Euro 2008 - Turquia e o jodo do dia 7 - Euro 2008

31 de maio de 2008 · 0 comentários

[Não interpretem as casas, pois o mapa da Federação da Turquia foi levantada para as 12:00, por não se saber a hora exacta em que foi criada. Vejam apenas os aspectos e posicionamentos.]

A data escolhida para o mapa da federação turca não é a da sua criação, mas a única que foi possível encontrar e refere-se ao momento em que a FIFA acolheu esta federação como membro desta associação internacional. Portanto, não serve para que se analise o jogo do dia 7 de Junho, em que irão enfrentar a selecção portuguesa. No entanto, podemos avaliar como a federação turca se apresenta na cena internacional. Irá obter respeito e consideração, além de ser um colectivo que irá dar muito que falar. No entanto, nota-se que Marte em trânsito fará uma conjunção a Neptuno, indicando com mediana clareza que faltará energia a esta selecção para acompanhar todo o Euro. Ficarão pelo caminho, com glória e respeito. O Sol em trânsito faz uma semi-quadratura à Lua natal, o que dará um timbre muito emocional à sua participação neste Euro 2008. O facto de ambas as Luas - a natal e a de trânsito - estarem em Leão, dá-nos a indicação de haver orgulho e prazer de representarem as suas cores, sentido-se uma identificação com o povo que representam. O que noto de mais austero neste mapa é a posição de Saturno. Está omnipresente numa quadratura ao Sol e Mercúrio natais, sugerindo que esta selecção sairá desta competição reforçada na sua sabedoria, na forma como comunicam e interagem, havendo, no entanto, necessidade de um certo reforço no trabalho em grupo das questões de auto-estima. A soberba não conduz a nada. Este posicionamento é confirmado por este mesmo Saturno fazer uma semi-quadratura ao Saturno natal. Estão perante uma fase de mudança incontornável na sua vida enquanto colectivo. A partir deste Euro, a selecção turca, poderá ter uma presença marcante no cenário internacional de futebol. Saibam os homem usar em condições o seu livre-arbítrio.

Euro 2008 - Mapas da Federação Portuguesa de Futebol

· 0 comentários

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) é o órgão dirigente do futebol em Portugal. Ela organiza a Selecção Portuguesa de Futebol. Está sediada em Lisboa.
Foi criada em 31 de Março de 1914.

Clicar para ampliar os mapas.

A então designada União Portuguesa de Futebol - cujo nome foi alterado a 28 de Maio de1926 para a actual denominação de Federação Portuguesa de Futebol.


Atenção: por não sabermos a hora da criação da Federação usou-se o critério de marcar as 12h00, pelo que não se deve dar atenção às casas.

Euro 2008 - Pedido de ajuda aos leitores

· 10 comentários

Que acham de investigarmos astrologicamente o potencial da nossa selecção de futebol no Euro 2008, a decorrer na Suíça e Áustria? Para isso é necessário fazer-se algumas investigações na internet. A Federação Portuguesa de Futebol terá sido criada em 31/03/1914. A federação da Turquia em 1923, a federação suíça em 1905, a federação checa em 1901. A estes dados faltam os meses e dias. É necessário uma certa paciência para escrutinarmos os sites. Por minha absoluta falta de tempo até segunda-feira, solicito a ajuda dos leitores para investigarem os dados em falta e fazerem o favor de deixarem os dados recolhidos nos comentários. Que tal, todos irmos analisando e interagindo uns com os outros, em diversos blogues? Se "falharmos" nas nossas análises, daremos umas boas gargalhadas...

Os primeiros jogos da selecção portuguesa (mapas dos eventos):

- Portugal / Turquia – dia 07/06/2008 às 20:45 em Genéve, Suíça
- Portugal / Republica Checa – dia 11/06/2008 às 18:00 em Genéve, Suíça
- Portugal / Suiça – dia 15/06/2008 às 20:45 em Basel, Suíça

Muito obrigado.

Amor incondicional

30 de maio de 2008 · 18 comentários

A história de amor incondicional de um cão acorrentado e um urso polar que se aproximou.



Um bom fim-de-semana.

A data do casamento

29 de maio de 2008 · 6 comentários

Fui parar a um site de noivas e casamentos, onde dão todos aqueles conselhos para que esse dia especial funcione muito bem. Quase que me escandalizei [lol], pois esqueceram-se de indicar que “convém” escolher a data usando a astrologia, pois isso vai garantir um casamento de sonho e que todas aquelas dicas que indicam no tal site funcionarão muito melhor, mas muito melhor. É só associar a escolha da data ao universo, que ajudará com o necessário retorno. O universo confabulará consigo, ajudando-a nas escolhas mais acertadas e convenientes para si, no que a esse dia se refere. Obviamente, escolher a data através da astrologia não garante que os noivos ficarão juntos ao ponto de comemorarem as “bodas de prata ou diamante”. Mas vai garantir que nesse dia a noiva esteja uma lindíssima princesa, o catering seja de primeira qualidade, os convidados estejam super elegantes, as flores muito viçosas e bonitas, o padre (pastor ou guru) muito simpático, o noivo menos nervoso, o bolo lindo e saborosíssimo e a decoração muito bonita. Bom, convém que os noivos se amem. Um conselho - vá ao seu astrólogo/a e diga-lhe com clareza: “Veja no meu mapa quando é que terei Vénus ou Júpiter perto do meu Meio do Céu ou da cúspide da minha casa VII”. Pode crer que a consulta vai valer a pena. Aqui ficam outras dicas para melhorar o dia de sonho = Lua em conjunção, trígono ou sextil ao Sol, Vénus, Jupiter, Neptune. – Quando Vénus está nas suas regências e exaltações, Touro, Balança, Caranguejo, Peixes. – Vénus, Sol, Lua, Mercúrio em conjunção, trígono, sextil ou oposição a Júpiter, o planeta da felicidade e optimismo. – Aspectos favoráveis de Marte e Júpiter. – Para as coisas boas do sexo, nada melhor do que bons aspectos entre Vénus e Marte. – As coisas mais espirituais serão estimuladas pelos contactos entre Neptuno e Vénus, Sol, Lua, Mercúrio e Júpiter. – Vénus (o amor) em trígono ou sextil a Saturno (estabilidade, tradição). – Evite casar-se quando Vénus estiver retrógrada ou se a Lua estiver vazia de curso. O seu astrólogo saberá aconselhar, pois os dados não se esgotam nesta reduzida lista. Aproveite e veja também o mapa do noivo, mas antes, diga-lhe que o vai fazer, pois isso pertence à intimidade do futuro marido.
Modelo da estilista Christina Wu.

Lee Lehman, uma vida dedicada ao ensino de astrologia clássica

· 0 comentários

"Regulus Award to Education" - UAC 2008
Marc Edmond Jones Award” - 1995
Lee Lehman [clicar] é especializada em Astrologia Clássica e tem desenvolvido uma actividade profissional impressionante. Possui um doutoramento pela Universidade Rutgers, USA e é autora de vários livros:The Ultimate Asteroid Book” (1988), Essential Dignities” (1989), The Book of Rulerships” (1992), Classical Astrology for Modern Living” (1996), e “The Martial Art of Horary Astrology” (2002). A Drª Lee Lehman também traduziu do francês para inglês a obra de Papus Astrology for Initiate”. Colaborou com a Esoteric Technologies, criando dois relatórios astrológicos para o programa “Solar Writer”, especialmente destinados aos astrólogos clássicos. O Solar Writer – Medicus é um relatório original na área da astrologia médica clássica. O relatório para o Solar Writer – Classical foi desenhado para dar ao astrólogo moderno os ensinamentos dos antigos para uma carta natal, bem ao estilo dos astrólogos renascentistas. É autora de vários cursos de astrologia quer online, quer por cd’s, usando uma técnica especial para o ensinamento da astrologia clássica. Para além destes atributos, é muito conhecida pelo seu envolvimento no projecto educativo do Keppler College [clicar], uma das maiores organizações americanas dedicadas ao ensino da astrologia, nomeadamente na sua sua componente muito avançada. Os seus cursos online são muito populares e amplamente conhecidos. Lee Lehman também se dedica ao muito conhecido centro de estudos astrológicos Avalon School of Astrology [clicar]. Este centro é considerado um dos mais importantes do planeta.
Lee Lehman - 9-Setembro-1953 @ 4:
35 am - Wakefield, NE, USA











Atrevimento

28 de maio de 2008 · 10 comentários

Hoje o céu está assim para mim: o Sol em trânsito a iniciar a conjunção ao meu Mercúrio natal, a ficar combusto. Vénus também faz uma aproximação a Mercúrio. A Lua caminha na minha casa XI. A Parte da Fortuna atravessa o meu Ascendente Touro. Júpiter natal em Aquário, em vésperas alargadas de receber o seu próprio retorno. Traduzindo isto por miúdos não astrológicos, deveria ser este o momento para co-criar o meu sonho, a minha mais secreta visão daquilo que eu gostaria de fazer: transformar o nosso siteEscola de Astrologia Nova-Lis[clicar] num agregador social online. Especializado em astrologia. Dou exemplos de agregadores sociais online (social networks): Netvibe, Mashable, IMEEM, Blogblogs, Comunidade Espiritual, [clicar] etc. Seria um espaço em que as pessoas que se inscrevessem pudessem criar as suas próprias páginas, onde agregassem os seus assuntos astrológicos: mapas, relatórios, análises, etc. Onde criassem amigos virtuais e interagissem entre todos. Onde os autores de blogues e sites de astrologia pudessem registar e dar a conhecer os seus espaços. Os autores de livros, também. Vídeos e som. Um espaço onde fossem divulgadas a suas actividades astrológicas profissionais: consultas, aulas, cursos. Onde se pudesse criar uma central informativa de livros de astrologia, com capas, resumos e linques onde pudessem ser adquiridos. Onde o fórum pudesse ser um local de convívio astrológico. Onde coexistissem e convivessem todas as correntes de pensamento astrológicas. Onde transcendêssemos daquela coisa comum do “… isso é bom ou mau?”. É uma canseira. Suspeito que isto só poder ser coisa do meu arco Júpiter/Piscis/11= Ascendente/Touro, via sextil. No money for this dream. Bom, são horas de acordar do sonho e ir para a vidinha de sempre.

A viagem da vida # 1 - [FC/MC - Leão/Aquário - Asc/Dsc - Touro/Escorpião]

27 de maio de 2008 · 13 comentários

Os quatro pontos angulares do nosso mapa formam uma cruz. Todos nós temos a nossa origem em baixo, no FC (Fundo do Céu), dirigimo-nos para a parte mais elevada do nosso mapa, o MC (Meio do Céu), desenvolvendo a nossa identidade através do Asc (Ascendente), no sentido de interagirmos com os outros, no Desc. (Descendente), a nossa polaridade. Os signos que lá estão apontam um propósito maior. Por exemplo, pessoas com esta hipótese [modo] de cruz fixa no mapa, podem apresentar algumas destas características: (FC - Leão) - Desde a infância que pode ser o centro das atenções. Destacam-se expressões ansiosamente aguardadas pela família. Pode ser um peso. Claro que este posicionamento, numa fase inicial da vida, obriga a pessoa a obter a aprovação para tudo o que faz. Existe uma subtil dependência. Sente-se “indivíduo” desde muito cedo, mas necessita reafirmar-se enquanto tal. A necessidade de se sentir estável e com um grau de coerência interna, expressa-se através de movimentos e respostas mais ou menos elaboradas. Não aceita facilmente alterações e desordens no seu meio. Prefere que tudo se desenrole em paz e harmonia, podendo ceder, para não manifestar o seu interior. A vida vai ensinando que essa manifestação interna é saudável e não deve ser escondida. (MC - Aquário) - A paulatina atracção do MC permite-lhe vislumbrar o variável, o excitante e também o desconhecido. Descobre que o “destino” pode conduzi-lo a situações que estão fora do seu atávico controlo. E predispõe-se a aceitar. E sempre que aceita, vivencia essas situações novas, encontrando o propósito desta reencarnação. (Asc. - Touro / Dsc. Escorpião) - Esta pessoa vê-se perante um dilema: alimentar-se do que já conhece para se sentir valorizado, repetindo até ao infinito velhos padrões, ou “atirar-se” no escuro labirinto do encontro com o outro, arriscando-se a não ser bem considerado. Estes intercâmbios têm o encanto do atractivo da noite: desejo e temor, permanecem aliados. Um pouco mais tarde na vida, aparece alguém que o convida a deixar para trás os seus naturais reparos, começando uma verdadeira contenda. Inicialmente tentará fazer-se valer, dominando os outros, ou então, submete-se, perdendo privilégios. É um verdadeiro jogo de poder sempre presente, mesmo que não saia vitorioso. Quanto maior consciência tenha de si mesmo, mais se atreverá a desprender-se de critérios antigos, que se podem tornar em padrões repetitivos de comportamento. Percebe, então, que o seu sentido de valor não é imutável, que os demais o aceitam, ou desprezam, pelas suas acções e não pela sua natureza. E isto facilitará a busca de um destino mais pessoal, de um ritmo muito próprio para a sua vida. Mais ou menos assim: Entrar, ficar o tempo necessário, e partir para um nível ainda mais exigente do que é vital, admitindo os seus talentos para poder "surfar", sem sacrificar o prazer que isso lhe provoca. E aí, o contacto pessoal com pessoas de todo o tipo, torna-se estimulante. Aquieta-se, afirma-se e desfruta sem apegos, para melhor realizar o seu propósito. No entanto, a experiência da realização do propósito nunca está completa. Vai mesmo até ao último micro-segundo, em que exala definitivamente, a energia da sua vida terrestre. Já chega falar de mim.

Procure as outras 'viagens da vida, aqui, no índice.

Foi uma semana muito feliz

26 de maio de 2008 · 8 comentários

Como Mercúrio está retrógrado, vou aproveitar para comentar umas coisas a meu respeito. Se sairem umas tolices... Dei consultas de astrologia de Março de 2003 a Janeiro de 2007. Depois parei um ano e meio, tendo retomado agora, em Maio de 2008. Tudo começou em 2003 com o convite de Alexandra Solnado para dar consultas no seu espaço, onde estive até Março de 2005. Foi o desaguar de imensos anos de estudo da astrologia. Era o sair da roda de amigos e mergulhar fundo no desconhecido. Foi uma experiência magnífica, reconfortante, mas esgotante, pois em simultâneo eu desenvolvia a minha actividade de editor e, além disso dava dois cursos de iniciação à astrologia no mesmo espaço. Ao longo de muitos anos eu mantivera uma atitude de estudo e investigação astrológica, com recolhimento, sem me expor. De súbito, passara para uma prática intensíssima. Foi fisicamente esgotante, mas espiritualmente estimulante. Em Março de 2005 suspendi por alguns meses com as consultas, pois optara iniciar um novo curso de astrologia, desta vez no meu próprio espaço, em Sassoeiros. O chamamento das consultas reapareceu e voltei a dá-las a partir de Dezembro de 2005 até Janeiro de 2007, no centro “Cristal de Cura” [agora na Ericeira], desta vez sem pressas, com descanso suficiente e atendimento mais prolongados (1h30), ao mesmo preço de 2003, pois nunca foi alterado em 4 anos de atendimentos. Em Janeiro de 2007 parei por razões de saúde. Dias depois também acabei com o meu antigo antigo blogue “Postais da Novalis”. Quase um ano e meio sem fazer atendimentos, nem cursos. Mas nunca me desliguei da astrologia. Criei o site “Escola de Astrologia Nova-Lis” e este blogue. Retomei o hábito das consultas esta última semana, em Maio de 2008. Foi uma experiência feliz, muito positiva, que me agradou e que desejo manter. Agradeço a todas as pessoas que quiseram fazer a análise dos seus mapas. Algumas vieram de muito longe. Foi uma semana intensa. Especial. Espero que lhes tenha sido útil. Obrigado a todos. Continuo a estudar astrologia, sempre. Irei retomar os atendimentos, para já, 1 dia por mês, que anunciarei aqui. Sinto que gostaria de dar uma aulas isoladas, mas não cursos completos. Ainda não estou preparado para isso.

Um pouquinho cabalístico

25 de maio de 2008 · 8 comentários

Recebi um e-mail a informar sobre a realização de uma aula de Astrologia “Kabbalística” - foi assim que a anunciaram, em vez do comum "cabalístico/a". Está lá quase tudo: motivação, local, preço, contactos. Só não diz quem dá a aula. Mas diz isto: que o evento inclui um "encontro GRÁTIS com o Professor", desde que seja marcado antecipadamente. Fiquei intrigado. Não percebo o que isto quer dizer… Será: “Olá, sou Fulano e gostei muito da sua aula.” Certamente não é para se tirar dúvidas da aula. É um mistério! Tal como estão as coisas, e apesar de não se saber do que se trata, não está nada mal que seja gratuito, pois as operadoras telefónicas cobram ao segundo. Há Mercúrios ziguezagueantes. Depois as pessoas admiram-se dos eventos estarem vazios. - Exemplo de um Mercúrio estacionário.

Mercúrio retrógrado - a mente, mente

23 de maio de 2008 · 4 comentários

Mercúrio faz três vezes por ano o seu movimento retrógrado. O ano de 2008 ficará caracterizado por este movimento ser sempre em signos de Ar. Em Janeiro foi em Aquário, nos graus 23º a 8º. Em Maio - dia 26 -, ficará retrógrado em Gémeos, nos graus 21º a 12º. Em Setembro (dia 24) será em Balança, nos graus 22º a 7º. Mercúrio sente-se cómodo em signos de Ar. É regente de Gémeos e, em Aquário, está dignificado por exaltação. Em Libra (Balança) ele passa ligeiro, ajudando muito aos namoros e romances. Em Gémeos é diferente. Está mesmo em casa. Para além deste ano ficar muito tempo no signo do qual é regente - 3 de Maio a 10 de Julho. Neste período em que estiver retrógrado, os cuidados deverão ser a triplicar. Recomendo a quem esteja a viver um romance ou uma situação amorosa, que tenha o maior cuidado com as palavras. Com os jogos de palavras. Com os jogos da mente. O tiro pode sair pela culatra. Porque, como sabem, a mente, mente. A coisa pode ficar complicada para pessoas que tendo companheiros/as, continuem sem saber se namoram. (Apareceu-me esta semana, em consulta, um caso destes.) Com Mercúrio retrógrado em Gémeos é muito fácil poder acontecer isto: raciocínios muito certinhos e conclusões estupidamente erradas. A nossa mente, mente!

Donna Cunningham

· 5 comentários

Donna Cunningham"Regulus to Theory and Understanding" - UAC 1998
Relembrando algumas leituras decisivas nos meus estudos de astrologia.





Há vários anos, a bem disposta e sorridente Donna Cunnings tomou uma decisão drástica na sua vida. Não mais publicaria livros pela via normal, em papel. Criou uma editora especial: a Moon Maven Publications [clicar]. Só publica em forma digital de E-book. São livros digitais que o comprador faz o dowload e recebe através do seu computador. É a forma de praticar o seu empenhamento pessoal de defesa do ambiente. Tem um a coluna mensal no magazine online Dell Horoscope e colabora com o prestigiado The Mountain Astrologer. Pode saber mais sobre a astróloga, aqui. O que eu admiro esta mulher. Tanto, que as obras acima fazem parte da lista de livros que recomendo no site da Escola de Astrologia Nova-Lis. Os meus antigos alunos sabem bem o quanto eu insistia para que lessem "Plutão no Seu Mapa Astrológico". Uma curiosidade: Donna Cunnings levantou a carta do aquariano SuperHomem. Só mesmo esta divertida mulher para se lembrar disto. Aqui.

Um apontamento sobre o novo mapa de Barack Obama

22 de maio de 2008 · 2 comentários

Durante a UAC 2008 soube-se que Barack Obama teria nascido a uma hora diferente daquela que é habitualmente conhecida. Os novos dados seriam estes – 4-Agosto-1961 – 19h11 – Honolulu, Hawaii. O que lhe dá Ascendente em 14º 17 de Aquário e MC em 25º 44’ de Escorpião. À primeira vista parecia não convencer, mas a um segundo olhar, há elementos que dão credibilidade a esta nova hora de nascimento. Sagitário tem um bom pedaço (20º) na casa X, o que nos pode convencer de Obama lidar profissionalmente em questões legais. Como Senador dos EUA, confirma-se esse potencial legislador. Júpiter, regente de Sagitário, que influencia esta casa X, encontra-se na casa XII, conjunto a Saturno, que cuida dos assuntos do MC. Saturno em Capricórnio está em domicílio, a co-reger a casa XII, onde se encontra, junto a Júpiter. Este posicionamento diz-nos da possibilidade de haver ascenção a funções muito elevadas. De qualquer maneira, ser Senador já é um indicador da natureza desta ascenção profissional. Quando vejo Saturno numa casa XII, lembro-me sempre que este planeta e Peixes/XII têm algo em comum. Peixes/XII também tratam de assuntos de cura e Saturno gosta de arranjar o que está estragado. Fazem boa parceria. Cuidar do povo é a função presidencial. Deveria ser um acto de amor e cura. Olhemos agora, um pouco mais para a influência de Júpiter: co-rege a casa II (dinheiro ganho com a actividade), por estar em Peixes e, além disto, como Caranguejo é o signo onde Júpiter está em exaltação, tem grande influência na casa VI (o trabalho). Olhando com maior atenção, vemos que Vénus está na casa V, indicador de ter mais raparigas que rapazes. O caso confirma-se, pois Obama só tem filhas. Voltando ao MC e tentando analisar este perfil, notamos que é regido por Marte e Plutão. Marte está bem colocado na casa VIII (dignidade acidental), e faz trígono a Saturno e Júpiter, facilitando a realização dos objectivos do Senador. E onde está Plutão? Na casa VII, a casa da política. Aqui fica o meu contributo para a análise do novo mapa de Barack Obama. Mapa este, ainda por confirmar, claro. Os especialistas encarregar-se-ão de analisar tudo com muito cuidado e confirmar astrologicamente com as ocorrências havidas ao longo da sua vida. Em breve saberemos. Bom feriado.

Richard Tarnes - UAC 2008 - prémio “Regulus - Professional Image”

21 de maio de 2008 · 2 comentários

A “UAC 2008 - United Astrology Conference” em Denver, atribuiu o prémio “Regulus - Professional Image” a Richard Tarnas. Um dos 6 prémios atribuídos a cada quatro anos. Este foi o homem que, numa entrevista ao New York Times, e quando confrontado com a pergunta habitual se os astros determinam a nossa vida, perguntou ao entrevistador “Que horas são?”, que lhe respondeu atónito “Meio dia e meia.” “Como sabe isso?” perguntou Richard Tarnas. Ao que o entrevistador respondeu: “Olhando para o relógio.” “Acha que foram os ponteiros do relógio que causaram a hora?” A resposta foi óbvia – não. Foi quando o filósofo e astrólogo explicou: “Pois sucede o mesmo com os astros. Não causam nada. São ponteiros que nos permitem tomar nota das horas do cosmos. Porque somos cosmos em forma humana! Nós somos o modo que o cosmos usa para se sentir consciente de si mesmo.” Richard Tarnas é historiador e professor de filosofia e psicologia no Integral Studies (CIIS) na Califórnia, assim como fundador e director do programa “Filosofia, Cosmologia e Consciência”. Graduado cum laude e doutorado pela Universidade de Harvard em Psicologia e História da Cultura. Publicou os livros «The Passion of the Western Mind» (1991). Após 30 anos a estudar os trânsitos planetários, publicou as suas conclusões na obra «Cosmos and Psyche» em 2006. Dados de Richard Tarnas – 21 de Fevereiro de 1950 – 12h30 – Genebra, Suíça. Filho de pais americanos. O homem é simplesmente brilhante. Recomendo a leitura. Não foi fácil para mim embrenhar-me neste mundo. É daqueles livros que necessito tempo para ir entrando, saboreando, anotando, sublinhando. Em boa medida, enquanto leitor por ter tido necessidade de acompanhar e aprofundar pensamentos pouco usuais, não hesito em comparar este livro a outro que tenho estado a ler nos últimos meses - "A Física do Cristianismo". Obras que marcam uma alma.
Deixo o linque para o blogue do astrólogo Nuno Michaels - "Armazéns Astralhógicos" -, onde encontrará a lista completa dos nomeados e vencedores nas diversas categorias do prémio "Regulus", atribuído pela UAC 2008. Aqui.

Signo Gémeos

20 de maio de 2008 · 2 comentários

O Sol ingressa no signo Gémeos hoje, 20 de Maio, às 17:00:54, GMT. Este signo tem como regente o planeta Mercúrio, sendo o regente da Alma (esotérico) o planeta Vénus. As frases que melhor definem este signo: “Eu penso”, “Eu comunico” e “Eu aprendo”. O signo Gémeos apresenta estas características positivas básicas: Curiosos, adaptável, expressivo, inteligente, perspicaz. O lado menos luminoso de Gémeos pode apresentar-se assim: Mutável, estouvado, inquieto, sem concentração, intrigante. Acção luminosa de Gémeos: O intelectual, a mente desperta. Acção sombria de Gémeos: O céptico, a pessoa instável. Pensamento luminoso de Gémeos: O filósofo. Pensamento sombrio de Gémeos: A pessoa superficial. Sentimento luminoso de Gémeos: Vivacidade. Sentimentos sombrios de Gémeos: Medo emocional. Nascer com este signo significa que a pessoa vem aprender a cultivar e desenvolver estas características: Fé e o Amor como sendo a força curadora na vida. 1º nível de evolução: É a área da comunicação imediata. O dia-a-dia das relações, o mundo quotidiano como campo de troca verbal. Exprime a relação com os irmãos, a pequena informação dada à pessoa mais próxima, a forma como respondemos aos encontros casuais. É a esfera de relação mais prosaica do Zodíaco. 2º nível de evolução: Revela-se o intelecto, a mente concreta, a aprendizagem, o ensino. Neste nível define-se a forma como apreendemos inteligentemente o real e o sabemos revelar aos outros. É o campo do estudo primário e secundário. É o signo que informa sobre o tipo de energia que activamos para aprender e comunicar. Neste nível situa-se o jornalismo como via imediata de informação, a capacidade de relações públicas, a facilidade de verbalização em qualquer sítio ou lugar. 3º nível de evolução: Informa sobre a qualidade que se desenvolve ao aprender e que se expande ao ensinar. É o nosso poder mental. O modo como cada um assimila e transmite o conhecimento. O que o ensino pode trazer como valorização do Eu, como auto-descoberta. O tipo de confiança mental que o estudo nos pode despertar como valorização intelectual. Texto do livro “Signos para a Alma” e daqui.

É o meu signo solar - :)

Mas também tenho os outros planetas e signos no meu tema natal.
Sou bem mais complexo do que apenas o signo solar.


Barack Obama - revelação sobre a nova hora de nascimento

19 de maio de 2008 · 2 comentários


O astrólogo Nuno Michaels, que está em Denver, a participar no “UAC 2008”, teve a amabilidade de me deixar este comentário: «Uma pequena nota (ou uma grande revelação?): Uma nova hora de nascimento para Barak Obama foi anunciada há dois ou três dias pela astróloga Joni Patry, na abertura da UAC. A Joni Patry diz ter obtido esta informação através de uma cliente que trabalha na campanha de Obama, e que a terá obtido, por sua vez, de um responsável de campanha com acesso a documentos confidenciais do governo. No sistema de classificação de Lois Rodden esta hora é DD (não fiável), mas há a esta hora centenas de astrólogos americanos a "testar" a fiabilidade dos dados e há grande excitação em redor desta nova informação. A nova hora agora avançada é 19h11m, que lhe coloca o Ascendente nos 14 graus de Aquário. Fica a informação, para v/ consideração. Podem querer experimentar com o novo mapa. Abraços, e continuação do óptimo trabalho!» Muito obrigado pela informação, Nuno. Será muito interessante analisar o mapa de Obama sob este novo olhar. Oportunamente, farei aqui alguns comentários. Adoraria estar aí, em Denver e eventualmente poder aplaudir o vencedor do “Regulus”. Oxalá vá para Noel Tyl.

Quando Saturno e Vénus se encontram na astrologia clássica

· 4 comentários

O Rodolfo Veronese, do blogue “Astrosphera”, usando a sua experiência como astrólogo clássico, ensina-nos estas pérolas: «Saturno nos ângulos em aspecto com Vênus fala a favor de uma sexualidade fora do "normal" porque os ângulos são pontos bastante pessoais. Saturno estaria, portanto, "encarnado" na personalidade do nativo. Vênus iria junto. Vênus em locais abjetos (Casas 12 e 6) em aspecto com Saturno fala a favor de sexo com mulheres mais pobres que o nativo porque o eixo 6-12 representa miséria, infortúnio e servidão. Mas isto é deixado de lado se ao mesmo tempo Vênus aspectar Júpiter. Isto porque Júpiter é significador essencial de riqueza. Nesse caso, Vênus-Saturno apenas indicaria que o nativo se relaciona com mulheres ricas e mais velhas que ele. Se Vênus estiver em trígono com Saturno em bom estado, isso fala a favor de relacionamento com pessoas influentes. Isso porque o trígono coloca Saturno a 9 ou 5 signos de Vênus, sendo esses dois números (9 e 5) representantes de Casas-Signos de boa sorte, religião ou ciência. Aprender técnica astrológica antiga pode parecer inútil a primeira vista, mas quando se pratica nota-se nitidamente a importância de cada elemento aprendido.» - Texto daqui.

A espera

18 de maio de 2008 · 30 comentários


Finalmente, aconteceu! Tenho esperado este momento desde à 37º atrás. Um momento único, uma vez por ano. Quando isto ocorre no meu mapa, significa que dentro de 21º terei o meu Retorno Solar. Tudo isto porque hoje o Sol em trânsito está conjunto ao meu Ascendente. Agora mesmo: dia 18 de Maio, às 8h37. Nem imaginam o quanto me sinto feliz com este pequeno nada.

Nuno Michaels em Denver, na UAC 2008

· 0 comentários

Clicar no banner para conhecer.
Nuno Michaels está em Denver, Colorado, a participar na UAC 2008, e enviou uma newsletter com as suas impressões do evento. Reproduzo aqui:

Saudações desde Denver, Colorado!


Aqui me encontro, imerso em Astrologia no meio de 1400 astrólogos e estudantes provenientes de 40 países, na maior convenção astrológica do mundo, suportada por quatro organizações astrológicas e uma equipa de 100 pessoas que torna este sonho possível.


Aqui me tenho cruzado e aprendido diariamente com alguns dos maiores nomes da Astrologia mundial e autores que guardo - e guardarei - na mente e no coração: Robert Hand, Alan Oken, Chris McRae, Karen Hamaker-Zondag, Noel Tyl, Melanie Reinhart, Bernadette Brady, Donna Cunningham, Steven Forrest, Joanne Wickenburg, Richard Tarnas, Monica Dimino, Nick Campion, Adrian Ross Duncan, Jan Spiller, Donna Van Toen, Robert Blaschke, A.T. Mann, Maria Kay Simms, Bob Mulligan, Glenn Perry, Darby Costello, Lee Lehman, Jeff Jawer, Gloria Star, Alphee Lavoie, Diana Rosenberg,... a lista é inacreditável.


Aqui, também, estão presentes mais de 50 expositores e representadas dez Instituições de Ensino Astrológico com diferentes ofertas e propostas de formação e aprendizagem nos mais diversos formatos. E também o QUIRON - Centro Português de Astrologia, se não na forma de um stand, pelo menos nas pessoas, nos corações e nas mentes dos seus embaixadores informais neste evento: eu e o magnífico Alan Oken.


Eu não tinha até agora, confesso, uma percepção tão vívida da dimensão, do poder e do impacto que a Astrologia tem a nível mundial - nem encontrado tantas mentes afins em tão poucos metros quadrados.


É bom saber que não estamos sozinhos num pequeno grupo em Portugal e que em todo o mundo há tantos que vivem e servem pelo mesmo ideal que nós próprios; mas melhor ainda é poder encontrá-los face a face, olhá-los nos olhos, reconhecê-los no coração e dizer-lhes "bom dia!" enquanto lhes agradecemos em silêncio pela cumplicidade do espírito.


Da próxima vez que um intelectualóide ignorante e arrogante (o que é, em si mesmo, um pleonasmo) vier dizer que a Astrologia não tem fundamento terei ainda mais razões para sorrir.


Vou lembrar este encontro de 1400 irmãos de jornada, 300 horas de aulas e conferências astrológicas, e o esforço que cada um de nós trava para manter viva e fazer brilhar a Luz da Sabedoria Ancestral no seu próprio país e campo de acção.


E então vou orar para que um dia o Amor da Alma lhe abrace o intelecto e ele possa, finalmente, encontrar a sua Via e experimentar esta comunhão espiritual, este sentimento redondo de ter chegado a casa.


Nuno Michaels


Caso queira receber as newsletter do Nuno Michaels, clique aqui.

Algol - estrela fixa

17 de maio de 2008 · 11 comentários

Estrela fixa Algol – Está situada a 26º 10’ de Touro. O Sol em trânsito faz hoje [17-Maio] conjunção com esta estrela fixa. Significação de Algol: Sentença fatal. Fim de vida brutal e prematuro. Grande risco de violência. Predestinação boa ou má consoante o caso. Provações difíceis de ultrapassar. Influência inelutável do destino. Grande perturbação. Poder. A pessoa que tiver activa esta estrela no seu horóscopo de nascimento poderá constatar o poder e a ascendência do destino na vida, tanto mais quanto os aspectos que esta estrela forma com os luminares, os Nodos lunares, os asteróides, a Lua Negra, os outros planetas. Quando Júpiter e Saturno têm aspectos favoráveis, isso indica uma possibilidade muito grande de obter o poder, tanto mais quanto as Casas angulares, o Sol e a Lua forem benéficos. No caso contrário, há catástrofe. Esta estrela, no meu mapa natal, dança o tango com o meu Ascendente Touro, pois está a 1º 38’, na casa XII. Tecnicamente, parece que não faz conjunção, pois os entendidos aceitam apenas 1º de orbe. Por isso eu falar em tango e não em conjunção. Mas fico com as minhas dúvidas... ao ponto de não saber se devo atribuir a minha classificação pessoal de "No zen for me". - Texto daqui.

Mercúrio a preparar-se para ficar retrógrado - No zen for me

15 de maio de 2008 · 8 comentários

Mercúrio, quando não está retrógrado ou em alteração de movimento, desloca-se por dia, cerca de 1º 30’. É mais rápido que o Sol, que se desloca 1º por dia. Neste momento, Mercúrio está em Gémeos, portanto em dignidade, por ser regente deste signo, facilitando os assuntos que lhe dizem respeito. No entanto, esta situação está a ser alterada. Está a reduzir a sua velocidade diária, até ficar estacionário, antes de se tornar retrógrado. Nos dias 20 a 22 estará no grau 20 de Gémeos. Nos dias 23 a 26 no grau 21. É uma lentidão exasperante, para um planeta tão rápido. No dia 26 de Maio entra em movimento retrógrado a 21º 31’ de Gémeos, permanecendo até 19 de Junho, a 12º 59’. Confira no seu mapa, por favor. É como um carro que desacelera, trava e faz marcha atrás. Mercúrio fica retrógrado três vezes por ano. Ao ficar retrógrado em Gémeos é como se afectasse ainda mais aquilo que este planeta trata habitualmente. Vai criar algumas confusões nas nossas comunicações, emails, viagens, marcações. O entendimento geral não estará no seu melhor. Pode afectar a nossa percepção das coisas mais comuns. Atrasos em acordos ou negociações. Possibilidade de certos desentendimentos no seio da família, no trabalho. Aparentar o que não existe. Tudo isto, ainda mais do que em outras retrogradações de Mercúrio, por estar em Gémeos. Não me vou alongar mais sobre a possibilidade de tolices, inconveniências e disparates que possam surgir. Uma coisa é certa: no meu mapa natal está retrógrado e em Gémeos… No zen for me.

Quer um exemplo de como a coisa está?
A Câmara de Lisboa está a ponderar se apoia a Feira do Livro. A edição é um assunto de Mercúrio, regida por Júpiter. Com este em Capricórnio [queda], estamos a assistir à polémica. Será que só a Câmara de Lisboa ainda não percebeu que a feira, muito mais do que um evento cultural, é um assunto comercial? Para uma pequena editora especializada em livros esotéricos e espirituais, as vendas não justificam o pesadíssimo investimento a fazer. Muitos milhares de euros, só para estar com "stand" próprio! Mais uma vez, no zen for me.

31 de maio de 2008

Euro 2008 - Turquia e o jodo do dia 7 - Euro 2008

[Não interpretem as casas, pois o mapa da Federação da Turquia foi levantada para as 12:00, por não se saber a hora exacta em que foi criada. Vejam apenas os aspectos e posicionamentos.]

A data escolhida para o mapa da federação turca não é a da sua criação, mas a única que foi possível encontrar e refere-se ao momento em que a FIFA acolheu esta federação como membro desta associação internacional. Portanto, não serve para que se analise o jogo do dia 7 de Junho, em que irão enfrentar a selecção portuguesa. No entanto, podemos avaliar como a federação turca se apresenta na cena internacional. Irá obter respeito e consideração, além de ser um colectivo que irá dar muito que falar. No entanto, nota-se que Marte em trânsito fará uma conjunção a Neptuno, indicando com mediana clareza que faltará energia a esta selecção para acompanhar todo o Euro. Ficarão pelo caminho, com glória e respeito. O Sol em trânsito faz uma semi-quadratura à Lua natal, o que dará um timbre muito emocional à sua participação neste Euro 2008. O facto de ambas as Luas - a natal e a de trânsito - estarem em Leão, dá-nos a indicação de haver orgulho e prazer de representarem as suas cores, sentido-se uma identificação com o povo que representam. O que noto de mais austero neste mapa é a posição de Saturno. Está omnipresente numa quadratura ao Sol e Mercúrio natais, sugerindo que esta selecção sairá desta competição reforçada na sua sabedoria, na forma como comunicam e interagem, havendo, no entanto, necessidade de um certo reforço no trabalho em grupo das questões de auto-estima. A soberba não conduz a nada. Este posicionamento é confirmado por este mesmo Saturno fazer uma semi-quadratura ao Saturno natal. Estão perante uma fase de mudança incontornável na sua vida enquanto colectivo. A partir deste Euro, a selecção turca, poderá ter uma presença marcante no cenário internacional de futebol. Saibam os homem usar em condições o seu livre-arbítrio.

Euro 2008 - Mapas da Federação Portuguesa de Futebol

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) é o órgão dirigente do futebol em Portugal. Ela organiza a Selecção Portuguesa de Futebol. Está sediada em Lisboa.
Foi criada em 31 de Março de 1914.

Clicar para ampliar os mapas.

A então designada União Portuguesa de Futebol - cujo nome foi alterado a 28 de Maio de1926 para a actual denominação de Federação Portuguesa de Futebol.


Atenção: por não sabermos a hora da criação da Federação usou-se o critério de marcar as 12h00, pelo que não se deve dar atenção às casas.

Euro 2008 - Pedido de ajuda aos leitores

Que acham de investigarmos astrologicamente o potencial da nossa selecção de futebol no Euro 2008, a decorrer na Suíça e Áustria? Para isso é necessário fazer-se algumas investigações na internet. A Federação Portuguesa de Futebol terá sido criada em 31/03/1914. A federação da Turquia em 1923, a federação suíça em 1905, a federação checa em 1901. A estes dados faltam os meses e dias. É necessário uma certa paciência para escrutinarmos os sites. Por minha absoluta falta de tempo até segunda-feira, solicito a ajuda dos leitores para investigarem os dados em falta e fazerem o favor de deixarem os dados recolhidos nos comentários. Que tal, todos irmos analisando e interagindo uns com os outros, em diversos blogues? Se "falharmos" nas nossas análises, daremos umas boas gargalhadas...

Os primeiros jogos da selecção portuguesa (mapas dos eventos):

- Portugal / Turquia – dia 07/06/2008 às 20:45 em Genéve, Suíça
- Portugal / Republica Checa – dia 11/06/2008 às 18:00 em Genéve, Suíça
- Portugal / Suiça – dia 15/06/2008 às 20:45 em Basel, Suíça

Muito obrigado.

29 de maio de 2008

A data do casamento

Fui parar a um site de noivas e casamentos, onde dão todos aqueles conselhos para que esse dia especial funcione muito bem. Quase que me escandalizei [lol], pois esqueceram-se de indicar que “convém” escolher a data usando a astrologia, pois isso vai garantir um casamento de sonho e que todas aquelas dicas que indicam no tal site funcionarão muito melhor, mas muito melhor. É só associar a escolha da data ao universo, que ajudará com o necessário retorno. O universo confabulará consigo, ajudando-a nas escolhas mais acertadas e convenientes para si, no que a esse dia se refere. Obviamente, escolher a data através da astrologia não garante que os noivos ficarão juntos ao ponto de comemorarem as “bodas de prata ou diamante”. Mas vai garantir que nesse dia a noiva esteja uma lindíssima princesa, o catering seja de primeira qualidade, os convidados estejam super elegantes, as flores muito viçosas e bonitas, o padre (pastor ou guru) muito simpático, o noivo menos nervoso, o bolo lindo e saborosíssimo e a decoração muito bonita. Bom, convém que os noivos se amem. Um conselho - vá ao seu astrólogo/a e diga-lhe com clareza: “Veja no meu mapa quando é que terei Vénus ou Júpiter perto do meu Meio do Céu ou da cúspide da minha casa VII”. Pode crer que a consulta vai valer a pena. Aqui ficam outras dicas para melhorar o dia de sonho = Lua em conjunção, trígono ou sextil ao Sol, Vénus, Jupiter, Neptune. – Quando Vénus está nas suas regências e exaltações, Touro, Balança, Caranguejo, Peixes. – Vénus, Sol, Lua, Mercúrio em conjunção, trígono, sextil ou oposição a Júpiter, o planeta da felicidade e optimismo. – Aspectos favoráveis de Marte e Júpiter. – Para as coisas boas do sexo, nada melhor do que bons aspectos entre Vénus e Marte. – As coisas mais espirituais serão estimuladas pelos contactos entre Neptuno e Vénus, Sol, Lua, Mercúrio e Júpiter. – Vénus (o amor) em trígono ou sextil a Saturno (estabilidade, tradição). – Evite casar-se quando Vénus estiver retrógrada ou se a Lua estiver vazia de curso. O seu astrólogo saberá aconselhar, pois os dados não se esgotam nesta reduzida lista. Aproveite e veja também o mapa do noivo, mas antes, diga-lhe que o vai fazer, pois isso pertence à intimidade do futuro marido.
Modelo da estilista Christina Wu.

Lee Lehman, uma vida dedicada ao ensino de astrologia clássica

"Regulus Award to Education" - UAC 2008
Marc Edmond Jones Award” - 1995
Lee Lehman [clicar] é especializada em Astrologia Clássica e tem desenvolvido uma actividade profissional impressionante. Possui um doutoramento pela Universidade Rutgers, USA e é autora de vários livros:The Ultimate Asteroid Book” (1988), Essential Dignities” (1989), The Book of Rulerships” (1992), Classical Astrology for Modern Living” (1996), e “The Martial Art of Horary Astrology” (2002). A Drª Lee Lehman também traduziu do francês para inglês a obra de Papus Astrology for Initiate”. Colaborou com a Esoteric Technologies, criando dois relatórios astrológicos para o programa “Solar Writer”, especialmente destinados aos astrólogos clássicos. O Solar Writer – Medicus é um relatório original na área da astrologia médica clássica. O relatório para o Solar Writer – Classical foi desenhado para dar ao astrólogo moderno os ensinamentos dos antigos para uma carta natal, bem ao estilo dos astrólogos renascentistas. É autora de vários cursos de astrologia quer online, quer por cd’s, usando uma técnica especial para o ensinamento da astrologia clássica. Para além destes atributos, é muito conhecida pelo seu envolvimento no projecto educativo do Keppler College [clicar], uma das maiores organizações americanas dedicadas ao ensino da astrologia, nomeadamente na sua sua componente muito avançada. Os seus cursos online são muito populares e amplamente conhecidos. Lee Lehman também se dedica ao muito conhecido centro de estudos astrológicos Avalon School of Astrology [clicar]. Este centro é considerado um dos mais importantes do planeta.
Lee Lehman - 9-Setembro-1953 @ 4:
35 am - Wakefield, NE, USA











28 de maio de 2008

Atrevimento

Hoje o céu está assim para mim: o Sol em trânsito a iniciar a conjunção ao meu Mercúrio natal, a ficar combusto. Vénus também faz uma aproximação a Mercúrio. A Lua caminha na minha casa XI. A Parte da Fortuna atravessa o meu Ascendente Touro. Júpiter natal em Aquário, em vésperas alargadas de receber o seu próprio retorno. Traduzindo isto por miúdos não astrológicos, deveria ser este o momento para co-criar o meu sonho, a minha mais secreta visão daquilo que eu gostaria de fazer: transformar o nosso siteEscola de Astrologia Nova-Lis[clicar] num agregador social online. Especializado em astrologia. Dou exemplos de agregadores sociais online (social networks): Netvibe, Mashable, IMEEM, Blogblogs, Comunidade Espiritual, [clicar] etc. Seria um espaço em que as pessoas que se inscrevessem pudessem criar as suas próprias páginas, onde agregassem os seus assuntos astrológicos: mapas, relatórios, análises, etc. Onde criassem amigos virtuais e interagissem entre todos. Onde os autores de blogues e sites de astrologia pudessem registar e dar a conhecer os seus espaços. Os autores de livros, também. Vídeos e som. Um espaço onde fossem divulgadas a suas actividades astrológicas profissionais: consultas, aulas, cursos. Onde se pudesse criar uma central informativa de livros de astrologia, com capas, resumos e linques onde pudessem ser adquiridos. Onde o fórum pudesse ser um local de convívio astrológico. Onde coexistissem e convivessem todas as correntes de pensamento astrológicas. Onde transcendêssemos daquela coisa comum do “… isso é bom ou mau?”. É uma canseira. Suspeito que isto só poder ser coisa do meu arco Júpiter/Piscis/11= Ascendente/Touro, via sextil. No money for this dream. Bom, são horas de acordar do sonho e ir para a vidinha de sempre.

27 de maio de 2008

A viagem da vida # 1 - [FC/MC - Leão/Aquário - Asc/Dsc - Touro/Escorpião]

Os quatro pontos angulares do nosso mapa formam uma cruz. Todos nós temos a nossa origem em baixo, no FC (Fundo do Céu), dirigimo-nos para a parte mais elevada do nosso mapa, o MC (Meio do Céu), desenvolvendo a nossa identidade através do Asc (Ascendente), no sentido de interagirmos com os outros, no Desc. (Descendente), a nossa polaridade. Os signos que lá estão apontam um propósito maior. Por exemplo, pessoas com esta hipótese [modo] de cruz fixa no mapa, podem apresentar algumas destas características: (FC - Leão) - Desde a infância que pode ser o centro das atenções. Destacam-se expressões ansiosamente aguardadas pela família. Pode ser um peso. Claro que este posicionamento, numa fase inicial da vida, obriga a pessoa a obter a aprovação para tudo o que faz. Existe uma subtil dependência. Sente-se “indivíduo” desde muito cedo, mas necessita reafirmar-se enquanto tal. A necessidade de se sentir estável e com um grau de coerência interna, expressa-se através de movimentos e respostas mais ou menos elaboradas. Não aceita facilmente alterações e desordens no seu meio. Prefere que tudo se desenrole em paz e harmonia, podendo ceder, para não manifestar o seu interior. A vida vai ensinando que essa manifestação interna é saudável e não deve ser escondida. (MC - Aquário) - A paulatina atracção do MC permite-lhe vislumbrar o variável, o excitante e também o desconhecido. Descobre que o “destino” pode conduzi-lo a situações que estão fora do seu atávico controlo. E predispõe-se a aceitar. E sempre que aceita, vivencia essas situações novas, encontrando o propósito desta reencarnação. (Asc. - Touro / Dsc. Escorpião) - Esta pessoa vê-se perante um dilema: alimentar-se do que já conhece para se sentir valorizado, repetindo até ao infinito velhos padrões, ou “atirar-se” no escuro labirinto do encontro com o outro, arriscando-se a não ser bem considerado. Estes intercâmbios têm o encanto do atractivo da noite: desejo e temor, permanecem aliados. Um pouco mais tarde na vida, aparece alguém que o convida a deixar para trás os seus naturais reparos, começando uma verdadeira contenda. Inicialmente tentará fazer-se valer, dominando os outros, ou então, submete-se, perdendo privilégios. É um verdadeiro jogo de poder sempre presente, mesmo que não saia vitorioso. Quanto maior consciência tenha de si mesmo, mais se atreverá a desprender-se de critérios antigos, que se podem tornar em padrões repetitivos de comportamento. Percebe, então, que o seu sentido de valor não é imutável, que os demais o aceitam, ou desprezam, pelas suas acções e não pela sua natureza. E isto facilitará a busca de um destino mais pessoal, de um ritmo muito próprio para a sua vida. Mais ou menos assim: Entrar, ficar o tempo necessário, e partir para um nível ainda mais exigente do que é vital, admitindo os seus talentos para poder "surfar", sem sacrificar o prazer que isso lhe provoca. E aí, o contacto pessoal com pessoas de todo o tipo, torna-se estimulante. Aquieta-se, afirma-se e desfruta sem apegos, para melhor realizar o seu propósito. No entanto, a experiência da realização do propósito nunca está completa. Vai mesmo até ao último micro-segundo, em que exala definitivamente, a energia da sua vida terrestre. Já chega falar de mim.

Procure as outras 'viagens da vida, aqui, no índice.

26 de maio de 2008

Foi uma semana muito feliz

Como Mercúrio está retrógrado, vou aproveitar para comentar umas coisas a meu respeito. Se sairem umas tolices... Dei consultas de astrologia de Março de 2003 a Janeiro de 2007. Depois parei um ano e meio, tendo retomado agora, em Maio de 2008. Tudo começou em 2003 com o convite de Alexandra Solnado para dar consultas no seu espaço, onde estive até Março de 2005. Foi o desaguar de imensos anos de estudo da astrologia. Era o sair da roda de amigos e mergulhar fundo no desconhecido. Foi uma experiência magnífica, reconfortante, mas esgotante, pois em simultâneo eu desenvolvia a minha actividade de editor e, além disso dava dois cursos de iniciação à astrologia no mesmo espaço. Ao longo de muitos anos eu mantivera uma atitude de estudo e investigação astrológica, com recolhimento, sem me expor. De súbito, passara para uma prática intensíssima. Foi fisicamente esgotante, mas espiritualmente estimulante. Em Março de 2005 suspendi por alguns meses com as consultas, pois optara iniciar um novo curso de astrologia, desta vez no meu próprio espaço, em Sassoeiros. O chamamento das consultas reapareceu e voltei a dá-las a partir de Dezembro de 2005 até Janeiro de 2007, no centro “Cristal de Cura” [agora na Ericeira], desta vez sem pressas, com descanso suficiente e atendimento mais prolongados (1h30), ao mesmo preço de 2003, pois nunca foi alterado em 4 anos de atendimentos. Em Janeiro de 2007 parei por razões de saúde. Dias depois também acabei com o meu antigo antigo blogue “Postais da Novalis”. Quase um ano e meio sem fazer atendimentos, nem cursos. Mas nunca me desliguei da astrologia. Criei o site “Escola de Astrologia Nova-Lis” e este blogue. Retomei o hábito das consultas esta última semana, em Maio de 2008. Foi uma experiência feliz, muito positiva, que me agradou e que desejo manter. Agradeço a todas as pessoas que quiseram fazer a análise dos seus mapas. Algumas vieram de muito longe. Foi uma semana intensa. Especial. Espero que lhes tenha sido útil. Obrigado a todos. Continuo a estudar astrologia, sempre. Irei retomar os atendimentos, para já, 1 dia por mês, que anunciarei aqui. Sinto que gostaria de dar uma aulas isoladas, mas não cursos completos. Ainda não estou preparado para isso.

25 de maio de 2008

Um pouquinho cabalístico

Recebi um e-mail a informar sobre a realização de uma aula de Astrologia “Kabbalística” - foi assim que a anunciaram, em vez do comum "cabalístico/a". Está lá quase tudo: motivação, local, preço, contactos. Só não diz quem dá a aula. Mas diz isto: que o evento inclui um "encontro GRÁTIS com o Professor", desde que seja marcado antecipadamente. Fiquei intrigado. Não percebo o que isto quer dizer… Será: “Olá, sou Fulano e gostei muito da sua aula.” Certamente não é para se tirar dúvidas da aula. É um mistério! Tal como estão as coisas, e apesar de não se saber do que se trata, não está nada mal que seja gratuito, pois as operadoras telefónicas cobram ao segundo. Há Mercúrios ziguezagueantes. Depois as pessoas admiram-se dos eventos estarem vazios. - Exemplo de um Mercúrio estacionário.

23 de maio de 2008

Mercúrio retrógrado - a mente, mente

Mercúrio faz três vezes por ano o seu movimento retrógrado. O ano de 2008 ficará caracterizado por este movimento ser sempre em signos de Ar. Em Janeiro foi em Aquário, nos graus 23º a 8º. Em Maio - dia 26 -, ficará retrógrado em Gémeos, nos graus 21º a 12º. Em Setembro (dia 24) será em Balança, nos graus 22º a 7º. Mercúrio sente-se cómodo em signos de Ar. É regente de Gémeos e, em Aquário, está dignificado por exaltação. Em Libra (Balança) ele passa ligeiro, ajudando muito aos namoros e romances. Em Gémeos é diferente. Está mesmo em casa. Para além deste ano ficar muito tempo no signo do qual é regente - 3 de Maio a 10 de Julho. Neste período em que estiver retrógrado, os cuidados deverão ser a triplicar. Recomendo a quem esteja a viver um romance ou uma situação amorosa, que tenha o maior cuidado com as palavras. Com os jogos de palavras. Com os jogos da mente. O tiro pode sair pela culatra. Porque, como sabem, a mente, mente. A coisa pode ficar complicada para pessoas que tendo companheiros/as, continuem sem saber se namoram. (Apareceu-me esta semana, em consulta, um caso destes.) Com Mercúrio retrógrado em Gémeos é muito fácil poder acontecer isto: raciocínios muito certinhos e conclusões estupidamente erradas. A nossa mente, mente!

Donna Cunningham

Donna Cunningham"Regulus to Theory and Understanding" - UAC 1998
Relembrando algumas leituras decisivas nos meus estudos de astrologia.





Há vários anos, a bem disposta e sorridente Donna Cunnings tomou uma decisão drástica na sua vida. Não mais publicaria livros pela via normal, em papel. Criou uma editora especial: a Moon Maven Publications [clicar]. Só publica em forma digital de E-book. São livros digitais que o comprador faz o dowload e recebe através do seu computador. É a forma de praticar o seu empenhamento pessoal de defesa do ambiente. Tem um a coluna mensal no magazine online Dell Horoscope e colabora com o prestigiado The Mountain Astrologer. Pode saber mais sobre a astróloga, aqui. O que eu admiro esta mulher. Tanto, que as obras acima fazem parte da lista de livros que recomendo no site da Escola de Astrologia Nova-Lis. Os meus antigos alunos sabem bem o quanto eu insistia para que lessem "Plutão no Seu Mapa Astrológico". Uma curiosidade: Donna Cunnings levantou a carta do aquariano SuperHomem. Só mesmo esta divertida mulher para se lembrar disto. Aqui.

22 de maio de 2008

Um apontamento sobre o novo mapa de Barack Obama

Durante a UAC 2008 soube-se que Barack Obama teria nascido a uma hora diferente daquela que é habitualmente conhecida. Os novos dados seriam estes – 4-Agosto-1961 – 19h11 – Honolulu, Hawaii. O que lhe dá Ascendente em 14º 17 de Aquário e MC em 25º 44’ de Escorpião. À primeira vista parecia não convencer, mas a um segundo olhar, há elementos que dão credibilidade a esta nova hora de nascimento. Sagitário tem um bom pedaço (20º) na casa X, o que nos pode convencer de Obama lidar profissionalmente em questões legais. Como Senador dos EUA, confirma-se esse potencial legislador. Júpiter, regente de Sagitário, que influencia esta casa X, encontra-se na casa XII, conjunto a Saturno, que cuida dos assuntos do MC. Saturno em Capricórnio está em domicílio, a co-reger a casa XII, onde se encontra, junto a Júpiter. Este posicionamento diz-nos da possibilidade de haver ascenção a funções muito elevadas. De qualquer maneira, ser Senador já é um indicador da natureza desta ascenção profissional. Quando vejo Saturno numa casa XII, lembro-me sempre que este planeta e Peixes/XII têm algo em comum. Peixes/XII também tratam de assuntos de cura e Saturno gosta de arranjar o que está estragado. Fazem boa parceria. Cuidar do povo é a função presidencial. Deveria ser um acto de amor e cura. Olhemos agora, um pouco mais para a influência de Júpiter: co-rege a casa II (dinheiro ganho com a actividade), por estar em Peixes e, além disto, como Caranguejo é o signo onde Júpiter está em exaltação, tem grande influência na casa VI (o trabalho). Olhando com maior atenção, vemos que Vénus está na casa V, indicador de ter mais raparigas que rapazes. O caso confirma-se, pois Obama só tem filhas. Voltando ao MC e tentando analisar este perfil, notamos que é regido por Marte e Plutão. Marte está bem colocado na casa VIII (dignidade acidental), e faz trígono a Saturno e Júpiter, facilitando a realização dos objectivos do Senador. E onde está Plutão? Na casa VII, a casa da política. Aqui fica o meu contributo para a análise do novo mapa de Barack Obama. Mapa este, ainda por confirmar, claro. Os especialistas encarregar-se-ão de analisar tudo com muito cuidado e confirmar astrologicamente com as ocorrências havidas ao longo da sua vida. Em breve saberemos. Bom feriado.

21 de maio de 2008

Richard Tarnes - UAC 2008 - prémio “Regulus - Professional Image”

A “UAC 2008 - United Astrology Conference” em Denver, atribuiu o prémio “Regulus - Professional Image” a Richard Tarnas. Um dos 6 prémios atribuídos a cada quatro anos. Este foi o homem que, numa entrevista ao New York Times, e quando confrontado com a pergunta habitual se os astros determinam a nossa vida, perguntou ao entrevistador “Que horas são?”, que lhe respondeu atónito “Meio dia e meia.” “Como sabe isso?” perguntou Richard Tarnas. Ao que o entrevistador respondeu: “Olhando para o relógio.” “Acha que foram os ponteiros do relógio que causaram a hora?” A resposta foi óbvia – não. Foi quando o filósofo e astrólogo explicou: “Pois sucede o mesmo com os astros. Não causam nada. São ponteiros que nos permitem tomar nota das horas do cosmos. Porque somos cosmos em forma humana! Nós somos o modo que o cosmos usa para se sentir consciente de si mesmo.” Richard Tarnas é historiador e professor de filosofia e psicologia no Integral Studies (CIIS) na Califórnia, assim como fundador e director do programa “Filosofia, Cosmologia e Consciência”. Graduado cum laude e doutorado pela Universidade de Harvard em Psicologia e História da Cultura. Publicou os livros «The Passion of the Western Mind» (1991). Após 30 anos a estudar os trânsitos planetários, publicou as suas conclusões na obra «Cosmos and Psyche» em 2006. Dados de Richard Tarnas – 21 de Fevereiro de 1950 – 12h30 – Genebra, Suíça. Filho de pais americanos. O homem é simplesmente brilhante. Recomendo a leitura. Não foi fácil para mim embrenhar-me neste mundo. É daqueles livros que necessito tempo para ir entrando, saboreando, anotando, sublinhando. Em boa medida, enquanto leitor por ter tido necessidade de acompanhar e aprofundar pensamentos pouco usuais, não hesito em comparar este livro a outro que tenho estado a ler nos últimos meses - "A Física do Cristianismo". Obras que marcam uma alma.
Deixo o linque para o blogue do astrólogo Nuno Michaels - "Armazéns Astralhógicos" -, onde encontrará a lista completa dos nomeados e vencedores nas diversas categorias do prémio "Regulus", atribuído pela UAC 2008. Aqui.

20 de maio de 2008

Signo Gémeos

O Sol ingressa no signo Gémeos hoje, 20 de Maio, às 17:00:54, GMT. Este signo tem como regente o planeta Mercúrio, sendo o regente da Alma (esotérico) o planeta Vénus. As frases que melhor definem este signo: “Eu penso”, “Eu comunico” e “Eu aprendo”. O signo Gémeos apresenta estas características positivas básicas: Curiosos, adaptável, expressivo, inteligente, perspicaz. O lado menos luminoso de Gémeos pode apresentar-se assim: Mutável, estouvado, inquieto, sem concentração, intrigante. Acção luminosa de Gémeos: O intelectual, a mente desperta. Acção sombria de Gémeos: O céptico, a pessoa instável. Pensamento luminoso de Gémeos: O filósofo. Pensamento sombrio de Gémeos: A pessoa superficial. Sentimento luminoso de Gémeos: Vivacidade. Sentimentos sombrios de Gémeos: Medo emocional. Nascer com este signo significa que a pessoa vem aprender a cultivar e desenvolver estas características: Fé e o Amor como sendo a força curadora na vida. 1º nível de evolução: É a área da comunicação imediata. O dia-a-dia das relações, o mundo quotidiano como campo de troca verbal. Exprime a relação com os irmãos, a pequena informação dada à pessoa mais próxima, a forma como respondemos aos encontros casuais. É a esfera de relação mais prosaica do Zodíaco. 2º nível de evolução: Revela-se o intelecto, a mente concreta, a aprendizagem, o ensino. Neste nível define-se a forma como apreendemos inteligentemente o real e o sabemos revelar aos outros. É o campo do estudo primário e secundário. É o signo que informa sobre o tipo de energia que activamos para aprender e comunicar. Neste nível situa-se o jornalismo como via imediata de informação, a capacidade de relações públicas, a facilidade de verbalização em qualquer sítio ou lugar. 3º nível de evolução: Informa sobre a qualidade que se desenvolve ao aprender e que se expande ao ensinar. É o nosso poder mental. O modo como cada um assimila e transmite o conhecimento. O que o ensino pode trazer como valorização do Eu, como auto-descoberta. O tipo de confiança mental que o estudo nos pode despertar como valorização intelectual. Texto do livro “Signos para a Alma” e daqui.

É o meu signo solar - :)

Mas também tenho os outros planetas e signos no meu tema natal.
Sou bem mais complexo do que apenas o signo solar.


19 de maio de 2008

Barack Obama - revelação sobre a nova hora de nascimento


O astrólogo Nuno Michaels, que está em Denver, a participar no “UAC 2008”, teve a amabilidade de me deixar este comentário: «Uma pequena nota (ou uma grande revelação?): Uma nova hora de nascimento para Barak Obama foi anunciada há dois ou três dias pela astróloga Joni Patry, na abertura da UAC. A Joni Patry diz ter obtido esta informação através de uma cliente que trabalha na campanha de Obama, e que a terá obtido, por sua vez, de um responsável de campanha com acesso a documentos confidenciais do governo. No sistema de classificação de Lois Rodden esta hora é DD (não fiável), mas há a esta hora centenas de astrólogos americanos a "testar" a fiabilidade dos dados e há grande excitação em redor desta nova informação. A nova hora agora avançada é 19h11m, que lhe coloca o Ascendente nos 14 graus de Aquário. Fica a informação, para v/ consideração. Podem querer experimentar com o novo mapa. Abraços, e continuação do óptimo trabalho!» Muito obrigado pela informação, Nuno. Será muito interessante analisar o mapa de Obama sob este novo olhar. Oportunamente, farei aqui alguns comentários. Adoraria estar aí, em Denver e eventualmente poder aplaudir o vencedor do “Regulus”. Oxalá vá para Noel Tyl.

Quando Saturno e Vénus se encontram na astrologia clássica

O Rodolfo Veronese, do blogue “Astrosphera”, usando a sua experiência como astrólogo clássico, ensina-nos estas pérolas: «Saturno nos ângulos em aspecto com Vênus fala a favor de uma sexualidade fora do "normal" porque os ângulos são pontos bastante pessoais. Saturno estaria, portanto, "encarnado" na personalidade do nativo. Vênus iria junto. Vênus em locais abjetos (Casas 12 e 6) em aspecto com Saturno fala a favor de sexo com mulheres mais pobres que o nativo porque o eixo 6-12 representa miséria, infortúnio e servidão. Mas isto é deixado de lado se ao mesmo tempo Vênus aspectar Júpiter. Isto porque Júpiter é significador essencial de riqueza. Nesse caso, Vênus-Saturno apenas indicaria que o nativo se relaciona com mulheres ricas e mais velhas que ele. Se Vênus estiver em trígono com Saturno em bom estado, isso fala a favor de relacionamento com pessoas influentes. Isso porque o trígono coloca Saturno a 9 ou 5 signos de Vênus, sendo esses dois números (9 e 5) representantes de Casas-Signos de boa sorte, religião ou ciência. Aprender técnica astrológica antiga pode parecer inútil a primeira vista, mas quando se pratica nota-se nitidamente a importância de cada elemento aprendido.» - Texto daqui.

18 de maio de 2008

A espera


Finalmente, aconteceu! Tenho esperado este momento desde à 37º atrás. Um momento único, uma vez por ano. Quando isto ocorre no meu mapa, significa que dentro de 21º terei o meu Retorno Solar. Tudo isto porque hoje o Sol em trânsito está conjunto ao meu Ascendente. Agora mesmo: dia 18 de Maio, às 8h37. Nem imaginam o quanto me sinto feliz com este pequeno nada.

Nuno Michaels em Denver, na UAC 2008

Clicar no banner para conhecer.
Nuno Michaels está em Denver, Colorado, a participar na UAC 2008, e enviou uma newsletter com as suas impressões do evento. Reproduzo aqui:

Saudações desde Denver, Colorado!


Aqui me encontro, imerso em Astrologia no meio de 1400 astrólogos e estudantes provenientes de 40 países, na maior convenção astrológica do mundo, suportada por quatro organizações astrológicas e uma equipa de 100 pessoas que torna este sonho possível.


Aqui me tenho cruzado e aprendido diariamente com alguns dos maiores nomes da Astrologia mundial e autores que guardo - e guardarei - na mente e no coração: Robert Hand, Alan Oken, Chris McRae, Karen Hamaker-Zondag, Noel Tyl, Melanie Reinhart, Bernadette Brady, Donna Cunningham, Steven Forrest, Joanne Wickenburg, Richard Tarnas, Monica Dimino, Nick Campion, Adrian Ross Duncan, Jan Spiller, Donna Van Toen, Robert Blaschke, A.T. Mann, Maria Kay Simms, Bob Mulligan, Glenn Perry, Darby Costello, Lee Lehman, Jeff Jawer, Gloria Star, Alphee Lavoie, Diana Rosenberg,... a lista é inacreditável.


Aqui, também, estão presentes mais de 50 expositores e representadas dez Instituições de Ensino Astrológico com diferentes ofertas e propostas de formação e aprendizagem nos mais diversos formatos. E também o QUIRON - Centro Português de Astrologia, se não na forma de um stand, pelo menos nas pessoas, nos corações e nas mentes dos seus embaixadores informais neste evento: eu e o magnífico Alan Oken.


Eu não tinha até agora, confesso, uma percepção tão vívida da dimensão, do poder e do impacto que a Astrologia tem a nível mundial - nem encontrado tantas mentes afins em tão poucos metros quadrados.


É bom saber que não estamos sozinhos num pequeno grupo em Portugal e que em todo o mundo há tantos que vivem e servem pelo mesmo ideal que nós próprios; mas melhor ainda é poder encontrá-los face a face, olhá-los nos olhos, reconhecê-los no coração e dizer-lhes "bom dia!" enquanto lhes agradecemos em silêncio pela cumplicidade do espírito.


Da próxima vez que um intelectualóide ignorante e arrogante (o que é, em si mesmo, um pleonasmo) vier dizer que a Astrologia não tem fundamento terei ainda mais razões para sorrir.


Vou lembrar este encontro de 1400 irmãos de jornada, 300 horas de aulas e conferências astrológicas, e o esforço que cada um de nós trava para manter viva e fazer brilhar a Luz da Sabedoria Ancestral no seu próprio país e campo de acção.


E então vou orar para que um dia o Amor da Alma lhe abrace o intelecto e ele possa, finalmente, encontrar a sua Via e experimentar esta comunhão espiritual, este sentimento redondo de ter chegado a casa.


Nuno Michaels


Caso queira receber as newsletter do Nuno Michaels, clique aqui.

17 de maio de 2008

Algol - estrela fixa

Estrela fixa Algol – Está situada a 26º 10’ de Touro. O Sol em trânsito faz hoje [17-Maio] conjunção com esta estrela fixa. Significação de Algol: Sentença fatal. Fim de vida brutal e prematuro. Grande risco de violência. Predestinação boa ou má consoante o caso. Provações difíceis de ultrapassar. Influência inelutável do destino. Grande perturbação. Poder. A pessoa que tiver activa esta estrela no seu horóscopo de nascimento poderá constatar o poder e a ascendência do destino na vida, tanto mais quanto os aspectos que esta estrela forma com os luminares, os Nodos lunares, os asteróides, a Lua Negra, os outros planetas. Quando Júpiter e Saturno têm aspectos favoráveis, isso indica uma possibilidade muito grande de obter o poder, tanto mais quanto as Casas angulares, o Sol e a Lua forem benéficos. No caso contrário, há catástrofe. Esta estrela, no meu mapa natal, dança o tango com o meu Ascendente Touro, pois está a 1º 38’, na casa XII. Tecnicamente, parece que não faz conjunção, pois os entendidos aceitam apenas 1º de orbe. Por isso eu falar em tango e não em conjunção. Mas fico com as minhas dúvidas... ao ponto de não saber se devo atribuir a minha classificação pessoal de "No zen for me". - Texto daqui.

15 de maio de 2008

Mercúrio a preparar-se para ficar retrógrado - No zen for me

Mercúrio, quando não está retrógrado ou em alteração de movimento, desloca-se por dia, cerca de 1º 30’. É mais rápido que o Sol, que se desloca 1º por dia. Neste momento, Mercúrio está em Gémeos, portanto em dignidade, por ser regente deste signo, facilitando os assuntos que lhe dizem respeito. No entanto, esta situação está a ser alterada. Está a reduzir a sua velocidade diária, até ficar estacionário, antes de se tornar retrógrado. Nos dias 20 a 22 estará no grau 20 de Gémeos. Nos dias 23 a 26 no grau 21. É uma lentidão exasperante, para um planeta tão rápido. No dia 26 de Maio entra em movimento retrógrado a 21º 31’ de Gémeos, permanecendo até 19 de Junho, a 12º 59’. Confira no seu mapa, por favor. É como um carro que desacelera, trava e faz marcha atrás. Mercúrio fica retrógrado três vezes por ano. Ao ficar retrógrado em Gémeos é como se afectasse ainda mais aquilo que este planeta trata habitualmente. Vai criar algumas confusões nas nossas comunicações, emails, viagens, marcações. O entendimento geral não estará no seu melhor. Pode afectar a nossa percepção das coisas mais comuns. Atrasos em acordos ou negociações. Possibilidade de certos desentendimentos no seio da família, no trabalho. Aparentar o que não existe. Tudo isto, ainda mais do que em outras retrogradações de Mercúrio, por estar em Gémeos. Não me vou alongar mais sobre a possibilidade de tolices, inconveniências e disparates que possam surgir. Uma coisa é certa: no meu mapa natal está retrógrado e em Gémeos… No zen for me.

Quer um exemplo de como a coisa está?
A Câmara de Lisboa está a ponderar se apoia a Feira do Livro. A edição é um assunto de Mercúrio, regida por Júpiter. Com este em Capricórnio [queda], estamos a assistir à polémica. Será que só a Câmara de Lisboa ainda não percebeu que a feira, muito mais do que um evento cultural, é um assunto comercial? Para uma pequena editora especializada em livros esotéricos e espirituais, as vendas não justificam o pesadíssimo investimento a fazer. Muitos milhares de euros, só para estar com "stand" próprio! Mais uma vez, no zen for me.

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates