Marte ficará 8 meses em Balança/Libra - De Dezembro 2013 a Julho 2014

9 de outubro de 2013 ·

Catedral da Virgem de Las Lajas, Ipiales, Nariño, Colômbia

Marte ingressará em Balança/Libra no dia 8 Dezembro 2013, obviamente no grau zero. Ficará directo neste signo até ao dia 2 Março 2014, passando a retrógrado, o que só acontece a cada 26 meses, durante cerca de 80 dias. Vai iniciar a retrogradação no grau 27º32' Balança/Libra. Ficará novamente directo no grau 9º02', no dia 20 Maio 2014. E só sairá de Balança/Libra no dia 26 Julho, ingressando depois em Escorpião, onde se sente muito bem. Serão 8 meses em Balança/Libra, um signo que não é nada favorável a Marte, pois está em 'exílio' ou 'detrimento'. Marte sem estar estacionário ou retrógrado desloca-se 50' por dia.

Marte começará a mudar a sua velocidade por volta do dia 16 Janeiro, dizendo-se estar 'estacionário', até ficar retrógrado. Quando terminar este movimento, vai parecer que fica parado um tempinho e lá volta o errático movimento 'estacionário' até estabelecer completamente a sua velocidade habitual de 50' por dia. Ainda não tive tempo de analisar bem esta fase de estacionário. O período orbital de Marte é de 687 dias

Comportamentos negativos em geral, mas muito acentuado Balança/Libra: impaciência, imprudência, violência, cólera, excessiva competitividade, tirania, espírito vingativo, brutalidade, conflituosidade, temeridade, gosto excessivo pelo risco, irritação, egoísmo, arrogância, espírito destrutivo, prepotência, autodescontrolo, insatisfação permanente, hiperactividade, intolerância. Mas também cobardia, hesitação, medo, inércia, sentimento de impotência, recusa da competição, renúncia, inibição, improdutividade, energia intermitente e fraca.

Valores positivos: determinação, assertividade, virilidade, audácia, energia, sangue-frio, ardor, dinamismo, coragem, gosto pela aventura, prontidão para a acção, gosto pela conquista, força pessoal, carácter independente, resistência, autodefesa, gosto pela vitória.

Voltarei a este assunto e gostaria de ter a colaboração de todos.



.

9 comentários:

ana marengo disse...
10 de outubro de 2013 às 20:49  

Amigo urso,como boa libriana,fiquei meia tensa,pq percebi que os aspectos negativos sao bem maiores que os positivos..Alguma sugestão para nós librianos nesse período?

Um beijo querido!

Rita Draper Frazão disse...
11 de outubro de 2013 às 00:53  

Olá António e a todos!

Muito obrigada pelo seu trabalho! Incrivel!

Umas coisas que me vêm à mente sobre este trânsito:

Este trânsito de Marte também poderá - além de tudo o que indicou - ser uma boa altura para canalizar a energia em actividades artísticas ou na vida social.
Daquele tipo em que temos que tomar a iniciativa e em que temos mesmo que contar com esse espírito bélico marciano: se as actividades envolverem esforço físico (Marte) tanto melhor, nas artes lembro-me da Dança, por exemplo.

Marte nesta posição pode ter essas coisas todas negativas que indicou mas também pode ser um período de desafios e conquistas, num trabalho em equipa (balança)ou num grupo de amigos, por exemplo.

Eu acredito que todos os trânsitos - por mais difíceis que sejam - têm sempre um lado bom! Nem que seja o que aprendemos com eles depois de já terem passado!

António Rosa disse...
11 de outubro de 2013 às 12:09  

Querida Ana,

Fazer astrologia para as pessoas ficarem tensas então prefiro não fazer nada. Vamos por de lado essas tensões e perceber que a vida é assim mesmo, para ser vivida. Só quem acredita na «espiritualidade cor-de-rosa» é que se convence que tudo é uma maravilha. Se assim fosse, não haveria karma e já todos teríamos desencarnado.

Beijinho

António

António Rosa disse...
11 de outubro de 2013 às 12:23  

Olá Rita Draper Frazão e todos,

Antes de mais agradecer-lhe o ter vindo e o ter deixado um comentário. muito assertivo, próprio de quem aparenta saber astrologia. Não sei se muito, se assim-assim.

O que imagino saber é que me deve ter lido sem muita atenção,pois deveria ter percebido que é um mini artigo a avisar que iria ocorrer esse trânsito e que, nesse sentido, tentei avaliar os comportamentos negativos (estacionário e retrógrado) e os valores positivos 'tout court' a quando da sua velocidade habitual.

Em nenhum momento, mas em nenhum momento mesmo, analisei o trânsito, por ser Balança. Isso ficará para mais tarde, em Novembro, se me sentir inspirado e capaz, claro!

Por isso agradece-lhe os leves toques que deu no seu comentário, já conduzindo os possíveis leitores para um determinado caminho.

O que me surpreendeu no seu texto, que revelou estar bem escrito e ter um domínio seguro do vocabulário e construção de frases, foi esta parte final:

«Eu acredito que todos os trânsitos - por mais difíceis que sejam - têm sempre um lado bom!»

Será que quereria mesmo dizer «bom», em vez de «positivo». É que o «bom» remete-me para aquela velha pergunta que encontro muitas vezes, nas minhas próprias consultas e cursos:

- Mas isso é bom ou mau?

E duvido que os seus conhecimentos sejam tão «simples» assim.

Nada em astrologia é bom ou mau.

Andei à procura de sítios onde escreva e infelizmente, não encontrei, pois teria gostado de ler outros textos.

Muito agradecido

António

Heliamar Corrêa disse...
18 de outubro de 2013 às 17:05  

Antônio, acho que esse ascpecto so vai enfatizar mais o que existe no meu mapa pois sou de aries com marte a 28 graus de libra e você sabe né, marte perde força em libra principalmente para mim tendo o sol em áries, no meu mapa marte ta retrogrado e a harmonia tão exigida dos librianos para mim é mais que exigencia, é imposição e acabo querendo consertar o mundo e resolver todas as injustiças pois esse marte ta quadrado a jupter em cancer e aumenta o maaternalismo. Então ficarei a observar esse longo periodo de marte em transito por libra por que terei que lidar de forma mais enfática com essa tensão.

António Rosa disse...
23 de outubro de 2013 às 14:39  

Heliamar

Admirei e gostei da sua exposição astrológica.

Desculpe só hoje ter respondido, mas por qualquer razão escapou-me, mas ainda bem que hoje fiz uma revisão dos comentários dos últimos dias.

Anónimo disse...
24 de outubro de 2013 às 13:57  

Obrigada ( Heliamar)

Rita Draper Frazão disse...
22 de janeiro de 2014 às 23:17  

Olá António,

Só agora vi a sua resposta ao meu comentário!!

Há 17 anos comecei a estudar astrologia e nunca mais parei.

Também dou consultas e percebo muito bem o que diz em relação ao "bom". É um pau de dois bicos.
Usei essa palavra no sentido construtivo do termo. Lembro-me sempre da má fama de Plutão e penso sempre que em trânsitos difíceis (Plutão a passar pelo AC/ Plutão em conjunção com Saturno, etc) há grandes lições a serem aprendidas. Eu gosto de encarar isso como uma coisa boa!

De facto é natural que não tenha encontrado textos meus sobre estas temáticas on-line. Não tenho até ao momento nenhum blog sobre astrologia e respeito imenso quem tem essa prática, como o António e outros astrólogos com um trabalho válido que acompanho e admiro imenso. Aprendo sempre coisas com vocês, obrigada!

A intenção do meu comentário vinha no sentido "colaborativo" e não "assertivo". E foi justamente por o ler com toda a atenção que quis participar, deixando um comentário. Tentei encontrar o tal texto alongado de que fala no post e na sua resposta (em que falará mais de Balança) ao meu 1º comentário, mas não encontrei. Talvez tenha escrito uma palavra chave no motos de busca do seu blog que não tenha correspondência. Gostava muito de ler.

Desejo-lhe um feliz ano novo (sim ainda estamos no primeiro mês do ano!!) e que continue a ter essa força motriz de saber e partilhar conhecimento.

Bem haja!




António Rosa disse...
23 de janeiro de 2014 às 12:54  

Rita Draper Frazão,

Ainda bem que me avisou e gostei muito do seu comentário.

Abraço

António

9 de outubro de 2013

Marte ficará 8 meses em Balança/Libra - De Dezembro 2013 a Julho 2014

Catedral da Virgem de Las Lajas, Ipiales, Nariño, Colômbia

Marte ingressará em Balança/Libra no dia 8 Dezembro 2013, obviamente no grau zero. Ficará directo neste signo até ao dia 2 Março 2014, passando a retrógrado, o que só acontece a cada 26 meses, durante cerca de 80 dias. Vai iniciar a retrogradação no grau 27º32' Balança/Libra. Ficará novamente directo no grau 9º02', no dia 20 Maio 2014. E só sairá de Balança/Libra no dia 26 Julho, ingressando depois em Escorpião, onde se sente muito bem. Serão 8 meses em Balança/Libra, um signo que não é nada favorável a Marte, pois está em 'exílio' ou 'detrimento'. Marte sem estar estacionário ou retrógrado desloca-se 50' por dia.

Marte começará a mudar a sua velocidade por volta do dia 16 Janeiro, dizendo-se estar 'estacionário', até ficar retrógrado. Quando terminar este movimento, vai parecer que fica parado um tempinho e lá volta o errático movimento 'estacionário' até estabelecer completamente a sua velocidade habitual de 50' por dia. Ainda não tive tempo de analisar bem esta fase de estacionário. O período orbital de Marte é de 687 dias

Comportamentos negativos em geral, mas muito acentuado Balança/Libra: impaciência, imprudência, violência, cólera, excessiva competitividade, tirania, espírito vingativo, brutalidade, conflituosidade, temeridade, gosto excessivo pelo risco, irritação, egoísmo, arrogância, espírito destrutivo, prepotência, autodescontrolo, insatisfação permanente, hiperactividade, intolerância. Mas também cobardia, hesitação, medo, inércia, sentimento de impotência, recusa da competição, renúncia, inibição, improdutividade, energia intermitente e fraca.

Valores positivos: determinação, assertividade, virilidade, audácia, energia, sangue-frio, ardor, dinamismo, coragem, gosto pela aventura, prontidão para a acção, gosto pela conquista, força pessoal, carácter independente, resistência, autodefesa, gosto pela vitória.

Voltarei a este assunto e gostaria de ter a colaboração de todos.



.

9 comentários:

ana marengo disse...

Amigo urso,como boa libriana,fiquei meia tensa,pq percebi que os aspectos negativos sao bem maiores que os positivos..Alguma sugestão para nós librianos nesse período?

Um beijo querido!

Rita Draper Frazão disse...

Olá António e a todos!

Muito obrigada pelo seu trabalho! Incrivel!

Umas coisas que me vêm à mente sobre este trânsito:

Este trânsito de Marte também poderá - além de tudo o que indicou - ser uma boa altura para canalizar a energia em actividades artísticas ou na vida social.
Daquele tipo em que temos que tomar a iniciativa e em que temos mesmo que contar com esse espírito bélico marciano: se as actividades envolverem esforço físico (Marte) tanto melhor, nas artes lembro-me da Dança, por exemplo.

Marte nesta posição pode ter essas coisas todas negativas que indicou mas também pode ser um período de desafios e conquistas, num trabalho em equipa (balança)ou num grupo de amigos, por exemplo.

Eu acredito que todos os trânsitos - por mais difíceis que sejam - têm sempre um lado bom! Nem que seja o que aprendemos com eles depois de já terem passado!

António Rosa disse...

Querida Ana,

Fazer astrologia para as pessoas ficarem tensas então prefiro não fazer nada. Vamos por de lado essas tensões e perceber que a vida é assim mesmo, para ser vivida. Só quem acredita na «espiritualidade cor-de-rosa» é que se convence que tudo é uma maravilha. Se assim fosse, não haveria karma e já todos teríamos desencarnado.

Beijinho

António

António Rosa disse...

Olá Rita Draper Frazão e todos,

Antes de mais agradecer-lhe o ter vindo e o ter deixado um comentário. muito assertivo, próprio de quem aparenta saber astrologia. Não sei se muito, se assim-assim.

O que imagino saber é que me deve ter lido sem muita atenção,pois deveria ter percebido que é um mini artigo a avisar que iria ocorrer esse trânsito e que, nesse sentido, tentei avaliar os comportamentos negativos (estacionário e retrógrado) e os valores positivos 'tout court' a quando da sua velocidade habitual.

Em nenhum momento, mas em nenhum momento mesmo, analisei o trânsito, por ser Balança. Isso ficará para mais tarde, em Novembro, se me sentir inspirado e capaz, claro!

Por isso agradece-lhe os leves toques que deu no seu comentário, já conduzindo os possíveis leitores para um determinado caminho.

O que me surpreendeu no seu texto, que revelou estar bem escrito e ter um domínio seguro do vocabulário e construção de frases, foi esta parte final:

«Eu acredito que todos os trânsitos - por mais difíceis que sejam - têm sempre um lado bom!»

Será que quereria mesmo dizer «bom», em vez de «positivo». É que o «bom» remete-me para aquela velha pergunta que encontro muitas vezes, nas minhas próprias consultas e cursos:

- Mas isso é bom ou mau?

E duvido que os seus conhecimentos sejam tão «simples» assim.

Nada em astrologia é bom ou mau.

Andei à procura de sítios onde escreva e infelizmente, não encontrei, pois teria gostado de ler outros textos.

Muito agradecido

António

Heliamar Corrêa disse...

Antônio, acho que esse ascpecto so vai enfatizar mais o que existe no meu mapa pois sou de aries com marte a 28 graus de libra e você sabe né, marte perde força em libra principalmente para mim tendo o sol em áries, no meu mapa marte ta retrogrado e a harmonia tão exigida dos librianos para mim é mais que exigencia, é imposição e acabo querendo consertar o mundo e resolver todas as injustiças pois esse marte ta quadrado a jupter em cancer e aumenta o maaternalismo. Então ficarei a observar esse longo periodo de marte em transito por libra por que terei que lidar de forma mais enfática com essa tensão.

António Rosa disse...

Heliamar

Admirei e gostei da sua exposição astrológica.

Desculpe só hoje ter respondido, mas por qualquer razão escapou-me, mas ainda bem que hoje fiz uma revisão dos comentários dos últimos dias.

Anónimo disse...

Obrigada ( Heliamar)

Rita Draper Frazão disse...

Olá António,

Só agora vi a sua resposta ao meu comentário!!

Há 17 anos comecei a estudar astrologia e nunca mais parei.

Também dou consultas e percebo muito bem o que diz em relação ao "bom". É um pau de dois bicos.
Usei essa palavra no sentido construtivo do termo. Lembro-me sempre da má fama de Plutão e penso sempre que em trânsitos difíceis (Plutão a passar pelo AC/ Plutão em conjunção com Saturno, etc) há grandes lições a serem aprendidas. Eu gosto de encarar isso como uma coisa boa!

De facto é natural que não tenha encontrado textos meus sobre estas temáticas on-line. Não tenho até ao momento nenhum blog sobre astrologia e respeito imenso quem tem essa prática, como o António e outros astrólogos com um trabalho válido que acompanho e admiro imenso. Aprendo sempre coisas com vocês, obrigada!

A intenção do meu comentário vinha no sentido "colaborativo" e não "assertivo". E foi justamente por o ler com toda a atenção que quis participar, deixando um comentário. Tentei encontrar o tal texto alongado de que fala no post e na sua resposta (em que falará mais de Balança) ao meu 1º comentário, mas não encontrei. Talvez tenha escrito uma palavra chave no motos de busca do seu blog que não tenha correspondência. Gostava muito de ler.

Desejo-lhe um feliz ano novo (sim ainda estamos no primeiro mês do ano!!) e que continue a ter essa força motriz de saber e partilhar conhecimento.

Bem haja!




António Rosa disse...

Rita Draper Frazão,

Ainda bem que me avisou e gostei muito do seu comentário.

Abraço

António

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates