Aspectos natais entre Úrano e Neptuno

4 de fevereiro de 2013 ·

Lago Louise ~ Alberta ~ Canadá
Muitos astrólogos teimam em considerar que os aspectos natais entre Úrano e Neptuno são «geracionais». Obviamente, todos sabemos que por serem planetas lentos, demoram mais tempo a formarem os aspectos. No caso destes dois planetas, podemos dizer que um aspecto entre eles pode durar cerca de dois anos. Ora, considerar 2 anos uma geração é demasiado rebuscado. Tudo isto porque durante estes dois anos nascem muitas pessoas e assim é mais fácil 'arrumar' certas questões que muitos astrólogos ficam sem saber como encarar e analisar.

São duas energias fortíssimas e elevadas e que fogem àquilo a que estamos habituados; são energias que nada têm que ver com os planetas pessoais e sociais. Têm a função primordial de elevarem a vibração geral das pessoas, logo, do planeta, tentando encaminhar num sentido evolutivo superior.

Como é próprio do ser humano, dividem-se perante estas energias nos seus mapas astrais. Há quem as deixe passar, como notas silenciosas, há quem sinta que são notas destructivas e outros há que as sabem incorporar perfeitamente nas suas vidas.

Os astrólogos com uma visão mais antiga tinha tendência para encurralar os aspectos destes planetas e só davam atenção se ocorriam nas casas angulares: a 1ª, a 4ª, a 7ª e a 10ª. Puro disparate. Abriam mão e olhavam com alguma atenção se faziam aspecto ao Sol, à Lua e a Mercúrio.

Obviamente que nestas casas angulares a 'voltagem' destes aspectos é mais intensa, mas não é menos verdade que  funcionam em todo o zodíaco.

Os aspectos 'doces' [conjunção, trígono, sextil, semi-sextil, quintil] entre Úrano e Neptuno indicarão uma alma muito avançada que veio ao planeta ajudar de algum modo filosófico, espiritual ou qualquer energia dos planos superiores. Estas pessoas vêm espalhar sementes de concórdia e amor, mas provocando nos outros grande admiração pelo seu comportamento inédito. Os outros mais reaccionários atrevem-se a considerar as pessoas com estes aspectos como que meio loucos, o que não é verdade. É apenas medo ao desconhecido.

Quem tem estes aspectos no seu mapa natal, escolheram vir com um propósito elevado. São espiritualmente desenvolvidas, muito intuitivas, capazes de 'verem' capacidades que os outros nem descortinam.

Infelizmente para mim, tenho 102º a separá-los.

Em quadratura, semi-quadratura e oposição existe um potencial muito forte de ter que usar o seu livre arbítrio e fazerem uma escolha vital. Ou escolhem ser um Mago Branco ou um Mago Negro. Como Mago Branco, usará estes aspectos fortes e o resto do seu mapa para estar ao serviço dos outros e do planeta. Como Mago Negro... utiliza o mesmo poder em proveito próprio, provocando assim, a sua própria queda.

Os que nascerem com Neptuno aflito no mapa natal, é um prova muito forte, pois a presente reencarnação é de transição, pois quer dizer que a próxima vida será espiritualmente muito significativa.

.

3 comentários:

Nádia disse...
4 de fevereiro de 2013 às 12:23  

Olá António!
Adorei, excelente texto.
Concordo em absoluto com o 1º parágrafo :).
Quando diz no último parágrafo "Neptuno aflito no mapa natal..." neste caso é com qualquer planeta ou ângulo correcto? Aqui já não estamos a falar só de urano, não é?
Ainda sou principiante em astrologia, e aprendo sempre muito consigo.
Obrigada por estes textos que nos iluminam.
Abraço,
Nádia

António Rosa disse...
4 de fevereiro de 2013 às 12:53  

Olà Nádia

Quando se diz que um planeta está aflito, temos que analisar:

- os aspectos tensos que faz aos outros planetas e pontos do mapa;

- a sua localização por signo.

E é preciso fazer uma contas rápidas: se tiver mais aspectos tensos que doces, é pq está aflito.

Nádia disse...
4 de fevereiro de 2013 às 15:21  

Ah muito bem, já percebi :).
Muito obrigada António.
Abraço de luz e tudo de bom!

4 de fevereiro de 2013

Aspectos natais entre Úrano e Neptuno

Lago Louise ~ Alberta ~ Canadá
Muitos astrólogos teimam em considerar que os aspectos natais entre Úrano e Neptuno são «geracionais». Obviamente, todos sabemos que por serem planetas lentos, demoram mais tempo a formarem os aspectos. No caso destes dois planetas, podemos dizer que um aspecto entre eles pode durar cerca de dois anos. Ora, considerar 2 anos uma geração é demasiado rebuscado. Tudo isto porque durante estes dois anos nascem muitas pessoas e assim é mais fácil 'arrumar' certas questões que muitos astrólogos ficam sem saber como encarar e analisar.

São duas energias fortíssimas e elevadas e que fogem àquilo a que estamos habituados; são energias que nada têm que ver com os planetas pessoais e sociais. Têm a função primordial de elevarem a vibração geral das pessoas, logo, do planeta, tentando encaminhar num sentido evolutivo superior.

Como é próprio do ser humano, dividem-se perante estas energias nos seus mapas astrais. Há quem as deixe passar, como notas silenciosas, há quem sinta que são notas destructivas e outros há que as sabem incorporar perfeitamente nas suas vidas.

Os astrólogos com uma visão mais antiga tinha tendência para encurralar os aspectos destes planetas e só davam atenção se ocorriam nas casas angulares: a 1ª, a 4ª, a 7ª e a 10ª. Puro disparate. Abriam mão e olhavam com alguma atenção se faziam aspecto ao Sol, à Lua e a Mercúrio.

Obviamente que nestas casas angulares a 'voltagem' destes aspectos é mais intensa, mas não é menos verdade que  funcionam em todo o zodíaco.

Os aspectos 'doces' [conjunção, trígono, sextil, semi-sextil, quintil] entre Úrano e Neptuno indicarão uma alma muito avançada que veio ao planeta ajudar de algum modo filosófico, espiritual ou qualquer energia dos planos superiores. Estas pessoas vêm espalhar sementes de concórdia e amor, mas provocando nos outros grande admiração pelo seu comportamento inédito. Os outros mais reaccionários atrevem-se a considerar as pessoas com estes aspectos como que meio loucos, o que não é verdade. É apenas medo ao desconhecido.

Quem tem estes aspectos no seu mapa natal, escolheram vir com um propósito elevado. São espiritualmente desenvolvidas, muito intuitivas, capazes de 'verem' capacidades que os outros nem descortinam.

Infelizmente para mim, tenho 102º a separá-los.

Em quadratura, semi-quadratura e oposição existe um potencial muito forte de ter que usar o seu livre arbítrio e fazerem uma escolha vital. Ou escolhem ser um Mago Branco ou um Mago Negro. Como Mago Branco, usará estes aspectos fortes e o resto do seu mapa para estar ao serviço dos outros e do planeta. Como Mago Negro... utiliza o mesmo poder em proveito próprio, provocando assim, a sua própria queda.

Os que nascerem com Neptuno aflito no mapa natal, é um prova muito forte, pois a presente reencarnação é de transição, pois quer dizer que a próxima vida será espiritualmente muito significativa.

.

3 comentários:

Nádia disse...

Olá António!
Adorei, excelente texto.
Concordo em absoluto com o 1º parágrafo :).
Quando diz no último parágrafo "Neptuno aflito no mapa natal..." neste caso é com qualquer planeta ou ângulo correcto? Aqui já não estamos a falar só de urano, não é?
Ainda sou principiante em astrologia, e aprendo sempre muito consigo.
Obrigada por estes textos que nos iluminam.
Abraço,
Nádia

António Rosa disse...

Olà Nádia

Quando se diz que um planeta está aflito, temos que analisar:

- os aspectos tensos que faz aos outros planetas e pontos do mapa;

- a sua localização por signo.

E é preciso fazer uma contas rápidas: se tiver mais aspectos tensos que doces, é pq está aflito.

Nádia disse...

Ah muito bem, já percebi :).
Muito obrigada António.
Abraço de luz e tudo de bom!

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates