Os seniores também sentem

19 de dezembro de 2008 ·

Os seniores também sentem bastante quando nos seus mapas Vénus recebe uma oposição de Plutão. Aliás, pode ser uma fase de enorme solidão. Pode significar que a pessoa atingiu o limite das suas possibilidades amorosas, tanto no aspecto físico como no psicológico, deixando de interessar aos seus possíveis parceiros., durante aquele período de tempo, reconstruindo uma nova forma de estar. Esta situação depende da idade, porque para pessoas já bastante maduras poderá corresponder ao momento em que se desinteresse por assuntos amorosos, e se ainda é jovem, poderá apenas significar uma crise na sua capacidade de interessar os parceiros. e se interessar por eles. Pode também ser indício do aparecimento de uma amor tardio, serôdio mesmo, que lhe venha trazer problemas e criar complicações. O melhor mesmo é inscrever-se numa universidade sénior perto de casa, pois os benefícios são imensos.

17 comentários:

Ana Cristina disse...
19 de dezembro de 2008 às 15:32  

António já se sabe que por onde passa Plutão há intensidade, com Vénus podendo ser muita emoção que leva ao desperdício. Também poderá ser uma altura de transmutação dos valores de Vénus como até ali:-), se há coisa que gosto nos sentimentos é que eles não têm idade. Em 2010 estarei a viver esse transito dp lhe contarei...

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 17:08  

Olá Ana Cristina

Sem dúvida que os sentimentos não têm idade, até porque se trata apenas de um certo período de tempo, não é para o resto da vida.

Acredito que, bem levado, é um trânsito encaminhador para sentimentos elevados.

Oxalá assim seja.

Maria Paula Ribeiro disse...
19 de dezembro de 2008 às 17:13  

António,

Estamos em Dezembro, as inscrições na faculdades estão fechadas, lol
Vais ter de esperar até ao novo ano lectivo, lol lol lol
:=)

Bj

joana disse...
19 de dezembro de 2008 às 17:28  

António, pois sentem... e fez-me lembrar que as crianças também! Percebi agora o que foi a quadratura de Plutão à minha Vénus, tinha eu 6 anos de idade... Tenho bem presente na memória o que senti : )))

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 17:53  

Maria Paula

Tenho um convite da Universidade Sénior de Queluz para dar uma série de aulas sobre astrologia, o que me surpreendeu, pois é um tema muito ausenta destas universidades. Se as der será em Março/Abril... se houver alunos inscritos. É a 50 metros de minha casa. =))))))))))))

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 17:53  

Joana

Deve ter sido uma fase muito intensa, certo?

joana disse...
19 de dezembro de 2008 às 19:03  

Muito intensa sim...
António, e eu bem explicava aos meus amigos e amigas as coisas maravilhosas que tinha descoberto a brincar com o corpo : ))) Queria que todos experimentassem também!!! : ))) Agora entendo porque ninguém achava tanta piada quanto eu...
E depois o que também acontecia é que deixava os adultos meio sem saber o que fazerem comigo... hehehe. Quando aparecia um "não faças isso" a pergunta era logo... "porquê se é tão bom?"
Não entendia onde estava o problema... mas sentia a tensão que criava. Havia no ar um sentimento de não quererem reprimir-me misturado com uma sensação de desconforto.
E depois... se calhar isto tudo é porque estavam mais planetas ali a serem activados.

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 19:29  

Joana

Belo testemunho! Os adultos são muito mais fechados que as crianças. Nunca olhei especialmente para mapas de crianças, tenciono passar a dar mais atenção.

Maria Paula Ribeiro disse...
19 de dezembro de 2008 às 20:01  

50 metros? he he he he

Isso é que é luxo!
Então aproveita! :)

Quem sabe, nos teus passeios nocturnos com o Tibério..."Pet-smoothie" Don´t forget!
If you did,i´ll remember you, lol
Bj

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 20:05  

Paula

É na mesma rua e nem sequer tenho que passar para o passeio da frente.

=)=)

Luciana disse...
19 de dezembro de 2008 às 21:08  

Bem António

Quanto a oposição com Vênus não sei ainda,mas com a Lua e em conjunção a Netuno no ascendente vixiiii, a quadratura de Plutão a Vênus e Plutão Natal estou vivendo agora...sabe como é né, Vênus e Plutão em conjunção lá na X, com Plutão na l não é mole de aguentar não...
abraço

António Rosa disse...
19 de dezembro de 2008 às 21:24  

Olá Luciana,

Trânsitos fortes o que está a passar agora. Pense positivo - essa quadratura de Plutão T a Plutão N não volta a repetir-se na sua vida.

Tudo de bom para si.

Samsara disse...
19 de dezembro de 2008 às 22:00  

António
Sentem e de que maneira! A minha avó já passou dos 80 anos e não a conheço sem um namorado. Deviam ser todos assim.
Beijinhos

Samsara disse...
20 de dezembro de 2008 às 01:16  

António
Passo para te deixar uma fatias douradas e uma torta de laranja virtuais (se conseguisse colocava aqui umas fotos a fingir lol) e desejar-te um feliz Natal e ao Tibério e Srs Gatos claro!
Beijinhos

António Rosa disse...
20 de dezembro de 2008 às 10:01  

Patrícia

A tua avó é um bom exemplo dos seniores. Que lhe terá acontecido quando teve este trânsito ou a quadratura Pluto-Vénus.Pois aí tens uma boa experiência em directo de como a astrologia pode funcionar.

António Rosa disse...
20 de dezembro de 2008 às 10:02  

Patrícia,

Só agora reparei que estás a deixar os teus votos de Boas Festas.

Fico muito agradecido e também te desejo umas Festas Felizes.

Beijinho

Táxi Pluvioso disse...
24 de dezembro de 2008 às 14:11  

Podem sentir Vénus mas regra geral é reumatismo...

19 de dezembro de 2008

Os seniores também sentem

Os seniores também sentem bastante quando nos seus mapas Vénus recebe uma oposição de Plutão. Aliás, pode ser uma fase de enorme solidão. Pode significar que a pessoa atingiu o limite das suas possibilidades amorosas, tanto no aspecto físico como no psicológico, deixando de interessar aos seus possíveis parceiros., durante aquele período de tempo, reconstruindo uma nova forma de estar. Esta situação depende da idade, porque para pessoas já bastante maduras poderá corresponder ao momento em que se desinteresse por assuntos amorosos, e se ainda é jovem, poderá apenas significar uma crise na sua capacidade de interessar os parceiros. e se interessar por eles. Pode também ser indício do aparecimento de uma amor tardio, serôdio mesmo, que lhe venha trazer problemas e criar complicações. O melhor mesmo é inscrever-se numa universidade sénior perto de casa, pois os benefícios são imensos.

17 comentários:

Ana Cristina disse...

António já se sabe que por onde passa Plutão há intensidade, com Vénus podendo ser muita emoção que leva ao desperdício. Também poderá ser uma altura de transmutação dos valores de Vénus como até ali:-), se há coisa que gosto nos sentimentos é que eles não têm idade. Em 2010 estarei a viver esse transito dp lhe contarei...

António Rosa disse...

Olá Ana Cristina

Sem dúvida que os sentimentos não têm idade, até porque se trata apenas de um certo período de tempo, não é para o resto da vida.

Acredito que, bem levado, é um trânsito encaminhador para sentimentos elevados.

Oxalá assim seja.

Maria Paula Ribeiro disse...

António,

Estamos em Dezembro, as inscrições na faculdades estão fechadas, lol
Vais ter de esperar até ao novo ano lectivo, lol lol lol
:=)

Bj

joana disse...

António, pois sentem... e fez-me lembrar que as crianças também! Percebi agora o que foi a quadratura de Plutão à minha Vénus, tinha eu 6 anos de idade... Tenho bem presente na memória o que senti : )))

António Rosa disse...

Maria Paula

Tenho um convite da Universidade Sénior de Queluz para dar uma série de aulas sobre astrologia, o que me surpreendeu, pois é um tema muito ausenta destas universidades. Se as der será em Março/Abril... se houver alunos inscritos. É a 50 metros de minha casa. =))))))))))))

António Rosa disse...

Joana

Deve ter sido uma fase muito intensa, certo?

joana disse...

Muito intensa sim...
António, e eu bem explicava aos meus amigos e amigas as coisas maravilhosas que tinha descoberto a brincar com o corpo : ))) Queria que todos experimentassem também!!! : ))) Agora entendo porque ninguém achava tanta piada quanto eu...
E depois o que também acontecia é que deixava os adultos meio sem saber o que fazerem comigo... hehehe. Quando aparecia um "não faças isso" a pergunta era logo... "porquê se é tão bom?"
Não entendia onde estava o problema... mas sentia a tensão que criava. Havia no ar um sentimento de não quererem reprimir-me misturado com uma sensação de desconforto.
E depois... se calhar isto tudo é porque estavam mais planetas ali a serem activados.

António Rosa disse...

Joana

Belo testemunho! Os adultos são muito mais fechados que as crianças. Nunca olhei especialmente para mapas de crianças, tenciono passar a dar mais atenção.

Maria Paula Ribeiro disse...

50 metros? he he he he

Isso é que é luxo!
Então aproveita! :)

Quem sabe, nos teus passeios nocturnos com o Tibério..."Pet-smoothie" Don´t forget!
If you did,i´ll remember you, lol
Bj

António Rosa disse...

Paula

É na mesma rua e nem sequer tenho que passar para o passeio da frente.

=)=)

Luciana disse...

Bem António

Quanto a oposição com Vênus não sei ainda,mas com a Lua e em conjunção a Netuno no ascendente vixiiii, a quadratura de Plutão a Vênus e Plutão Natal estou vivendo agora...sabe como é né, Vênus e Plutão em conjunção lá na X, com Plutão na l não é mole de aguentar não...
abraço

António Rosa disse...

Olá Luciana,

Trânsitos fortes o que está a passar agora. Pense positivo - essa quadratura de Plutão T a Plutão N não volta a repetir-se na sua vida.

Tudo de bom para si.

Samsara disse...

António
Sentem e de que maneira! A minha avó já passou dos 80 anos e não a conheço sem um namorado. Deviam ser todos assim.
Beijinhos

Samsara disse...

António
Passo para te deixar uma fatias douradas e uma torta de laranja virtuais (se conseguisse colocava aqui umas fotos a fingir lol) e desejar-te um feliz Natal e ao Tibério e Srs Gatos claro!
Beijinhos

António Rosa disse...

Patrícia

A tua avó é um bom exemplo dos seniores. Que lhe terá acontecido quando teve este trânsito ou a quadratura Pluto-Vénus.Pois aí tens uma boa experiência em directo de como a astrologia pode funcionar.

António Rosa disse...

Patrícia,

Só agora reparei que estás a deixar os teus votos de Boas Festas.

Fico muito agradecido e também te desejo umas Festas Felizes.

Beijinho

Táxi Pluvioso disse...

Podem sentir Vénus mas regra geral é reumatismo...

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates