssimo trígono ao Sol. Venceu o Sol. Vencemos todos. Era a altura de aliviar o nosso esforço.

Quem conta um conto, aumenta um ponto

· 0 comentários

Quem tem a Lua em Sagitário já viveu (0º a 9º), está a viver (10 a 12) ou vai viver (13º a 30º) uma quadratura de Mercúrio em trânsito por Peixes. É um aspecto muito tenso. Neste trânsito a pessoa deve tomar um cuidado redobrado com fofocas, mexericos e especulações desnecessárias. Como diz o ditado, "quem conta um conto, aumenta um ponto", e neste momento de desarmonia entre Mercúrio e Lua, há de facto uma predisposição maior do que o normal para propagar verdades distorcidas, ainda que involuntariamente. Vale a pena também ter prudência ao acreditar naquilo que os outros contam. Quem passa por este trânsito deve investigar bem antes de tomar posições fundamentadas naquilo que lhe contaram. Recomenda-se uma atitude socialmente prudente. Há, neste trânsito, uma espécie de "desacordo" entre a cabeça e o coração. A razão determina um caminho, mas o emocional quer outra coisa. Não sendo nada grave, é uma experiência de passar por uma fase de indefinições temporárias e de acentuação de contradições. As escolhas mais adequadas ficarão mais claras no final do trânsito. Quem tem este trânsito deve deixar a coisa “cozinhando”, até que a certeza se manifeste.

Definitivamente, este

· 0 comentários

TOM 5 – HARMÓNICO – Potencializa a radiação. Manda. Raio de pulsação do centro. Ter a faculdade ou meio de fazer uma coisa. Brilhar. Emitir novos raios de luz; ordenar uma coisa sem impor. A capacidade de realização. A mobilidade dos dedos. Cotovelo direito. Ho (Maia). Perceber a beleza da quarta dimensão, dimensão do tempo. "Qual a melhor maneira de me conferir poder?" Tom da Radiação e vibração do Centro. Recebe Poder e toma o Comando. Radiação é a qualidade de irradiar s partir do centro, expandindo a própria essência e energia para que possa ser percebida de longe. Dê poder a sua radiação sendo fiel a seu centro. Ela cria um efeito de onda, causando impacto em todos com quem você tiver contato e influenciando o mundo. Estando intimamente ligado a si mesmo irá tornar-se uma força invencível, capaz de tomar o comando e de criar muitos recursos.

Guerreiro Amarelo e o ponto de interrogação cósmico

25 de março de 2008 · 6 comentários

GUERREIRO AMARELO. Cib (Maia – pronúncia: "quib"). Sul, expande. Governado por Saturno, regido pelo chacra laríngeo, corresponde ao segundo dedo do pé esquerdo. Deus do fogo, longa vida, prosperidade, alegria, vida metódica, planificada, disciplinada, maturidade, brilham na maturidade, solteirões, economistas. Guerreiro pelo Espírito, age a partir do coração universal. Questionador, inteligência. Transmite informações. Pode adquirir a capacidade de entender e usar a telepatia. O guerreiro é aquela pessoa que, através da inteligência, é capaz de harmonizar as massas. Força cósmica, habilidade de contactar e comunicar com a consciência galáctica. Receba e expresse os poderes do Destemor e da Inteligência. Focalize sua voz interior ao trilhar o caminho do "Ponto de Interrogação Cósmico". Avance em direção a seus medos. Seja o guerreiro da graça. Obrigado B., again.

Águia Azul e a visão matricial

· 2 comentários

ÁGUIA AZUL. Men (Maia – pronúncia: "mên"). Oeste, transforma. Governado por Júpiter, regido pelo chacra coronário, corresponde ao dedão do pé esquerdo. Visão ampla, vidência, cria a visão. Valente, ousado, fanfarrão, soberbo, cuidadoso. Mente superior colectiva, mente planetária e consciência. Opera a partir dos mundos emocional e psíquico. Expressa as informações que recebe. Independente e ambicioso. Inclinação científica ou técnica. Natureza crítica e exigente. Pode tornar-se telepático. Receba e expresse os poderes da Visão e da Mente. Veja, de cima, o plano maior, como uma águia de olhos aguçados e visão clara. Use o poder da mente para criar, inspirado pelo compromisso com sua visão. Acredite em sua conexão com a Mente Planetária. - Obrigado, B.

Penelope Garcia

· 0 comentários

A série “Mentes Criminosas” mostra o trabalho diário de uma brigada de criminalistas de elite, pertencente ao FBI, cuja especialidade é analisar em profundidade a mente dos assassinos em série mais retorcidos da América, antecipando-se assim ao seu próximo ataque. Enquanto os detectives normais estudam as provas do crime, esta unidade especial analisa o comportamento do criminoso para determinar o móbil do crime. Como é de esperar, nesta equipe há uma especialista em informática, que investiga nas bases de dados todos os rastos possíveis dos criminosos – Penélope Garcia. A actriz Kirsten Vangsness desempenha este papel na perfeição. Emociona-se e chora na sua sala de trabalho perante as cenas horríveis que os monitores dos seus computadores mostram. Ri-se e é atrevida com Morgan (Shemar Moore) com as suas frases picantes: "hot stuff" ou "sweet cheeks". No episódio desta semana, foi a figura central do tema. Tentaram assassinar Penélope Garcia! A investigação desenvolveu-se em redor deste assunto, com uma interpretação notável da actriz muito bem coadjuvada pelos colegas. Nascida a 7-Julho-1976 tem o Sol, Mercúrio e Vénus em Caranguejo, Lua em Escorpião e Marte em Virgem o que ajuda muito a vestir a pele da simpática e irreverente agente Garcia. O final do episódio deu-nos a entender que Penelope Garcia vai viver o amor com um seu colega informático do Bureau.- Site.

Vapor ou calor?

24 de março de 2008 · 0 comentários

Tentativa de explicação de Plutão na Casa 9 - Plutão natal ao estar na casa da mente superconsciente dá emoções intensas que revelam o desejo de conhecer e compreender qual é o propósito da vida. Às vezes é necessário que se derrubem todas as crenças ortodoxas e todas as opiniões pré-estabelecidas, antes que a pessoa possa começar a sentir a satisfação de que parece existir um significado e um plano atrás de todas as manifestações de vida. Plutão na casa 9 dá à pessoa uma característica especial: um forte desejo de ser um percursor no campo da espiritualidade. Esta pessoa tem um desejo compulsivo de mostrar aos outros as razões e os métodos regeneradores. Este posicionamento natal pode ser portador de uma percepção sensorial superior (clarividência), que parece surgir de um plano superior de consciência. Como tudo na vida, podemos usar mal este Plutão na 9. Se negativo, pode criar fanatismo na questão de crenças e religiões, podendo mesmo a haver tendência a impor aos outros os seus pontos de vista. Este posicionamento de Plutão na casa 9 pede que se analise cuidadosamente o estado de Saturno nessa carta natal. Se Saturno estiver muito forte, a pessoa pode demonstrar ter pontos de vista inflexíveis. Sendo Júpiter o regente natural desta casa é de notar que este Plutão será mais expansivo e intenso do que é habitual em outras casas. Quanto Plutão encontra-se na casa 12, também se nota o mesmo expansionismo. Quem escolhe é a pessoa do mapa. Se escolher usar o Plutão superior, poderá alcançar os seus mais altos ideais e princípios, pelo que saberá utilizar a iluminação a sabedoria no seu quotidiano. Plutão nesta posição pode incutir desejos de explorar horizontes longínquos, na Terra, ou para além dela. Se parte em busca do que procura, certamente regressará ao local de origem para difundir os conhecimentos que obteve. Plutão é um elemento de água e quando numa casa de fogo pode produzir vapor. Ou seja, a água pode apagar o fogo. Vai depender sempre de como a pessoa usa a energia de Plutão para, em vez de criar vapor, poder produzir calor. A.R.

Etapas evolutivas dos trânsitos no nosso mapa

· 2 comentários

Quando os trânsitos (quaisquer que sejam os planetas) tratam os assuntos que se encontram naquilo que se chama de etapa pessoal e preparatória ou de assentamento” – casas 1, 2 e 3 – movimentam-se lentamente. Do Ascendente ao Fundo do Céu. Não é uma posição para mudanças rápidas. Tudo o que se tente fazer, deve ser pensado e sentido como havendo uma meta a longo prazo. Se os trânsitos envolverem Urano, Neptuno e Plutão, procuro vê-los como sendo autênticos projectos de vida, a serem lentamente elaborados. Neste espaço do nosso mapa, as energias dos trânsitos estão a reorganizarem-se para se desenvolverem nas três casas seguintes – a 4, 5 e 6. Do Fundo do Céu ao descendente. A este sector do mapa chamamos de “etapa de desenvolvimento”. Esta área é a que envolve as nossas raízes, fundações, criatividade e trabalho. É a área do ditado popular – “Tendo saúde, o resto vem.” E os trânsitos continuam para se expressarem e expandirem nas casas seguintes – a 7, 8 e 9. Do Descendente ao Meio do Céu. É a “etapa de expansão”. É quando confirmamos as parcerias, negócios, casamento, amadurecimento interno e expansão de horizontes. As actividades externas são as mais importantes neste sector. Resta-nos o último sector do mapa – as casas 10, 11 e 12 – chamado de “etapa de consolidação”. Do Meio do Céu, novamente ao Ascendente. É o tempo de consolidação dos planos internos e de aprendizagem no manejo e operacionalidade a tudo o que se refere ao “Eu”. É nesta área que se situa sobretudo o que diga respeito às ocorrências do nosso interior. Como breve apontamento: sabemos que Neptuno e Plutão não passam por todos estes sectores (ou casas) numa vida normal. Plutão necessita de cerca 250 anos para percorrer esta distância. Neptuno - 160 anos. Urano – 80 anos. Quiron – 50 anos. Saturno – 29 anos. Júpiter – 12 anos. Marte – 2 anos. Vénus – 1 ano e meio. Mercúrio – cerca de 1 ano. Sol – 1 ano. Lua – 28 dias. Por aqui percebemos as variações humor que a Lua nos pode provocar dia-a-dia. Fica cerca de dois dias e meio em cada signo. O Sol, percorrendo estas 4 etapas ao longo de um ano, dá-nos imensas oportunidades de nos expressarmos de muitas maneiras. Se Saturno transita pela etapa pessoal e preparatória ou de assentamento” – casas 1, 2 e 3 – anuncia um período de avaliação, de maior recolhimento, um certo retiro das actividades mais mundanas. Obviamente, que os planetas em trânsito não passam só pelas casas. Também atravessam signos. E, obviamente, encontram-se com os nossos planetas natais. A.R. - Daqui.

São apenas sete planetas

· 0 comentários

São apenas sete planetas. Dependendo do modo pelo qual você vê a Astrologia, vai pensar que esses pontos não são suficientes para representar a vida do nativo. Daí vai começar a procura vertiginosa por Asteróides, Transneptunianos e estrelas fixas. Rodolfo Veronese. Daqui.

Domingo com a Lua em Balança

23 de março de 2008 · 3 comentários

Yod

22 de março de 2008 · 1 comentários

No Yod não há excesso de ritmo como há num Quadrado [quadratura] ou num elemento como num Grande Trígono. Figuras geometricamente mais estáveis resultam em dinâmicas astropsicológicas mais tensas e exageradas. Não é o que ocorre com o Dedo de Deus - configuração criativa por excelência. Segundo João Acuio, deveriamos ouvir o conselho de YODa, o sábio de Star Wars: - Yoda-se.

Rudhyar is a metaphysician. I am a clinician.

· 1 comentários

Diz Marc Edmund Jones sobre Dane Rudhyar: "Rudhyar is a metaphysician. I am a clinician." Esta frase é a meu ver, absolutamente incontornável. Por isso eu apreciar tanto Rudhyar. Ele defendia uma astrologia humanista, transcendendo-se nos seus conceitos. Ele “misturou” como ninguém a astrologia tradicional, as correntes psicológicas junguianas dominantes então (porque hoje parecem estar em fase de reformulação), aliado aos seus vastíssimos conhecimentos das filosofias ocidental e oriental. Ele manejou conceitos taoistas dentro da astrologia ocidental, insistindo que esta havia que ser vista como um todo. Fez a ponte entre o céu e a terra. Dane Rudhyar tentou e conseguiu reorientar e modernizar a astrologia – a mais antiga procura de uma ordem e de um significado para o Universo.

.

Páscoa

20 de março de 2008 · 4 comentários

A data da Páscoa foi fixada pelo Concílio de Niceia (325 dC) no primeiro domingo depois da Lua Cheia que se segue ao Equinócio da Primavera. Deste modo, a festa da Páscoa oscila entre o dia 22 de Março e 25 de Abril de cada ano. O mais absoluto classicismo astrológico - do calendário lunar hebreu.

Um novo ano astrológico que começa

· 0 comentários

O Sol entrou em Carneiro / Áries a 20 de Março.

Em Portugal: às 5:48:18 (TMG).
No Brasil: 2:48:18
(horário de Brasília).
Em Angola: às 6:48:18.
Em Moçambique: às 7:48:18.

Um novo ano astrológico que começa.

Angela Merkel, o Holocausto e Capricórnio

19 de março de 2008 · 0 comentários

A chanceler alemã Angela Merkel dirigiu-se em hebraico e em alemão ao parlamento israelita (Knesset), no dia 18 de Março, numa intervenção sem precedente para um chefe de governo alemão e um gesto altamente simbólico mais de 60 anos depois do genocídio nazi. «Agradeço-vos terem-me dado a honra de me dirigir ao Knesset», declarou Angela Merkel em hebreu perante os deputados israelitas que a aplaudiram calorosamente. Foi surpreendente o uso da língua alemã no parlamento de um país tão marcado pelo Holocausto, ou “Shoah” (morte de seis milhões de judeus), na II Guerra Mundial. Mais surpreendente foi ouvir Angela Merkel dizer isto, em tom muito grave: «O holocausto enche os alemães de vergonha, por isso, inclino-me perante tantas vítimas, os sobreviventes e quem os ajudou até ao presente». Quando Capricórnio (o poder, os governos, os estados) assume a sua posição mais evolutiva e dignificada, o mundo pula e avança. Plutão dá sempre um jeito.

Dia 19 - Dia da arrumação, dia da velocidade

· 1 comentários

Lua em Virgem, logo pela manhã. Lua para colocar pingos nos is. Lua séria e também nervosa. O dia não está para principiantes. Há uma sensação solta no ar que tudo está confuso e bagunçado. E aí vem a crítica. Todo mundo cri, cri, cri e… cri, cri, cri. E o grilo só vai aumentando. A crítica não adianta de nada. O que adianta é a mudança de atitude. O dia toma ações radicais, diria eu, higiênicas, saneadoras, pontuais. Lua encontra Saturno e exige disciplina. Lua encontra Mercúrio e exige clareza. Lua encontra Vênus, no fim da noite, e exige harmonia. Lua em Virgem e raios caindo pra tudo quanto é lado onde tenha preguiça ou precisa de arrumação. Boa sorte.

Plutão a preparar-se para regressar a Sagitário por uns tempos

15 de março de 2008 · 2 comentários

Plutão já começou a desaceleração para ficar retrógrado, o que ocorrerá dentro de dias, a 2 de Abril. Está a preparar-se para regressar a Sagitário por uns tempos, onde vai terminar uns trabalhos que devem ter ficado pendentes. O assunto das manifestações dos monges tibetanos, era praticamente impensável há uns anos. Claro que estamos a falar de Plutão em trabalho simultâneo em Capricórnio, mas em aproximação a Sagitário. Foi só começar a desacelerar: Pequim acusa Dalai Lama de organizar estas manifestações no Tibete. O Governo tibetano no exílio já pediu a abertura de um inquérito junto da ONU sobre os episódios de violência na capital do Tibete, Lhasa, que, diz, fizeram cem mortos. As autoridades chinesas dizem que os confrontos de ontem contra o regime de Pequim fizeram dez mortos e vários feridos.


Amor platónico - Vénus a passar pela 11

· 0 comentários

O site “Personare” deixou-me este recado hoje, por e-mail: “Entre os dias 15/03 (hoje) às 12h e 15/04 às 6h, o planeta Vênus estará passando pela Casa 11 do seu mapa de nascimento, Antonio, favorecendo particularmente as suas relações de amizade e as suas convivências grupais. É uma fase de melhoria no que diz respeito ao entendimento entre as partes. Você terá uma importância maior entre seus amigos neste momento, terá mais requisições para aparecer, e sentirá que as pessoas lhe querem mais. É bastante provável, inclusive, que você se veja em situações em que precise tomar atitudes a fim de harmonizar e equilibrar dificuldades na vida de seus amigos. Este é um bom momento para atividades culturais: teatro, cinema, e o melhor, tudo em grupo, com bons amigos. O perigo, para esta fase, é que muitas vezes o nível de afetividade entre amigos aumenta tanto que corre o risco de alguma relação do estilo platônico se instalar em sua vida, com você se interessando por uma pessoa que é apenas amiga, ou vice-versa. Convém saber separar as coisas e observar direito para avaliar direito o que tem e o que não tem a ver. Neste momento, as amizades com mulheres estão mais favorecidas, Antonio, assim como a amizade com pessoas ligadas ao meio artístico.”

Agora são estes a falarem em relações platónicas! Não me recordo de nenhum filme sobre amores platónicos. Hum!!! Isto parece ser o oposto do drama passional de mais abaixo.

Saturno em Virgem também trabalha assim

· 0 comentários

«O Governo publicou hoje [14 de Março] a portaria que consagra a obrigatoriedade de ser publicada anualmente uma lista de credores da administração central do Estado. Segundo o comunicado do Ministério das Finanças, «no caso de dívidas a pessoas singulares, são passíveis de integrar a lista as dividas iguais ou superiores a 3.500 euros e, no caso de pessoas colectivas, as dívidas iguais ou superiores a 7.000 euros». Mas para que sejam incluídos na lista, terão de ser os contribuintes a apresentar um requerimento, junto da secretaria de Estado do Ministério das Finanças - organismo responsável pelo tratamento dos dados e procedimentos necessários à publicação desta lista.»

Coisas miudinhas, importantes ou não. A portaria não fala em apressar os pagamentos aos credores do Estado, mas sim em fazer uma lista anual das suas dívidas. Vá, façam lá o favor de me colocarem na lista, que não me importo de esperar mais 1 ano pelo pagamento. [!!!] Isto é da parte do estado, porque as autarquias nem se pronunciam.


Marte transitando conjunto a Vénus

· 0 comentários

“Esta posição astral corresponde a um período de apetência afectiva. Os sentimentos surgem com mais impulsividade do que é normal, sobretudo os referentes a assuntos amorosos, que serão activados ou terão uma maior animação do que é habitual em si. Irá sentir uma activação ou uma animação das suas aspirações sentimentais, sentindo como que um apelo interior ao bem estar ou à alegria de viver. Poderá mesmo verificar que os seus sentimentos são mais ardorosos, que surgem em maior número e com mais intensidade, sobretudo na área dos desejos. Se não se souber controlar poderá mesmo viver um drama passional. A sua necessidade de viver melhor é quase compulsiva. Neste período acentua-se a sua sensualidade, aumenta o seu interesse pelos assuntos do sexo, sentindo sobretudo maior atracção sexual pelos seus parceiros, mesmo os eventuais. Mas tenha cuidado porque a paixão pode fazer com que não tenha um discernimento muito claro sobre as pessoas de quem gosta e das situações emotivas. Poderá mesmo ser vítima de ciúmes mais intensos do que é normal em si, e ver aumentado consideravelmente o seu desejo de posse exclusiva de pessoas ou de bens. É também um período bastante mau para as suas actividades ligadas a interesses materiais. Terá tendência para gastar mais do que ganha, ou pelo menos gastar sem moderação, por impulso, por vaidade, para dar mais satisfação ao prazer do que às necessidades reais, ou para conseguir impressionar alguém com quem pretende estabelecer relações íntimas, tentando comprá-la. O desejo de contactos sexuais é o principal motor do seu relacionamento. Se as exigências da sua emotividade, ou do seu interesse por alguém, forem contrariadas, ou de algum modo diminuídas, será bastante penalizado, sobretudo no aspecto emotivo. Se é artista, ou tem qualquer actividade ligada à arte, esta influência astrológica confere-lhe uma maior criatividade do que é habitual em si.”

Este texto foi retirado de um daqueles relatórios automáticos de astrologia, que se fazem para sabermos os trânsitos do momento. Fiquei boquiaberto, conforme o ia lendo, a pensar: "Então é esta energia que me pertence viver entre hoje e terça-feira?
Se não me souber controlar poderei mesmo viver um drama passional?" Para quem vive só, com um cão e 3 gatos, não está nada mal. O melhor mesmo é viver uma situação destas, revendo o filme de Claude Chabrol, "A Dama de Honor", um drama passional, com Laura Smet e Benoit Magimel (na foto). Que pena não haver filmes destes com sessentões como protagonistas. Pois! Bom, daqui a 2 anos haverá o mesmo trânsito...

Onde está o seu poço de lágrimas no mapa?

14 de março de 2008 · 2 comentários

"Onde está o seu poço de lágrimas? Dizem que o choro é o xixi da alma... Pode ser de alegria ou de tristeza. E o asteróide designado para mostrar isso no mapa natal é LACRIMOSA (208 - no astro.com). Lacrimosa é o termo latino para pranto. Lacrimosa mostra onde a pessoa investe tão profundamente as emoções que experimenta nos extremos de alegria e de tristeza. Eu tenho Lacrimosa a 15 graus de Sagitário na 9ª Casa... faz trígono para o meu Sol, sextil para o meu Urano, para o meu nodo norte e para o meu marte. Eu choro muitooooo de alegria...uma alegria emocionada... choro vendo filmes, vendo paisagens bucólicas... vendo bichinhos..vendo gente chorando...meu choro acompanha o choro alheio... Choro com os amigos... Choro quando dou vazão à minha espiritualidade, quando estou em comunhão com a vida, quando percebo o divino em cada coisa criada. Choro com um otimismo imenso. Verto lágrimas de esperança e crença na vida."

Daqui - Leoa Solar

Fonte : LEWIS, James R. - Enciclopédia de Astrologia - São Paulo- Makron Books, 1997. p.337.

Os "states" em profunda mudança

13 de março de 2008 · 2 comentários

Afrodites em Peixes

· 0 comentários


Michelle Pfeiffer - Celine Dion


Penelope Cruz - Drew Barrymore

Citando outros

· 0 comentários

"Mulher: a mais nua das carnes vivas á aquela cujo brilho é o mais suave." - Antoine de Saint-Exupéry. Obviamente, Vénus em Peixes.

Peregrino

12 de março de 2008 · 35 comentários

Um planeta está Debilitado, Enfraquecido ou Afligido, "quando está Peregrino, isto é, quando se encontra em um lugar onde não tem qualquer Dignidade; ou sendo um dos Superiores quando é seguido pelo Sol, ou sendo um dos Inferiores quando segue o Sol."

Hoje, Lua em Gémeos e Vénus em Peixes

· 0 comentários

A Lua entra em Gémeos hoje (dia 12) às 18h00 (TMG), lá permanecendo por dois dias e algumas horas. Às 23 horas, Vénus deixa Aquário e entra em Peixes. Espero que seja a festa. De repente, ficaremos mais faladores, mais comunicativos. As coisas adquirem um brilho especial. Parece que nos brotam da cabeça mil ideias diferentes. Se juntarmos a isto o glamour de uma Vénus em exaltação pisciana, quase que podemos garantir que estão reunidas condições para o amor se soltar. Vénus sente-se feliz neste signo. O amor pode andar no ar. O romantismo, as declarações e juras de amor, um pouco à maneira antiga. Durante estes dois dias, diremos com facilidade "amo-te" ou "gosto de ti". Os reencontros serão saborosos. As reuniões de amigos decorrerão com alegria. Os negócios serão fechados com mais facilidade. Os encontros amorosos decorrerão com outro sabor. Aproveite e vá às compras para si. O bom-gosto e a elegância estarão em alta. A Lua e Vénus de mãos dadas para darem um gostinho ao povão que somos nós. Fico-me por aqui, para não ser acusado de estar a fomentar separações e divórcios! :)

Na foto: Bailarinos Augusto Omol e Aliice Becker no bailado "
Adenor Gondim", em Outubro 1990 .

Googlar

· 9 comentários

Este blogue beneficia de uma vantagem. "Não existe". Apesar de eu estar ligado a sites com um razoável movimento de visitantes. Por enquanto, não está linkado a nenhum site nosso. E a mais ninguém, que eu saiba. Portanto, não tem visibilidade real. Não existe, no sentido que se dá a ser-se insignificantemente diminuto na internet. Desejo que se mantenha assim por muito tempo, pois o blogue é o meu laboratório de aprendizagem. Os pouquíssimos visitantes que por cá passam, chegam ao acaso, enviados pelo Google. Excepto 2 ou 3 pessoas que sei conhecerem a existência deste espaço. No entanto, e no que a mim diz respeito, estou intrigado com um(a) visitante que no Google busca por "a cova do urso" para chegar até este espaço. O Extreme Tracking, o contador aqui ao lado, encarrega-se de me contar estas pequenas histórias. Quando nos visitam e a que horas o fazem. Esta noite, essas visitas deram-se quando eu já estava a bom dormir: 00h59 e 3h26. Muito obrigado por nos procurar. Partindo do princípio que vem por bem. Isto de ter um trígono natal entre Mercúrio e Neptuno dá umas quantas vantagens a um mapa natal.

Mistérios da noite

· 0 comentários

No céu [do dia 11 de Março], um belo retângulo místico entre Saturno - Marte - Plutão - Mercúrio em conjunção com Vênus, envolvendo as casas 11, 8, 2 e 4/5. Isso simboliza o interesse por aquilo que está oculto, a força interior que nos impele à reestruturação, a levantar do chão de dificuldades e nos reerguer. Novas possibilidades surgem diante de nossos olhos, novos conceitos são gestados que influenciam nossa maneira de ver a vida. É um impulso para abandonar aquilo que nos mantém presos, abandonar antigos padrões de comportamento e utilizar esse conhecimento para melhorar a vida daqueles que nos cercam. A quadratura que a Lua em Touro faz esse momento, quadrando Mercúrio, Vênus e nodo lunar norte torna essa noite cheia de fantasia e magia... vamos aproveitar essa atmosfera para mergulhar dentro de nós e perceber o que realmente tem valor para nós. A imagem do galo de Meyer Filho, artista plástico de Florianópolis, ilustra muito bem esse momento pirotécnico. Ao mesmo tempo em que a escuridão toma conta do céu, a chama da vontade de descobrir ilumina nossos olhares.

L'Ultimo Inquisitore

11 de março de 2008 · 2 comentários

Hoje, 11 de Março, ao fim da tarde, senti-me como se tivesse sido julgado pela "santa" inquisição, neste caso, por duas ou três criaturas aparentemente desvairadas, que efabularam "teorias da conspiração" na internet escrevendo as maiores sandices, recheadas de bílis amargas. Apeteceu-me dizer uns palavrões, arre! Nessas horas, a Lua (na 12) fazia uma quadratura ao meu Plutão natal (na 4). :) O melhor mesmo é não dizer mais nada, porque a Lua está em Touro e pede-se doçura e bom senso. Saturno, no seu infindável retorno está a 2 graus do meu Saturno natal, tmbém na 4, a atirar com estas experiências. Será que terei que redefinir o que é uma casa 4? Além disso o meu Descendente em scorpio, atrai estes "amores", o que significa que devo retirar disto a aprendizagem necessária. Julgava já ter aprendido, mas não... Já não basta o cansaço físico das mudanças de instalações e a tremenda logística que isso obriga! São muita e muitas estantes e muitos e muitos livros. Nova vida a despontar.

Igreja: missas e preservativos (Pluto e a cabra montanhesa de mãos dadas)

· 0 comentários

As novas regras estão a ser preparadas desde o início do pontificado de Bento XVI, mas o cardeal D. Albert Malcom Ranjith, número dois da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, já desvendou algumas das ideias: homilias mais curtas, genuflexão diante das espécies eucarísticas consagradas, favorecendo a adoração de joelhos e receber a comunhão na boca e não nas mãos. Quanto às homilias, não há grande novidade. Desde há mais de uma década que as dioceses, pelo menos em Portugal, estabeleceram a norma de as homilias demorarem entre oito e dez minuto. No entanto, para além do tempo, desta vez o Vaticano impõe regras quanto ao conteúdo, referindo que o celebrante “deve estudar profundamente o Evangelho e ater-se sempre a esse texto”. Ou seja, Plutão e a cabra montanhesa (Capricórnio) de mãos dadas a imporem limites à Igreja secular. Um belo de um 7º Raio a funcionar. Ou será que pensou que a "coisa" ficaria só pelas manifs? De qualquer forma, a oposição ao Vaticano já começou: “Vejo isso, de facto, como um retrocesso”, disse ao CM o padre João Alberto Correia, doutorado em Sagrada Escritura e pároco de Frossos, em Braga, sublinhando que “o mais acertado será corrigir sempre que se detectar algum abuso e não decretar o fim da ministração da Comunhão na mão”. Por outro lado, temos a mesma Igreja confrontada com esta notícia: "os católicos não seguem a doutrina da Igreja relativamente ao uso do preservativo, por outro desejam um alteração da orientação dos chefes da sua Igreja. A Catholics for a Free Choice sublinha que, não se tratando de um estudo marginal, os resultados mais significativos se verificaram em países onde a Conferência Episcopal tem grande peso na opinião pública." E isto que Plutão só sairá de Capricórnio em 2024. Nunca melhor dito: a procissão ainda vai no adro.

Errática e esparsa

· 0 comentários

A propósito do trânsito de Saturno na casa 7

10 de março de 2008 · 1 comentários

"As mudanças de Saturno vêm frias, gélidas, causando um choque muitas vezes necessário entre a realidade e a fantasia; entre o egoísmo e a necessidade de doar-se. Uma das coisas que precisamos ultrapassar é nossa insegurança. Os trânsitos de Saturno pela sétima casa mexem profundamente com nossas inseguranças da primeira casa. No caso da casa 7, ela representa o outro do ponto de vista individual, enquanto a décima primeira representa o outro do ponto de vista mais social, mais grupal. É na casa 7 que se mostra e vivencia a "sombra", aquilo que tentamos esconder e, consequentemente, procuramos suas características em nossos relacionamentos com a finalidade de trabalhar isso dentro de nós."

Daqui - "Madame Celeste"

Dentro do filme "Constantino"

9 de março de 2008 · 4 comentários

Hoje acordei com a estranha sensação de ter estado "dentro" do filme Constantine. E fiquei sem saber que parte da história era aquela onde eu estava. Não era o Keanu Reeves (Constantine), também não era a recém oscarizada Tilda Swinton (no magnífico papel de Gabriel). Não era o exorcizador Padre Hennessy (Pruit Taylor Vince). Só podia mesmo ser o "Papa Meia-Noite". É essa sensação, a de estar na pele de Djimon Hounson. Apesar de estranho, gostei. No filme, "Papa Meia Noite", feiticeiro e empresário, tem um bar exclusivamente para anjos e demónios híbridos e, ao longo da história, não tomou partido por ninguém, nem sequer pelo seu amigo Constantine, tendo-se preocupado apenas com o número um. Um taurino a viver uma história escorpiónica, desempenhando um papel mercuriano (negócios), marcado por um passado marciano e plutónico (feitçaria). "O Céu e o Inferno são aqui, atrás de cada muro, cada janela, o mundo atrás do mundo. E nós estamos encurralados no meio." - diz John Constantine no filme. Hoje é dia de futilidades e nada fazer.

Dormirmos descansados?

8 de março de 2008 · 0 comentários

Após um ataque militar colombiano a uma base das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) em território Equatoriano, no dia 1º de março, que matou o porta-voz internacional da guerrilha, Raúl Reyes, Quito rompeu suas relações diplomáticas com Bogotá, postura seguida por Caracas e Manágua. Ontem, dia 7, na Cúpula do Grupo do Rio em Santo Domingo, o conflito foi resolvido com o pedido de desculpas do presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, que assegurou que nunca acontecerá um ataque semelhante fora de seu país. A paz foi selada com um aperto de mãos. O presidente do Equador, Rafael Correa, afirmou hoje: "Os equatorianos podem dormir tranquilos, os nossos irmãos colombianos podem dormir tranquilos, os venezuelanos, os nicaraguenses, a América Latina e o mundo inteiro podem dormir tranquilos". Hum! Hum! Podemos dormir tranquilos? Isso ainda está por se ver. Veja-se como Plutão em Capricórnio trabalha. Dá para perceber que nunca se saberá o que estes presidentes falaram na sua reunião privada. O Zé Povinho jamais saberá o que os presidentes (Capricórnio) negociaram na obscuridade (Plutão) diplomática, aquelas coisas que nunca convém que saiam à luz. Só "eles" é que podem saber.

Lua em Carneiro a atiçar Marte e Plutão num braço de ferro

· 0 comentários

No dia 5 de Outubro de 2005 José Sócrates apelou à greve e manifestações em Portugal, dizendo isto: «... há uma conflitualidade social relativamente às medidas do Governo muito abaixo do que seria de esperar em Portugal ...» e «... se olharmos para França, com o Governo a fazer muito menos que o Governo português, são muito maiores as manifestações ...». Hoje, 8 de Março de 2008, o 1º ministro vai perceber que co-criou ter 100.000 pessoas a fazeram-lhe a vontade, numa gigantesca manifestação de professores em Lisboa, contra ele, na já conhecida "Marcha da Indignação". Deverá enfrentar o maior protesto de professores de sempre, depois de duas semanas em que, um pouco por todo o país, milhares de docentes se manifestaram e disseram «basta» às políticas educativas do Governo. Ontem foi dia de Lua Nova em Peixes. Hoje às 15 horas, momento marcado para o início da manifestação, a Lua (os professores) mudou-se para Carneiro e, claramente, vai atiçar o regente deste signo, Marte (a energia na manif) contra Plutão (o governo). No céu, Marte em Caranguejo e Plutão em Capricórnio, estão em oposição. Às 15 horas, a Lua (povo) fará uma violenta quadratura a Plutão (poder). O interessante disto é percebermos que todo o regime está metido nisto, da direita à esquerda. Este é o género de "onda" que é chique cavalgar. Vai dar para muitas conversas nos dias próximos. Emoções à solta e a eventual possibilidade de "almas gémeas" se encontrarem. Pois se Vénus até está a fazer um trígono a Marte. Infelizmente, não passará disso, com muita pena minha, pois apreciaria ver o regime levar um "apertão". Por outro lado, esta gigantesca manif é muito útil a certos sectores da economia, que agradecem. Transportes, combustíveis, comunicações, media, alimentação, bebibas, umas roupinhas novas... Só autocarros, são 600. Vai movimentar muitos €€€ e muita adrenalina. Vénus e Mercúrio gostam disto.

31 de março de 2008

A bênção de nos descobrirmos mais do que um mero corpo físico

Quando Plutão entrou em Sagitário, em 1995 (e até 2008), já vinha iniciando (5 graus antes a este signo) a preparação da humanidade para enfrentar outras filosofias de vida. Apenas falando em Portugal, há 15 anos, a maioria das pessoas não sabia que havia formas diferentes de sentir e praticar a espiritualidade, para além das convencionais, associadas às diversas religiões maioritárias. A malha terrestre estava a alargar-se e, surgiram, como cogumelos, uma plêiade de videntes, mediuns e leitores de oráculos, uns mais mediáticos do que outros, que prometiam mundos e fundos aos seus clientes, continuando a fazê-lo, diga-se. Como sempre, desde que o Homem é Homem, também se verificaram os abusos, desmandos e aproveitamentos do costume. Ainda há. O tarot foi, finalmente, encarado e praticado com mais seriedade. A astrologia também iniciou uma lenta e segura caminhada na recuperação da sua credibilidade milenar, entretanto tão maltratada, por razões de oportunismo e ignorância. A bruxaria passa a ser assunto corrente e é anunciada nas revistas e jornais, com os desmandos que conhecemos. As organizações herméticas tentam sem grande sucesso, manterem-se herméticas. Não há como. Surge a wicca, ainda tímida, a dar os seus primeiros passos, sem grandes fundamentos populares, continuando reduzida a expressões minúsculas. Simbolicamente falando, Plutão em Sagitário fez o trabalho transformador correspondente a esse breve ciclo, e hoje, assistimos à implantação do fenómeno oposto. Em nenhuma era da humanidade houve tanta abundância informativa sobre espiritualidade e esoterismo. Eu e os meus colaboradores, a nossa editora, com os livros e sites, somos outro exemplo do que foi o trabalho de Plutão em Sagitário. Apenas pretendemos divulgar ideias. Agora estamos a aprender na carne o que será Plutão em Capricórnio. Fala-se abertamente de espiritualidade, em todo o lado, fora dos “conventos” tradicionais. Se observarmos com atenção, estivemos desde 1995 e ainda estamos perante um “movimento” único, como se de uma onda gigantesca se tratasse. Nunca houve tantos terapeutas para o corpo e espírito, como agora. Com uma infinidade de especialidades. Com máquinas credíveis e sofisticadas. Nunca houve uma época como esta que atravessamos, em que a maioria das pessoas sente possuir um “dom” especial. E possuem, seja o que for. Mas não são “especiais”, por isso. Pensam que são especiais, o que é diferente. Os spa's e os health centres, além dos fitness e maquinaria diversa, oferecem conforto para o corpo e a alma, nos seus banhos, terapias com pedras, óleos e massagens especiais com a prática de yoga. Nunca tanta gente tentou saber qual era a sua missão nesta reencarnação. Nunca houve tantos orientadores espirituais, assim como nunca tantos canalizadores se deram a conhecer, como nos dias de hoje. Nunca tantos livros, discos, filmes, revistas, sites, blogues, cursos, palestras e seminários trataram de temas espirituais. Pelo meio, também sabemos que existe alguma confusão sobre estes assuntos. Dúvidas, receios, medos. É natural. E nunca se assistiu a uma crise de valores tão profunda e radical. O auto-convencimento ainda impera... O breve ciclo de Plutão em Sagitário fez que tudo isto acontecesse. Plutão que saiu de Sagitário em Janeiro de 2008, tendo-se aventurado por Capricórnio, começará no próximo dia 2 de Abril, o seu movimento retrógrado, regressando temporariamente a Sagitário onde permanecerá até Novembro próximo, para terminar umas pontas que deixou soltas. Conseguiu espalhar a bênção de nos descobrirmos mais do que um mero corpo físico. O próximo ciclo (em Capricórnio, até 2023) colocará as coisas no seu lugar definitivo. Será como se uma rede fina viesse separar o trigo do joio. - A.R.

30 de março de 2008

A fotografia

Na Feira Esotérica em Oeiras onde estamos em serviço astrológico, fomos contactados por uma senhora que estando muito preocupada com o marido, ao saber que era necessária hora de nascimento para levantamento do mapa astral, perguntou-nos com a maior das ingenuidades: "Não sei a que horas ele nasceu, mas se eu mostrar a fotografia dele, vocês podem fazer o mapa na mesma?". Ainda há muito trabalho divulgativo a desenvolver. Enquanto se confundir "astrologia" com "feitiçaria"...

Sol na casa 1 1 e a Lua na casa 9

Sol na casa 1 1 e a Lua na casa 9 é o trânsito que estou a viver este fim-de-semana. Diz-se que um trânsito destes permitirá à pessoa viver uma fase excepcionalmente boa no que diz respeito a amizades e conhecimento de pessoas. Algumas pessoas que estejam distante poderão entrar em contacto, permitindo que fiquemos feliz com as boas novas. Há a oportunidade de conhecer e contactar novas pessoas. Trata-se de uma fase ótima para viajar com amigos, passear com eles, ligar para eles, sobretudo os que moram muito longe. Pois estando a trabalhar na Feira Esotérica de Oeiras tive a oportunidade de confirmar que assim é. Felizmente, foi muito agradável conviver com dois seres humanos muito simpáticos e especiais, que eu não conhecia e com quem foi muito agradável conversar. O curioso disto é que os seus blogues, que muito aprecio, estão na minha lista de linques aqui ao lado, tendo surgido a oportunidade de os conhecer pessoalmente. Um abraço à R., marido e filhos. Foi um prazer conhecer-vos.

29 de março de 2008

A "Escola de Astrologia Nova-Lis"
presente na Feira Esotérica, no recinto da Fundação de Oeiras.
28 de Março a 6 de Abril
Segundas a sextas - 17h a 24h
Sábados e domingos - 14h às 24h
Atendimentos de astrologia.
Relatórios astrológicos.

28 de março de 2008

Não lute contra aquela voz que diz para você seguir em outra direção

Foto de Filipa Azul - Do blogue "Azul Banana"

A tensão entre Sol - Plutão - Marte permanece, mas um aspecto muito interessante aparece no céu. É a oposição Saturno - Netuno, com Saturno em trígono com Plutão. É o símbolo da desconstrução dos limites individuais, do mergulho no coletivo e a compreensão de tudo aquilo que é ser humano. Vivemos na era da ilusão individual: somos únicos, maravilhosos no universo. Não é a toa, a cultura pop nos pressiona todo santo dia com estímulos ao egoísmo, à ignorância... Netuno vem para abalar essas estruturas, para sairmos do casulo do super Ego e vislumbrarmos o que há divino dentro de nós. Nessas épocas, coisas misteriosas podem acontecer, pessoas entram na vida de outras para ensinar uma lição; sonhos interessantes na calada da noite; medos sem fundamento surgem do nada, temores infundados, ansiedades, neuroses e fobias que se originam no inconsciente. Algo que você desejou muito não acontece e deixa só frustração, ou você consegue olhar além desse desejo e verificar que ele não é o melhor para você. Novas portas se abrem, antigas janelas se fecham. Por isso, fiquem atentos aos sinais. Não lute contra aquela voz que diz para você seguir em outra direção.

Daqui - Madame Celeste

Dia 28 - Sexta-feira da Luz

A Lua caminha por Sagitário e incendeia o dia. Lua quadra Vênus, cobrando postura e fim das ilusões. A Lua arqueira encontra Urano disparando raio e verdade aguda sobre e sob as nossas cabeças. O dia encontra Mercúrio elétrico e dá dor de cabeça a quem tem dor de consciência. A Lua em Sagitário não é mole não. Até o Lula bancou de juiz e professor e mandou ontem Bush ir cuidar da sua crise. Para quem esteve acompanhando o BBB, é a Lua do Marcelo boxeador. É a verdade que está em questão. A clareza, o clarão, o raio da justiça. Dia forte, quente, para quem tem opinião forte e contudente. Para quem sabe argumentar, não vale afanar. Perto do meio dia, os ânimos vão se acalmando. O prazer da sexta-feira vem chegando. A página da semana praticamente furada. À noite, o amor e a diversão ganham em originalidade e ousadia.

Daqui - João Acuio.

27 de março de 2008

Telecomunicações e a justiça social miudinha

A maioria das operadoras de telecomunicações em Portugal, quer de rede fixa, quer móvel, cobra um valor fixo para o primeiro minuto, mesmo que o utilizador apenas fale 30 ou 40 segundos. A partir daí, a cobrança ou é de dez em dez segundos, ou de segundo a segundo. Mas, à semelhança de outros sectores económicos, como o bancário, chegam agora ao fim todos os arredondamentos no fornecimento de bens e serviços, nomeadamente de comunicações. A tarifação ao segundo é "a mais justa, porque o consumidor paga exactamente o que utilizou", considera António Meireles, especialista da DECO em comunicações. As pessoas que fazem chamadas até três ou quatro minutos pagarão menos. 89,7 por cento da população portuguesa dispunha, no final de 2007, de telemóvel. Somos um dos países com taxa mais alta de telemóveis por cada 1.000 habitantes. É a justiça social de Plutão (regeneração, transformação) no signo da cabra montanhesa (Capricórnio - poder) com a ajuda miudinha de Saturno em Virgem (assuntos analíticos, saúde, trabalho).

Se alguém se aproximar de si, ouça

Hoje [27-3] temos a Lua em Sagitário. As verdades vão doer. Serão verdades sonoras como o trovão. E ríspidas, pois Mercúrio faz conjunção exacta a Urano. São verdades que irão directas ao ponto onde magoam. Também haverá bom humor que tudo amenizará. Se alguém se aproximar de si, ouça. Pode ser que aprenda algo.

26 de março de 2008

Um por cento

O primeiro-ministro português acaba de anunciar [26-3-2008], numa conferência de imprensa, uma descida de impostos. O imposto escolhido foi o IVA, cuja taxa normal desce de 21% para 20%. A medida terá aplicação a partir de 1 de Julho. Recorde-se que o IVA foi aumentado no início da legislatura, de 19% para 21%, uma medida de recurso para ajudar a consolidar as contas públicas. O Governo sempre prometeu baixar impostos quando houvesse condições orçamentais. O primeiro-ministro, José Sócrates, respondeu com a expressão «veremos para o ano» quando confrontado com a possibilidade de descer a taxa normal de IVA para 19% em 2009, repondo o valor de 2005. Sócrates voltou a moderar expectativas, dizendo que a economia internacional «vive ainda momentos de turbulência e de incerteza» e que Portugal «tem de estar preparado para isso». No céu do momento, Saturno em Virgem e Plutão em Capricórnio aproximavam-se numa orbe próxima fazendo o benéfico trígono; Marte em Caranguejo, sem força para conseguir resistir, apesar da quadratura do Sol, notando-se a ausência de outros aspectos marcianos; a Lua fazendo uma contenção emocional numa quadratura a Saturno e em simultâneo, a aproximar-se de um belíssimo trígono ao Sol. Venceu o Sol. Vencemos todos. Era a altura de aliviar o nosso esforço.

Quem conta um conto, aumenta um ponto

Quem tem a Lua em Sagitário já viveu (0º a 9º), está a viver (10 a 12) ou vai viver (13º a 30º) uma quadratura de Mercúrio em trânsito por Peixes. É um aspecto muito tenso. Neste trânsito a pessoa deve tomar um cuidado redobrado com fofocas, mexericos e especulações desnecessárias. Como diz o ditado, "quem conta um conto, aumenta um ponto", e neste momento de desarmonia entre Mercúrio e Lua, há de facto uma predisposição maior do que o normal para propagar verdades distorcidas, ainda que involuntariamente. Vale a pena também ter prudência ao acreditar naquilo que os outros contam. Quem passa por este trânsito deve investigar bem antes de tomar posições fundamentadas naquilo que lhe contaram. Recomenda-se uma atitude socialmente prudente. Há, neste trânsito, uma espécie de "desacordo" entre a cabeça e o coração. A razão determina um caminho, mas o emocional quer outra coisa. Não sendo nada grave, é uma experiência de passar por uma fase de indefinições temporárias e de acentuação de contradições. As escolhas mais adequadas ficarão mais claras no final do trânsito. Quem tem este trânsito deve deixar a coisa “cozinhando”, até que a certeza se manifeste.

Definitivamente, este

TOM 5 – HARMÓNICO – Potencializa a radiação. Manda. Raio de pulsação do centro. Ter a faculdade ou meio de fazer uma coisa. Brilhar. Emitir novos raios de luz; ordenar uma coisa sem impor. A capacidade de realização. A mobilidade dos dedos. Cotovelo direito. Ho (Maia). Perceber a beleza da quarta dimensão, dimensão do tempo. "Qual a melhor maneira de me conferir poder?" Tom da Radiação e vibração do Centro. Recebe Poder e toma o Comando. Radiação é a qualidade de irradiar s partir do centro, expandindo a própria essência e energia para que possa ser percebida de longe. Dê poder a sua radiação sendo fiel a seu centro. Ela cria um efeito de onda, causando impacto em todos com quem você tiver contato e influenciando o mundo. Estando intimamente ligado a si mesmo irá tornar-se uma força invencível, capaz de tomar o comando e de criar muitos recursos.

25 de março de 2008

Guerreiro Amarelo e o ponto de interrogação cósmico

GUERREIRO AMARELO. Cib (Maia – pronúncia: "quib"). Sul, expande. Governado por Saturno, regido pelo chacra laríngeo, corresponde ao segundo dedo do pé esquerdo. Deus do fogo, longa vida, prosperidade, alegria, vida metódica, planificada, disciplinada, maturidade, brilham na maturidade, solteirões, economistas. Guerreiro pelo Espírito, age a partir do coração universal. Questionador, inteligência. Transmite informações. Pode adquirir a capacidade de entender e usar a telepatia. O guerreiro é aquela pessoa que, através da inteligência, é capaz de harmonizar as massas. Força cósmica, habilidade de contactar e comunicar com a consciência galáctica. Receba e expresse os poderes do Destemor e da Inteligência. Focalize sua voz interior ao trilhar o caminho do "Ponto de Interrogação Cósmico". Avance em direção a seus medos. Seja o guerreiro da graça. Obrigado B., again.

Águia Azul e a visão matricial

ÁGUIA AZUL. Men (Maia – pronúncia: "mên"). Oeste, transforma. Governado por Júpiter, regido pelo chacra coronário, corresponde ao dedão do pé esquerdo. Visão ampla, vidência, cria a visão. Valente, ousado, fanfarrão, soberbo, cuidadoso. Mente superior colectiva, mente planetária e consciência. Opera a partir dos mundos emocional e psíquico. Expressa as informações que recebe. Independente e ambicioso. Inclinação científica ou técnica. Natureza crítica e exigente. Pode tornar-se telepático. Receba e expresse os poderes da Visão e da Mente. Veja, de cima, o plano maior, como uma águia de olhos aguçados e visão clara. Use o poder da mente para criar, inspirado pelo compromisso com sua visão. Acredite em sua conexão com a Mente Planetária. - Obrigado, B.

Penelope Garcia

A série “Mentes Criminosas” mostra o trabalho diário de uma brigada de criminalistas de elite, pertencente ao FBI, cuja especialidade é analisar em profundidade a mente dos assassinos em série mais retorcidos da América, antecipando-se assim ao seu próximo ataque. Enquanto os detectives normais estudam as provas do crime, esta unidade especial analisa o comportamento do criminoso para determinar o móbil do crime. Como é de esperar, nesta equipe há uma especialista em informática, que investiga nas bases de dados todos os rastos possíveis dos criminosos – Penélope Garcia. A actriz Kirsten Vangsness desempenha este papel na perfeição. Emociona-se e chora na sua sala de trabalho perante as cenas horríveis que os monitores dos seus computadores mostram. Ri-se e é atrevida com Morgan (Shemar Moore) com as suas frases picantes: "hot stuff" ou "sweet cheeks". No episódio desta semana, foi a figura central do tema. Tentaram assassinar Penélope Garcia! A investigação desenvolveu-se em redor deste assunto, com uma interpretação notável da actriz muito bem coadjuvada pelos colegas. Nascida a 7-Julho-1976 tem o Sol, Mercúrio e Vénus em Caranguejo, Lua em Escorpião e Marte em Virgem o que ajuda muito a vestir a pele da simpática e irreverente agente Garcia. O final do episódio deu-nos a entender que Penelope Garcia vai viver o amor com um seu colega informático do Bureau.- Site.

24 de março de 2008

Vapor ou calor?

Tentativa de explicação de Plutão na Casa 9 - Plutão natal ao estar na casa da mente superconsciente dá emoções intensas que revelam o desejo de conhecer e compreender qual é o propósito da vida. Às vezes é necessário que se derrubem todas as crenças ortodoxas e todas as opiniões pré-estabelecidas, antes que a pessoa possa começar a sentir a satisfação de que parece existir um significado e um plano atrás de todas as manifestações de vida. Plutão na casa 9 dá à pessoa uma característica especial: um forte desejo de ser um percursor no campo da espiritualidade. Esta pessoa tem um desejo compulsivo de mostrar aos outros as razões e os métodos regeneradores. Este posicionamento natal pode ser portador de uma percepção sensorial superior (clarividência), que parece surgir de um plano superior de consciência. Como tudo na vida, podemos usar mal este Plutão na 9. Se negativo, pode criar fanatismo na questão de crenças e religiões, podendo mesmo a haver tendência a impor aos outros os seus pontos de vista. Este posicionamento de Plutão na casa 9 pede que se analise cuidadosamente o estado de Saturno nessa carta natal. Se Saturno estiver muito forte, a pessoa pode demonstrar ter pontos de vista inflexíveis. Sendo Júpiter o regente natural desta casa é de notar que este Plutão será mais expansivo e intenso do que é habitual em outras casas. Quanto Plutão encontra-se na casa 12, também se nota o mesmo expansionismo. Quem escolhe é a pessoa do mapa. Se escolher usar o Plutão superior, poderá alcançar os seus mais altos ideais e princípios, pelo que saberá utilizar a iluminação a sabedoria no seu quotidiano. Plutão nesta posição pode incutir desejos de explorar horizontes longínquos, na Terra, ou para além dela. Se parte em busca do que procura, certamente regressará ao local de origem para difundir os conhecimentos que obteve. Plutão é um elemento de água e quando numa casa de fogo pode produzir vapor. Ou seja, a água pode apagar o fogo. Vai depender sempre de como a pessoa usa a energia de Plutão para, em vez de criar vapor, poder produzir calor. A.R.

Etapas evolutivas dos trânsitos no nosso mapa

Quando os trânsitos (quaisquer que sejam os planetas) tratam os assuntos que se encontram naquilo que se chama de etapa pessoal e preparatória ou de assentamento” – casas 1, 2 e 3 – movimentam-se lentamente. Do Ascendente ao Fundo do Céu. Não é uma posição para mudanças rápidas. Tudo o que se tente fazer, deve ser pensado e sentido como havendo uma meta a longo prazo. Se os trânsitos envolverem Urano, Neptuno e Plutão, procuro vê-los como sendo autênticos projectos de vida, a serem lentamente elaborados. Neste espaço do nosso mapa, as energias dos trânsitos estão a reorganizarem-se para se desenvolverem nas três casas seguintes – a 4, 5 e 6. Do Fundo do Céu ao descendente. A este sector do mapa chamamos de “etapa de desenvolvimento”. Esta área é a que envolve as nossas raízes, fundações, criatividade e trabalho. É a área do ditado popular – “Tendo saúde, o resto vem.” E os trânsitos continuam para se expressarem e expandirem nas casas seguintes – a 7, 8 e 9. Do Descendente ao Meio do Céu. É a “etapa de expansão”. É quando confirmamos as parcerias, negócios, casamento, amadurecimento interno e expansão de horizontes. As actividades externas são as mais importantes neste sector. Resta-nos o último sector do mapa – as casas 10, 11 e 12 – chamado de “etapa de consolidação”. Do Meio do Céu, novamente ao Ascendente. É o tempo de consolidação dos planos internos e de aprendizagem no manejo e operacionalidade a tudo o que se refere ao “Eu”. É nesta área que se situa sobretudo o que diga respeito às ocorrências do nosso interior. Como breve apontamento: sabemos que Neptuno e Plutão não passam por todos estes sectores (ou casas) numa vida normal. Plutão necessita de cerca 250 anos para percorrer esta distância. Neptuno - 160 anos. Urano – 80 anos. Quiron – 50 anos. Saturno – 29 anos. Júpiter – 12 anos. Marte – 2 anos. Vénus – 1 ano e meio. Mercúrio – cerca de 1 ano. Sol – 1 ano. Lua – 28 dias. Por aqui percebemos as variações humor que a Lua nos pode provocar dia-a-dia. Fica cerca de dois dias e meio em cada signo. O Sol, percorrendo estas 4 etapas ao longo de um ano, dá-nos imensas oportunidades de nos expressarmos de muitas maneiras. Se Saturno transita pela etapa pessoal e preparatória ou de assentamento” – casas 1, 2 e 3 – anuncia um período de avaliação, de maior recolhimento, um certo retiro das actividades mais mundanas. Obviamente, que os planetas em trânsito não passam só pelas casas. Também atravessam signos. E, obviamente, encontram-se com os nossos planetas natais. A.R. - Daqui.

São apenas sete planetas

São apenas sete planetas. Dependendo do modo pelo qual você vê a Astrologia, vai pensar que esses pontos não são suficientes para representar a vida do nativo. Daí vai começar a procura vertiginosa por Asteróides, Transneptunianos e estrelas fixas. Rodolfo Veronese. Daqui.

22 de março de 2008

Yod

No Yod não há excesso de ritmo como há num Quadrado [quadratura] ou num elemento como num Grande Trígono. Figuras geometricamente mais estáveis resultam em dinâmicas astropsicológicas mais tensas e exageradas. Não é o que ocorre com o Dedo de Deus - configuração criativa por excelência. Segundo João Acuio, deveriamos ouvir o conselho de YODa, o sábio de Star Wars: - Yoda-se.

Rudhyar is a metaphysician. I am a clinician.

Diz Marc Edmund Jones sobre Dane Rudhyar: "Rudhyar is a metaphysician. I am a clinician." Esta frase é a meu ver, absolutamente incontornável. Por isso eu apreciar tanto Rudhyar. Ele defendia uma astrologia humanista, transcendendo-se nos seus conceitos. Ele “misturou” como ninguém a astrologia tradicional, as correntes psicológicas junguianas dominantes então (porque hoje parecem estar em fase de reformulação), aliado aos seus vastíssimos conhecimentos das filosofias ocidental e oriental. Ele manejou conceitos taoistas dentro da astrologia ocidental, insistindo que esta havia que ser vista como um todo. Fez a ponte entre o céu e a terra. Dane Rudhyar tentou e conseguiu reorientar e modernizar a astrologia – a mais antiga procura de uma ordem e de um significado para o Universo.

.

20 de março de 2008

Páscoa

A data da Páscoa foi fixada pelo Concílio de Niceia (325 dC) no primeiro domingo depois da Lua Cheia que se segue ao Equinócio da Primavera. Deste modo, a festa da Páscoa oscila entre o dia 22 de Março e 25 de Abril de cada ano. O mais absoluto classicismo astrológico - do calendário lunar hebreu.

Um novo ano astrológico que começa

O Sol entrou em Carneiro / Áries a 20 de Março.

Em Portugal: às 5:48:18 (TMG).
No Brasil: 2:48:18
(horário de Brasília).
Em Angola: às 6:48:18.
Em Moçambique: às 7:48:18.

Um novo ano astrológico que começa.

19 de março de 2008

Angela Merkel, o Holocausto e Capricórnio

A chanceler alemã Angela Merkel dirigiu-se em hebraico e em alemão ao parlamento israelita (Knesset), no dia 18 de Março, numa intervenção sem precedente para um chefe de governo alemão e um gesto altamente simbólico mais de 60 anos depois do genocídio nazi. «Agradeço-vos terem-me dado a honra de me dirigir ao Knesset», declarou Angela Merkel em hebreu perante os deputados israelitas que a aplaudiram calorosamente. Foi surpreendente o uso da língua alemã no parlamento de um país tão marcado pelo Holocausto, ou “Shoah” (morte de seis milhões de judeus), na II Guerra Mundial. Mais surpreendente foi ouvir Angela Merkel dizer isto, em tom muito grave: «O holocausto enche os alemães de vergonha, por isso, inclino-me perante tantas vítimas, os sobreviventes e quem os ajudou até ao presente». Quando Capricórnio (o poder, os governos, os estados) assume a sua posição mais evolutiva e dignificada, o mundo pula e avança. Plutão dá sempre um jeito.

Dia 19 - Dia da arrumação, dia da velocidade

Lua em Virgem, logo pela manhã. Lua para colocar pingos nos is. Lua séria e também nervosa. O dia não está para principiantes. Há uma sensação solta no ar que tudo está confuso e bagunçado. E aí vem a crítica. Todo mundo cri, cri, cri e… cri, cri, cri. E o grilo só vai aumentando. A crítica não adianta de nada. O que adianta é a mudança de atitude. O dia toma ações radicais, diria eu, higiênicas, saneadoras, pontuais. Lua encontra Saturno e exige disciplina. Lua encontra Mercúrio e exige clareza. Lua encontra Vênus, no fim da noite, e exige harmonia. Lua em Virgem e raios caindo pra tudo quanto é lado onde tenha preguiça ou precisa de arrumação. Boa sorte.

15 de março de 2008

Plutão a preparar-se para regressar a Sagitário por uns tempos

Plutão já começou a desaceleração para ficar retrógrado, o que ocorrerá dentro de dias, a 2 de Abril. Está a preparar-se para regressar a Sagitário por uns tempos, onde vai terminar uns trabalhos que devem ter ficado pendentes. O assunto das manifestações dos monges tibetanos, era praticamente impensável há uns anos. Claro que estamos a falar de Plutão em trabalho simultâneo em Capricórnio, mas em aproximação a Sagitário. Foi só começar a desacelerar: Pequim acusa Dalai Lama de organizar estas manifestações no Tibete. O Governo tibetano no exílio já pediu a abertura de um inquérito junto da ONU sobre os episódios de violência na capital do Tibete, Lhasa, que, diz, fizeram cem mortos. As autoridades chinesas dizem que os confrontos de ontem contra o regime de Pequim fizeram dez mortos e vários feridos.


Amor platónico - Vénus a passar pela 11

O site “Personare” deixou-me este recado hoje, por e-mail: “Entre os dias 15/03 (hoje) às 12h e 15/04 às 6h, o planeta Vênus estará passando pela Casa 11 do seu mapa de nascimento, Antonio, favorecendo particularmente as suas relações de amizade e as suas convivências grupais. É uma fase de melhoria no que diz respeito ao entendimento entre as partes. Você terá uma importância maior entre seus amigos neste momento, terá mais requisições para aparecer, e sentirá que as pessoas lhe querem mais. É bastante provável, inclusive, que você se veja em situações em que precise tomar atitudes a fim de harmonizar e equilibrar dificuldades na vida de seus amigos. Este é um bom momento para atividades culturais: teatro, cinema, e o melhor, tudo em grupo, com bons amigos. O perigo, para esta fase, é que muitas vezes o nível de afetividade entre amigos aumenta tanto que corre o risco de alguma relação do estilo platônico se instalar em sua vida, com você se interessando por uma pessoa que é apenas amiga, ou vice-versa. Convém saber separar as coisas e observar direito para avaliar direito o que tem e o que não tem a ver. Neste momento, as amizades com mulheres estão mais favorecidas, Antonio, assim como a amizade com pessoas ligadas ao meio artístico.”

Agora são estes a falarem em relações platónicas! Não me recordo de nenhum filme sobre amores platónicos. Hum!!! Isto parece ser o oposto do drama passional de mais abaixo.

Saturno em Virgem também trabalha assim

«O Governo publicou hoje [14 de Março] a portaria que consagra a obrigatoriedade de ser publicada anualmente uma lista de credores da administração central do Estado. Segundo o comunicado do Ministério das Finanças, «no caso de dívidas a pessoas singulares, são passíveis de integrar a lista as dividas iguais ou superiores a 3.500 euros e, no caso de pessoas colectivas, as dívidas iguais ou superiores a 7.000 euros». Mas para que sejam incluídos na lista, terão de ser os contribuintes a apresentar um requerimento, junto da secretaria de Estado do Ministério das Finanças - organismo responsável pelo tratamento dos dados e procedimentos necessários à publicação desta lista.»

Coisas miudinhas, importantes ou não. A portaria não fala em apressar os pagamentos aos credores do Estado, mas sim em fazer uma lista anual das suas dívidas. Vá, façam lá o favor de me colocarem na lista, que não me importo de esperar mais 1 ano pelo pagamento. [!!!] Isto é da parte do estado, porque as autarquias nem se pronunciam.


Marte transitando conjunto a Vénus

“Esta posição astral corresponde a um período de apetência afectiva. Os sentimentos surgem com mais impulsividade do que é normal, sobretudo os referentes a assuntos amorosos, que serão activados ou terão uma maior animação do que é habitual em si. Irá sentir uma activação ou uma animação das suas aspirações sentimentais, sentindo como que um apelo interior ao bem estar ou à alegria de viver. Poderá mesmo verificar que os seus sentimentos são mais ardorosos, que surgem em maior número e com mais intensidade, sobretudo na área dos desejos. Se não se souber controlar poderá mesmo viver um drama passional. A sua necessidade de viver melhor é quase compulsiva. Neste período acentua-se a sua sensualidade, aumenta o seu interesse pelos assuntos do sexo, sentindo sobretudo maior atracção sexual pelos seus parceiros, mesmo os eventuais. Mas tenha cuidado porque a paixão pode fazer com que não tenha um discernimento muito claro sobre as pessoas de quem gosta e das situações emotivas. Poderá mesmo ser vítima de ciúmes mais intensos do que é normal em si, e ver aumentado consideravelmente o seu desejo de posse exclusiva de pessoas ou de bens. É também um período bastante mau para as suas actividades ligadas a interesses materiais. Terá tendência para gastar mais do que ganha, ou pelo menos gastar sem moderação, por impulso, por vaidade, para dar mais satisfação ao prazer do que às necessidades reais, ou para conseguir impressionar alguém com quem pretende estabelecer relações íntimas, tentando comprá-la. O desejo de contactos sexuais é o principal motor do seu relacionamento. Se as exigências da sua emotividade, ou do seu interesse por alguém, forem contrariadas, ou de algum modo diminuídas, será bastante penalizado, sobretudo no aspecto emotivo. Se é artista, ou tem qualquer actividade ligada à arte, esta influência astrológica confere-lhe uma maior criatividade do que é habitual em si.”

Este texto foi retirado de um daqueles relatórios automáticos de astrologia, que se fazem para sabermos os trânsitos do momento. Fiquei boquiaberto, conforme o ia lendo, a pensar: "Então é esta energia que me pertence viver entre hoje e terça-feira?
Se não me souber controlar poderei mesmo viver um drama passional?" Para quem vive só, com um cão e 3 gatos, não está nada mal. O melhor mesmo é viver uma situação destas, revendo o filme de Claude Chabrol, "A Dama de Honor", um drama passional, com Laura Smet e Benoit Magimel (na foto). Que pena não haver filmes destes com sessentões como protagonistas. Pois! Bom, daqui a 2 anos haverá o mesmo trânsito...

14 de março de 2008

Onde está o seu poço de lágrimas no mapa?

"Onde está o seu poço de lágrimas? Dizem que o choro é o xixi da alma... Pode ser de alegria ou de tristeza. E o asteróide designado para mostrar isso no mapa natal é LACRIMOSA (208 - no astro.com). Lacrimosa é o termo latino para pranto. Lacrimosa mostra onde a pessoa investe tão profundamente as emoções que experimenta nos extremos de alegria e de tristeza. Eu tenho Lacrimosa a 15 graus de Sagitário na 9ª Casa... faz trígono para o meu Sol, sextil para o meu Urano, para o meu nodo norte e para o meu marte. Eu choro muitooooo de alegria...uma alegria emocionada... choro vendo filmes, vendo paisagens bucólicas... vendo bichinhos..vendo gente chorando...meu choro acompanha o choro alheio... Choro com os amigos... Choro quando dou vazão à minha espiritualidade, quando estou em comunhão com a vida, quando percebo o divino em cada coisa criada. Choro com um otimismo imenso. Verto lágrimas de esperança e crença na vida."

Daqui - Leoa Solar

Fonte : LEWIS, James R. - Enciclopédia de Astrologia - São Paulo- Makron Books, 1997. p.337.

12 de março de 2008

Peregrino

Um planeta está Debilitado, Enfraquecido ou Afligido, "quando está Peregrino, isto é, quando se encontra em um lugar onde não tem qualquer Dignidade; ou sendo um dos Superiores quando é seguido pelo Sol, ou sendo um dos Inferiores quando segue o Sol."

Hoje, Lua em Gémeos e Vénus em Peixes

A Lua entra em Gémeos hoje (dia 12) às 18h00 (TMG), lá permanecendo por dois dias e algumas horas. Às 23 horas, Vénus deixa Aquário e entra em Peixes. Espero que seja a festa. De repente, ficaremos mais faladores, mais comunicativos. As coisas adquirem um brilho especial. Parece que nos brotam da cabeça mil ideias diferentes. Se juntarmos a isto o glamour de uma Vénus em exaltação pisciana, quase que podemos garantir que estão reunidas condições para o amor se soltar. Vénus sente-se feliz neste signo. O amor pode andar no ar. O romantismo, as declarações e juras de amor, um pouco à maneira antiga. Durante estes dois dias, diremos com facilidade "amo-te" ou "gosto de ti". Os reencontros serão saborosos. As reuniões de amigos decorrerão com alegria. Os negócios serão fechados com mais facilidade. Os encontros amorosos decorrerão com outro sabor. Aproveite e vá às compras para si. O bom-gosto e a elegância estarão em alta. A Lua e Vénus de mãos dadas para darem um gostinho ao povão que somos nós. Fico-me por aqui, para não ser acusado de estar a fomentar separações e divórcios! :)

Na foto: Bailarinos Augusto Omol e Aliice Becker no bailado "
Adenor Gondim", em Outubro 1990 .

Googlar

Este blogue beneficia de uma vantagem. "Não existe". Apesar de eu estar ligado a sites com um razoável movimento de visitantes. Por enquanto, não está linkado a nenhum site nosso. E a mais ninguém, que eu saiba. Portanto, não tem visibilidade real. Não existe, no sentido que se dá a ser-se insignificantemente diminuto na internet. Desejo que se mantenha assim por muito tempo, pois o blogue é o meu laboratório de aprendizagem. Os pouquíssimos visitantes que por cá passam, chegam ao acaso, enviados pelo Google. Excepto 2 ou 3 pessoas que sei conhecerem a existência deste espaço. No entanto, e no que a mim diz respeito, estou intrigado com um(a) visitante que no Google busca por "a cova do urso" para chegar até este espaço. O Extreme Tracking, o contador aqui ao lado, encarrega-se de me contar estas pequenas histórias. Quando nos visitam e a que horas o fazem. Esta noite, essas visitas deram-se quando eu já estava a bom dormir: 00h59 e 3h26. Muito obrigado por nos procurar. Partindo do princípio que vem por bem. Isto de ter um trígono natal entre Mercúrio e Neptuno dá umas quantas vantagens a um mapa natal.

Mistérios da noite

No céu [do dia 11 de Março], um belo retângulo místico entre Saturno - Marte - Plutão - Mercúrio em conjunção com Vênus, envolvendo as casas 11, 8, 2 e 4/5. Isso simboliza o interesse por aquilo que está oculto, a força interior que nos impele à reestruturação, a levantar do chão de dificuldades e nos reerguer. Novas possibilidades surgem diante de nossos olhos, novos conceitos são gestados que influenciam nossa maneira de ver a vida. É um impulso para abandonar aquilo que nos mantém presos, abandonar antigos padrões de comportamento e utilizar esse conhecimento para melhorar a vida daqueles que nos cercam. A quadratura que a Lua em Touro faz esse momento, quadrando Mercúrio, Vênus e nodo lunar norte torna essa noite cheia de fantasia e magia... vamos aproveitar essa atmosfera para mergulhar dentro de nós e perceber o que realmente tem valor para nós. A imagem do galo de Meyer Filho, artista plástico de Florianópolis, ilustra muito bem esse momento pirotécnico. Ao mesmo tempo em que a escuridão toma conta do céu, a chama da vontade de descobrir ilumina nossos olhares.

11 de março de 2008

L'Ultimo Inquisitore

Hoje, 11 de Março, ao fim da tarde, senti-me como se tivesse sido julgado pela "santa" inquisição, neste caso, por duas ou três criaturas aparentemente desvairadas, que efabularam "teorias da conspiração" na internet escrevendo as maiores sandices, recheadas de bílis amargas. Apeteceu-me dizer uns palavrões, arre! Nessas horas, a Lua (na 12) fazia uma quadratura ao meu Plutão natal (na 4). :) O melhor mesmo é não dizer mais nada, porque a Lua está em Touro e pede-se doçura e bom senso. Saturno, no seu infindável retorno está a 2 graus do meu Saturno natal, tmbém na 4, a atirar com estas experiências. Será que terei que redefinir o que é uma casa 4? Além disso o meu Descendente em scorpio, atrai estes "amores", o que significa que devo retirar disto a aprendizagem necessária. Julgava já ter aprendido, mas não... Já não basta o cansaço físico das mudanças de instalações e a tremenda logística que isso obriga! São muita e muitas estantes e muitos e muitos livros. Nova vida a despontar.

Igreja: missas e preservativos (Pluto e a cabra montanhesa de mãos dadas)

As novas regras estão a ser preparadas desde o início do pontificado de Bento XVI, mas o cardeal D. Albert Malcom Ranjith, número dois da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos, já desvendou algumas das ideias: homilias mais curtas, genuflexão diante das espécies eucarísticas consagradas, favorecendo a adoração de joelhos e receber a comunhão na boca e não nas mãos. Quanto às homilias, não há grande novidade. Desde há mais de uma década que as dioceses, pelo menos em Portugal, estabeleceram a norma de as homilias demorarem entre oito e dez minuto. No entanto, para além do tempo, desta vez o Vaticano impõe regras quanto ao conteúdo, referindo que o celebrante “deve estudar profundamente o Evangelho e ater-se sempre a esse texto”. Ou seja, Plutão e a cabra montanhesa (Capricórnio) de mãos dadas a imporem limites à Igreja secular. Um belo de um 7º Raio a funcionar. Ou será que pensou que a "coisa" ficaria só pelas manifs? De qualquer forma, a oposição ao Vaticano já começou: “Vejo isso, de facto, como um retrocesso”, disse ao CM o padre João Alberto Correia, doutorado em Sagrada Escritura e pároco de Frossos, em Braga, sublinhando que “o mais acertado será corrigir sempre que se detectar algum abuso e não decretar o fim da ministração da Comunhão na mão”. Por outro lado, temos a mesma Igreja confrontada com esta notícia: "os católicos não seguem a doutrina da Igreja relativamente ao uso do preservativo, por outro desejam um alteração da orientação dos chefes da sua Igreja. A Catholics for a Free Choice sublinha que, não se tratando de um estudo marginal, os resultados mais significativos se verificaram em países onde a Conferência Episcopal tem grande peso na opinião pública." E isto que Plutão só sairá de Capricórnio em 2024. Nunca melhor dito: a procissão ainda vai no adro.

Errática e esparsa

10 de março de 2008

A propósito do trânsito de Saturno na casa 7

"As mudanças de Saturno vêm frias, gélidas, causando um choque muitas vezes necessário entre a realidade e a fantasia; entre o egoísmo e a necessidade de doar-se. Uma das coisas que precisamos ultrapassar é nossa insegurança. Os trânsitos de Saturno pela sétima casa mexem profundamente com nossas inseguranças da primeira casa. No caso da casa 7, ela representa o outro do ponto de vista individual, enquanto a décima primeira representa o outro do ponto de vista mais social, mais grupal. É na casa 7 que se mostra e vivencia a "sombra", aquilo que tentamos esconder e, consequentemente, procuramos suas características em nossos relacionamentos com a finalidade de trabalhar isso dentro de nós."

Daqui - "Madame Celeste"

9 de março de 2008

Dentro do filme "Constantino"

Hoje acordei com a estranha sensação de ter estado "dentro" do filme Constantine. E fiquei sem saber que parte da história era aquela onde eu estava. Não era o Keanu Reeves (Constantine), também não era a recém oscarizada Tilda Swinton (no magnífico papel de Gabriel). Não era o exorcizador Padre Hennessy (Pruit Taylor Vince). Só podia mesmo ser o "Papa Meia-Noite". É essa sensação, a de estar na pele de Djimon Hounson. Apesar de estranho, gostei. No filme, "Papa Meia Noite", feiticeiro e empresário, tem um bar exclusivamente para anjos e demónios híbridos e, ao longo da história, não tomou partido por ninguém, nem sequer pelo seu amigo Constantine, tendo-se preocupado apenas com o número um. Um taurino a viver uma história escorpiónica, desempenhando um papel mercuriano (negócios), marcado por um passado marciano e plutónico (feitçaria). "O Céu e o Inferno são aqui, atrás de cada muro, cada janela, o mundo atrás do mundo. E nós estamos encurralados no meio." - diz John Constantine no filme. Hoje é dia de futilidades e nada fazer.

8 de março de 2008

Dormirmos descansados?

Após um ataque militar colombiano a uma base das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) em território Equatoriano, no dia 1º de março, que matou o porta-voz internacional da guerrilha, Raúl Reyes, Quito rompeu suas relações diplomáticas com Bogotá, postura seguida por Caracas e Manágua. Ontem, dia 7, na Cúpula do Grupo do Rio em Santo Domingo, o conflito foi resolvido com o pedido de desculpas do presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, que assegurou que nunca acontecerá um ataque semelhante fora de seu país. A paz foi selada com um aperto de mãos. O presidente do Equador, Rafael Correa, afirmou hoje: "Os equatorianos podem dormir tranquilos, os nossos irmãos colombianos podem dormir tranquilos, os venezuelanos, os nicaraguenses, a América Latina e o mundo inteiro podem dormir tranquilos". Hum! Hum! Podemos dormir tranquilos? Isso ainda está por se ver. Veja-se como Plutão em Capricórnio trabalha. Dá para perceber que nunca se saberá o que estes presidentes falaram na sua reunião privada. O Zé Povinho jamais saberá o que os presidentes (Capricórnio) negociaram na obscuridade (Plutão) diplomática, aquelas coisas que nunca convém que saiam à luz. Só "eles" é que podem saber.

Lua em Carneiro a atiçar Marte e Plutão num braço de ferro

No dia 5 de Outubro de 2005 José Sócrates apelou à greve e manifestações em Portugal, dizendo isto: «... há uma conflitualidade social relativamente às medidas do Governo muito abaixo do que seria de esperar em Portugal ...» e «... se olharmos para França, com o Governo a fazer muito menos que o Governo português, são muito maiores as manifestações ...». Hoje, 8 de Março de 2008, o 1º ministro vai perceber que co-criou ter 100.000 pessoas a fazeram-lhe a vontade, numa gigantesca manifestação de professores em Lisboa, contra ele, na já conhecida "Marcha da Indignação". Deverá enfrentar o maior protesto de professores de sempre, depois de duas semanas em que, um pouco por todo o país, milhares de docentes se manifestaram e disseram «basta» às políticas educativas do Governo. Ontem foi dia de Lua Nova em Peixes. Hoje às 15 horas, momento marcado para o início da manifestação, a Lua (os professores) mudou-se para Carneiro e, claramente, vai atiçar o regente deste signo, Marte (a energia na manif) contra Plutão (o governo). No céu, Marte em Caranguejo e Plutão em Capricórnio, estão em oposição. Às 15 horas, a Lua (povo) fará uma violenta quadratura a Plutão (poder). O interessante disto é percebermos que todo o regime está metido nisto, da direita à esquerda. Este é o género de "onda" que é chique cavalgar. Vai dar para muitas conversas nos dias próximos. Emoções à solta e a eventual possibilidade de "almas gémeas" se encontrarem. Pois se Vénus até está a fazer um trígono a Marte. Infelizmente, não passará disso, com muita pena minha, pois apreciaria ver o regime levar um "apertão". Por outro lado, esta gigantesca manif é muito útil a certos sectores da economia, que agradecem. Transportes, combustíveis, comunicações, media, alimentação, bebibas, umas roupinhas novas... Só autocarros, são 600. Vai movimentar muitos €€€ e muita adrenalina. Vénus e Mercúrio gostam disto.

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates