Vamos aproveitar o divórcio de Tom Cruise e Katie Holmes para falarmos um pouco da crise dos 7 anos?

30 de junho de 2012 ·



Como todos sabemos, o «casamento» é um assunto ultra valorizado pelos ocidentais, sobretudo os oriundos das culturas judaico-cristãs. Tem o valor que tem, é bastante importante, as pessoas foram treinadas para balizarem as suas vidas com a data de casamento, mas em termos de «vida astrológica» vale quase nada. Explico-me melhor.

Por razões que seria fastidioso explicar aqui, creio que toda a gente sabe que as nossas vidas passam por ciclos completos de 7 anos, múltiplos de 7 [14, 21, 28, etc.] e metade de 7 [3,5 anos]. São os famosos trânsitos de Saturno e Úrano. No entanto, quando recebo em consulta, crises de casais, obviamente que faço uma pergunta simples, do género «Estão juntos há quanto tempo?». Em 99,99% das repostas é, mais ou menos, esta: «Estamos casados há x anos.». Sempre, mas sempre mesmo, que se queira analisar os ciclos dessa pessoa, a resposta nunca bate certa, porque a maioria das pessoas não valoriza os anos anteriores ao casamento. Quando, nas consultas, lhes explico isto e que me digam há quanto tempo estão juntos, desde o momento que iniciaram a relação, aí sim, os números batem certo.

Vou usar o caso ainda quentinho de Tom Cruise e Katie Holmes e a mim não me interessa para nada as razões que eles invocam para o divórcio. Isso é assunto dos egos. Vamos só fazer contas astrológicas, está bem?

Os dois actores começaram a namorar em 2005, e casaram-se em 2006. Para aquilo que estamos a tratar, não nos interessa para nada o lado cor-de-rosa de toda essa história de bilionários: americanos a casarem-se num castelo, iltaliano, com aviões fretados para trazerem os convidados, hotéis de luxo, etc. Isso já acabou e hoje estão às avessas.

Estamos em 2012, certo? Se fizémos as contas só a partir do casamento [2006], o resultado seria 6 anos. O que não é ciclo nenhum. Mas como estavam juntos desde 2005, aí sim, completaram 1 ciclo de 7 anos.

Consegui passar a mensagem?

Façam contas desde o momento em que iniciaram a «história».

Tom Cruise faz 50 anos no próximo dia 2 Julho. Outro ciclo importante: o de Quíron.

Se quiserem afinar a história e investigarem por vossa conta: Katie Holmes meteu os papéis de divório no dia 28 Junho 2012 em Nova York.

.

3 comentários:

Menina Azul disse...
1 de julho de 2012 às 01:39  

Meu noivo e eu contamos a partir do começo de tudo, e não de quando ele me pediu em namoro.
Mas de que forma poderíamos ameninzar, ou diminuir o efeito desses ciclos?
Abraços!

susane disse...
23 de novembro de 2016 às 15:38  

A grandes felicitaciones por un gran tema y un gran blog !!!

voyance sérieuse et gratuite

Reema dsouza disse...
13 de setembro de 2017 às 09:05  

Todos los consejos que han compartido son encantadores! Gracias.

voyance gratuite par mail

30 de junho de 2012

Vamos aproveitar o divórcio de Tom Cruise e Katie Holmes para falarmos um pouco da crise dos 7 anos?



Como todos sabemos, o «casamento» é um assunto ultra valorizado pelos ocidentais, sobretudo os oriundos das culturas judaico-cristãs. Tem o valor que tem, é bastante importante, as pessoas foram treinadas para balizarem as suas vidas com a data de casamento, mas em termos de «vida astrológica» vale quase nada. Explico-me melhor.

Por razões que seria fastidioso explicar aqui, creio que toda a gente sabe que as nossas vidas passam por ciclos completos de 7 anos, múltiplos de 7 [14, 21, 28, etc.] e metade de 7 [3,5 anos]. São os famosos trânsitos de Saturno e Úrano. No entanto, quando recebo em consulta, crises de casais, obviamente que faço uma pergunta simples, do género «Estão juntos há quanto tempo?». Em 99,99% das repostas é, mais ou menos, esta: «Estamos casados há x anos.». Sempre, mas sempre mesmo, que se queira analisar os ciclos dessa pessoa, a resposta nunca bate certa, porque a maioria das pessoas não valoriza os anos anteriores ao casamento. Quando, nas consultas, lhes explico isto e que me digam há quanto tempo estão juntos, desde o momento que iniciaram a relação, aí sim, os números batem certo.

Vou usar o caso ainda quentinho de Tom Cruise e Katie Holmes e a mim não me interessa para nada as razões que eles invocam para o divórcio. Isso é assunto dos egos. Vamos só fazer contas astrológicas, está bem?

Os dois actores começaram a namorar em 2005, e casaram-se em 2006. Para aquilo que estamos a tratar, não nos interessa para nada o lado cor-de-rosa de toda essa história de bilionários: americanos a casarem-se num castelo, iltaliano, com aviões fretados para trazerem os convidados, hotéis de luxo, etc. Isso já acabou e hoje estão às avessas.

Estamos em 2012, certo? Se fizémos as contas só a partir do casamento [2006], o resultado seria 6 anos. O que não é ciclo nenhum. Mas como estavam juntos desde 2005, aí sim, completaram 1 ciclo de 7 anos.

Consegui passar a mensagem?

Façam contas desde o momento em que iniciaram a «história».

Tom Cruise faz 50 anos no próximo dia 2 Julho. Outro ciclo importante: o de Quíron.

Se quiserem afinar a história e investigarem por vossa conta: Katie Holmes meteu os papéis de divório no dia 28 Junho 2012 em Nova York.

.

3 comentários:

Menina Azul disse...

Meu noivo e eu contamos a partir do começo de tudo, e não de quando ele me pediu em namoro.
Mas de que forma poderíamos ameninzar, ou diminuir o efeito desses ciclos?
Abraços!

susane disse...

A grandes felicitaciones por un gran tema y un gran blog !!!

voyance sérieuse et gratuite

Reema dsouza disse...

Todos los consejos que han compartido son encantadores! Gracias.

voyance gratuite par mail

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates