Euro 2008 - Análise incompleta do potencial da selecção para o jogo do dia 7

4 de junho de 2008 ·

[Não interpretem as casas, pois o mapa da Federação foi levantada para as 12:00, por não se saber a hora exacta em que foi criada. Vejam apenas os aspectos e posicionamentos.]


Clicar para aumentar a imagem.

Análise incompleta do potencial da selecção para o jogo do dia 7
É um grande atrevimento da minha parte escrever este texto, pois até ao momento, continuo à procura de dados para a Federação da Turquia, para além do seu ano de constituição. Neste contexto, resta-me apenas tentar avaliar a predisposição geral da nossa selecção, para o dia 7 de Junho, à hora em que começa o jogo. Chama muito a atenção a conjunção exacta, no mapa do céu, do Sol, Mercúrio e Vénus no grau 17 de Gémeos. [Os símbolos sabianos dizem para este grau - "Um belo rosto adolescente transforma-se, revelando uma grande maturidade, recém adquirida”.] Nada mais adequado para este grupo de jovens em processo de amadurecimento Existe muita vontade de se entenderem enquanto colectivo. Durante o jogo haverá boa capacidade para se comunicarem e se entenderem, de forma afectuosa. O Sol está muito bem posicionado fazendo aspectos muito positivos ao mapa natal da federação portuguesa: trígonos à Lua e Marte e sextis ao Sol e Mercúrio, significando isto, uma excelente pré-disposição para haver um emocionante clima de apoio, entre os numerosos apoiantes e jogadores da selecção. Sentir-se-á uma corrente de energia positiva a trespassar todo este ambiente. Os jovens em campo sentirão entusiasmo, força de vontade, energia, vontade de vencer, orgulho de pertencerem àquele colectivo. É toda uma energia leonina, comandando o campo. A Lua estará em Leão – capaz de vencer o mundo. Uma Lua muito aguerrida, fazendo conjunção com Marte do céu. Assim estarão os jogadores de ambos os lados. No entanto, esta Lua enfrenta Saturno natal da nossa selecção, podendo notar-se a pressão da ansiedade, quer dos jogadores, quer do público. Estão reunidas condições para a marcação de golos, se conseguirem manter a frescura do pensamento, a agilidade das ideias, aliadas à sabedoria da experiência e ao comando da chefia. Como disse mais acima, não tenho como analisar o mapa da selecção da Turquia, portanto, não faço ideia de como reagirá o nosso adversário. Digamos que enquanto colectivo, a nossa selecção estará neste dia no limbo entre duas contradições. Por um lado, a energia altamente favorecida de um trígono de Vénus a Júpiter, sugerindo um final feliz. Do outro lado, encontramos um trânsito aguerrido de Marte em oposição a Júpiter, dando a entender que possam ocorrer acidentes desnecessários dentro do campo. Espero sinceramente que não haja delapidação de esforços em bravatas inúteis, pois o céu apresenta-se favorável. Impulsividade, excitação e agitação estarão presentes na nossa selecção. No entanto, a travar essa energia marciana, teremos Vénus tocando Júpiter, os dois grandes benéficos do zodíaco a encontrarem-se em harmonia. Espero que os nossos atletas prefiram usar a energia positiva em vez de usarem a de sinal oposto. Que pena sinto de não poder antever uma vitória com maior certeza, por me faltarem os dados da outra selecção. Mas há todo um caminho aberto para que isso aconteça. Para além disto, gostaria de deixar uma última nota astrológica muito positiva: a nossa selecção apresenta por direcção de arcos solares um sextil de Júpiter a Marte e a Quíron. Com isto quero dizer que a nossa selecção terá uma participação especialmente favorecedora ao longo do Euro 2008. Fogosidade, energia que baste, expansão e altamente curador. Talvez a colega Ana Cristina, do "Astrologicamente"possa dar-nos uma interpretação mais exacta destes Arcos Solares, pois ela sabe imenso destes temas.

António Rosa
Publicado no fórum da Escola de Astrologia Nova-Lis, no dia 3 de Junho de 2008 – 12:47

2 comentários:

jasmimdomeuquintal disse...
4 de junho de 2008 às 21:32  

gostei de vir aqui; começo a apaixonar-me pela astrologia.

António Rosa disse...
4 de junho de 2008 às 23:00  

Olá Jasmim

É bom saber que esta arte tão antiga se está a entranhar em si.

Seja bem-vinda, sempre.

Tudo de bom.

A.

4 de junho de 2008

Euro 2008 - Análise incompleta do potencial da selecção para o jogo do dia 7

[Não interpretem as casas, pois o mapa da Federação foi levantada para as 12:00, por não se saber a hora exacta em que foi criada. Vejam apenas os aspectos e posicionamentos.]


Clicar para aumentar a imagem.

Análise incompleta do potencial da selecção para o jogo do dia 7
É um grande atrevimento da minha parte escrever este texto, pois até ao momento, continuo à procura de dados para a Federação da Turquia, para além do seu ano de constituição. Neste contexto, resta-me apenas tentar avaliar a predisposição geral da nossa selecção, para o dia 7 de Junho, à hora em que começa o jogo. Chama muito a atenção a conjunção exacta, no mapa do céu, do Sol, Mercúrio e Vénus no grau 17 de Gémeos. [Os símbolos sabianos dizem para este grau - "Um belo rosto adolescente transforma-se, revelando uma grande maturidade, recém adquirida”.] Nada mais adequado para este grupo de jovens em processo de amadurecimento Existe muita vontade de se entenderem enquanto colectivo. Durante o jogo haverá boa capacidade para se comunicarem e se entenderem, de forma afectuosa. O Sol está muito bem posicionado fazendo aspectos muito positivos ao mapa natal da federação portuguesa: trígonos à Lua e Marte e sextis ao Sol e Mercúrio, significando isto, uma excelente pré-disposição para haver um emocionante clima de apoio, entre os numerosos apoiantes e jogadores da selecção. Sentir-se-á uma corrente de energia positiva a trespassar todo este ambiente. Os jovens em campo sentirão entusiasmo, força de vontade, energia, vontade de vencer, orgulho de pertencerem àquele colectivo. É toda uma energia leonina, comandando o campo. A Lua estará em Leão – capaz de vencer o mundo. Uma Lua muito aguerrida, fazendo conjunção com Marte do céu. Assim estarão os jogadores de ambos os lados. No entanto, esta Lua enfrenta Saturno natal da nossa selecção, podendo notar-se a pressão da ansiedade, quer dos jogadores, quer do público. Estão reunidas condições para a marcação de golos, se conseguirem manter a frescura do pensamento, a agilidade das ideias, aliadas à sabedoria da experiência e ao comando da chefia. Como disse mais acima, não tenho como analisar o mapa da selecção da Turquia, portanto, não faço ideia de como reagirá o nosso adversário. Digamos que enquanto colectivo, a nossa selecção estará neste dia no limbo entre duas contradições. Por um lado, a energia altamente favorecida de um trígono de Vénus a Júpiter, sugerindo um final feliz. Do outro lado, encontramos um trânsito aguerrido de Marte em oposição a Júpiter, dando a entender que possam ocorrer acidentes desnecessários dentro do campo. Espero sinceramente que não haja delapidação de esforços em bravatas inúteis, pois o céu apresenta-se favorável. Impulsividade, excitação e agitação estarão presentes na nossa selecção. No entanto, a travar essa energia marciana, teremos Vénus tocando Júpiter, os dois grandes benéficos do zodíaco a encontrarem-se em harmonia. Espero que os nossos atletas prefiram usar a energia positiva em vez de usarem a de sinal oposto. Que pena sinto de não poder antever uma vitória com maior certeza, por me faltarem os dados da outra selecção. Mas há todo um caminho aberto para que isso aconteça. Para além disto, gostaria de deixar uma última nota astrológica muito positiva: a nossa selecção apresenta por direcção de arcos solares um sextil de Júpiter a Marte e a Quíron. Com isto quero dizer que a nossa selecção terá uma participação especialmente favorecedora ao longo do Euro 2008. Fogosidade, energia que baste, expansão e altamente curador. Talvez a colega Ana Cristina, do "Astrologicamente"possa dar-nos uma interpretação mais exacta destes Arcos Solares, pois ela sabe imenso destes temas.

António Rosa
Publicado no fórum da Escola de Astrologia Nova-Lis, no dia 3 de Junho de 2008 – 12:47

2 comentários:

jasmimdomeuquintal disse...

gostei de vir aqui; começo a apaixonar-me pela astrologia.

António Rosa disse...

Olá Jasmim

É bom saber que esta arte tão antiga se está a entranhar em si.

Seja bem-vinda, sempre.

Tudo de bom.

A.

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates